.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
» Aos ateus de plantão...
Hoje à(s) 8:06 am por Benedito Bernal

» Consequências da Reeleição
Ontem à(s) 3:42 pm por EVANGELISTA/RJ/MSN

» Noticiário Escatológico
Sex 17 Nov 2017, 9:51 pm por Jarbas

» BUY FAKE PASSPORT PASSPOR
Seg 13 Nov 2017, 8:47 am por Benedito Bernal

» Fasos Cristos e falsos profetas
Sab 11 Nov 2017, 9:03 pm por Jarbas

» Pastor sem brilho nos olhos é uma obra morta!
Seg 06 Nov 2017, 12:55 pm por Benedito Bernal

» O que você está ouvindo agora?
Sab 28 Out 2017, 1:56 pm por gusto

» As pérolas do ENEM e de Vestibulares
Qui 26 Out 2017, 9:30 pm por Lit San Ares

» Versos Bíblico
Seg 23 Out 2017, 4:31 pm por Ed

Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10


LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por David de Oliveira em Qui 02 Jun 2016, 1:09 pm

[size=32]Filho de Teori Zavascki sugere ameaça à sua família em redes sociais[/size]
Yahoo Notícias
2 de junho de 2016
O filho do ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, usou as redes sociais para comentar as articulações de políticos para frear as investigações. Francisco Zavascki postou na sua página no Facebook a seguinte mensagem: 

Em 6 de março de 2015, Teori Zavascki autorizou a abertura de inquérito para investigar 47 políticos suspeitos de participação no esquema de corrupção da Petrobras investigado pela Operação Lava Jato.


Comentário das articulações:
avatar
David de Oliveira
Arcturus
Arcturus

Número de Mensagens : 8465
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por David de Oliveira em Qua 15 Jun 2016, 2:57 pm

David de Oliveira escreveu:[size=32]Filho de Teori Zavascki sugere ameaça à sua família em redes sociais[/size]
Yahoo Notícias
2 de junho de 2016
O filho do ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, usou as redes sociais para comentar as articulações de políticos para frear as investigações. Francisco Zavascki postou na sua página no Facebook a seguinte mensagem: 

Em 6 de março de 2015, Teori Zavascki autorizou a abertura de inquérito para investigar 47 políticos suspeitos de participação no esquema de corrupção da Petrobras investigado pela Operação Lava Jato.


Comentário das articulações:

Machado diz ter repassado propina a 18 políticos de PMDB, PT, DEM e PSDB


Em sua delação premiada, o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado relatou ter repassado propina a ao menos 18 políticos de diferentes partidos, passando por PMDB, PT, PP, DEM, PSDB e PSB, segundo a Folha de S. Paulo. 
O PMDB, fiador político de sua indicação à presidência da Transpetro, foi o que mais arrecadou: cerca de R$ 100 milhões, de acordo com seus depoimentos.
Segundo ele, os políticos o procuravam pedindo doações e, em seguida, Machado solicitava os repasses às empreiteiras que tinham contratos com a Transpetro.
A lista de políticos entregue por Sérgio Machado inclui ferrenhos adversários do PT, como o deputado Heráclito Fortes (PSB-PI), o ex-senador Sérgio Guerra (PSDB-PE, morto em 2014), o senador José Agripino Maia (DEM-RN) e o deputado Felipe Maia (DEM-RN).
Além deles, outros que o procuraram pedindo recursos foram, de acordo com sua delação, além dos caciques do PMDB Renan Calheiros (AL), Romero Jucá (RR) e José Sarney (AP), também os parlamentares e ex-parlamentares Cândido Vaccarezza (PT-SP), Jandira Feghali (PCdoB-RJ), Luiz Sérgio (PT-RJ), Edson Santos (PT-RJ), Francisco Dornelles (PP-RJ), Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), Ideli Salvatti (PT-SC), Jorge Bittar (PT-RJ), Garibaldi Alves (PMDB-RN), Valter Alves (PMDB-RN) e Valdir Raupp (PMDB-RO).
No caso de Renan, Jucá e Sarney, o ex-presidente da Transpetro relatou que eles receberam tanto por meio de doações oficiais como de dinheiro em espécie. Machado detalhou quais doações feitas a ele podem ser consideradas como propina.
Machado também relatou quais empresas aceitavam fazer pagamentos de propina referentes aos contratos com a Transpetro. Segundo ele, foram a Camargo Corrêa, Galvão Engenharia, Queiroz Galvão, NM Engenharia, Estre Ambiental, Polidutos, Essencis Soluções Ambientais, Lumina Resíduos Industriais e Estaleiro Rio Tietê.

http://yahoonoticias-redacao.tumblr.com/
avatar
David de Oliveira
Arcturus
Arcturus

Número de Mensagens : 8465
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por David de Oliveira em Qui 16 Jun 2016, 3:05 pm

Eita Renan... Quem não deve não teme... estrelinhas



Renan pretende aceitar pedido de impeachment de Janot


Yahoo Notícias
16 de junho de 2016


O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou a aliados que quer dar seguimento ao pedido de impeachment do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O peemedebista não tem conseguido esconder sua revolta com a atuação do procurador, que pediu sua prisão ao Supremo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Na noite dessa quarta-feira, 15, Renan participou de festa junina na casa da senadora Kátia Abreu. Antes disso, entretanto, se reuniu com Eunício Oliveira (PMDB-CE) e Eduardo Braga (PMDB-AM) na casa do ex-presidente José Sarney em Brasília. Os peemedebistas tiveram que acalmar Renan, que estava decidido a aceitar o impeachment de Janot.

Segundo os senadores, Renan está irritado com as decisões do procurador-geral. O desconforto ficou claro durante a festa junina de Kátia, quando Renan trouxe para as rodas de conversa, por diversas vezes, o nome de Janot.

Janot afirmava que a manutenção de sigilo da delação do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, geraria crise entre os poderes.
avatar
David de Oliveira
Arcturus
Arcturus

Número de Mensagens : 8465
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por David de Oliveira em Qua 29 Jun 2016, 10:13 am

Lava Jato e a implosão do parasitismo depredador dos donos do poder
A Lava Jato e outras operações congêneres estão diária e exuberantemente comprovando: nossas elites e oligarquias kleptocratas (que usam o Estado para o enriquecimento criminoso ou injustamente favorecido) chegaram no limite máximo de degeneração, decadência e degradação. Mas isso não significa incapacidade do povo brasileiro para o progresso, para a evolução, para a civilização, apesar dos descrentes, dos desesperançados e dos Brasilcéticos. Dentro do Brasil, desde logo, como é fácil constatar, já existe um país bastante avançado, que nada deve a vários países europeus (por exemplo). Cabe à sociedade civil buscar a homogeneização desses vários brasis desgarrados uns dos outros.
É um engano supor que a degeneração e decrepitude das nossas elites kleptocratas governantes e dominantes – que estão sendo comprovadas e escancaradas pela Lava Jato – sejam um mal recente; deixando para outro momento a análise da kleptocracia portuguesa que durou pouco mais de três séculos e se acabou (1500-1822), a kleptocracia brasileira vem de 1822 e passa, disseminando seus rastros extrativistas e desagregadores, por várias etapas: neocolonialista (1822-1889), Primeira República (1889-1930), ditadura de Vargas (1930-1945), democracias populistas (1945-1964), ditadura civil-militar (1964-1985) e Nova República (1985-até os dias de hoje). Nossa proposta é centrar na teoria da kleptocracia uma possível explicação para muitos fenômenos do Brasil (históricos, sociológicos, políticos, econômicos, jurídicos, sociais e culturais).
Nos caracterizariam e nos explicariam “o clima tropical, a mistura de raças, a origem portuguesa, a tradição religiosa, a pobreza e a ignorância dos nossos ancestrais, até, uma imaginária juvenilidade do Brasil” (D. Ribeiro, in Bomfim, A América Latina, p. 12). Essas explicações são falsas e desinformantes. E muito prejudiciais, porque enquanto não atacarmos as causas, não podemos esperar efeitos positivos.
Também são falsas as teorias populares geográficas, as culturais e as da ignorância, que sugerem que os países pobres ou com baixo crescimento não saberiam como se tornarem ricos ou economicamente sustentáveis
Tudo depende, portanto, de como são organizadas as instituições políticas, econômicas, jurídicas e sociais. No nosso caso, estamos diante de uma sociedade estruturada de cima para baixo de acordo com as bases de uma kleptocracia, que beneficia e enriquece com o dinheiro público – desequilibradamente – as elites e oligarquias (os donos do poder) que comandam a nação. Por quê? Porque são instituições extrativistas e parasitárias (que favorece o grupo bem posicionado dentro do Estado)....



 http://professorlfg.jusbrasil.com.br/artigos/354839055/lava-jato-e-a-implosao-do-parasitismo-depredador-dos-donos-do-poder?utm_campaign=newsletter-daily_20160628_3617&utm_medium=email&utm_source=newsletter
avatar
David de Oliveira
Arcturus
Arcturus

Número de Mensagens : 8465
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por David de Oliveira em Sex 01 Jul 2016, 10:49 am

Doleiro ligado a Cunha e grupo J&F são alvos de nova fase da Lava-Jato

Lobista Milton Lira, supostamente ligado ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), também é um dos alvos da investigação; federais cumprem mandados de busca e prisão em SP, Rio, Pernambuco e DF


BRASÍLIA e SÃO PAULO - A Polícia Federal deflagrou uma nova operação na manhã desta sexta-feira e cumpre mandados em São Paulo, Rio, Pernambuco e Distrito Federal. Um dos alvos da nova fase da Lava-Jato é o doleiro Lucio Bolonha Funaro, ligado ao presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Os agentes da PF cumprem também mandados de busca e apreensão em uma empresa do grupo J&F, em São Paulo, a Eldorado, do ramo de celulose, na casa do presidente do grupo, Joesley Batista. Segundo o colunista Lauro Jardim, Funaro foi preso em sua casa, no bairro dos Jardins, na capital paulista. Funaro é acusado de corrupção, evasão de divisas e lavagem de dinheiro. As investigações relacionas estariam a esses crimes estariam entre os fundamentos que levaram o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, a decretar a prisão dele....

O lobista Milton Lira, supostamente ligado ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), também é um dos alvos da investigação. 
http://oglobo.globo.com/brasil/doleiro-ligado-cunha-grupo-jf-sao-alvos-de-nova-fase-da-lava-jato-19621766
avatar
David de Oliveira
Arcturus
Arcturus

Número de Mensagens : 8465
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por gusto em Dom 03 Jul 2016, 8:52 am

Ninguém tá interessado nisso David, bata só no PT que eles te ajudam. :risadinha:

É prá já que entram Lit, Ed, Evangelista, Jarbas... difarça


Quem ama não fala palavrão, não é preconceituoso, não xinga...(não é um Trump da vida) :risadinha:
avatar
gusto
Antares
Antares

Número de Mensagens : 10904
Idade : 48
Localização : Ponta Grossa Pr
flag : Brasil
Data de inscrição : 12/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAVAJATO nÃO É LAVA RATO

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum