.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
62 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 62 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

A VERDADE SOBRE YESHUA Quem foi Yeshua? Como ele viveu? A que grupos sociais ele pertencia?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A VERDADE SOBRE YESHUA Quem foi Yeshua? Como ele viveu? A que grupos sociais ele pertencia?

Mensagem por alicarvalho em Ter 11 Dez 2012, 5:02 pm

Conhecido popularmente como "Jesus Cristo" ou "Jesus de Nazaré", porém seu nome verdadeiro é Yeshua. Mas poucas pessoas o sabem.
Uma das grandes mentiras que a "Nova Era" divulga entre os povos é a idéia de que o Eterno pode ser do jeito que você desejar que ele seja. É como um supermercado espiritual, onde as pessoas podem escolher naquilo que quiser crer. Infelizmente, muitos dos seguidores de Yeshua fazem o mesmo com ele, ás vezes até mesmo sem perceber.
O Yeshua que é apresentado nos evengelhos, não é uma pessoa mística que se enquadra a qualquer gosto. Yeshua nasceu, cresceu, viveu e pregou entre os judeus. Fez discípulos judeus, que o descreveram nos livros do Novo Testamento (B'rit Chadashah) dentro de uma visão judaica. Se o removermos de seu contexto judaico, jamais o entenderemos de fato.
O movimento iniciado por Yeshua, cresceu tanto que hoje é encontrado em cada tribo e nação do planeta. Tal fé rompeu todas as barreiras sociais e culturais.
Em Yeshua, a mensagem do Eterno é para todos (a salvação é para todos - judeus e gentios) e não há divisões raciais ou étnicas. Contudo, o centro da fé bíblica é Yeshua, e Yeshua é judeu.

O Nascimento de Yeshua
Nasceu de uma mulher judia, e pertenceu a uma família típica judaica. Como todo filho homem judeu, fez a B'rit Milá (circuncisão) ao oitavo dia. De acordocom a tradição judaica, recebeu seu nome no dia em que foi circuncidado, como os judeus fazem até hoje.
Ele recebeu o nome de Yeshua. O nome foi dado porque Yeshua significa "salvação". Yeshua recebeu a missão de salvar o seu povo de todos os seus pecados.
Pergunta: "Yeshua falhou em tal missão?
Espero que ninguém responda que sim! Se Yeshua não falhou, por que ainda há pessoas que insistem em dizer que os judeus não serão salvos?
O povo de Yeshua são descendentes de Abraão, Isaque e Jacó. O povo de Yeshua é o povo judeu.

A Vida Comunitária de Yeshua

Yeshua foi criado como judeu, numa comunidade que seria equivalente ao que é hoje uma comunidade judaico ortodoxa. Você conhece uma comunidade judaico ortodoxa? Não? Sem ao menos sabermos como é, jamais entenderemos a Yeshua plenamente.
Natzeret (Nazaré), cidade onde Yeshua nasceu, foi fundada pelos descendentes do rei Davi, e ficava na Galiléia; uma região totalmente judaica.
Você conhece a história da Galiléia, berço do nosso Salvador? Pois é, pouco se divulga nas igrejas que a Galiléia era um dos maiores centros de estudos judaicos de Israel naquela época. Yeshua não simplesmente "nasceu sabendo"tudo o que ele sabia. Lembre-se de que ele se desfez de sua glória para se tornar humano.
Não foi por acaso que o Pai o colocou naquele local. Yeshua aprendeu de perto com alguns dos maiores rabinos daquela época. Você sabia que muitos dos seus ensinamentos são citações de tais rabinos? Como podemos ver, sem conhecermos o trabalho de tal rabino, como compreender a educaçaõ que teve nosso Messias? Yeshua foi educado como um parush (fariseu).
Certamente que tal educação influenciou suas disputas teológicas com algumas escolas farisaicas. Ao contrário do que muitos crêem, Yeshua não era contra TODOS os fariseus, mas tinha disputas sérias com os p'rushim (fariseus) da escola de Shamai, que eram extremamente legalistas.
Sua vida na comunidade judaica foi absolutamente normal. Conforme o costume judaico, ele observava todas as festas bíblicas, e buscava o Pai no Shabat, o dia que o Eterno, desde a fundação do mundo estabeleceu como Seu dia.

A Alimentação de Yeshua

Se queremos seguir os passos de Yeshua, devemos imitá-lo até mesmo com base na sua alimentação; o que também é exemplo e faz parte das leis do Eterno. Yeshua tinha uma alimentação saudável kasher (alimentação justa), segundo a Torah (Lv 11).
Isto significa que carnes como a de porco, coelho, répteis, camarão, etc; além de boa parte da gordura animal, não faziam parte da sua dieta. Durante o Pêssach, a chamada 'páscoa judaica', Yeshua como todo bom judeu comia apenas pão sem fermento.
Yeshua também jejuava no Yom Kippur, o conhecido dia da expiação, quando o Cohen Gadol (Sumo Sacerdote) oferecia sacrifício pela expiação dos pecados do povo.

Como Yeshua se Vestia?

Yeshua se vestia como judeu. Isto significa que não misturava lã com linho, conforme determinação da Torah. Certamente, Yeshua usava o talit, o sagrado manto de oração que contém os tsitsit, que são as franjas que a Torah determina que usemos, para nos lembrarmos de que devemos viver segundo os preceitos do Eterno.
Os tsitsiot de Yeshua possuíam um fio azul, que simbolizava o caminho de safira descrito em Shemot (Êxodo 24:10), ou seja o caminho do Eterno. Foi justamente nos tsitsit de Yeshua, que a mulher que padecia de fluxo de sangue, o tocou e foi curada. Não foi um simples ato de tocar Yeshua, tocar nos tsitsit, significava que ela reconhecia nele a autoridade de Messias.
A Torah do Eterno nos guarda para que não pequemos em nossa mente, nem em nossos atos.

Yeshua e a Sinagoga

No Shabat, pela manhã, Yeshua ia à sinagoga. Ao contrário de muitos, atualmente, fazem tudo através de um microfone; Yeshua sabia que antes de poder falar e questionar, era necessário aprender. Provavelmente, como era de costume, aos cinco anos Yeshua começou a aprender hebraico (sua língua nativa era o aramaico) e a estudar a Torah do Eterno. Por volta dos treze anos, Yeshua provavelmente fez o Bar Mitsvá, uma cerimonia que marca a passagem da criança para a vida adulta. Como todo judeu, aos treze anos Yeshua tinha que saber de cór toda a Torah. Fica a pergunta: "Nós que nos dizemos seguidores dele, quanto das Escrituras sabem nossos filhos aos treze anos? Será que nós sabemos hoje, tanto quanto um menino judeu sabia, no tempo de Yeshua? Como teremos uma fé sólida sem conhecermos as Escrituras?
No Shabat, Yeshua não só aprendia a Torah, como recitava bênçãos. Estas bênçãos não são como nas igrejas pós-modernas. Não visavam prosperidade, mas sim, darmos o devido reconhecimento ao Eterno, da soberania d'Ele sobre nossas vidas.
Ao declararmos Sua Majestade, fortalecemos nossa fé. Ao fortalecermos nossa fé, nossa vida espiritual melhora. Com a vida espiritual melhor, somos mais felizes, mais preparados e nos sentimos mais próximos ao Eterno.
O menino Yeshua sabia disto ao ler o Sidur (livro de bênçãos) a cada Shabat. Após sua maioridade, Yeshua também passou a participar da leitura do Tanach. É tradição judaica, até hoje, lerem-se muito os textos sagrados no Shabat. Foi desta forma que Yeshua pôde ler o rolo de Yesha'yahu (Isaías) e declarar que ele era o seu cumprimento. Yeshua sempre argumentava a partir das Escrituras, expondo-as perante o questionador (uma técnica rabínica).
Ao final do Shabat, Yeshua participava do kidush, que é o animado partir do pão, onde damos graças ao Eterno pelas provisões semanais. Os discípulos de Yeshua mantiveram essa prática após os serviços, tanto que é mencionado (o partir do pão), diversas vezes no livro de Atos.

Yeshua se Torna um Rabino

Yeshua tornou-se um respeitado rabino. Para alguém se tornar um rabino, é necessário (até hoje) muito estudo. Este foi certamente um dos motivos, ou talvez "o" motivo, de seu ministério só ter se iniciado por volta dos trinta anos. Ele ensinava a partir do Tanach(Bíblia: Antigo Testamento). Ao contrário do que é mostrado nos filmes, a grande maioria dos discípulos de um rabino, eram meninos, bastante jovens. Com Yeshua não era diferente. Vemos até mesmo pela idade em que morreram que os discípulos de Yeshua tinham, no máximo, entre 13 e 20 anos. Portanto, eram meninos inexperientes.
Diferente da nossa cultura, que vamos à escola e permanecemos por 4 a 5 horas e depois voltamos para casa, um discípulo no judaísmo vivia com o seu rabino. Eles não desviavam os olhos de Yeshua, um minuto sequer. Será que somos assim?

Yeshua Eternamente Judeu

Infelizmente, ao longo dos séculos, transformaram a figura de Yeshua no "Jesus anti semita", que encontramos em várias igrejas. A teologia anti judaica e premissa (idéia, teoria) de que não é importante vivermos conforme as leis do Eterno, nada tinham haver de semelhante com a pregação do rabino Yeshua; um grande judeu que viveu o pleno cumprimento da Torah.
Yeshua é um judeu, viveu como judeu, morreu como judeu, e de acordo com Ezequiel, continuará a ser o Sumo Sacerdote segundo a ordem de Malki Tzedek (Melquizedeque), oficiando no Templo judaico de Jerusalém.
Tão precioso sangue de Yeshua, derramado por nossos pecados no madeiro, era sangue judeu. E a placa acima de seu madeiro dizia: "Yeshua de Natzeret, Rei dos Judeus".

Mais de 300 Profecias das Escrituras Hebraicas revelam Yeshua como o Messias

alicarvalho
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1915
Idade : 37
Localização : Muriaé-MG
flag : Brasil
Data de inscrição : 03/12/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum