.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
» Noticiário Escatológico
Hoje à(s) 7:44 pm por Jarbas

»  Endurecimeto do Faraó
Hoje à(s) 5:38 pm por irmão

» DESAFIO AOS DO LIVRE ARBITRIO
Hoje à(s) 5:16 pm por Cartman

»  Arqueólogos encontram selo que comprova veracidade de histórias da Bíblia
Hoje à(s) 4:46 pm por Cartman

» A eleição torna-nos robôs?
Hoje à(s) 3:58 pm por Justo

» Livre arbítrio, auto idolatria
Hoje à(s) 3:53 pm por Justo

» Golpe é o cacete, agora é golpe no golpe!
Hoje à(s) 3:27 pm por David de Oliveira

» Consequências da Reeleição
Hoje à(s) 10:02 am por EVANGELISTA/RJ/MSN

» O homem na lua...
Ontem à(s) 11:38 pm por Khwey

Quem está conectado
53 usuários online :: 2 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 51 Visitantes :: 2 Motores de busca

Jarbas, Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Página 12 de 14 Anterior  1 ... 7 ... 11, 12, 13, 14  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sex 15 Fev 2013, 8:59 am

Jéssica Freitas escreveu:" Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; DEVEIS, PORÉM, FAZER ESTAS COISAS, E NÃO OMITIR AQUELAS. Mateus 23:23

Mais claro que este versículo só aguá!!!!

O que exponho aqui é a minha crença, minha fé, respeitando é claro a opinião de todos!! Que Deus os abençoe grandemente Paz do Senhor Jesus!!

MALAQUIAS 3:8-10 NÃO É PARA VOCÊ!

O leitor atento notará que Malaquias 3:8-10 pertence a um grande texto com início no capítulo 2 verso 1 estendendo-se até o verso 18 do capítulo 3. (Faz-se necessário ler todo o texto para se captar o contexto).

Atente para o primeiro verso do capítulo 2. Para quem é a dura mensagem? Para os sacerdotes, é claro! Agora, ó sacerdotes, este mandamento é para vós. A mensagem é para os sacerdotes e não para nós. Eles é que estavam roubando a Deus, e ainda eram bem hipócritas. Veja as ligações do contexto:

a) Em que nos amaste? (1:1)
b) Em que desprezamos? (1:6)
c) Em que te havemos profanado? (1:7)
d) Em que o enfadamos? (2:17)
e) Em que havemos de tornar? (3:7)
f) Em que te roubamos? (3:8)

Mesmo o trecho “vós a nação toda” (Mal. 3:9) é dirigida a eles. É uma hipérbole, uma figura de linguagem que Malaquias usou querendo dizer: “Tá todo mundo roubando”.

Entretanto, mesmo que toda a nação estivesse roubando a Deus, a responsabilidade ainda era dos sacerdotes conforme declarado no verso 8 do capítulo 2: “Mas vós vos desviastes do caminho, a muitos fizestes tropeçar na lei.”

A Bíblia contém mensagens específicas para determinadas pessoas. Não podemos tomá-las e sair por aí aplicando-as às nossas vidas.

Imaginemos um cristão sincero chegando em casa aflito depois de um sermão. Então veementemente conclama a esposa e aos filhos para arrumarem as malas pois terão que mudar daquela casa, daquele bairro, daquela cidade já! Para onde irão? Para onde Deus mostrar! Por quê? Ordem bíblica: “Sai da tua terra, da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei” (Gênesis 12:1). Isto não seria uma loucura? É bom que fique bem claro que esta ordem foi dada por Deus especificamente ao patriarca Abraão. Ele deveria se mudar de casa, de cidade, de país. Ele e não nós.

Se aplicarmos o mesmo raciocínio para a ordem que Deus deu a Moisés logo, logo veremos alguns cristãos loucos conversando com pedras pois Deus lhe disse: “Fala à Rocha” (Números 20:8).

É para nós este mandamento? Devemos sair por aí dialogando com os rochedos? Ou deveria alguém começar a construir uma arca só porque a Bíblia ordenou a Noé “Faze para ti uma arca de madeira” (Gênesis 6:14)?

Quando Deus fala com Abraão é com Abraão. Quando Ele fala com Moisés é com Moisés. Com Noé, Noé. Com sacerdotes, sacerdotes. É claro que a Bíblia está repleta de grandes conselhos que podemos e devemos tomar para nós, mas precisamos submetê-los aos princípios hermenêuticos adequados.

Dizer que Malaquias 3:8-10 é uma mensagem para os cristãos do século XXI é uma fralde exegética. Deus estava dizendo que os judeus do velho concerto eram ladrões! Mas afinal, o que eles estavam roubando?

Em Mateus 23:23 Yeshua repete este comportamento quando censura a hipocrisia dos escribas e fariseus que roubando a Deus na justa interpretação da lei, traziam apenas (como em Malaquias) o dízimo de coisas insignificantes, desprezando o pobre, a viúva, a justiça, a misericórdia e a fé, achando eles que estavam bem com Deus. Yeshua lhes diz que se quiserem se justificar na lei, deveriam faze-la direito, de maneira completa, com dízimos que honrassem a Deus e sem deixarem a justiça, a misericórdia e a fé de lado. Como nos exemplos acima, Yeshua recomenda que fizessem estas coisas a justiça, a misericórdia e a fé, que era a parte mais importante da lei sem omitir aquelas, o dízimo. Nós não queremos nos justificar na lei, o próprio Yeshua afirma serem estas coisas da lei. Deve o estudioso da Bíblia observar que o capítulo 23 de Mateus, é quase inteiro destinado á censura e juízo para os escribas e fariseus, trazendo mais de sete “Ais” inclusive no versículo 23 em apreço, e não é aconselhamento para seus discípulos.

Em outra ocasião vemos outro “dizimista” que, alias, também chamava o que não dizimava de ladrão, ser desaprovado e um não-dizimista ser aceito pelo Senhor, mostrando que o dízimo e seu séquito haviam chegado ao fim, Lucas 18:10/14. Você é como o fariseu, ou como o publicano?

A Nova Aliança não teve princípio no nascimento de Jesus, mas na Sua morte (Gálatas 3:19, 24, 25; 4:4). O dízimo não é ensinado na igreja, depois do Calvário. Quando Jesus falou sobre o assunto em Mateus 23:23, Ele estava simplesmente ordenando a obediência às leis da Antiga Aliança, a qual ele endossou e obedeceu até chegar ao Calvário. Em Mateus 23:23, Ele mandou que os judeus obedecessem aos escribas e fariseus, porque estes se assentavam na cadeira de Moisés. Por acaso Ele ordenou que os gentios por Ele curados comparecessem diante dos sacerdotes judeus?

Não existe um único texto do Novo Testamento que ensine a dizimar após o período do Calvário. (Atos 2:42-47 e 4:32-35 não são exemplos para se dizimar, a fim de sustentar os líderes da igreja). Conforme Atos 2:46, os cristãos judeus continuavam a adorar no Templo. E conforme Atos 2:44 e 4:33,34, os líderes da igreja compartilhavam igualmente o que recebiam com todos os membros da igreja (o que hoje não se faz). Finalmente, Atos 21:20-25, prova que os cristãos judeus ainda observavam fielmente toda a Lei de Moisés - até 30 anos depois - devendo aí ser incluído o dizimar, pois se não o fizessem, não poderiam ter permissão de entrar no Templo para adorar. Desse modo, todos os dízimos coletados pelos primeiros cristãos judeus eram para o sustento do Templo e não para sustentar a igreja.


Última edição por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sex 15 Fev 2013, 9:10 am, editado 1 vez(es)

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sex 15 Fev 2013, 9:02 am

Ed escreveu:Você joga versos isolados no ar que dão a impressão de embassar sua doutrina dizimista veterotestamentária ...

Isto não é doutrina, isto é resultado de lavagem cerebral!




pronto tio, te salvei da enrascada..... huaauhuahauha gargalhada

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sex 15 Fev 2013, 9:05 am

Jéssica Freitas escreveu:Na Lei havia sim uma obrigação, tudo muda na Graça, deve-se ter uma renúncia verdadeira e um obedecer sincero, Quando Abraão "deu o dízimo de tudo" Hb.7 :2 ele o fez por fé e gratidão, se digo devolver falo assim pois não possuo nada e se há algo em minhas mãos é Deus quem me dá, não faço por obrigação faço por gratidão e honrar a Deus com as primícias da minha renda não me causa constrangimento algum, pelo contrário é o mínimo que posso fazer, e não chega nem aos pés de tudo o que Ele fez por mim.
Não aconselho ninguém a dizimar com dúvida ou por obrigação pois Deus não se agradará jamais disso, tudo que fizer para Deus deve ser feito com total amor, humildade e gratidão, até um copo com água que ofereço para alguém deve ser com sinceridade!!!
Mesmo que eu seja a dizimista mais fiel, ou a ofertante mais constante nada disso vai valer nada se eu não tiver amor!!
Gente eu não sou a melhor pessoa do mundo, claro, mais quero a misericórdia de Deus sempre em minha vida, e preciso agir com misericórdia com meus irmãos, preciso também, com certeza, defender a verdade, sei que é esse o propósito de todos aqui, mas digo uma coisa, esse debate não aconteceria se certas denominações não mostrassem com a atitude de seus dirigentes a falta de amor e honestidade para com as pessoas que confiam neles!!
Nem todas as denominações são iguais!! ainda acredito na existência daqueles pastores que com todo o amor lutam pelas almas!!!
" Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; DEVEIS, PORÉM, FAZER ESTAS COISAS, E NÃO OMITIR AQUELAS. Mateus 23:23

sobre mateus vc ja foi refutada, agora vamos ao caso de hebreus:

Os dois exemplos do dízimo antes da lei (em Gênesis) foram eventos únicos e voluntários, envolvendo mais do que dinheiro. O exemplo de Abraão foi o do dízimo entregue uma vez apenas, dos despojos de uma guerra (Hebreus 7:2; Gênesis 14:20). Visto como Abraão havia feito um voto de não tomar pessoalmente qualquer despojo dessa guerra, (Gênesis 14:22-24), aparentemente ele dizimou o que pertencia aos outros... ou o que poderia depois lhe pertencer. Nada existe na Escritura dizendo que Abraão tenha dado o dízimo de sua renda ou riqueza, em tempo algum.

Abraão recebeu uma bênção e em seguida deu o dízimo, aparentemente fora de um hábito social, sem qualquer mandamento divino para fazê-lo. (Gênesis 14 e Hebreus 7:1).

Abraão já havia sido abençoado pela vitória que Deus lhe dera (Hebreus 7:2; Gênesis 14:20,22,24). Nada existe na Escritura que diga ter sido a bênção sobre Abraão o resultado do seu dízimo.

A questão do sacerdócio de Melquisedeque é puramente judaica. Não é assunto gentílico, visto como os gentios nada tinham a ver com o sacerdócio levítico. Foram os judeus que tiveram problema em aceitar Cristo como o Sumo Sacerdote, porque Ele era da Tribo de Judá e não da Tribo de Levi, da qual os judeus haviam sido doutrinados que os sacerdotes deveriam sair. Essa é a razão do autor de Hebreus ter discutido amplamente o assunto em sua Epístola. Os judeus, obviamente, não podiam entender o sacerdócio de Cristo e o autor de Hebreus tentou explicá-lo. [....] Lembrem-se que os levitas pagavam o dízimo do dízimo aos sacerdotes. O autor de Hebreus tentou explicar aos judeus que a Tribo de Levi ainda não havia nascido, estava no seio de Abraão e que eles, de fato, pagaram o dízimo ao sacerdócio eterno de Melquisedeque, ao qual pertencia Cristo, para assim reconhecer, mesmo indiretamente, o sacerdócio de Melquisedeque. O autor estava tentando mostrar aos judeus que o sacerdócio levítico era ineficiente e temporário, enquanto o de Melquisedeque era eterno e melhor. Os levitas ainda não nascidos, ao pagar o dízimo através de Abraão, não justificam uma doutrina obrigatória do dízimo, pelas quatro razões supracitadas.

É difícil os gentios entenderem estes assuntos, por serem eles basicamente irrelevantes à sua aceitação de Cristo. Os gentios não precisam tornar-se judeus para se tornarem cristãos e Paulo deixou claro ser errado colocar sobre eles o fardo das questões e obrigações judaicas.

mais uma vez: usar o texto de hebreus para fomentar o dizimo abolido é fraude exegética





EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sex 15 Fev 2013, 9:08 am

alias este topico nao é sobre dizimo, e sobre o enriquecimento dos pastores.

Se a irmã quiser debater sobre dizimo, tem dois topicos na area da teologia, recheada de argumentaçao sobre a nao utilizaçao dos dizimos nos nossos dias

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por phaby em Sex 15 Fev 2013, 9:09 am

Essa questão de dar ou não dízimo é bastante complicado. A igreja ao qual pertenço prega o dízimo e oferta e não é porque o pastor quer roubar ou enganar o povo, e que já vem desse costume a muito tempo e o dinheiro vai para a manutenção da igreja. Não vejo problema nenhum em dar dízimos além de ofertas, as igrejas precisam para o seu bom funcionamanto. Dou com todo o prazer, nunca tive problemas com isso, sou abençoada sim por dar dízimo e não dou por coação. Um rapaz que já foi da mesma igreja que eu, também não concordava com dízimo tinha a mesma opinião de alguns aqui, ele dava mas como oferta e não dízimo, cara, não vejo porque discutir se deve dar ou não 10% que para mim é muito pouco.
Opinião minha! Vou ficar devendo embasamento bíblico... :risadinha:


jesus te ama
Paz do Senhor irmão!

phaby
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 256
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sex 15 Fev 2013, 9:12 am

phaby escreveu:
Essa questão de dar ou não dízimo é bastante complicado. A igreja ao qual pertenço prega o dízimo e oferta e não é porque o pastor quer roubar ou enganar o povo, e que já vem desse costume a muito tempo e o dinheiro vai para a manutenção da igreja. Não vejo problema nenhum em dar dízimos além de ofertas, as igrejas precisam para o seu bom funcionamanto. Dou com todo o prazer, nunca tive problemas com isso, sou abençoada sim por dar dízimo e não dou por coação. Um rapaz que já foi da mesma igreja que eu, também não concordava com dízimo tinha a mesma opinião de alguns aqui, ele dava mas como oferta e não dízimo, cara, não vejo porque discutir se deve dar ou não 10% que para mim é muito pouco.
Opinião minha!

se vc tem condiçoes para dar, e nao julga quem tem fé diferente, vc está no seu direito

o problema é que muitos usam malaquias para julgar seu irmao e achar que o camarada vai pro inferno se nao der 10% regradinhos da lei mosaica.

a igreja primitiva se sustentava por ofertas e nao com dizimos.

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Ed em Sex 15 Fev 2013, 11:18 am

EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:
Ed escreveu:Você joga versos isolados no ar que dão a impressão de embassar sua doutrina dizimista veterotestamentária ...

Isto não é doutrina, isto é resultado de lavagem cerebral!




pronto tio, te salvei da enrascada..... huaauhuahauha gargalhada

Obrigado mano :chapeu:

EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:alias este topico nao é sobre dizimo, e sobre o enriquecimento dos pastores.

Se a irmã quiser debater sobre dizimo, tem dois topicos na area da teologia, recheada de argumentaçao sobre a nao utilizaçao dos dizimos nos nossos dias

Mas como os pastores se enriquecem senão pelo dízimo? ... :risadinha:


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3155 dias de existência com 228785 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11000
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Jéssica Freitas em Sex 15 Fev 2013, 11:34 am

ao sr Ed
que Deus o abençoe querido e toda a sua casa!!

Jéssica Freitas
Barro
Barro

Número de Mensagens : 6
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/02/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Ed em Sex 15 Fev 2013, 12:45 pm

Amém irmã, a você também...

Quanto a sua igreja, não seja apenas ouvinte, mas participante.

Faça inteligentemente como os de Berea atos 17:10,11. :chapeu:


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3155 dias de existência com 228785 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11000
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por David de Oliveira em Sex 15 Fev 2013, 2:12 pm

EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:
phaby escreveu:
Essa questão de dar ou não dízimo é bastante complicado. A igreja ao qual pertenço prega o dízimo e oferta e não é porque o pastor quer roubar ou enganar o povo, e que já vem desse costume a muito tempo e o dinheiro vai para a manutenção da igreja. Não vejo problema nenhum em dar dízimos além de ofertas, as igrejas precisam para o seu bom funcionamanto. Dou com todo o prazer, nunca tive problemas com isso, sou abençoada sim por dar dízimo e não dou por coação. Um rapaz que já foi da mesma igreja que eu, também não concordava com dízimo tinha a mesma opinião de alguns aqui, ele dava mas como oferta e não dízimo, cara, não vejo porque discutir se deve dar ou não 10% que para mim é muito pouco.
Opinião minha!

se vc tem condiçoes para dar, e nao julga quem tem fé diferente, vc está no seu direito

o problema é que muitos usam malaquias para julgar seu irmao e achar que o camarada vai pro inferno se nao der 10% regradinhos da lei mosaica.

a igreja primitiva se sustentava por ofertas e nao com dizimos.



Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir. Mateus 5:17

Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, Gálatas 4:4

Digo, pois, que Jesus Cristo foi ministro da circuncisão, por causa da verdade de Deus, para que confirmasse as promessas feitas aos pais; Romanos 15:8

Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador. Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive? Hebreus 9: 16,17

“(...) DEVEIS, PORÉM, FAZER ESTAS COISAS, E NÃO OMITIR AQUELAS”. Mateus 23:23.

Este é o principal argumento dos pastores interessados nos dízimos (dinheiro dos fiéis), porém eles não dizem para quem Jesus fêz essa instrução. Não devemos tomar para nós, os “não judeus”, todos os ensinos de Jesus.

Específicamente, Cristo veio para cumprir a Lei e para isso teve de nascer no território aonde aquela Lei imperava e ao nascer sob o domínio da Lei, foi submetido às suas normas como todo e qualquer cidadão judeu.

A instrução legal de “não omitir os dízimos”, foi apenas uma ocasião de muitas que ele deu aos seus ouvintes cumpridores da Lei, os judeus. Isso não era da conta de quem não era judeus e muito menos agora que a Lei foi abolida ou ab-rogada também para os atuais judeus! Imagine para nós, que não temos nada a ver!

Devemos saber separar as duas alianças ou testamentos. Segundo Hebreus 9:17 o nosso testamento, isto é, dos “não judeus”, que nos diz respeito, começa com a “morte do testador”. Jesus não viveu em carne aqui no mundo, no tempo do segundo testamento.



O dízimo era dado a um sacerdote como mandava a Lei, e segundo Pedro, no testamento de Cristo todos nós somos sacerdotes, portanto, eu estou aberto a quem quiser me dar os seus "dízimos", é só enviar uma MP...



 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8351
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Segatti em Sab 16 Fev 2013, 12:17 am

Seguidores do Silas, vocês acreditam de verdade nesse negócio de comprar bençãos com dinheiro? Porque eu acho isso muito triste.

Segatti
Safira
Safira

Número de Mensagens : 103
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Ed em Sab 16 Fev 2013, 3:23 am

Aos igrejeiros e dizimistas dêem uma olhada no youtube postado pelo itamar em outro tópico:





Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3155 dias de existência com 228785 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11000
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Gil Rocha em Sab 16 Fev 2013, 5:22 pm

Essa ideia de detonar todas as igrejas cristãs só pode ser coisa dos ateus, os quais plantaram a semente e ela germinou em muitos corações Negativo

Se querem lançar todas a igrejas na vala comum, ótimo. Mas joguem sua fé junto, pois a Bíblia que usam para defender suas ideias teve a participação da Igreja na sua definição, preservação e divulgação.

A salvação é pela fé em Cristo, a qual se pode chegar em qualquer igreja cristã. Todavia, aniquele-se as igrejas e o que restará ? O que se vê em qualquer forum: milhões de pessoas com milhões de doutrinas uns contrários aos outros. Um reino dividido, fadado a auto-destruição.

Cristão sem igreja é como soldado sem pátria, um franco atirador teológico.



Gil Rocha

Gil Rocha
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 441
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/09/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Ed em Sab 16 Fev 2013, 6:40 pm

Sim, sem igreja não!

Mas a igreja verdadeira...

A igreja demostrada no filme são as que eu reprovo. Dificilmente se achará uma que não esteja nestes moldes.

Líderes que ensinam o que acham que é certo!

Por isso sempre recomendo o que Paulo escreveu a respeito dos Bereianos:

Atos 17:10 E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus.
11 Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.

Não vejo nada de errado em pesquisar antes para não comprar gato por lebre... Aliás é um conselho do apóstolo.


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3155 dias de existência com 228785 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11000
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Gil Rocha em Sab 16 Fev 2013, 8:39 pm

Ed escreveu:Sim, sem igreja não!

Mas a igreja verdadeira...

A igreja demostrada no filme são as que eu reprovo. Dificilmente se achará uma que não esteja nestes moldes.

Líderes que ensinam o que acham que é certo!

Por isso sempre recomendo o que Paulo escreveu a respeito dos Bereianos:

Atos 17:10 E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus.
11 Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.

Não vejo nada de errado em pesquisar antes para não comprar gato por lebre... Aliás é um conselho do apóstolo.

Pesquisar nas escrituras é muito bom. Ter opiniões que divirjam dos líderes é normal, desde que não se refira a questões essenciais. Eu mesmo tenho vivido isso:fui membro de uma igreja predestinacionista calvinista por vários anos.

Só nunca deixei de congregar em uma igreja genuinamente cristã, mesmo não concordando 100% com o que lá se diz.
---------------------

“No essencial, unidade, no não essencial, Liberdade. Em tudo o Amor”

Seja de Agostinho ou de Peter Meiderlin, a frase exemplifica como devemos conviver com as diferenças.


Gil Rocha

Gil Rocha
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 441
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/09/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por phaby em Ter 19 Fev 2013, 4:24 pm

David de Oliveira escreveu:
EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:
phaby escreveu:
Essa questão de dar ou não dízimo é bastante complicado. A igreja ao qual pertenço prega o dízimo e oferta e não é porque o pastor quer roubar ou enganar o povo, e que já vem desse costume a muito tempo e o dinheiro vai para a manutenção da igreja. Não vejo problema nenhum em dar dízimos além de ofertas, as igrejas precisam para o seu bom funcionamanto. Dou com todo o prazer, nunca tive problemas com isso, sou abençoada sim por dar dízimo e não dou por coação. Um rapaz que já foi da mesma igreja que eu, também não concordava com dízimo tinha a mesma opinião de alguns aqui, ele dava mas como oferta e não dízimo, cara, não vejo porque discutir se deve dar ou não 10% que para mim é muito pouco.
Opinião minha!

se vc tem condiçoes para dar, e nao julga quem tem fé diferente, vc está no seu direito

o problema é que muitos usam malaquias para julgar seu irmao e achar que o camarada vai pro inferno se nao der 10% regradinhos da lei mosaica.

a igreja primitiva se sustentava por ofertas e nao com dizimos.



Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir. Mateus 5:17

Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, Gálatas 4:4

Digo, pois, que Jesus Cristo foi ministro da circuncisão, por causa da verdade de Deus, para que confirmasse as promessas feitas aos pais; Romanos 15:8

Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador. Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive? Hebreus 9: 16,17

“(...) DEVEIS, PORÉM, FAZER ESTAS COISAS, E NÃO OMITIR AQUELAS”. Mateus 23:23.

Este é o principal argumento dos pastores interessados nos dízimos (dinheiro dos fiéis), porém eles não dizem para quem Jesus fêz essa instrução. Não devemos tomar para nós, os “não judeus”, todos os ensinos de Jesus.

Específicamente, Cristo veio para cumprir a Lei e para isso teve de nascer no território aonde aquela Lei imperava e ao nascer sob o domínio da Lei, foi submetido às suas normas como todo e qualquer cidadão judeu.

A instrução legal de “não omitir os dízimos”, foi apenas uma ocasião de muitas que ele deu aos seus ouvintes cumpridores da Lei, os judeus. Isso não era da conta de quem não era judeus e muito menos agora que a Lei foi abolida ou ab-rogada também para os atuais judeus! Imagine para nós, que não temos nada a ver!

Devemos saber separar as duas alianças ou testamentos. Segundo Hebreus 9:17 o nosso testamento, isto é, dos “não judeus”, que nos diz respeito, começa com a “morte do testador”. Jesus não viveu em carne aqui no mundo, no tempo do segundo testamento.



O dízimo era dado a um sacerdote como mandava a Lei, e segundo Pedro, no testamento de Cristo todos nós somos sacerdotes, portanto, eu estou aberto a quem quiser me dar os seus "dízimos", é só enviar uma MP...


David
É interessante observar que: Quando vocês "dizem" que pastores pedem dízimo interessados no dinheiro dos fiéis a um certo equívoco, muitos pastores estão acostumados a esse costume e não pedem por maldade, se vocês tem um entendimento sobre isso ok! mas não vejo porque julgar que ainda mantém esse costume e é responsável, ou seja, honesto para com os membros. Eu nunca parei para estudar a fundo sobre essa questão do dízimo se é certo ou não! mesmo assim não vejo problemas em dar como expressei acima, pois sei que minha igreja precisa ser abençoada e com isso sou também, e como eu, muitos também não estudaram sobre dízimo apenas entraram automaticamente nesse costume...


jesus te ama
Paz do Senhor irmão!

phaby
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 256
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por E.Ramos em Ter 19 Fev 2013, 8:59 pm

phaby escreveu:Eu nunca parei para estudar a fundo sobre essa questão do dízimo se é certo ou não! mesmo assim não vejo problemas em dar como expressei acima, pois sei que minha igreja precisa ser abençoada e com isso sou também, e como eu, muitos também não estudaram sobre dízimo apenas entraram automaticamente nesse costume...
1-O que está verdadeiramente firmado em Cristo, irá sobreviver sem intervenção ou estratégia humana.
2-Não existe relação entre dar dinheiro na igreja e ser próspero financeiramente.Deus não irá beneficiar alguns endinheirados em detrimento à outros menos abastados.

E.Ramos
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 1193
Localização : São Paulo
flag : Brasil
Data de inscrição : 25/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por David de Oliveira em Ter 19 Fev 2013, 9:44 pm

phaby escreveu:
David de Oliveira escreveu:
EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:
phaby escreveu:

Essa questão de dar ou não dízimo é bastante complicado. A igreja ao qual pertenço prega o dízimo e oferta e não é porque o pastor quer roubar ou enganar o povo, e que já vem desse costume a muito tempo e o dinheiro vai para a manutenção da igreja. Não vejo problema nenhum em dar dízimos além de ofertas, as igrejas precisam para o seu bom funcionamanto. Dou com todo o prazer, nunca tive problemas com isso, sou abençoada sim por dar dízimo e não dou por coação. Um rapaz que já foi da mesma igreja que eu, também não concordava com dízimo tinha a mesma opinião de alguns aqui, ele dava mas como oferta e não dízimo, cara, não vejo porque discutir se deve dar ou não 10% que para mim é muito pouco.
Opinião minha!

se vc tem condiçoes para dar, e nao julga quem tem fé diferente, vc está no seu direito

o problema é que muitos usam malaquias para julgar seu irmao e achar que o camarada vai pro inferno se nao der 10% regradinhos da lei mosaica.

a igreja primitiva se sustentava por ofertas e nao com dizimos.



Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir. Mateus 5:17

Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, Gálatas 4:4

Digo, pois, que Jesus Cristo foi ministro da circuncisão, por causa da verdade de Deus, para que confirmasse as promessas feitas aos pais; Romanos 15:8

Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador. Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive? Hebreus 9: 16,17

“(...) DEVEIS, PORÉM, FAZER ESTAS COISAS, E NÃO OMITIR AQUELAS”. Mateus 23:23.

Este é o principal argumento dos pastores interessados nos dízimos (dinheiro dos fiéis), porém eles não dizem para quem Jesus fêz essa instrução. Não devemos tomar para nós, os “não judeus”, todos os ensinos de Jesus.

Específicamente, Cristo veio para cumprir a Lei e para isso teve de nascer no território aonde aquela Lei imperava e ao nascer sob o domínio da Lei, foi submetido às suas normas como todo e qualquer cidadão judeu.

A instrução legal de “não omitir os dízimos”, foi apenas uma ocasião de muitas que ele deu aos seus ouvintes cumpridores da Lei, os judeus. Isso não era da conta de quem não era judeus e muito menos agora que a Lei foi abolida ou ab-rogada também para os atuais judeus! Imagine para nós, que não temos nada a ver!

Devemos saber separar as duas alianças ou testamentos. Segundo Hebreus 9:17 o nosso testamento, isto é, dos “não judeus”, que nos diz respeito, começa com a “morte do testador”. Jesus não viveu em carne aqui no mundo, no tempo do segundo testamento.



O dízimo era dado a um sacerdote como mandava a Lei, e segundo Pedro, no testamento de Cristo todos nós somos sacerdotes, portanto, eu estou aberto a quem quiser me dar os seus "dízimos", é só enviar uma MP...


David
É interessante observar que: Quando vocês "dizem" que pastores pedem dízimo interessados no dinheiro dos fiéis a um certo equívoco, muitos pastores estão acostumados a esse costume e não pedem por maldade, se vocês tem um entendimento sobre isso ok! mas não vejo porque julgar que ainda mantém esse costume e é responsável, ou seja, honesto para com os membros. Eu nunca parei para estudar a fundo sobre essa questão do dízimo se é certo ou não! mesmo assim não vejo problemas em dar como expressei acima, pois sei que minha igreja precisa ser abençoada e com isso sou também, e como eu, muitos também não estudaram sobre dízimo apenas entraram automaticamente nesse costume...

Eu já fui pró dizimo por muito tempo, mas muuuuito tempo! Era como você, só ficava com a palavra do pastor (não era um bereiano, segundo o Ed). Era muito mais radical que muita gente e achava que, quem não dizimava estava "desviado". Conheci muitos pastores e sou amigo de alguns, mas todos eles, mesmo indiretamente defendem o seu ganha-pão (melhor salário) quando instituem, mesmo sorrateiramente, o dízimo. Não estou falando dessas indústrias religiosas, não! Falo de pessoas sérias e bem intencionadas num grau normal de tolerância social.

O nosso maior mal é seguir a maioria, é mais fácil, ao invés de procurar saber se essa maioria está certa ou não.


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8351
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Qui 07 Mar 2013, 12:55 pm

Vídeo mostra pastor Marco Feliciano pedindo senha do cartão de fiel


  • ‘Samuel de Souza doou o cartão, mas não doou a senha. Aí não vale’, diz indicado para presidir Comissão de Direitos Humanos da Câmara


RIO - Em vídeo que circula pelas redes sociais, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP), indicado para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, recolhe doações de fiéis da Assembleia de Deus, na Catedral do Avivamento, sua igreja. Feliciano aceita doações de motocicletas, pede cheques, dinheiro e anuncia recompensas divinas. Em determinado momento, com um cartão na mão, ele diz:
- É a última vez que eu falo. Samuel de Souza doou o cartão, mas não doou a senha. Aí não vale. Depois vai pedir o milagre pra Deus e Deus não vai dar e vai falar que Deus é ruim.


Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais/video-mostra-pastor-marco-feliciano-pedindo-senha-do-cartao-de-fiel-7765065#ixzz2Mrzv1oys
© 1996 - 2013. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
[/quote]

http://oglobo.globo.com/pais/video-mostra-pastor-marco-feliciano-pedindo-senha-do-cartao-de-fiel-7765065#ixzz2MpEZA4Kj

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por abençoado em Qui 07 Mar 2013, 6:28 pm

I74M4R escreveu:Na terra, não chamem a ninguém Pai, pois um só é o Pai de vocês, aquele que está no céu (Mt 23,8-9)

Se as pessoas entendecem isso não ficariam servindo a homens e suas doutrinas cada vez mais podres......

O nosso salvador é o Grande Pastor das Ovelhas.........

O que aprendemos na denominação é ser fiel a homens e obedecer suas doutrinas...

Congregar é se reunir com a igreja "CORPO" isso pode ser feito em varios lugares como o propio salvador se reunia....
Instituição religiosa ja e outra coisa totalmente ao avesso do que o Salvador nos estabeleceu....ele não morreu numa cruz para fundar uma religião ou uma denominação....
Mas pra unir o Corpo em uma so cabeça que é "CRISTO".....
A ordem é Ide e Pregai......e não Vinde e escutai.....

Sai dela povo meu !!!!



Eu particulamente não frequento templo nenhum ...não fasso parte de nenhum aprisco...ou Denominação....
Mas faço parte do CORPO DE CRISTO ....
Pois separados ou juntos estamos ligados pelo o cabeça que é CRISTO

Seu Salvador falou alguma coisa como:

Mas, se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda a palavra seja confirmada.
E, se não as escutar, dize-o à igreja; e, se também não escutar a igreja, considera-o como um gentio e publicano.
Em verdade vos digo que tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes na terra será desligado no céu.
Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus.
Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles
Mateus 18:16-20

Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.
Hebreus 10:25

Não existe "reunir-se em qualquer lugar", fora de uma igreja levantada por Deus.Amén, pode reunir até debaixo da ponte..mas tem pastor com chamado para pregar às ovelhas?Tem ministérios?
Se não tem, é fake. Cuidado com esse pensamento de "demonizar" as igrejas, irmão.Jesus mandou reunir sim, mas num CORPO COM ORDEM ESTABELECIDA, se você não quer congregar, é um direito seu mas não tente atrair outras pessoas, muito menos usando argumentos generalistas e preconceituosos do tipo "pastor x faz isso, logo todos os pastores fazem isso".
A congregação é um mandamento biblíco, quer ser goste quer não.

abençoado
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1851
flag : Estados Unidos
Data de inscrição : 22/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Ed em Qui 07 Mar 2013, 8:07 pm

EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:
Ed escreveu:
EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:

Muito bom o quadro mostrando a ganância deste lobo gospel que é o Silas malavéia.

quando se trata no debate sobre os homossexuais, ele é o unico a colocar a cara a tapa

porem erra ao adotar a postura de teologo da prosperidade.
Mas meu caro irmão, levantar uma bandeira contra GLS, é para ganhar simpatizantes gospel para o que ele realmente quer. É apenas um disfarce...

sifrãozinho
Din-Din...

Homens de Deus são de Deus por completo.


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3155 dias de existência com 228785 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11000
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Qui 07 Mar 2013, 11:22 pm



Pastor Marco Feliciano responde a ação por estelionato no STF

Brasília - Além de ser acusado de homofobia e racismo, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP), novo presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, também responde a uma ação penal no Supremo Tribunal Federal (STF) por estelionato. Ele é acusado de ter subtraído de uma produtora de shows evangélicos do interior do Rio Grande do Sul o valor de R$ 13,3 mil.

Segundo denúncia do Ministério Público do Rio Grande do Sul, que passou a tramitar no STF quando Feliciano tornou-se deputado federal, ele foi contratado para participar de um show gospel na cidade de São Gabriel, distante 320 quilômetros de Porto Alegre, mas não compareceu. A apresentação deveria ter acontecido dia 15 de março de 2008 e Feliciano era apontado como a atração principal da noite.

Nos autos do processo, ele alegou “motivos de força maior” para não comparecer ao show em São Gabriel. Mas no transcorrer da investigação, o MP descobriu que ele tinha outra apresentação no Estado do Rio de Janeiro, no mesmo dia e horário da apresentação marcada no Rio Grande do Sul. “A vítima depositou o valor imposto pelos denunciados, assim como teve outros gastos com passagens aéreas e transporte”, afirma na denúncia a promotora de Justiça Criminal da Comarca de São Gabriel, Ivana Battaglin.

De acordo com a promotora, a proprietária da produtora de shows evangélicos responsável pela organização do evento, Liane Pires Marques, sofreu uma verdadeira “espoliação em seu patrimônio”. “Haja vista que os denunciados agendaram outros compromissos sem dar satisfação a ela, sabendo de antemão que não cumpririam com o que foi pactuado”.

Além de ter pago os R$ 13 mil em espécie para o pastor, Liane Marques alega nos autos ter um prejuízo de aproximadamente R$ 100 mil. O valor contabiliza gastos com publicidade, logística e ressarcimento de preço de ingressos de pessoas que foram ao show exclusivamente para ver o pastor Marco Feliciano.

Ainda segundo o Ministério Público do Rio Grande do Sul, a responsável pelo show tentou em vários momentos manter contato com o pastor Marco Feliciano, mas sem sucesso. Ela também pediu ressarcimento dos R$ 13 mil. O valor foi pago à responsável pelo show apenas no final do ano passado, após determinação judicial. “Ele já marcou (o show) sabendo que não compareceria. Ele não é onipresente”, ressaltou a promotora Ivana Battaglin.

A ação tramita no Supremo desde maio de 2011 e está sob a relatoria do vice-presidente da Corte, Ricardo Lewandowski. O processo está pronto para ser julgado a qualquer momento. Ele alegou também nos autos do processo que os organizadores do show poderiam marcar outra data para a apresentação. Na ação, Feliciano disse ter sido “surpreendido” com o processo por estelionato. Estelionato é um crime passível de um a cinco anos de prisão.

Indicado pelo PSC, o pastor Marco Feliciano foi eleito presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara com 11 dos 12 votos dos deputados presentes, um a mais do que o mínimo necessário para ser eleito. Um dos votos foi em branco. O iG tentou contato com Feliciano, mas até a publicação da reportagem não obteve retorno.


http://odia.ig.com.br/portal/brasil/pastor-marco-feliciano-responde-a-a%C3%A7%C3%A3o-por-estelionato-no-stf-1.557997

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Três Pastores da Igreja Maranata presos: Desvio de dízimos e ameaça a testemunhas

Mensagem por Gil Rocha em Sex 15 Mar 2013, 9:14 pm

Nunca é demais lembrar o que Falou Jesus de Nazaré, o Senhor:

"... É inevitável que venham escândalos, mas ai do homem pelo qual eles vêm!"
Lucas 17:1


Três pastores da Igreja Maranata são presos sob acusação de ameaçarem testemunhas da investigação de desvio de dízimos

Publicado por Tiago Chagas em 15 de março de 2013

O caso de desvio de dízimos na Igreja Maranata que vem sendo investigado pelo Ministério Público do Espírito Santo teve um novo episódio nesta quinta-feira, quando três pastores foram presos sob acusação de agirem de forma intimidatória contra fiéis da denominação e autoridades.

Os pastores presos foram o presidente afastado Gedelti Gueiros, que teve o benefício da prisão domiciliar devido estar com mais de 80 anos de idade; o atual presidente Elson Pedro dos Reis e o pastor Amadeu Loureiro, que foram encaminhados para o Centro de Triagem de Viana; além do advogado Carlos Itamar Coelho Pimenta, que ficará no Quartel da Polícia Militar, em Maruípe, Vitória, segundo informações do G1.

As acusações que levaram o Ministério Público a pedir prisão preventiva dos pastores foi o surgimento de testemunhas que estavam procurando a justiça para refazer seus depoimentos, retirando acusações. O MP identificou que estava havendo coação através da pregação da mensagem, relegando os membros que colaboravam com as investigações a um ostracismo dentro da denominação. Em um dos casos, a testemunha relatou ter sido chamada para conversar numa sala, e quando chegou ao local, havia uma arma de fogo sobre a mesa.

“Membros da Igreja Cristã Maranata estavam sendo coagidos pelos líderes da igreja. É uma instituição hierarquizada. O pastor por ser o líder tem a dominação de todo o seu rebanho, e o que ele diz deve ser realizado. Então, essa coação, diferente da normalidade, onde a coação é direta dizendo o que uma pessoa deve fazer ou deixar de fazer, ela é feita através do uso de uma interpretação manipulada da Bíblia”, contextualizou o promotor Paulo Panaro, em entrevista ao telejornal Bom Dia Espírito Santo.

Essa constatação foi reforçada pelo também promotor Jerson Ramos: “Distorciam a forma da mensagem, trazendo informações subliminares, que acuavam as pessoas, que ficavam subjugadas às pessoas que transmitem a mensagem. As pessoas ficaram apavoradas”, pontuou.

Essas intimidações se valiam de termos que são comuns no jargão evangélico: “O que se observa é o seguinte, dentro da instituição, a expressão ‘caído’ para eles é muito grave. Você ser um caído é gravíssimo, ser um excluído é gravíssimo. Eles excluíam as pessoas dentro da própria instituição, ela [a pessoa] é relegada a segundo plano, como forma de coação, eles se sentiam caídos, excluídos”, ressaltou o promotor Panaro.

A Igreja Maranata limitou-se a divulgar uma nota em que afirma que a instituição nunca coagiu testemunhas ou ameaçou autoridades, e que está processando judicialmente aqueles que fizeram acusações à denominação.

No entanto, o promotor Panaro afirmou que novas intimidações ocorreram após a prisão dos pastores, e que uma testemunha que não havia recuado para retirar seu depoimento, foi ameaçada por telefone.

“Mesmo a Justiça tendo determinado a prisão dessas pessoas com a finalidade de fazer cessar essas coações, parece que a ação da Justiça não as intimidou. Ontem (terça-feira), cheguei ao meu gabinete e encontrei um documento assinado de uma das vítimas, falando que tão logo a imprensa veiculou a notícia das prisões, a pessoa recebeu três telefonemas ameaçadores. Diziam ‘Fulano, você viu o que você fez?’ Eu vim de longe para te pegar, vou só esperar a poeira baixar para você ver o que vai acontecer [...] Essa é uma testemunha que queriam que ela se retratasse, ela não se retratou e isso está acontecendo com ela. Vou investigar as ligações para detectar os proprietários das linhas e tomar as medidas cabíveis”, concluiu Panaro.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

http://noticias.gospelmais.com.br/igreja-maranata-pastores-presos-acusacao-ameacarem-testemunhas-51393.html


Gil Rocha

Gil Rocha
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 441
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/09/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por EVANGELISTA/RJ/MSN em Sab 16 Mar 2013, 7:39 am




Salário de Maurício Mattar na Record será de R$ 40 mil

Maurício Mattar soube valorizar seu passe durante o tempo em que ficou fora do ar. O ator, cujo último trabalho regular na televisão foi como o delegado Pontes, no seriado ‘Na Forma da Lei’, assinou recentemente com a Record e vai receber um salário de R$ 40 mil. Maurício, que começou na Globo em 1985, em ‘Roque Santeiro’, e foi um dos principais galãs da emissora por duas décadas, estava sem contrato, dedicando-se apenas à carreira musical.

Contratado a peso de ouro pela Record, Maurício fará parte do elenco de ‘Dona Xepa’, novela que vai substituir ‘Balacobaco’. O ator vai interpretar Júlio César Pantaleão, casado com a personagem de Luiza Tomé e pai de Vitor Hugo, papel de Marcio Kieling, e Lis, vivida por Rayana Carvalho. Mattar fará um empresário que, ao contrário de sua mulher, não gosta de ostentar sua riqueza e que pretende passar o comando das empresas para o filho.


http://blogs.odia.ig.com.br/leodias/2013/03/15/salario-de-mauricio-mattar-na-record-sera-de-r-40-mil/

EVANGELISTA/RJ/MSN
administrador
administrador

Número de Mensagens : 6000
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Ed em Sab 16 Mar 2013, 8:40 am

EVANGELISTA/RJ/MSN escreveu:
Tem tudo errado com o Malafaia! sim

Joa 10:10 - O ladrão não vem senão a roubar...


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3155 dias de existência com 228785 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11000
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Os templos das igrejas estão cheios até ás portas! - parte II

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 8:19 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 12 de 14 Anterior  1 ... 7 ... 11, 12, 13, 14  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum