.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
61 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 61 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Sex 14 Set 2012, 9:29 pm

oliveira leite escreveu:Pode então a verdade ser relativa dependendo do referencial?
abç

dependendo da sua resposta (poderei te chamar de mentiroso ou verdadeiro)

Não acho que exista verdade relativa. Pode até haver Verdade parcial, quando a mesma coisa tem mais de um aspecto:
Exemplo: - "Pulei de um barranco de 10 metros e não me machuquei".
Pulei do barranco - Pode ser verdade.
De 10 metros - Pode ser mentira.
e não me machuquei - Pode ser verdade ou mentira.

Se machucou pouco e disse que não machucou, não é uma verdade relativa. É uma mentira.
abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Cal em Sex 14 Set 2012, 10:02 pm

Fulano pulou de 800m de altitude e não se machucou.

E é verdade, ele usava um pára-quedas.


A verdade, somente a verdade, nada mais que a verdade.

Cal
Moderador Agnóstico
Moderador Agnóstico

Número de Mensagens : 2788
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por abençoado em Sab 15 Set 2012, 6:08 pm

Alfredo Bernacchi escreveu:
oliveira leite escreveu:Pode então a verdade ser relativa dependendo do referencial?
abç

dependendo da sua resposta (poderei te chamar de mentiroso ou verdadeiro)

Não acho que exista verdade relativa. Pode até haver Verdade parcial, quando a mesma coisa tem mais de um aspecto:
Exemplo: - "Pulei de um barranco de 10 metros e não me machuquei".
Pulei do barranco - Pode ser verdade.
De 10 metros - Pode ser mentira.
e não me machuquei - Pode ser verdade ou mentira.

Se machucou pouco e disse que não machucou, não é uma verdade relativa. É uma mentira.
abç

Ora ..ora..parece que o Alfredo é um ateu não relativista.

abençoado
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1851
flag : Estados Unidos
Data de inscrição : 22/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por abençoado em Sab 15 Set 2012, 6:09 pm

Cal escreveu:Fulano pulou de 800m de altitude e não se machucou.

E é verdade, ele usava um pára-quedas.

:risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha: :risadinha:

abençoado
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1851
flag : Estados Unidos
Data de inscrição : 22/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Dom 16 Set 2012, 1:41 pm

JÁ MOSTREI E JÁ PROVEI.
EU TENHO MUITAS RAZÕES PARA NÃO FAZER COISAS RUINS - ABRAÇOS

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Eterna em Dom 16 Set 2012, 3:09 pm

[quote="Guilherme"]
Eterna escreveu:Moral só é comprovada através de comportamento e não de afirmativas!

O procedimento a que você se refere é imoral! Acho que você não está entendendo o comprometimento do caráter do ser humano ao adotar este comportamento.

O comportamento a que me refiro e pecado, que possui uma dimensao muito mais profunda. "Procedimento" nem cabe aqui. O que voce nao entende, e que os ateus possuem um problema MORAL e nao intelectual.
e porque digo isso? porque eles (e vc, se for uma mulher ateu) negam a propria consciencia que o criador lhes deu. Por isso acho que a consciencia tb e muito mais profunda do que "carater", que nao passa de comportamentos aprendidos, treinados. Emocao, intelecto.

Quanto evangélico sua atitude é amoral!

No mais, não sou uma mulher atéia, sou espírita! A consciência é parte integrante do indivíduo que nos leva a reconhecer e perceber com clareza o que e como sentimos, pensamos, agimos e reagimos, em nosso viver cotidiano.

AK fez a seguinte pergunta aos espíritos: “Onde está escrita a lei de Deus?” Eles não responderam: “Na Bíblia” e sim “Na consciência”.

Por isso, todos os seres humanos, quando tomam consciência da sua individualidade, fazem as mesmas perguntas e encontram as respostas que seu desenvolvimento intelectual e moral indicam: Quem somos?, De onde viemos? e Para onde vamos?


Ao negar Deus o ateu nega sua propria consciencia. "Ninguem vai me dizer o que faco com minha vida!!!" esse problema e a questao moral que me refiro. Se nao ha autoridade, nao ha "carater" nenhum que resista por um segundo a natureza pecaminosa e decaida humana.

Vc e um outro amigo ai estao confundindo moral com quebra de regras.

Absolutamente! Quanto mais o homem se desenvolve intelectual e moralmente mais ele se educa no conhecimento e na vivência das leis de Deus.

Só chegamos a progressão espiritual através das lutas materiais até atingir um momento em que adquirimos a consciência da realidade espiritual e das necessidades de mudança e de transformação por que temos dentro de nós, gravado na consciência, a lei de Deus que leva a evolução.


Nascer, viver, morrer, renascer ainda e progredir sempre, tal é a lei.

Eterna
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3828
Localização : Sampa
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/04/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Dom 16 Set 2012, 11:27 pm

Eterna, as filosofias espíritas são algo aproveitáveis, apenas com uma única restrição:

ESPÍRITOS NÃO EXISTEM...

Fiz um vídeo com esse mesmo título, onde demonstro que as manifestações ditas espirituais, não passam de Hipnose e auto hipnose... Se quiser, dê uma olhada (Youtube)
Se você ler A BÍBLIA DO ATEU, eu abordo esse tema com profundidade e demonstro as razões pelas quais eu penso assim. Aliás, tenho certeza. Você pode concordar ou não.
Se quiser pegar está no SCRIBD. É só baixar.
bjs

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por C3BOL4RT em Qui 20 Set 2012, 1:33 am

Se o ateu verdadeiramente não crê em um Deus TODO PODEROSO, por que a preocupação em querer desacreditar outras pessoas na existência Deste mesmo?

Por que a insistência em provar a inexistência Daquilo que não acreditam?

Se eles tivessem certeza real em que acreditam não estariam participando de conluios e debates acerca do qual dizem não merecer atenção nem crédito...

Se cada uma destas criaturas, SIM CRIATURAS, pq não possuem entendimento nem sabedoria nenhuma sobre si mesmos, baseando-se em ideias de outras CRIATURAS néscias, que se baseiam em fundamentos sem nexo, procurassem mesmo alguma explicação lógica, para o sentido da vida, com certeza descobririam que isto está escrito na tábua de carne de seus corações, mas pela preocupação e cuidado com as coisas do mundo, estão cegos e ainda perdidos em seus próprios caminhos sem saída.

Um dia Deus abrirá a mente destes habitantes da terra, no sentido de fazerem caírem de joelhos em sinal de arrependimento e implorando perdão, reconhecerão o poder e a glória Daquele que os conhecia desde o ventre de suas mães... E ESTE DIA ESTÁ MAIS PROXIMO DO QUE IMAGINAM..!!!

Então entenderão que os sinais atuais estão apontando para um despertar universal quanto ao advento.

Os avisos estão em todos os lugares, basta abrirem os olhos e verão, se não estão conseguindo, é porque nao querem, ou não tem forças SUFICIENTES para isso e nao fazem idéia de quem está os cegando...

Glória eterna ao Deus todo poderoso, toda honra e poder ao Senhor dos exércitos.

EM NOME DO SENHOR JESUS!!!

AMEM!!!

C3BOL4RT
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 15
flag : Brasil
Data de inscrição : 04/09/2012

http://www.sobrevivenciacrista.webnode.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Segatti em Qui 20 Set 2012, 3:31 pm

Jumper escreveu:
Abdicar de prazeres não equivale a deixar de fazer coisas ruins tampouco implica que quem não abdica esteja fazendo coisa ruim.
Cristãos abdicam dos prazeres por causa do peso negativo que a religião dá aos prazeres carnais.
Em que abdicar de prazer tem a ver com "grande e infinita razão"? Ter prazeres com consciência é muito melhor do que abdicar totalmente de prazeres.

O problema é vivendo no ateísmo não precisamos abdicar nenhum prazer. Já pensou nas consequências disso?

Generalização? Ok então:
Cristãos: Acreditam na próxima vida, não nessa, essa vida é totalmente sem propósito, afinal esperam ser recompensados após uma vida de abdicações.

Não estou generalizando. A vida num ponto de vista ateísta é de fato sem nenhum propósito. Claro que você pode escolher um propósito qualquer, mas propósito geral e definitivo nenhum.

Ao meu ver, é melhor procurar prazer do que procurar sofrimento.
Prazer, quando não envolve o sofrimento dos outros, não vejo porque considerar ruim.

Que razão teria um ateu para seguir a regra de não envolver o sofrimento dos outros? Como já falei não existe propósito nenhum nisso. Você que está inventando uma regra a ser seguida, mas não é como se um ateu devesse realmente seguir isso.

Como ateus dão muito valor a essa vida, como você mesmo falou, a tendência é que os mesmos não a desperdicem sendo presos ou mortos.
É uma razão melhor do que "não vou matar para não ir para o inferno".

Não é como se todos os que fizessem coisas ruins sempre acabassem mal, você sabe disso. E analisando os riscos, e se uma pessoa achasse que suas práticas valeriam a pena mesmo com esse perigo pra ela?

Então cabe à pessoa dar propósito a vida dela.
Francamente não acho que ficar o tempo todo enfurnado numa igreja me arrependendo de pecados, evitando ter prazer seja algo que dê propósito a vida.

A coisa triste é que não importa o quão bem você acha que viva, você vai ter o mesmo destino de qualquer outro. Se você "aproveitou" (entre aspas porque é totalmente relativo) a vida mais que um crente isso em ultima instância vai importar? Obviamente que não.

Quando alguem quer fazer algo ruim não importa a crença.
Se o que você falasse fosse, bem, verdade, cadeias teriam a maioria de ateus por dois motivos:
1o, ateus cometeriam mais crimes, afinal, ele pode fazer tudo!!!
2o, cristãos seriam minoria, afinal, eles não poderiam cometer crimes com medo de ir para o inferno.
Bom, não preciso levantar estatísticas, mas ambas afirmações estão erradas. Há menos ateus, percentualmente, do que há na sociedade.

Sabe qual a diferença de um cara religioso matar por nada e um ateu matar por nada? O religioso estaria cometendo uma profunda ofensa contra a sua própria crença, estaria sendo um hipócrita. O ateu não estaria fazendo nada de verdadeiramente errado. Essa é o propósito desse tópico.

Qualquer crença ou descrença não-cristã é incoerente para um cristão... é a base do cristianismo: tratar mal as outras crenças e descrenças.

Tratamos tão bem que em todos os países cristãos os próprios deixam a liberdade de acreditar no que quiser, e até mesmo para atacar o cristianismo. Agradeça por isso.

Segatti
Safira
Safira

Número de Mensagens : 103
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Segatti em Qui 20 Set 2012, 3:38 pm

rbarros escreveu:Segatti, esqueces que é o Amor quem pratica boas ações?

E para se amar, é necessário crer em deuses, ou é necessário cultivar este sublime sentimento?

Acima da Fé, e de qualquer outro sentimento, está o Amor. Quem ama cuida, vela, protege, apóia, sustenta, doa, e etc.

Crente ou ateu, ame em primeiro lugar.

Acho ótimo que você pense assim, mas não faz sentido que você diga que todos devam pensar assim por puro desejo pessoal.

hintzejtby escreveu:Nem todos os ateus são niilistas, não acreditar em deus não significa que não acreditem em propósitos para a vida.

Eles podem de fato inventar um significado, mas isso não quer dizer que o mesmo realmente tenha valor.

Eterna escreveu:
rbarros escreveu:Segatti, esqueces que é o Amor quem pratica boas ações?

E para se amar, é necessário crer em deuses, ou é necessário cultivar este sublime sentimento?

Acima da Fé, e de qualquer outro sentimento, está o Amor. Quem ama cuida, vela, protege, apóia, sustenta, doa, e etc.

Crente ou ateu, ame em primeiro lugar.

O problema é que não podemos definir o que é melhor apenas pelo que sentimos ou pelo que achamos conveniente :chapeu:

hintzejtby escreveu:Nem todos os ateus são niilistas, não acreditar em deus não significa que não acreditem em propósitos para a vida.

Será mesmo? Um ateu pode certamente fingir um significado, mas não quer dizer que o mesmo tenha valor.

Isto é um escândalo!

Textos como estes devem ser motivo de Boletim de Ocorrência (BO) com posterior abertura de processo criminal!
Aos desavisados, preconceito é crime! Não existe nada que infere que ateus são criminosos por falta de religiosidade!
É sempre bom lembrar que a igreja sempre cometeu crimes e ainda os comete até através dos seus fiéis. E não é por menos que temos padres e pastores respondendo processos criminais.

E você ainda deixa "bônus" como se prestasse um favor?

Que a terra seja leve para você e todos os simpatizantes do "magnifico texto".

Você não entendeu nada do que eu quis dizer, e ainda nem teve a humildade de perguntar pelo visto. Será que posso fazer um bo contra cretinice também?

Segatti
Safira
Safira

Número de Mensagens : 103
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Jumper em Qui 20 Set 2012, 9:35 pm

O problema é vivendo no ateísmo não precisamos abdicar nenhum prazer. Já pensou nas consequências disso?
Ter uma vida livre sem ninguém para ditar o que pode ou não ser feito?

Não estou generalizando. A vida num ponto de vista ateísta é de fato sem nenhum propósito. Claro que você pode escolher um propósito qualquer, mas propósito geral e definitivo nenhum.
Você fala do ponto de vista de um religioso que acredita que o objetivo maior da vida é se dedicar a rezar, se privar para que um dia você seja parabenizado por todo seu sofrimento por uma entidade sobrenatural.
Você é como a criança que se comporta o ano todo para ganhar presente do papai noel e que não entende como o vizinho não faz o mesmo, já que este não acredita no Papai Noel.
Propósito de vida as pessoas devem buscar para si mesmas... respostas pré-fabricadas são as piores respostas.
E, uma vez que ateus não acreditam em vida após a morte, eles tem que acreditar em vida antes da morte, tem que acreditar nos seres humanos, no progresso, em ter uma vida melhor aqui mesmo. E isso é bom.

Não é como se todos os que fizessem coisas ruins sempre acabassem mal, você sabe disso. E analisando os riscos, e se uma pessoa achasse que suas práticas valeriam a pena mesmo com esse perigo pra ela?
Nesse caso não vejo em que uma religião ou crença evitaria que tal pessoa cometesse o delito.
A diferença é que ateus não se enganam a si mesmos falando que após cometer tal delito vão rezar muito para absolver os pecados e tudo vai ficar bem.
Consciência dos próprios atos é um passo e tanto.

A coisa triste é que não importa o quão bem você acha que viva, você vai ter o mesmo destino de qualquer outro. Se você "aproveitou" (entre aspas porque é totalmente relativo) a vida mais que um crente isso em ultima instância vai importar? Obviamente que não.
Em última instância nada vai importar... Logo, devemos aproveitar a vida, porque ela é tudo que temos enquanto a temos.

Sabe qual a diferença de um cara religioso matar por nada e um ateu matar por nada? O religioso estaria cometendo uma profunda ofensa contra a sua própria crença, estaria sendo um hipócrita. O ateu não estaria fazendo nada de verdadeiramente errado. Essa é o propósito desse tópico.
Então o problema é que religiosos são hipócritas e ateus são honestos consigo mesmos?
Realmente não há nada de "verdadeiramente errado" em matar outra pessoa,a própria história humana está cheia de guerras e massacres.
Mas isso, é claro, não implica que iremos sair por aí matando a torto e a direito apenas porque queremos ou podemos... respeito à vida é essencial para uma boa convivência em sociedade.

Me diga, quando foi a última vez que você viu alguma notícia de ateus matando por prazer? Ora, se nada nos segura, se não temos nada a perder então deve ser um evento constante isso não? Com prisões cheias de ateus...
O fato disso não ser nem de longe o caso, é algo que depõe a favor do ateísmo, não acha?

Tratamos tão bem que em todos os países cristãos os próprios deixam a liberdade de acreditar no que quiser, e até mesmo para atacar o cristianismo. Agradeça por isso.
País cristão? Não meu caro, a tal liberdade de crença só veio com o laicismo, quando os países eram cristãos, quando não havia separação entre Igreja e Estado, o que mais se fazia era perseguir as outras crenças, demonizando as mesmas.
O Brasil é um país laico faz um bom tempo já. Maioria cristã? Sim. Cristão? Não.
E com certeza se não houvesse a separação entre igreja e estado as outras crenças seriam perseguidas ou proibidas. Cristianismo não sabe lidar com concorrência.


Você acredita em cientistas criacionistas?
Resposta a praticamente todo questionamento criacionista.

Jumper
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1340
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Dom 23 Set 2012, 7:24 pm

C3BOL4RT escreveu:Se o ateu verdadeiramente não crê em um Deus TODO PODEROSO, por que a preocupação em querer desacreditar outras pessoas na existência Deste mesmo?

Por que a insistência em provar a inexistência Daquilo que não acreditam?

Se eles tivessem certeza real em que acreditam não estariam participando de conluios e debates acerca do qual dizem não merecer atenção nem crédito...

Se cada uma destas criaturas, SIM CRIATURAS, pq não possuem entendimento nem sabedoria nenhuma sobre si mesmos, baseando-se em ideias de outras CRIATURAS néscias, que se baseiam em fundamentos sem nexo, procurassem mesmo alguma explicação lógica, para o sentido da vida, com certeza descobririam que isto está escrito na tábua de carne de seus corações, mas pela preocupação e cuidado com as coisas do mundo, estão cegos e ainda perdidos em seus próprios caminhos sem saída.

Um dia Deus abrirá a mente destes habitantes da terra, no sentido de fazerem caírem de joelhos em sinal de arrependimento e implorando perdão, reconhecerão o poder e a glória Daquele que os conhecia desde o ventre de suas mães... E ESTE DIA ESTÁ MAIS PROXIMO DO QUE IMAGINAM..!!!

Então entenderão que os sinais atuais estão apontando para um despertar universal quanto ao advento.

Os avisos estão em todos os lugares, basta abrirem os olhos e verão, se não estão conseguindo, é porque nao querem, ou não tem forças SUFICIENTES para isso e nao fazem idéia de quem está os cegando...

Glória eterna ao Deus todo poderoso, toda honra e poder ao Senhor dos exércitos.

EM NOME DO SENHOR JESUS!!!

AMEM!!!
]


Sua resposta:
Eu detesto (ouça bem: DETESTO!). a roubalheira que a religião faz sobre as pessoas intelectualmente incapazes! Detesto a exploração que os líderes religiosos fazem sobre os ingênuos de boa fé!!! Detesto, quando vitimam senhoras idosas de vida humilde, viúvas desprotegidas na vida, e viúvas novas procurando marido!.... Detesto quando pastores safados usufruem em benefício próprio, do dinheiro do esforço de um trabalhador honesto, que ficou com medo de ir pro inferno que eles criaram!.... Detesto essa gentalha como os Bispos da Renascer ou o Bispo da Universal, e o que eles fazem para tomar dinheiro das pessoas que sofrem problemas na vida!!!
Eu detesto essa covardia que a Igreja Católica fez por toda a vida, pelas mortes, pelos roubos, contra o povo inocente, e fico furioso, quando me enganam dizendo que Deus existe, que inferno existe, que alma existe, e me ameaçam e querem tomar o meu dinheiro e o da minha família!... Abomino, quando essa raça de safados quer colocar-se acima da própria família, dizendo que o homem tem que amar a Deus acima de todas as coisas, inclusive da própria família, e as desagrega com isso.
Então, eu combato a Religião e toda essa nojeira correlata, e muito mais, que acabei de dizer pra você. Combato com a mesma ferocidade que eles arrancam o dinheiro, a poupança e os bens de uma velhinha pura e crédula!.... De preferência, com ferocidade dobrada!...
Eu quero reduzir o número de religiosos no mundo todo!... Sim!... Eu estou reduzindo o número de fanáticos e melhor ainda, eu estou reduzindo muito, o número de cidadãos jovens, que teriam a sua mente embotada pela religião e os fariam robôs da crença deles. Esses com certeza, não entrarão na arapuca deles, não cairão na armadilha deles, porque eu os estou abrindo os olhos, avisando, para não acreditar sem conferir!... Não estou enfiando na cabeça deles, nenhuma mensagem, nenhum dogma, nenhuma teoria!... Eu digo apenas para desconfiar e conferir!... DESCONFIAR E CONFERIR!
E digo isso a você também. Não confie de olhos fechados nessas raça de engravatados ou embatinados, porque isso é o uniforme da falsidade!... Vá buscar a sua verdade e não caia na armadilha da "verdade" deles!...
Eu descobri o ateísmo, e não foi por acaso. Melhor dizendo, eu descobri a mentirada toda que envolve a crença religiosa, porque Deus é mentira, Jesus Cristo é mentira e a Bíblia (NT) pura mentira e (VT) 80% mentira.
Eu hoje, estou liberto de tudo isso, e aprendi a andar com as minhas próprias pernas, viver muito bem com as minhas próprias convicções, e tudo de bom me foi acrescentado. É claro que eu quero recomendar isso para o meu semelhante!... Quando você conhece uma coisa boa, não passa adiante? Ou guarda para você mesmo? Eu tenho ensinado que a crença religiosa é totalmente desnecessária!... Eu não preciso disso e por conseguinte, ninguém precisa disso! É acreditar mais em si mesmo! Valorizar a sua inteligência e o seu raciocínio porque NADA nem NINGUÉM é mais poderoso que o homem, e assim NADA ou NINGUÉM, vai fazer melhor por você mesmo do que você mesmo.
Eles xingam. Eles se revoltam porque são irracionais e fanáticos. Não admitem discordância e assim, não abrem a mente para mais nada. Têm a mente lavada (e falo sério, não é apenas modo de dizer) e controlada pela fabulosa indústria religiosa. Eu quero ajudar a mostra-lhes que, o caminho da sua auto determinação, é mais eficiente, positivo, cheio de vantagens. Que o povo não precisa de viver nessa dependência religiosa que eu chamo de muleta. Eu tiro por mim mesmo, que já passei por todas essas experiências e se eu encontrei uma "mina de ouro" como conceito de vida, quero passar a todos, mas não se trata de uma briga, como acontece entre religiosos, porque eu não estou disputando nada com ninguém. Não estou disputando "pontos de venda$ da fé". Isso é lá entre eles mesmos.
Talvez seja difícil pra você alcançar o imenso amor que eu tenho pelo meu semelhante, mas eu descobri uma coisa maravilhosa! Descobri que estava sendo enganado por todos à minha volta, inclusive pela minha mãe (saudades) na melhor das intenções os meus amigos, e na pior das intenções os líderes das igrejas que eu frequentava. Próximo dos meus 52 anos, descobri que não havia deus nenhum, Aos 54 anos descobri que Jesus Cristo não existiu e por consequência disso, descobri que estava sendo explorado, tanto no meu trabalho, quanto nas minhas economias, e só. Eu dava o dinheiro para deus, mas quem usava eram os pastores. Eu até empobrecia enquanto eles enriqueciam. Simplesmente resolvi contar isso pra todo mundo! Pros meus amigos, pros meus parentes, pros meus vizinhos, pros meus colegas e para todos aqueles que me contaram mentiras sem saber, sem querer. Faço isso com muito esforço e com muito prazer também, sem cobrar um centavo de quem quer que seja. Me custam horas e muitas centenas de horas de sono e de trabalho. Escrevi 8 livros publiquei 16 vídeos. gastei o meu dinheiro investindo em Câmeras, em programas, em tripés, em baterias, em equipamentos e em computadores para fazer o melhor, pelo bem da humanidade, que precisa se livrar dessa coisa perniciosa e mentirosa, que só explora, enquanto tapeia, mente e ilude, que se chama religião. Você vai saber um dia, e está próxima da verdade que está comigo. Se você buscar, vai encontrar e vai se surpreender, e vai se indignar porque fizeram você de bobo! Essa será a sua reação. Lamento... Tenho amor a você também, a todos os que me ouvem e leem, a todos os que eu tenho salvo das garras da religião (qualquer um) a todos os que me xingam sem saber, que o meu esforço é justamente pelo bem deles.
Espero que você tenha entendido e lamento se você não for em frente para encontrar essa verdade. QUERO SALVAR OS RELIGIOSOS, assim como eles querem me salvar, nesse mar de falsidades.
Resta saber quem está com a bóia cheia e quem está com a bóia furada.
Realmente, incomoda muito a receptividade do meu trabalho ateísta no meio de alguns religiosos, sejam eles católicos ou evangélicos. Eu disse alguns. Melhor: 30% dos que chegam a me enviar mensagens. 5% são debochadas, irônicas ou ofensivas. 10% tentando me converter e 15% dialogando racionalmente (debatendo, por incrível que pareça). O resultado é positivo e promissor porque 50% agradece e elogia o trabalho. 20% tem uma certa neutralidade. Estão ainda sob choque (rsrsrs...)
Lembro de quando entrei no Yahoo Respostas, havia uns três ateus, por lá, defendendo o ponto de vista contrário à religião. Pegavam de leve sem querer se expor muito ou assumir as críticas que viriam. Eu já fui pegando pesado! É o meu jeito mesmo. Deixava o preto no branco, deixava claro quem era, o que achava e explicava por que.
Aguentei uma pressão incrível de opositores, muitos sem a menor educação, outros revoltados, outros moleques pela natureza, alguns me perseguiam de embates anteriores, com um deboche revoltante (o caso do Vovô Kareca que dizia que me conhecia pessoalmente etc e um tal de Waldir Alves). Criticavam tudo o que fosse possível, o meu nariz, a minha roupa, minha idade, o meu ambiente e não pouparam nem a memória do meu filho falecido.
Resultado, cansei e saí, mas não antes de terminar o meu trabalho. Deixei uma legião de fãns, de amigos, de pessoas que ficaram agradecidas, outras convertidas declaradas e mais de 30 ateus militantes perguntando e respondendo, entusiasmados com o que aprenderam.
Então, valeu à pena. Até hoje, perguntam por mim, criticam e elogiam a minha passagem por lá. Estou terminando um livro sobre isso.
O que eu gostaria que ficasse claro é que EU SOU AMIGO DELES (dos religiosos), não sou inimigo. Eu sou irmão, quero o melhor para todos. Quero mostrar a eles aquilo que eu sei, que aprendi, que descobri, recomendar a eles esse novo caminho, assim como você participa a um amigo, uma coisa legal que você conheceu, seja um filme, seja um restaurante, um remédio, um médico, um passeio, um programa, um site na Internet... Se você está recomendando é porque é amigo dessa pessoa, não inimigo nem adversário. Isso é o que falta muita gente compreender! Perdi um grande amigo por causa disso, um irmão mesmo. Ele foi pego pela lavagem cerebral, fanatizou-se e fez como ensina a Bíblia. “Se alguém vier a mim, e não aborrecer a pai e mãe, a mulher e filhos, a irmãos e irmãs, e ainda também à própria vida, não pode ser meu discípulo”. Lu.14.26. Mas ganhei milhares de novos amigos que compensaram.
Eu escrevi exaustivamente 8 livros, durante anos. Dias e noites perdidos, pesquisando, escrevendo, revisando, 300 páginas em média cada um, para depois distribuí-los gratuitamente. Por quê? Porque eu sou amigo deles! Dos prováveis leitores, fossem quem fossem! Ludibriados, enganados, equivocados, dependentes, explorados, sofredores. Queria que eles tivesse acesso a esses livros e por isso não coloquei o obstáculo do custo. Estão por aí, na Net. É só baixar e ler! Durante muito tempo, distribuía por e-mails. Era todo dia, respondendo e-mails, enviando livros. O “Sinto Muito, mas Jesus Cristo não existiu”, ofereci por e-mail a centenas de leitores do Ateu Graças a Deus, que haviam me solicitado por e-mail! Jamais imaginei ganhar um centavo nisso! Hoje já foram copiados mais de um milhão de livros. Eu sei que o meu trabalho trouxe resultados e por isso vou continuar... Abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Dom 23 Set 2012, 7:33 pm

Jumper escreveu:
O problema é vivendo no ateísmo não precisamos abdicar nenhum prazer. Já pensou nas consequências disso?
Ter uma vida livre sem ninguém para ditar o que pode ou não ser feito?

Não estou generalizando. A vida num ponto de vista ateísta é de fato sem nenhum propósito. Claro que você pode escolher um propósito qualquer, mas propósito geral e definitivo nenhum.
Você fala do ponto de vista de um religioso que acredita que o objetivo maior da vida é se dedicar a rezar, se privar para que um dia você seja parabenizado por todo seu sofrimento por uma entidade sobrenatural.
Você é como a criança que se comporta o ano todo para ganhar presente do papai noel e que não entende como o vizinho não faz o mesmo, já que este não acredita no Papai Noel.
Propósito de vida as pessoas devem buscar para si mesmas... respostas pré-fabricadas são as piores respostas.
E, uma vez que ateus não acreditam em vida após a morte, eles tem que acreditar em vida antes da morte, tem que acreditar nos seres humanos, no progresso, em ter uma vida melhor aqui mesmo. E isso é bom.

Não é como se todos os que fizessem coisas ruins sempre acabassem mal, você sabe disso. E analisando os riscos, e se uma pessoa achasse que suas práticas valeriam a pena mesmo com esse perigo pra ela?
Nesse caso não vejo em que uma religião ou crença evitaria que tal pessoa cometesse o delito.
A diferença é que ateus não se enganam a si mesmos falando que após cometer tal delito vão rezar muito para absolver os pecados e tudo vai ficar bem.
Consciência dos próprios atos é um passo e tanto.

A coisa triste é que não importa o quão bem você acha que viva, você vai ter o mesmo destino de qualquer outro. Se você "aproveitou" (entre aspas porque é totalmente relativo) a vida mais que um crente isso em ultima instância vai importar? Obviamente que não.
Em última instância nada vai importar... Logo, devemos aproveitar a vida, porque ela é tudo que temos enquanto a temos.

Sabe qual a diferença de um cara religioso matar por nada e um ateu matar por nada? O religioso estaria cometendo uma profunda ofensa contra a sua própria crença, estaria sendo um hipócrita. O ateu não estaria fazendo nada de verdadeiramente errado. Essa é o propósito desse tópico.
Então o problema é que religiosos são hipócritas e ateus são honestos consigo mesmos?
Realmente não há nada de "verdadeiramente errado" em matar outra pessoa,a própria história humana está cheia de guerras e massacres.
Mas isso, é claro, não implica que iremos sair por aí matando a torto e a direito apenas porque queremos ou podemos... respeito à vida é essencial para uma boa convivência em sociedade.

Me diga, quando foi a última vez que você viu alguma notícia de ateus matando por prazer? Ora, se nada nos segura, se não temos nada a perder então deve ser um evento constante isso não? Com prisões cheias de ateus...
O fato disso não ser nem de longe o caso, é algo que depõe a favor do ateísmo, não acha?

Tratamos tão bem que em todos os países cristãos os próprios deixam a liberdade de acreditar no que quiser, e até mesmo para atacar o cristianismo. Agradeça por isso.
País cristão? Não meu caro, a tal liberdade de crença só veio com o laicismo, quando os países eram cristãos, quando não havia separação entre Igreja e Estado, o que mais se fazia era perseguir as outras crenças, demonizando as mesmas.
O Brasil é um país laico faz um bom tempo já. Maioria cristã? Sim. Cristão? Não.
E com certeza se não houvesse a separação entre igreja e estado as outras crenças seriam perseguidas ou proibidas. Cristianismo não sabe lidar com concorrência.

Vocês têm uma noção totalmente do que seja religião ou falta dele.

Pra vocês, quem não tem religião, é bandido, é imundo, é inconsequente! Ledo engano! Acham que por não ser religioso, não têm regras de moral etc Isso foi o que opastor de vocês ensinou e vai ensinar coisas piores porque ele está defendendo o próprio emprego. Ele vive $ do engano que implantou na vossa cabeça.

Nós ateus temos consciência, temos dons e temos coração. Somos melhores que os religiosos porque somos autênticos! Não somos bons porque temos medo de ir para o inferno, somos bons porque somos solidários com os carentes. Não fazemos caridade para na próxima encarnação termos uma alma mais apurada! Fazemos caridade porque queremos o bem do nosso semelhante. Exemplo da Algelina Jolie! Nenhum padre safado fez 1/1000 do que ela fez pelos carentes. E eles são bilionários também...
Vocês são as vítimas...
Abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por gusto em Dom 23 Set 2012, 11:01 pm

Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas.
Tais homens são por isso indesculpáveis. (Paulo de Tarso).

gusto
Antares
Antares

Número de Mensagens : 10524
Idade : 47
Localização : Ponta Grossa Pr
flag : Brasil
Data de inscrição : 12/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Jumper em Seg 24 Set 2012, 9:51 am

É fácil citar frases prontas, difícil é ver o mundo como ele realmente é...
É fácil dizer que Deus criou a chuva, difícil é ver como ela realmente acontece.


Você acredita em cientistas criacionistas?
Resposta a praticamente todo questionamento criacionista.

Jumper
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1340
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Seg 24 Set 2012, 12:22 pm

Pois é... A realidade pode por vezes parecer mais dura e difícil... Entre saber que vai morrer do viver eternamento muitos poderão preferir a segunda opção. Se fosse real, seria uma opção, mas sendo mentira é apenas um engodo que prejudica, porque você não busca viver plenamente nessa vida, em prol de uma fantasia. No final, nem uma nem outra. isso é só um exemplo. A religião é prejudicial porque consola, quando o homem precisa de lutar pelos seus ideais. Ninguém apenas consolado vence uma etapa. Ele precisa de não aceitar a adversidade e virar o jogo! Usar a inteligência para progredir e conquistar os seus ideais de felicidade. O consolo de quem não precisa nada porque tem Jesus, é pura ilusão e muito prejudicial. Ele acaba não tendo nada nem nenhum jesus também, porque este não existe.
Eu fui religioso, passei por tudo isso. Uma força maior me fez reagir e eu, sozinho, fui buscar a solução. Depois aprendi que a nossa vida está na nossas mãos e é o nosso cérebro que comanda tudo. Passei a recorrer à minha inteligência ao equilíbrio e o bom senso, para resolver os meus problemas e o meu cérebro fez verdadeiros milagres! `Por exemplo:
Quando eu estava numa situação muito difícil, já com certa idade e bem cansado, estava difícil continuar mantendo a minha família. Era o fim, a degradação e infelicidade eterna... Parei para pensar... pensei muito... E encontrei uma solução. Não em mim, mas na minha mulher 25 anos mais nova, ainda com bastante energia. Trocamos as funções, ela estudou muito e recuperou a nossa vida. Hoje é alta funcionário do judiciário e eu não trabalho mais. Não foi uma solução de consolo, mas uma reação que antes parecia impossível, porque ela, nem carteira de trabalho tinha. Veio do meu cérebro a solução. Veio de acreditar em nós, seres humanos poderosos para mudar as coisas. Diz o ditado: Querer é poder. Ela é ateia também. Nunca fez uma oração na vida, não sabe nem recitar o pai nosso. Uma mulher de fibra, poderosa! Que acredita nela! Assessora de um Ministro. abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por ademar em Seg 24 Set 2012, 1:28 pm

O ateu por definição já fez uma coisa ruim, portanto, o resto é resto. Partindo de um princípio errado, já viu onde vai dar...


Verdades Distintivas

ademar
SUSPENSO

Número de Mensagens : 184
Idade : 28
flag : Brasil
Data de inscrição : 20/09/2012

http://verdadesdistintivas.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Jumper em Seg 24 Set 2012, 1:58 pm

ademar escreveu:O ateu por definição já fez uma coisa ruim, portanto, o resto é resto. Partindo de um princípio errado, já viu onde vai dar...
Que coisa ruim?
É ruim não depender de uma crença arcaica para viver?
É ruim pensar por si só e não depender de um pastor para definir o que é certo ou errado?


Você acredita em cientistas criacionistas?
Resposta a praticamente todo questionamento criacionista.

Jumper
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1340
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por ademar em Seg 24 Set 2012, 2:36 pm

Jumper escreveu:
ademar escreveu:O ateu por definição já fez uma coisa ruim, portanto, o resto é resto. Partindo de um princípio errado, já viu onde vai dar...
Que coisa ruim?
É ruim não depender de uma crença arcaica para viver?
É ruim pensar por si só e não depender de um pastor para definir o que é certo ou errado?

Na verdade, o conceito de bom e ruim precisa de uma referencia. O que é bom pra mim não é bom para você. Assim, tudo bem eu dizer que alguém que não crê em Deus, seja qual for o motivo dele, está errado. É minha opinião.

Na verdade, entendo como crença arcaica uma ateu abraçar uma teoria de que todo cristão depende da consciência de um pastor. Essa definitivamente é uma crença arcaica ateísta. Penso por mim mesmo, tranquilamente, e vejo o pastor com uma função importante de liderança. Tal entendimento é simples, lógico e maravilhoso! Agora, alguém que quer discutir verdades sem uma referencia absoluta é meio complicado...


Verdades Distintivas

ademar
SUSPENSO

Número de Mensagens : 184
Idade : 28
flag : Brasil
Data de inscrição : 20/09/2012

http://verdadesdistintivas.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Jumper em Seg 24 Set 2012, 9:43 pm

Sei... pena que não existem "referências absolutas", pois, se existisse, não teríamos um número infindável de religiões e divindades digladiando entre si.

entendo como crença arcaica uma ateu abraçar uma teoria de que todo cristão depende da consciência de um pastor
Eu não falei "todo cristão", a grande maioria? Com certeza.

Essa definitivamente é uma crença arcaica ateísta
Não é crença, é fato. Se não fosse fato, não teríamos tantas pessoas doando o que não podem para seus pastores para receberem uma benção.


Você acredita em cientistas criacionistas?
Resposta a praticamente todo questionamento criacionista.

Jumper
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1340
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por ademar em Ter 25 Set 2012, 9:12 am

Sei... pena que não existem "referências absolutas", pois, se existisse, não teríamos um número infindável de religiões e divindades digladiando entre si.
O problema com a mentira não é a verdade, mas os mentirosos...

Não é crença, é fato. Se não fosse fato, não teríamos tantas pessoas doando o que não podem para seus pastores para receberem uma benção.

São pessoas enganadas meu caro, assim como você. Vc apenas toma um rumo diferente, considerando que não há o bem porque enxerga demais o mal. Tais pessoas alienadas a doutrinas errôneas estão num extremo e os que não creem em outro. O equilíbrio é a perfeição. Posso ser sincero? Eu sinto sua fé em Deus nas suas palavras digitadas. Vc só está insatisfeito com a injustiça, mas negar a realidade não vai tornar o mundo mais justo, mas se vc, com seu conhecimento, buscar conscientizar tais cristãos iludidos, vc estará praticando justiça, e se sentirá muito bem com isso. Por isso eu disse que o ateu fez uma coisa ruim, quando fica apenas de expectador criticando os cristãos que estão numa arena cheia de feras.

Sinceramente, acho melhor errar do que não tentar.


Verdades Distintivas

ademar
SUSPENSO

Número de Mensagens : 184
Idade : 28
flag : Brasil
Data de inscrição : 20/09/2012

http://verdadesdistintivas.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Ter 25 Set 2012, 9:49 pm

Ademar escreveu:
"Penso por mim mesmo, tranquilamente, e vejo o pastor com uma função importante de liderança. Tal entendimento é simples, lógico e maravilhoso! "
.....................

Isso é o que você pensa, amigo... Você pensa mas não é verdade!... Ou melhor, você pensa mas não raciocina. Segue tudo o que o seu mestre mandar... Como ovelhinhas, vão para o tosquiador... Mansamente... É o pastor que manda na sua vida e você não faz nada que ele não queira. Ou você seria um rebelde pecador candidato ao inferno!...
Ateus são diferentes. fazem apenas o que querem, dentro da lei e da ordem, mas são livres até na mente.
Não se iluda...
abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por ademar em Qua 26 Set 2012, 9:11 am

Graças a Deus que Jesus é meu pastor! E vc diz que não é verdade...faço tudo que meu Mestre, Jesus, manda mesmo. È uma pena que sua cabecinha tenha apenas preconceitos bobos. Dou graças a Deus que não herdei essa doença do preconceito.

Ateu faz o que quer, dentro de que lei? Dos homens? Ahan...sei...Ordem? Sem Deus?? Sem Deus não há ordem meu amigo! Tanto que a teoria dos ateus para a criação é o caos!! :risadinha: Quem parte de um princípio caótico quer o que da vida??

Eu tenho certeza que não sou iludido pois vejo com meus olhos minha fé se concretizando. Pelo contrario, os tão "racionais" ateus vivem de teorias que não podem e nunca poderão provar. Conhecimento não significa sabedoria. Pode ser, como vejo no ateísmo, totalmente o inverso.

No fundo, acho que quem critica todos os pastores, por causa do mal procedimento de alguns, deveria pensar: Posso julgar todos os discípulos baseado no caráter de Judas?? Pense ateu, e creia. Ou apenas se iluda, e continue incrédulo, cheio de si mesmo.


Verdades Distintivas

ademar
SUSPENSO

Número de Mensagens : 184
Idade : 28
flag : Brasil
Data de inscrição : 20/09/2012

http://verdadesdistintivas.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Qua 26 Set 2012, 11:02 pm

Você tem razão...

"Ateu faz o que quer, dentro de que lei? Dos homens? Ahan...sei...Ordem? Sem Deus?? Sem Deus não há ordem meu amigo! Tanto que a teoria dos ateus para a criação é o caos!! Quem parte de um princípio caótico quer o que da vida??"

Já havia me esquecido...
Sou um bandido homicida, estuprador de velhinhas, ladrão de banco chefe de quadrinha... E adoro sequestrar criancinhas para vender os órgãos... Lembrei agora...

Qualquer religioso, que abre uma igreja não tem boas intenções. É que a Palavra subiu-lhe à cabeça. A palavra Ouro, muito encontrada na Bíblia...

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por O Questionador em Qua 26 Set 2012, 11:43 pm

Alfredo Bernacchi escreveu:Você tem razão...

"Ateu faz o que quer, dentro de que lei? Dos homens? Ahan...sei...Ordem? Sem Deus?? Sem Deus não há ordem meu amigo! Tanto que a teoria dos ateus para a criação é o caos!! Quem parte de um princípio caótico quer o que da vida??"

Já havia me esquecido...
Sou um bandido homicida, estuprador de velhinhas, ladrão de banco chefe de quadrinha... E adoro sequestrar criancinhas para vender os órgãos... Lembrei agora...

Qualquer religioso, que abre uma igreja não tem boas intenções. É que a Palavra subiu-lhe à cabeça. A palavra Ouro, muito encontrada na Bíblia...


Pois é Alfredo, finalmente parece que concordamos em algo.

A impressão que eu tenho quando vejo um religioso dizendo que "sem Deus o homem não terá restrições para o mal" ou algo do tipo é que ele na verdade está dizendo: "por favor, preciso de uma rédea na minha vida se não virarei um criminoso". :risadinha:


"Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro. Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo olha para você."
Friedrich Nietzsche

O Questionador
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 523
Localização : Na Selva.
flag : Brasil
Data de inscrição : 31/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Um ateu tem alguma razão específica para não fazer coisas ruins?

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 2:19 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum