.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
» O papa João Paulo II vai ressuscitar? (preferível que católicos não leiam)
Ontem à(s) 10:11 am por Lit San Ares

» Frases
Sab 16 Dez 2017, 3:38 pm por Benedito Bernal

» Consequências da Reeleição
Sab 16 Dez 2017, 11:45 am por EVANGELISTA/RJ/MSN

» O que você está ouvindo agora?
Ter 12 Dez 2017, 11:49 pm por Jarbas

» Não ameis o mundo...
Seg 11 Dez 2017, 9:59 pm por Criaturo

» Hipocrisia Hebraica
Dom 10 Dez 2017, 12:26 pm por irmão

» Fórum Adventista
Sab 09 Dez 2017, 10:32 pm por Cartman

» Noticiário Escatológico
Sab 09 Dez 2017, 7:02 pm por Jarbas

» imbecilidade...
Sab 09 Dez 2017, 2:11 pm por gusto

Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10


Noites tranquilas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Noites tranquilas

Mensagem por Iane em Dom 14 Dez 2008, 7:18 pm

Pela primeira vez uma injeção contra o ronco é testada com sucesso no Brasil. Ela foi aplicada em 18 pessoas por pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, que pretendem fazer o mesmo em mais outras 12 e, em caso de sucesso, disponibilizá-la até 2011. “A injeção é simples e de fácil disponibilidade, e é um exemplo de um método com o máximo de eficácia e o mínimo de intervenção. Ela não previne nem cura o ronco, e funciona com apenas 5% de quem possui o problema”, explica Michel Cahali, orientador da pesquisa e otorrinolaringologista da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

A injeção é aplicada na parte superior do céu da boca, que provoca dor similar à de uma anestesia, diminui o ruído causado pela passagem do ar e é muito mais barata do que a radiofreqüência, método que provoca o mesmo efeito através do calor. Enquanto a primeira técnica deverá custar por volta de R$ 25, a segunda sai ao preço de R$ 900 por cada uma das cerca de cinco aplicações. No entanto, a injeção pode provocar fibrose e abertura do espaço respiratório, e funciona só em casos em que não há apnéia, pausa na respiração durante o sono que pode sobrecarregar coração e pulmão, e é tratada com cirurgias, máscaras de inalação e aparelhos intra-orais.

De acordo com a Sociedade Brasileira do Sono, 60% dos homens e 40% das mulheres acima dos 60 anos roncam. O ronco é o ruído provocado quando há uma diminuição do espaço na boca para a passagem do ar, dificultando a respiração. Quem ronca pelo menos quatro vezes por semana ou de modo socialmente incômodo deve procurar ajuda médica, assim como quem interrompe a respiração durante o sono. (G.B.)


" Quero ser eu, com minha cara azeda e absurdamente açucarada."
avatar
Iane
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3050
Idade : 30
Localização : InterioRRRRRRR de SP
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/10/2008

http://www.arcauniversal.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum