.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Quem está conectado
94 usuários online :: 2 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 92 Visitantes :: 2 Motores de busca

Jarbas, Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

A História Por trás do Domingo de Páscoa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A História Por trás do Domingo de Páscoa

Mensagem por alicarvalho em Qua 09 Mar 2016, 3:44 pm

Shalom pra todos !!!
Um bom estudo !!!
artigo por Darris McNeely.
O que ovos coloridos, coelhos, bolos decorados e cultos ao nascer do sol tem a ver com o Jesus Cristo da Bíblia?
Há cristãos que creem em Jesus Cristo como seu Salvador e que não celebram nenhuma das tradições do Domingo de Páscoa. Acontece que eu sou um deles.
Deixe-me explicar o motivo.
Eu aprendi que o Domingo de Páscoa não conta toda a história sobre a vida, morte e ressurreição de Cristo. Se algo está faltando—e está—então isso muda toda a história. O que está faltando e o por quê é muito importante que você entenda!
O que os costumes do Domingo de Páscoa têm a ver com Jesus Cristo?
Você sabia que o feriado religioso do Domingo de Páscoa não tem nada a ver com Jesus Cristo?
Uma rápida pesquisa na internet irá revelar as origens das tradições associadas com o Domingo de Páscoa em sua maior parte, provêm de antigas e idólatras celebrações da fertilidade da era pré-cristã. Tal simbolismo de 'fertilidade' explica as tradições dos coelhinhos, ovos coloridos e o culto ao nascer do sol do Domingo de Páscoa. Isso fazia parte de rituais religiosos muito antes da época de Cristo e não têm nada a ver com o que a Bíblia instrui ou com a prática da Igreja primitiva.
Talvez nada disso importe para você. Talvez você acredite que os costumes do Domingo de Páscoa são divertidos como parte de sua adoração a Cristo ou das tradições familiares. Se for esse o caso, deixe-me mostrar-lhe, na Palavra de Deus, por que você deve se importar com isso.
Trocando a verdade pela mentira
A Igreja fundada por Jesus teve uma compreensão muito clara de quem Ele era e como adorá-Lo. Mas, ao longo de muitas décadas, as coisas mudaram. Os primeiros cristãos começaram a se confundir e, em seguida, perderam a singeleza do ensinamento bíblico sobre Deus Pai e Jesus Cristo.
Como é possível que pessoas que acreditavam em Deus deixassem isso acontecer? Uma das razões é que todos nós temos uma tendência natural de esquecer as coisas que aprendemos. A Igreja primitiva aprendeu a verdadeira fé pelos ensinamentos de Cristo e dos apóstolos. Mas podemos dizer, desde os primeiros escritos do Novo Testamento, que a heresia estava começando a se espalhar pela Igreja. Os ensinamentos falsos estavam começando a ganhar terreno.
O apóstolo Paulo advertiu que alguns já estavam flertando com um falso evangelho (Gálatas 1:6). O apóstolo Pedro advertiu que "haverá falsos mestres, os quais introduzirão encobertamente heresias destruidoras, negando até o Senhor que os resgatou" (2 Pedro 2:1).
Nos anos seguintes, após a morte dos apóstolos originais, outros ensinamentos falsos começaram a ser introduzidos na Igreja. Entre eles estava uma distorção da verdade sobre a morte e a ressurreição de Jesus.
Como acabamos de ler, Pedro advertiu que havia o perigo de "negar o Senhor que os resgatou"—isto é, substituir a verdade clara acerca de Jesus Cristo e Seus ensinamentos sobre a salvação e a vida eterna pelas tradições e falsidades pagãs. No entanto, apesar do aviso de Pedro, muitos caíram nessa negação.
Mitos pagãos no Domingo de Páscoa
O Domingo de Páscoa se originou da história de um deus antigo chamado Tamuz. A história de Tamuz é o núcleo do mundo pagão—e a essência do Domingo de Páscoa. É a história de um ciclo anual interminável sem significado, sentido ou propósito. Nesse mito, Tamuz morria todo ano no início do inverno e era "ressuscitado" na primavera por uma deusa chamada Ishtar.
Você notou algo peculiar no nome Ishtar?
Isso porque a palavra para o Domingo de Páscoa em inglês (Easter), em última análise, vem do nome dessa antiga deusa falsa, Ishtar (pronúncia semelhante em inglês). Portanto, muita cosia do que as pessoas fazem hoje para celebrar o Domingo de Páscoa nada mais é do que seguir os costumes que vieram diretamente da maneira como as pessoas da antiguidade adoravam sua deusa Ishtar. Por que e como isso aconteceu? Ao longo dos séculos, as pessoas haviam adotado os mitos Ishtar e Tamuz e também as histórias relacionadas a eles. Nas décadas seguintes, depois de Jesus e os apóstolos, o cristianismo se espalhou pelo mundo e as pessoas começaram a misturar esses mitos com a verdadeira história de Cristo.
Eventualmente, as histórias falsas substituíram a verdadeira. Para os líderes da igreja corrompida, que assumiram o controle nessa época, era conveniente misturar os mitos pagãos com a verdade bíblica para atrair mais pessoas para a igreja—na verdade, para conseguir ter mais poder. Essa é uma história recorrente na Bíblia.
Mas a vida de Tamuz e outros deuses pagãos não tem sentido quando se trata de salvação e do que Deus está realmente fazendo para a vida humana. Somente Deus, que veio para viver na carne, poderia abrir a porta da salvação para Sua criação humana. O arranjo de mitologias pagãs para criar uma falsa história "cristã" não dá certo. Isso é nada mais do que uma tradição sem sentido e inútil.
Mas é sempre muito popular! Todos os anos há procissões e cerimônias do Domingo de Páscoa. No Brasil, as igrejas, católicas e evangélicas, ficam lotadas no Domingo de Páscoa.
As pessoas põem sua melhor roupa, e para muitas essa talvez seja uma das poucas ocasiões no ano em que vão à igreja. Até mesmo para os crentes casuais, os serviços religiosos do Domingo de Páscoa aliviam a consciência. Junto com a Sexta-Feira Santa, a observância do Domingo de Páscoa tornou-se tradicionalmente um longo fim de semana de lazer e adoração.


1- Não será permitido:

v- Colagens com mais de 20 linhas em tela cheia. Na abertura de um tópico será permitida a colagem de até 5 parágrafos, desde que o total de linhas em tela cheia não ultrapasse o número de 60. Para textos extensos indicar o link correspondente. Estes textos poderão ser removidos.



Regras do Forum Gospel Brasil


"Porei minha Torah dentro deles e a escreverei em seu coração ;e serei o Deus deles e eles serão o meu povo " Jr 31.33b

alicarvalho
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1915
Idade : 36
Localização : Muriaé-MG
flag : Brasil
Data de inscrição : 03/12/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum