.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
35 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 34 Visitantes :: 2 Motores de busca

Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

"Teólogos" Liberais lançam o novo “Novo Testamento” com 10 livros extras

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Negativo "Teólogos" Liberais lançam o novo “Novo Testamento” com 10 livros extras

Mensagem por Gil Rocha em Dom 24 Mar 2013, 12:20 pm

Não satisfeitos com todo o mal que já provocaram aos verdadeiros cristãos, pseudo-teólogos agora partem para uma empreitada mais diabólica, em sua tarefa de confundir a humanidade: Lançar um NT com livros gnósticos inclusos, que eles afirmam refletir alguma coisa da igreja primitiva.

Esses ardilosos teólogos liberais sabem, tão bem quanto qualquer um que pesquisar sobre as seitas gnósticas, que estas foram combatidas pelos apóstolos e pelos discípulos dos apóstolos. O Ap. João, Ap. Judas, Ap. Paulo, Ireneu, etc. são exemplos disso.

Portanto, irmãos, segue a notícia dessa iniciativa asquerosa.

Teólogos lançam o “Novo Novo Testamento” com 10 livros extras
“Um Novo Novo Testamento: a Bíblia para a século 21, combinando textos tradicionais e os descobertos recentemente”. Este é o título do material editado pelo erudito Hal Taussig e publicado este mês nos Estados Unidos.
O volume de 600 páginas recebeu o apoio de estudiosos como Marcus Borg, Karen King e Barbara Brown Taylor. Eles, assim como Taussig, eram membros do Jesus Seminar (um grupo de estudiosos que anos atrás determinou quais palavras e ações de Jesus registradas nos Evangelhos eram autênticos). Seus pontos de vista não seguem uma fé cristã histórica, seja ela católica, ortodoxa ou evangélica. Karen L. King é Professora de Teologia em Harvard, uma das universidades mais tradicionais do mundo.
O material diz ter sido elaborado por “Um conselho de estudiosos e líderes espirituais”. Formado por 19 pessoas, incluindo dois rabinos, acabou escolhendo para fazer parte desse Novo Novo Testamento dez novos livros, juntamente com duas orações e um cântico.
Esse cântico, chamado de “O Trovão” faz parte de um dos códices de Nag Hammadi, que segundo especialistas, pode ter sido escrito três séculos antes de Jesus nascer.
A lista dos novos livros adicionados ao Novo Testamento pelo conselho inclui:

  • A oração de ação de graças
  • A oração do apóstolo Paulo
  • O Trovão: Mente perfeita
  • O Evangelho de Tomé
  • O Evangelho de Maria
  • O Evangelho da Verdade
  • Os Atos de Paulo e Tecla
  • A Carta de Pedro a Filipe
  • O Apocalipse Secreto de João
  • O Primeiro, Segundo, Terceiro e Quarto Livro das Odes de Salomão
Segundo teólogos cristãos tradicionais, esse material é de literatura gnóstica ou proto-gnóstica, o que significa que não tem seu centro na revelação de Jesus como o Deus-homem.
Não são novas as tentativas de se “reformular o cristianismo”, mas o que chama atenção nesse caso é o fato de este “conselho” de 19 pessoas ser formado de estudiosos reconhecidos. A maioria deles são professores, pastores, autores e rabinos.
Segundo o material promocional, este grupo foi “modelado em conselhos da igreja primitiva dos primeiros seis séculos, que tomaram decisões importantes para grandes grupos de cristãos”.
O release oficial traz a seguinte explicação: “É hora de um novo Novo Testamento. Ao longo dos últimos séculos, inúmeras cópias de Escrituras perdidas foram descobertas, autenticadas, traduzidas, debatidas, comemoradas. Muitos destes documentos eram tão importantes para a formação das primeiras comunidades cristãs, assim como aqueles que fazem parte do Novo Testamento tradicional… A leitura das escrituras tradicionais, juntamente com estes novos textos oferece a possibilidade emocionante de compreendermos melhor tanto o Novo quanto o Antigo Testamento”.
Obviamente, o lançamento desse material foi solenemente ignorado pela maioria dos teólogos, mas como alerta Daniel Wallace, o perigo está na confusão em que se encontram as igrejas, onde as doutrinas históricas foram substituídas por outros ensinamentos que são absorvidos pelos cristãos sem que sejam confrontados com as Escrituras. Ainda não há versões para outras línguas além do inglês, mas o ambicioso projeto pretende disseminar seus “achados” para todo o mundo em breve.
http://noticias.gospelprime.com.br/novo-novo-testamento/


Gil Rocha

Gil Rocha
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 441
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/09/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Negativo Re: "Teólogos" Liberais lançam o novo “Novo Testamento” com 10 livros extras

Mensagem por silvamelo em Dom 24 Mar 2013, 12:42 pm

Nada para considerar... Essa turba não tem nenhum grau ou peso para influenciar a verdadeira igreja de Cristo, senão na mente e nos corações daqueles apóstatas que já de antemão nos foi anunciado que se levantariam nesses últimos dias...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 47
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Negativo Re: "Teólogos" Liberais lançam o novo “Novo Testamento” com 10 livros extras

Mensagem por Gil Rocha em Qui 28 Mar 2013, 7:38 pm

silvamelo escreveu:Nada para considerar... Essa turba não tem nenhum grau ou peso para influenciar a verdadeira igreja de Cristo, senão na mente e nos corações daqueles apóstatas que já de antemão nos foi anunciado que se levantariam nesses últimos dias...

Concordo com você irmão. De todo modo, devemos ficar atentos, pois os inimigos da fé aproveitam essas iniciativas para semear a dúvida.


Gil Rocha

Gil Rocha
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 441
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/09/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Negativo Re: "Teólogos" Liberais lançam o novo “Novo Testamento” com 10 livros extras

Mensagem por Gil Rocha em Qui 28 Mar 2013, 7:42 pm

Um pouco diferente, mas também polêmica, é a iniciativa deste Pastor mineiro:

26/03/2013 20h57 - Atualizado em 26/03/2013 21h10
Versão freestyle da Bíblia causa polêmica e divide opiniões em MG

Augusto Medeiros e Paulo Borges
Do G1 Triângulo Mineiro


Jesus Cristo é “o cara”. E São José, pai de Jesus, é um “cara muito joia”. Pelo menos é assim que os dois são descritos em uma releitura da Bíblia "Freestyle" - que em português significa Estilo Livre. A versão escrita por um pastor evangélico de Uberlândia está sendo publicada diariamente na internet e as novas formas de narrar as passagens bíblicas, que podem ser lidas na página do autor, já estão gerando polêmica.


O Capítulo 1 do Livro Evangelho Segundo Mateus começa assim: "Livro da geração de Jesus, o cara. Da descendência de Davi e também de Abraão. Depois de Abraão, muito sexo foi feito e muitas crianças nasceram por conta disso. Até que 41 gerações se passaram e nasceu um cara muito joia chamado José. Esse tal de José era especial porque quando a dona Maria (sua noiva) apareceu dizendo que tava grávida do Espírito Santo, ele obviamente sentiu que isso cheirava a chifre."
Até Maria Madalena também ganhou atenção especial. Na versão ela é descrita como uma mulher que "mais parecia um pudim de capeta".

A ideia da versão jovem da bíblia foi do pastor Ariovaldo, que há dez anos fundou a Igreja Manifesto Missões Urbanas de Uberlândia, voltada ao público de roqueiros. Segundo o pastor, ele começou a escrever os textos por hobby. Ele disse ter percebido que poderia falar de forma mais profunda sobre religião, unindo humor e cultura contemporânea. “Na verdade eu escrevi alguns textos para mim mesmo, tentando contar as histórias da vida da maneira que a gente conversa no dia a dia. Quando publiquei isso na internet comecei a divulgar em redes sociais. E várias pessoas passaram a me escrever dizendo que eu devia fazer a Bíblia toda”, contou o pastor.
Mas essa liberdade de expressão rendeu polêmica na internet. Abaixo, alguns comentários de pessoas que leram a versão Freestyle das Sagradas Escrituras. Por meio de opiniões publicadas na própria página do pastor, enquanto alguns criticam, outros apoiam a atitude.
* "Infelizmente estamos perdendo a seriedade da palavra de Deus, muito triste isso"
* "a Bíblia não fala que devemos nos adequar a este mundo"
* "Eu te encorajo a continuar escrevendo, vc alcançará mtas pessoas"
Apesar de ter total apoio dos fiéis da igreja, o pastor disse que já esperava o surgimento de pessoas contra a ideia.


Pastor diz que já esperava polêmica


Nas ruas, a população também se divide. “É muito fora dos padrões, até porque o Livro da Vida é a Bíblia e este linguajar não cabe muito bem”, disse o motorista Aparecido Reis da Silva. Para a estudante Thays Silva faltou respeito. “A Bíblia é algo de respeito. E isso ficou muito vulgar”, argumentou.
Para a pesquisadora Sidneia Silva, a mudança de estilo não é bem vinda. “A Bíblia tem que ser aquilo que nós vemos, da maneira como está escrita. Se eu mudar uma palavra, uma pessoa mudar outra, como vai ficar daqui a algum tempo ?”, questionou.
Frequentador da Igreja Manifesto, o técnico em eletrônica Cássio Atestor contou que apoia o projeto. “Eu entendo que seja uma forma de atrair as pessoas a lerem o texto original”, afirmou. Já a atriz Laís Batista disse que a nova linguagem tende a alcançar públicos diferentes. “Ela alcança novas tribos”, resumiu.
Sereno, o pastor disse que já esperava que nem todos concordassem com a releitura. “A discordância vem por causa da resistência que as pessoas têm à mudança do paradigma, da maneira de se falar”, avaliou.

Manoel diz que em alguns trechos o sentido
foi modificado


O teólogo Manoel Messias disse que há pontos positivos e negativos na escolha do pastor. “Em alguns textos, como o prólogo de João, o capítulo 6 de Mateus, o pastor mantém a ideia do texto, embora com uma linguagem totalmente nova e, provavelmente, adequada ao público que ele tem interesse de levar esta Palavra. Em outros lugares, ele faz uso de alguns termos que talvez sejam um pouco fortes e desnecessários. Nestes casos, talvez altere um pouco o sentido do texto original”, explicou o teólogo.

Ainda segundo o pastor, ele escreve pelo menos um capítulo por dia e o objetivo é publicar a versão completa e impressa da Bíblia até o fim do ano que vem. No entanto, mesmo com toda a polêmica, ele não pretende desistir de evangelizar neste estilo "rock and roll" . “As críticas chamam muito a atenção, fazem muito barulho. Mas a quantidade de pessoas que têm escrito e dito que têm sido abençoadas por este trabalho compensa todo o esforço”, concluiu.

http://g1.globo.com/minas-gerais/triangulo-mineiro/noticia/2013/03/versao-freestyle-da-biblia-causa-polemica-e-divide-opinioes-em-mg.html


Gil Rocha

Gil Rocha
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 441
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/09/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Negativo Re: "Teólogos" Liberais lançam o novo “Novo Testamento” com 10 livros extras

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 3:00 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum