.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
60 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 59 Visitantes :: 3 Motores de busca

Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Alfredo: La Sagesse refutado

Página 9 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por silvamelo em Sab 29 Set 2012, 5:55 pm

Alfredo,

Se você se apega em vida eterna, é sinal que fracassou nessa.
Silogismo sem pé nem cabeça, este seu...

Veja as possibilidades:
1) Fracassei nesta vida, mas acredito na vida eterna.
2) Venci nesta vida, mas acredito na vida eterna.
3) Fracassei nesta vida, mas não acredito na vida eterna.
4) Venci nesta vida, mas não acredito na vida eterna.
5) Fracassei nesta vida, mas não tenho certeza sobre a vida eterna.
6) Venci nesta vida, mas não tenho certeza sobre a vida eterna.

Minha análise é lógica.
Não é não... Já está provado! oh my

Eu vivo num mundo conhecido, conheço a vida, sei o que é bom ou ruim, em relação a essa vida. Não é uma subjetividade.
Você só conhece aquilo que ACHA que conhece. Você só sabe aquilo que ACHA que sabe. Isto é fato! O dia que mudarem o entendimento de algum fator natural, através de alguma descoberta nova, como é recorrente no mundo da ciência, todo o seu conhecimento sobre aquilo desaba, ou seja, você está mergulhado na subjetividade da ciência e ainda se escora nela para lhe guiar...

Esse é o meu e nesse você fracassou.
Esse é o nosso! Eu ainda não saí do mundo! Aqui estou, aproveitando a efemeridade desse universo, dentro de padrões moralmente aceitáveis! Vou bem neste, vou completar a carreira e ainda vou usufruir do vindouro!

Como não haverá outra salvo nos seus devaneios, você fracassou geral...
Isso é o que você não prova. Essa é a sua fé! Na minha fé o mundo vindouro existe e a coroa da vida espera por mim!

Escreve aí os seus valores.... e vamos analisar. Prove que você não fracassou... O que é que você tem? Jesus e o que mais?
Jesus eu tenho! Essa tranqueira toda que você se apega, eu não dou valor. Nem me preocupo em acumular nada. Vou usufruindo, à medida em que vou conquistando, porque de nada me servirá no porvir...

Que alimento? Alimento subjetivo? Ou só conversa mole mesmo? Te prometeram coisas para depois da morte? DEPOIS DA MORTE? Coisas que você não prova que existem? Então você pagou e não levou, amigo...
Levei sim, Alfredo! Um alicerce moral valioso, que não é propriedade de pastor, senão do Pastor! Aquele velho homem beberrão, mulherengo, jogador, egoísta, certamente estaria morto agora se não tivesse sido transformado pela mensagem da cruz. Mas de fato ele morreu para dar lugar a um novo homem, que dá valor à família e aos princípios de vida decente.

Você está falando de hipnose, ou alucinação? Não sei mesmo o que é isso. Ilusões e fantasias não fazem a minha cabeça. Prefiro as coisas verdadeiras, essas que a gente vê e sente. Uma boa música, um linda mulher, os filhos correndo na praia, Uma árvore que eu plantei, florindo... E um bom churrasco na barriga...
Eu estou falando de TRANSFORMAÇÃO! Isso é REAL! Não existe reabilitação nem tratamento psicológico nesse mundo capaz de trazer esses resultados, Alfredo!

Você vive sob transe hipnótico. Já não te recomendei um psicólogo? Chega lá e fala isso pra ele. Pode ser que ele recomende até uma internação, se o caso for mais grave do que eu imagino.
Amigo, eu conheço uma pessoa que se afastou da fé. No mundão, ela passou a sofrer de "transtornos psicológicos"... Ela mora numa cobertura ali no Leblon; pessoa de grana. Gastou os tubos no psicanalista tentando "se curar", mas, enquanto o "doutor" tentava sem sucesso "matar" Deus no inconsciente dessa pessoa, a situação dela só foi se agravando. Hoje vive a base de remédios tarja preta; uma vida deplorável que a grana dela não pode concertar... uma tristeza...

Sinceramente? Estou com 71 anos e nunca vi esse cara... Não vi, não escutei, não senti... Como eu não sou louco, não está na minha cabeça também.
Disso eu sei! Mas você o verá e terá de dobrar seus joelhinhos, querendo ou não...

Gosta dos versinhos que os padres antigos escreveram? Tem também Castro Alves, Casimiro de Abreu, Carlos Drumond de Andrade... São melhores poetas.
Estamos falando de VIDA, Alfredo, não de palavras frívolas que só servem como distração e tentativa de escapar da realidade inevitável que se aproxima enquanto essa vida passa...

Que bom... eu também não tenho pecados e por isso não levo fardo nenhum. Nem leve nem pesado. Mas que bom que o seu é leve... Você fez muita coisa errada na vida?
Ateus não pecam, porque não têm ninguém pra levar a carga. Óbvio! Ateus são inteligentes!...
Seja o que for... cada um colhe o que planta... Se você chama isso de "inteligência" eu prefiro continuar na "burrice"...

Que pena que eu não conheço esse sujeito... De qualquer maneira eu estou satisfeito comigo mesmo. Sou um dos seres mais poderosos do Universo!... Não preciso de nenhum deus. Que bom... Só vou usar bengala, quando estiver bem velhinho, com as pernas bambas... Você usa deus como bengala? Poxa! Sinto muito!... Tem certeza de que você precisa disso?
Não me pesa nada andar com Deus, muito pelo contrário. Sinto-me cada dia mais revigorado! Cada vez mais quero andar e estar com Ele.

Claro que eu o continuaria amando. Acho que transgressor tem mesmo é que morrer!... Meu pai cuidava muito bem de mim, também. Não dava só leite e mel, como também bolas, patins, bicicletas, levava a gente para passear, viajar, à praia... Muito legal o meu pai. O seu leva você à praia também? Ou só lá na vida eterna? Será que na vida eterna tem praia?
Meu pai carnal ainda vive muito bem, no auge dos seus 81 anos! Não pode me dar muita coisa quando eu era criança, porque nossa origem foi humilde, mas me criou muito bem. Hoje colhe os frutos: todos os filhos bem criados e encaminhdos na vida. Mas o meu Pai celestial é quem ia adiante, aplainando as veredas e preparando a caminho para aquele que confiou nEle.

A vida que eu me refiro, você não conhece também. É diferente da sua, mas não é efêmera! Ela tem muito valor!
Primeiro que a gente se diverte muito na infância, namora muito na juventude, casa com uma boa mulher, tem filhos que seguirão o seu caminho, a gente constrói muita coisa nessa vida! Escreve livros, planta árvores, faz muito amigos, traz muito prazer para o corpo, música para os ouvidos, lindas paisagens para os olhos, prazeres para a boca... Aí, depois de 80°/ 100 anos, a gente fica cansado, passa a bola para os nossos filhos e morre. Acaba. Verdadeiras férias... Você já tirou lindas férias na sua vida? É isso mais ou menos. Quando as férias acabam, acabam mesmo, mas ninguém reclama.

Se a sua vida não tem essas coisas, ela tem o quê? Você podia me dizer para eu entender? Vai ficar tocando harpa lá no céu, pro resto da morte?
Não sei o que vai ser, Alfredo. Só sei que a promessa é boa e eu confio naquele que prometeu; só isso! Não fico pensando nisso. Trato de viver essa vida que Deus me deu da melhor maneira possível, dentro dos limites que ele estabeleceu. Aí, quando chegar a hora, vou não só ver como também provar da vida na terra prometida! Há tempo para todas as coisas e eu aprendi a viver cada coisa a seu tempo.

Um abraço.

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 47
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por abençoado em Sab 29 Set 2012, 6:17 pm

O Alfredo simplesmente não consegue ver erros no que ele diz, por mais que lhe digam.

Pessoas que conheço de outros fóruns dizem que ele foi expulso onde quer que passou (ameaçando até entrar na justiça porque alguém disse que os livros dele 'não prestavam'), depois de discordarem deles (ATEUS mesmo) e porem a nú esses mesmos défices de argumentação que ele apresenta aqui.

abençoado
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1851
flag : Estados Unidos
Data de inscrição : 22/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Mary em Sab 29 Set 2012, 7:35 pm

O Alfredo simplesmente não consegue ver erros no que ele diz, por mais que lhe digam.

Pessoas que conheço de outros fóruns dizem que ele foi expulso onde quer que passou (ameaçando até entrar na justiça porque alguém disse que os livros dele 'não prestavam'), depois de discordarem deles (ATEUS mesmo) e porem a nú esses mesmos défices de argumentação que ele apresenta aqui.

Oh! óooooooooooooooooooo



"Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai senão por Mim" (João 14:6)  


Eu não vim chamar os justos, mais sim,os pecadores ao arrependimento (Marcos 2:17)
    
Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.(João 14:26)

Mary
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1743
Localização : SP
flag : Brasil
Data de inscrição : 03/05/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Sab 29 Set 2012, 8:10 pm

abençoado escreveu:O Alfredo simplesmente não consegue ver erros no que ele diz, por mais que lhe digam.

Pessoas que conheço de outros fóruns dizem que ele foi expulso onde quer que passou (ameaçando até entrar na justiça porque alguém disse que os livros dele 'não prestavam'), depois de discordarem deles (ATEUS mesmo) e porem a nú esses mesmos défices de argumentação que ele apresenta aqui.

Você está referindo-se aos moleques que existem por aí, ou melhor, aos nicks deles. A internet também tem moleques se você não sabia...
Está no forno e devo editar em mais alguns dias o livro:

"ALFREDO BERNACCHI X OS MOLEQUES DO YAHOO RESPOSTAS"

Leia. você vai conhecer o que são moleques, no mais amplo sentido da palavra, como eles agem, como são covardes, caluniam e agridem. Fruto da mais pura INVEJA.
Se você acredita em qualquer coisa vinda deles, meus pêsames...

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Sab 29 Set 2012, 8:18 pm

silvamelo escreveu:
Um abraço.

Amigo, só vou te dizer o seguinte: Em tudo o que você acredita, são hipóteses que não pode provar, muito menos o que te prometeram para depois da sua morte.

Tudo o que eu acredito, é evidente, visível, provável, certo, claro e verdadeiro. Não existe aquilo que eu não prove na hora.

Cada um na sua, então. Sou seu amigo e desejo o melhor pra você, seja do jeito que for. Importante é você ser feliz, certo?

Abração




Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Sab 29 Set 2012, 8:23 pm

Mary escreveu:
O Alfredo simplesmente não consegue ver erros no que ele diz, por mais que lhe digam.

Pessoas que conheço de outros fóruns dizem que ele foi expulso onde quer que passou (ameaçando até entrar na justiça porque alguém disse que os livros dele 'não prestavam'), depois de discordarem deles (ATEUS mesmo) e porem a nú esses mesmos défices de argumentação que ele apresenta aqui.

Oh! óooooooooooooooooooo


Se alguém disser pior aí que você é uma prostituta, contar detalhes da sua vida, citar nomes dos seus fregueses, dos locais onde você esteve presa, das surras que levou na sua vida, você não vai gostar, certo?

E seu eu disser: Oh! óooooooooooooooooooo

O que você vai achar?!...

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por abençoado em Dom 30 Set 2012, 7:28 pm

Você está referindo-se aos moleques que existem por aí, ou melhor, aos nicks deles. A internet também tem moleques se você não sabia...
Está no forno e devo editar em mais alguns dias o livro:

"ALFREDO BERNACCHI X OS MOLEQUES DO YAHOO RESPOSTAS"

Leia. você vai conhecer o que são moleques, no mais amplo sentido da palavra, como eles agem, como são covardes, caluniam e agridem. Fruto da mais pura INVEJA.
Se você acredita em qualquer coisa vinda deles, meus pêsames...

Concordo..

Mas nos debates que acompanhei, você não tinha razão Alfredo. Ninguém é obrigado a aceitar os seus argumentos e se você se expõe dessa forma e aquilo que escreve, deve estar preparado para ouvir críticas e saber lidar com elas, se possível até, para melhorar.Tem caras que também abusaram e fizeram ataques pessoais que não tiveram nada a ver.

Siga o conselho e saiba separar as críticas construtivas do resto..e faça ouvidos mocos para isso.

Não se aflija: tem até neguinho que crítica a obra de Bethoven e Pablo Picasso e não se engane: nós aqui até simpatizamos com você, só achamos que ganharia muito mais (indepentedente de ser ateu), mantendo uma postura mais humilde.

[]'s

abençoado
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1851
flag : Estados Unidos
Data de inscrição : 22/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Seg 01 Out 2012, 1:28 pm

abençoado escreveu:
Você está referindo-se aos moleques que existem por aí, ou melhor, aos nicks deles. A internet também tem moleques se você não sabia...
Está no forno e devo editar em mais alguns dias o livro:

"ALFREDO BERNACCHI X OS MOLEQUES DO YAHOO RESPOSTAS"

Leia. você vai conhecer o que são moleques, no mais amplo sentido da palavra, como eles agem, como são covardes, caluniam e agridem. Fruto da mais pura INVEJA.
Se você acredita em qualquer coisa vinda deles, meus pêsames...

Concordo..

Mas nos debates que acompanhei, você não tinha razão Alfredo. Ninguém é obrigado a aceitar os seus argumentos e se você se expõe dessa forma e aquilo que escreve, deve estar preparado para ouvir críticas e saber lidar com elas, se possível até, para melhorar.Tem caras que também abusaram e fizeram ataques pessoais que não tiveram nada a ver.

Siga o conselho e saiba separar as críticas construtivas do resto..e faça ouvidos mocos para isso.

Não se aflija: tem até neguinho que crítica a obra de Bethoven e Pablo Picasso e não se engane: nós aqui até simpatizamos com você, só achamos que ganharia muito mais (indepentedente de ser ateu), mantendo uma postura mais humilde.

[]'s

Problema foi o seguinte: Fui muito bem aceito lá pela maioria da pessoas inclusive pelos religiosos, mas havia uma turma heterogenia que agredia sem nem saber por que. Por exemplo seu dizia Jesus Cristo não existiu, eles recebiam isso como uma ofensa à sua religião. Fica difícil lidar com essas pessoas, porque eu tenho o direito de acreditar ou não no que eu quiser e externar a minha opinião, num local de debates, próprio pra isso, sem que isso seja uma ofensa. É apenas uma opinião. E eu tenho esse direito, mas eles se sentiam ofendidos e xingavam à vontade. Mas os moleques não são esses, muito pelo contrário. Se você se lembra, você sabe...
Aqui no Gospel, os participantes são mais lúcidos quanto a isso e não se ofendem com cada opinião de ateu que chegar aqui, ou não haveria fórum. Reparem bem: Eu só escrevi, aqui nesse tema que envolve ateus, por livre e espontânea vontade dos administradores. Não estou entrando em outras conversas, porque acho que seria desrespeitoso. Imagino que semelhante a entrar numa igreja e pregar o ateísmo em voz alta.

Eu tenho muita coisa arquivada, suficiente para contar essa história, com detalhes, e mostrar quem eram os moleques de lá. Quem não acompanhou até a minha saída vai se surpreender.
Qual era o seu nick lá?

Abraços

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por O Questionador em Ter 02 Out 2012, 11:36 pm

Alfredo Bernacchi escreveu:

Se alguém disser pior aí que você é uma prostituta, contar detalhes da sua vida, citar nomes dos seus fregueses, dos locais onde você esteve presa, das surras que levou na sua vida, você não vai gostar, certo?

E seu eu disser: Oh! óooooooooooooooooooo

O que você vai achar?!...


E precisava ser esse pedaço de cavalo todo com a menina só porque ela falou "oooooooo" pra zuar um pouco você? Que desproporcional Alfredo.



"Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro. Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo olha para você."
Friedrich Nietzsche

O Questionador
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 523
Localização : Na Selva.
flag : Brasil
Data de inscrição : 31/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Qua 03 Out 2012, 12:29 am

É assim que a gente aprende. Pimenta nos olhos dos outros é refresco... Conhece o dito popular?

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por E.Ramos em Qua 03 Out 2012, 8:54 am

...esse é o alfredo, essa história de "eu quero o melhor prá você","...", é tudo uma máscara da sua revolta...para com isso alfredo, sai da escravidão dessa revolta amigo!
Um vovô parecendo um mulecote revoltado de 15.
Você é motivo de piada faz tempo;mais uma figura folclórica.

E.Ramos
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 1193
Localização : São Paulo
flag : Brasil
Data de inscrição : 25/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Bateu, levou!

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Qua 03 Out 2012, 10:53 am

E.Ramos escreveu:...esse é o alfredo, essa história de "eu quero o melhor prá você","...", é tudo uma máscara da sua revolta...para com isso alfredo, sai da escravidão dessa revolta amigo!
Um vovô parecendo um mulecote revoltado de 15.
Você é motivo de piada faz tempo;mais uma figura folclórica.

Não tem importância. Estou em paz com a minha consciência. Trabalho pelo bem da humanidade, embora o seu raciocínio distorcido e viciado nunca vá entender isso. abç
Além do mais, não gosto que me sacaneiem. Não sou moleque. Comigo é assim: bateu, levou!

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por O Questionador em Qui 04 Out 2012, 11:45 pm

Alfredo Bernacchi escreveu:É assim que a gente aprende. Pimenta nos olhos dos outros é refresco... Conhece o dito popular?


Conheço...¬¬


Alfredo Bernacchi escreveu:
Não tem importância. Estou em paz com a minha consciência. Trabalho pelo bem da humanidade, embora o seu raciocínio distorcido e viciado nunca vá entender isso. abç
Além do mais, não gosto que me sacaneiem. Não sou moleque. Comigo é assim: bateu, levou!

Alfredo com todo respeito, mas dentre todos, acho que você tem o pensamento mais religioso. Você procura uma redenção muito surreal no ateísmo, e se põe como um espécie de Messias ou profeta para "salvar os crentes". =/

Não sei porque fica se empenhando tanto em "destruir a religião", não sei o que você quer provar com isso, acho essa uma estratégia tão eficiente quanto tentar dar murro no ar. Um religioso nunca vai deixar de ser religioso porque você disse que Jesus Cristo não existiu, principalmente porque você jamais poderia provar algo assim com 100% de certeza, porque não é algo evidente, a menos que você tenha vivido naquele tempo(o que seria um exagero) pra saber mesmo, é como provar que Deus não existe, não dá, e o pensamento religioso é algo que não necessita de um Jesus pra existir.

Mesmo que os religiosos deixassem de acreditar em Jesus e você abrisse a sua garrafa de champagne Alfredo, depois elas passariam a acreditar em um Genésio, ou em outra pessoa qualquer, o problema não é Jesus, religião só muda o nome, o tipo de pensamento sempre permanece, e o sentimento religioso não pode ser extirpado só porque você "provou" que Jesus não existiu(mesmo que isso fosse possível).



"Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro. Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo olha para você."
Friedrich Nietzsche

O Questionador
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 523
Localização : Na Selva.
flag : Brasil
Data de inscrição : 31/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Sex 05 Out 2012, 12:57 pm

O Questionador escreveu:
Alfredo Bernacchi escreveu:É assim que a gente aprende. Pimenta nos olhos dos outros é refresco... Conhece o dito popular?


Conheço...¬¬


Alfredo Bernacchi escreveu:
Não tem importância. Estou em paz com a minha consciência. Trabalho pelo bem da humanidade, embora o seu raciocínio distorcido e viciado nunca vá entender isso. abç
Além do mais, não gosto que me sacaneiem. Não sou moleque. Comigo é assim: bateu, levou!

Alfredo com todo respeito, mas dentre todos, acho que você tem o pensamento mais religioso. Você procura uma redenção muito surreal no ateísmo, e se põe como um espécie de Messias ou profeta para "salvar os crentes". =/

Não sei porque fica se empenhando tanto em "destruir a religião", não sei o que você quer provar com isso, acho essa uma estratégia tão eficiente quanto tentar dar murro no ar. Um religioso nunca vai deixar de ser religioso porque você disse que Jesus Cristo não existiu, principalmente porque você jamais poderia provar algo assim com 100% de certeza, porque não é algo evidente, a menos que você tenha vivido naquele tempo(o que seria um exagero) pra saber mesmo, é como provar que Deus não existe, não dá, e o pensamento religioso é algo que não necessita de um Jesus pra existir.

Mesmo que os religiosos deixassem de acreditar em Jesus e você abrisse a sua garrafa de champagne Alfredo, depois elas passariam a acreditar em um Genésio, ou em outra pessoa qualquer, o problema não é Jesus, religião só muda o nome, o tipo de pensamento sempre permanece, e o sentimento religioso não pode ser extirpado só porque você "provou" que Jesus não existiu(mesmo que isso fosse possível).


Sinto muito, Questionador... Isso é o que você acha, e tem o direito de achar, MAS NÃO PROVA!
Entretanto EU PROVO O CONTRÁRIO.

Já fiz isso anteriormente, e nem gosto porque fica ocupando o espaço do fórum á -toa. Mas vocês me cobram, então aqui vai um pedacinho:

409 - alfredo tudo o q vc falou é verdade eu acho q o evangelio devia ser proibido pq so faz iludir a cabeça da pessoa.minha mãe desdi q eu era pequena ela vem mi iludino falando q existe um deus eu começei observa q deus não existe até parece si existisse um homem poderoso ia perde o tempo dele com a gente.isso q vc falou é verdade esse pessoal ele não deixa a pessoa pesquisar a verdade sobre a origem humana eu não acredito em deus.
vanessa14358

408 – Jay !!
Graças a deus!! Li seu livro hj alfredo, parabens!

407 – Meu professor AlfredoBernacchi ;o Brasil precisa de pessoas como você.
ya9azab

406 - marciomusical1
Amigo demorou 37 anos,para eu me liberta desse ser imaginario,e nem foi por causa de estudo,foi na experiência de vida mesmo, cansei da escravidão.eu estava morto agora vivo.

405 - thinkkcritically O senhor é ótimo!! Meus parabéns adorei

404 - rgpjoel190509 este vídeo é um grande exemplo de serviço de utilidade publica. parabéns pelo canal.

403 – quersaberaverdadecaro alfredo, muito obrigado pelo vídeo. familiares meus ficavam muito impressionados com os supostos "cair no espírito", "expulsar demônios", etc. muito obrigado. felicidades, saúde e paz.

402 - rudmar marcal martins Ola Shr. tive o prazer e o privilégio de acompanhar alguns de seus vídeos e me interessei pelos livros.Se possível gostaria de recebe-los por e- mail. Parabenizo-o por sua atuação, pela coragem de dizer o que pensa e pelo otímo trabalho. Um abraço.

401 - ALFREDO, recebi os livros, obrigado. gostaria que você participasse de outros hangouts no canal do igrejatv ou outro de sua preferência, tendo em vista que muitas pessoas estão buscando aprender nesses debates. na verdade ainda me considero um teísta agnóstico, ou algo do gênero, assim sendo, se existe um ser supremo que nos criou, tenho certeza que ele tem se agradado de você, pela sua preocupação em tirar as pessoas da escravidão da religião, onde são sugadas por cães gulosos que sabem que ensinam mentiras. todos nós seremos eternos de uma forma ou de outra, voltando para o universo em forma de energia. também estive durante 35 anos escravo do sistema religioso, 11 anos na igreja católica e 24 anos na igreja evangélica. tenho 36 anos. hoje estou livre. um grande abraço, felicidades e paz.
Marcelo Garcia

400 - vc é foi a luz que o mundo precisava!!
Zambetta


INVERTI A ORDEM DAS MENSAGENS para ser mais fácil de colar as novas:
_____________________________________________________

A OPINIÃO DOS MEUS LEITORES:

Sobre o trabalho – O DIVINO UNIVERSO:

1 - Vitoria disse...
Esse blog vai render heim Alfredo.
Já ouvi falar claro, nas distâncias, nas galáxias, na velocidade da luz. Na época, porém não tinha interesse no assunto. Hoje tudo está mudando então ver uma parte do universo (tudo a esmo), explodindo da forma que vc colocou foi sensacional. É verdade, é isso aí, o que somos?
Adorei. Quero mais. (rssss)

2 - elopsico disse...
Que lindo Alfredo, fez meu dia começar diferente...vei bem a calhar numa fase em que estou tentando entender quem e como fez tudo isto!!! Ainda não entendo, mas me maravilho!!
Abraços.
Eloísa

3 - Marcos disse...
ESPETACULAR!!!
Sensacional o post, Alfredo.
Parabéns e forte abraço.

A4 - lt_of_Ctrl disse...
"Estamos aqui. Apenas isso. Estamos aqui hoje. Não estávamos ontem e não estaremos amanhã."
hahahahahaha, mtu bom...totalmente pessimista, mas realista :]
Pra qq to comentando, ñ tem a menor importância mesmo =p
Mas é isso, cara...as pessoas fazem da própria vida um inferno, vivem de futilidades, dores e lástimas. Quando na verdade ñ são informadas da sua própria insignificancia pro universo.
E viva o caos \o/



César Alves disse...
Parabéns Alfredo!!

5 - RENATO MEHEDIN disse...
E nessas horas que vejo os pastores da universal falando sobre "maldição hereditaria","encosto","demonios imaginarios",..e tenho vontade de manda-los tomar no meio do olho do C..............
Devemos entender nossa insignificância e assim evoluir como seres humanos,descer do pedestal e parar de achar que tudo gira em torno de nós.Entendermos nossa natureza e nosso papel no planeta terra,e contemplar o misterio,ao inves de criar seres imaginarios
A religião so cerca a inteligencia do homem e os faz dependentes de pastores,padres,e etc......
Abraços alfredo.
Renato

6 - Stéfanni Brasil disse...
Esplêndido!


7 - isac disse...
Perfeito. Gostaria apenas que vc falasse um pouco mais da expanção que o Sol sofrerá daqui ha uns 5 bilhoes de anos, aproximadamente, e se ainda haverá vida na terra nesse periodo. Grato e um forte abraço.


8 - Michael disse...
"inferno de colisoes..."
"ñ é perfeito é ... anarquico ..."
o intuito é ateista , entao usar inferno acho q ñ soa bem. usar anarquia nesse sentido tbm ñ acho legal.
mais quem sou eu pra fikar criticando esse belo trabalho . parabens!

9 - andressa disse...
puxa parabens ficou incrivel seu trabalho sem contar que aki tem minhas duas paixoes astronomia e ateismo

10 - Luis Fernando disse...
Excelente iniciativa! A astronomia também me fascina bastante. Gostei muito do tema escolhido e, principalmente, do tipo de linguagem que foi usada - simples e elucidativa. Em minha opinião, qualquer um pode entender, inclusive crianças. Para um possível próximo post, sugiro que o ateísmo seja mais esclarecido com esse mesmo tipo de linguagem. Como inspiração, indico a primeira parte do filme Zeitgeist e o livro Deus, um delírio de Richard Dawkins. Parabéns!!!

11 - thiago disse...
cara é de pessoas assim que a humanidade precisa...
parabéns...

12 - Marcos Telles disse...
Perfeito Alfredo, isto demonstra a insignificância de nosso misticismo e toda a pretensão dos "filhos de deus". Viva os filhos do caos!
Niilista Marcos

13 - Vitoria disse...
Boa noite Alfredo e olá para vocês, que passam por aqui e deixam suas mensagens.
Isso quer dizer que pensam como o Alfredo e portanto, têm as mesmas idéias que eu. O caso é que descobri todas "as verdades" há muito pouco tempo e sendo assim tenho "quase ninguém" para conversar sobre um assunto tão importante em minha vida. Sinto-me só às vezes, pois deixei uma vida de católica de carteirinha...fã de padres e etc...para me tornar de repente..(nem tão de repente assim) uma perfeita atéia (graças à Deus). Estou lendo os livros do Alfredo ainda. Estou convidando caso alguém queira me dar uma força, se algém quiser conversar, trocar idéias... pensamentos... ajudaria muito, afinal, tornei-me diferente no meio em que vivo. Seria bom e importante ter companhia para fortalecer minha total descrença em tudo o que pregam por aí...
Vou deixar aqui meu e-mail:
vit_oria_melo@hotmail.com
Será um prazer.
E para o Marcos Teles, quero dizer que gostei muito de sua forma clara e direta de colocar o que pensa. Gostei muito.
Grande abraço à todos.
Vitória

14 - Anônimo disse...
Eu concordo com tudo que vc disse!
O Ser humano é Patetico se acha o centro de tudo, acha que " Deus" so criou nos, e que "Deus" so tem olhos pra nos... Tanta besteira...
Esse Deus nem existe... Deus foi algo que a humanidade criou pra se achar importante...
Simplismente somos nada... E isso que foi mostrada nessas magnificas fotos acredito que não é nem 1% do universo... Perfeito o final do texto... vou divulgar pra todo mundo isso...
Abraços...

15 - Feon2 disse...
Lindo post.
O Universo é grandioso demais para nossa compreensão.

16 - Eduardo disse...
Respeito sua opiniao quando diz que tudo se deu ao mero acaso.
Enfim nunca acreditei nesse mero acaso , por simples questao de observacao , como tudo funciona e muito bem .
A natureza age milimetricamente e com uma inteligencia que nossa mente mau pode compreender , basta so prestar atencao no seu proprio corpo , proprio movimento de contracao e expansao do seu coracao , assim como da respiracao tambem, uma vez q somos uma replica do microcosmo.
Somos tao ignorantes que mau conhecemos a nos mesmos.
Existe sim muitos misterios, cada um tem suas crencas e a minha eh que existe sim forcas maiores e que nao somos filhos do acaso.
enfim respeito a opiniao de cada um.
so peco que observem mais.
valeu

17 - Leonardo disse...
Sinceramente, Foi a melhor coluna que já li na vida...
Isso me faz crer que nascemos e morreremos e jamais significaremos alguma coisa perante ao universo...

18 - Hely Cruz disse...
Pena q Vc é ateu, te acho inteligente d+ para não crer em Deus e acha que isso tudo surgiu do nada. Lamentavel!!!

19 - Lelê disse...
nossa! gostei muito do teu blog! respondeu um moooonte de perguntas que eu tinha sobre o universo! parabéns pelo trabalho e pela pesquisa.

20 - Anônimo disse...
Parabéns Alfredo....
aparece la no Ateus.net
Leio esse texto a meses..
quando naum tenho nada para fazer volto e releio e fico vendo as fotos.. bacana demais....

21 - Adrian disse...
Texto muito bom e de fácil entendimento.
Alfredo obrigado por comprtilhar suas pesquisas.

22 - Anônimo disse...
pesquisa maravilhosa, mas nada pode acontecer por acaso, lembre-se de Darwin.

23 - Xandyyg disse...
magnifico ... espetacular ... super-imprecionante... esplendido... incrivel... etc.. etc... etc...
tudas essa palavras são BACTÉRIAS...
perdo do q voce fez nesse blog......
por fim...parabens..................

24 - Rubens da Cruz disse...
Bom pessoal,Tö meio perdido, era católico não praticante, mais por causa de minha família, mas são questionamentos como estes, muitos sem resposta é que percebemos o tanto que ainda somos insignicantes e ancestrais. A concusão que chego e que sei que nada sei!!!
Parabëns Alfredo, ótimo trabalho.

25 - Anônimo disse...
Bela explicacao alfredo... mas quem foi que te falou que isso tudo eh fato? um homem? feito de carne e osso? que estuda e tira conclusoes das coisas mesmo se as probabilidades forem 1 em 100000 e dai se diz certo disso?

26 - Be careful my friend when you want to say things like that. If you want to express your point, go ahead and do it. but you don't need to criticize people's point of view. You believe we have been developing since Big Bang, good for you. Someone else believes God has made us the way we are, good for him or her. So keep your mouth shot and say what you want to say without offending other people creeds. One question for you buddy... when you were born, did your mom take you to church and the priest dropped some water on your forhead? If yes, you're lucky because God touched you that day.
XXOO

27 - Anônimo disse...
Ae alfredão. Muito bom seu texto.
Outro ponto em que eu discordo é quando você diz que nós viveremos isolados pela eternidade. Seguindo o raciocinio, tambem é ilógico afirmar que, com toda a tecnológia disponivel para viajar anos-luz no espaço, nos estaremos bebendo mijo reciclado. Convenhamos, teriamos uma solução MUITO mais eficazes para isso, como produzir água com os recursos disponíveis no espaço, além do que essas viagens poderiam ser feitas em buracos de minhoca, assim como os ET's.
Não mais
PS: Odeio quando crente fala que viemos dos macacos


28 - Renan Pendragon disse...
Ótimo texto, bem pessimista ao dizer que estamos isolados por toda eternidade. A ciência humana esta apenas engatinhando talvez nem isso, é obvio que quando se fala em viagem no espaço chegar a outras galáxias seja algo quase impossível de se conceber até mesmo na velocidade da luz (o que é impossível), nos somos visitados por seres de outros planetas a talvez milhares de anos, e a tecnologia usada por estes sim é algo que nós podemos nunca chegar perto de ter, pois é claro que nós consumiremos nosso planeta como gafanhotos famintos antes de vislumbrar os segredos mais incríveis do universo, o que é realmente uma pena.
Grande abraço e ótimo blog

29 - Alvaroniten disse...
Obrigado pela aula!
Essa é pra libertar das amarras.
Abraço.

................................ (Tem mais uns 350 além desses) ...................................

Assim, amigo.... Eu lamento o seu engano, mas EU ESTOU COM A FORÇA!...

Desconfie que força é essa!!!... Desconfie!...
Abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por O Questionador em Sex 05 Out 2012, 1:54 pm

Alfredo Bernacchi escreveu:

Sinto muito, Questionador... Isso é o que você acha, e tem o direito de achar, MAS NÃO PROVA!
Entretanto EU PROVO O CONTRÁRIO.

Já fiz isso anteriormente, e nem gosto porque fica ocupando o espaço do fórum á -toa. Mas vocês me cobram, então aqui vai um pedacinho:

409 - alfredo tudo o q vc falou é verdade eu acho q o evangelio devia ser proibido pq so faz iludir a cabeça da pessoa.minha mãe desdi q eu era pequena ela vem mi iludino falando q existe um deus eu começei observa q deus não existe até parece si existisse um homem poderoso ia perde o tempo dele com a gente.isso q vc falou é verdade esse pessoal ele não deixa a pessoa pesquisar a verdade sobre a origem humana eu não acredito em deus.
vanessa14358

408 – Jay !!
Graças a deus!! Li seu livro hj alfredo, parabens!

407 – Meu professor AlfredoBernacchi ;o Brasil precisa de pessoas como você.
ya9azab

406 - marciomusical1
Amigo demorou 37 anos,para eu me liberta desse ser imaginario,e nem foi por causa de estudo,foi na experiência de vida mesmo, cansei da escravidão.eu estava morto agora vivo.

405 - thinkkcritically O senhor é ótimo!! Meus parabéns adorei

404 - rgpjoel190509 este vídeo é um grande exemplo de serviço de utilidade publica. parabéns pelo canal.

403 – quersaberaverdadecaro alfredo, muito obrigado pelo vídeo. familiares meus ficavam muito impressionados com os supostos "cair no espírito", "expulsar demônios", etc. muito obrigado. felicidades, saúde e paz.

402 - rudmar marcal martins Ola Shr. tive o prazer e o privilégio de acompanhar alguns de seus vídeos e me interessei pelos livros.Se possível gostaria de recebe-los por e- mail. Parabenizo-o por sua atuação, pela coragem de dizer o que pensa e pelo otímo trabalho. Um abraço.

401 - ALFREDO, recebi os livros, obrigado. gostaria que você participasse de outros hangouts no canal do igrejatv ou outro de sua preferência, tendo em vista que muitas pessoas estão buscando aprender nesses debates. na verdade ainda me considero um teísta agnóstico, ou algo do gênero, assim sendo, se existe um ser supremo que nos criou, tenho certeza que ele tem se agradado de você, pela sua preocupação em tirar as pessoas da escravidão da religião, onde são sugadas por cães gulosos que sabem que ensinam mentiras. todos nós seremos eternos de uma forma ou de outra, voltando para o universo em forma de energia. também estive durante 35 anos escravo do sistema religioso, 11 anos na igreja católica e 24 anos na igreja evangélica. tenho 36 anos. hoje estou livre. um grande abraço, felicidades e paz.
Marcelo Garcia

400 - vc é foi a luz que o mundo precisava!!
Zambetta


INVERTI A ORDEM DAS MENSAGENS para ser mais fácil de colar as novas:
_____________________________________________________

A OPINIÃO DOS MEUS LEITORES:

Sobre o trabalho – O DIVINO UNIVERSO:

1 - Vitoria disse...
Esse blog vai render heim Alfredo.
Já ouvi falar claro, nas distâncias, nas galáxias, na velocidade da luz. Na época, porém não tinha interesse no assunto. Hoje tudo está mudando então ver uma parte do universo (tudo a esmo), explodindo da forma que vc colocou foi sensacional. É verdade, é isso aí, o que somos?
Adorei. Quero mais. (rssss)

2 - elopsico disse...
Que lindo Alfredo, fez meu dia começar diferente...vei bem a calhar numa fase em que estou tentando entender quem e como fez tudo isto!!! Ainda não entendo, mas me maravilho!!
Abraços.
Eloísa

3 - Marcos disse...
ESPETACULAR!!!
Sensacional o post, Alfredo.
Parabéns e forte abraço.

A4 - lt_of_Ctrl disse...
"Estamos aqui. Apenas isso. Estamos aqui hoje. Não estávamos ontem e não estaremos amanhã."
hahahahahaha, mtu bom...totalmente pessimista, mas realista :]
Pra qq to comentando, ñ tem a menor importância mesmo =p
Mas é isso, cara...as pessoas fazem da própria vida um inferno, vivem de futilidades, dores e lástimas. Quando na verdade ñ são informadas da sua própria insignificancia pro universo.
E viva o caos \o/



César Alves disse...
Parabéns Alfredo!!

5 - RENATO MEHEDIN disse...
E nessas horas que vejo os pastores da universal falando sobre "maldição hereditaria","encosto","demonios imaginarios",..e tenho vontade de manda-los tomar no meio do olho do C..............
Devemos entender nossa insignificância e assim evoluir como seres humanos,descer do pedestal e parar de achar que tudo gira em torno de nós.Entendermos nossa natureza e nosso papel no planeta terra,e contemplar o misterio,ao inves de criar seres imaginarios
A religião so cerca a inteligencia do homem e os faz dependentes de pastores,padres,e etc......
Abraços alfredo.
Renato

6 - Stéfanni Brasil disse...
Esplêndido!


7 - isac disse...
Perfeito. Gostaria apenas que vc falasse um pouco mais da expanção que o Sol sofrerá daqui ha uns 5 bilhoes de anos, aproximadamente, e se ainda haverá vida na terra nesse periodo. Grato e um forte abraço.


8 - Michael disse...
"inferno de colisoes..."
"ñ é perfeito é ... anarquico ..."
o intuito é ateista , entao usar inferno acho q ñ soa bem. usar anarquia nesse sentido tbm ñ acho legal.
mais quem sou eu pra fikar criticando esse belo trabalho . parabens!

9 - andressa disse...
puxa parabens ficou incrivel seu trabalho sem contar que aki tem minhas duas paixoes astronomia e ateismo

10 - Luis Fernando disse...
Excelente iniciativa! A astronomia também me fascina bastante. Gostei muito do tema escolhido e, principalmente, do tipo de linguagem que foi usada - simples e elucidativa. Em minha opinião, qualquer um pode entender, inclusive crianças. Para um possível próximo post, sugiro que o ateísmo seja mais esclarecido com esse mesmo tipo de linguagem. Como inspiração, indico a primeira parte do filme Zeitgeist e o livro Deus, um delírio de Richard Dawkins. Parabéns!!!

11 - thiago disse...
cara é de pessoas assim que a humanidade precisa...
parabéns...

12 - Marcos Telles disse...
Perfeito Alfredo, isto demonstra a insignificância de nosso misticismo e toda a pretensão dos "filhos de deus". Viva os filhos do caos!
Niilista Marcos

13 - Vitoria disse...
Boa noite Alfredo e olá para vocês, que passam por aqui e deixam suas mensagens.
Isso quer dizer que pensam como o Alfredo e portanto, têm as mesmas idéias que eu. O caso é que descobri todas "as verdades" há muito pouco tempo e sendo assim tenho "quase ninguém" para conversar sobre um assunto tão importante em minha vida. Sinto-me só às vezes, pois deixei uma vida de católica de carteirinha...fã de padres e etc...para me tornar de repente..(nem tão de repente assim) uma perfeita atéia (graças à Deus). Estou lendo os livros do Alfredo ainda. Estou convidando caso alguém queira me dar uma força, se algém quiser conversar, trocar idéias... pensamentos... ajudaria muito, afinal, tornei-me diferente no meio em que vivo. Seria bom e importante ter companhia para fortalecer minha total descrença em tudo o que pregam por aí...
Vou deixar aqui meu e-mail:
vit_oria_melo@hotmail.com
Será um prazer.
E para o Marcos Teles, quero dizer que gostei muito de sua forma clara e direta de colocar o que pensa. Gostei muito.
Grande abraço à todos.
Vitória

14 - Anônimo disse...
Eu concordo com tudo que vc disse!
O Ser humano é Patetico se acha o centro de tudo, acha que " Deus" so criou nos, e que "Deus" so tem olhos pra nos... Tanta besteira...
Esse Deus nem existe... Deus foi algo que a humanidade criou pra se achar importante...
Simplismente somos nada... E isso que foi mostrada nessas magnificas fotos acredito que não é nem 1% do universo... Perfeito o final do texto... vou divulgar pra todo mundo isso...
Abraços...

15 - Feon2 disse...
Lindo post.
O Universo é grandioso demais para nossa compreensão.

16 - Eduardo disse...
Respeito sua opiniao quando diz que tudo se deu ao mero acaso.
Enfim nunca acreditei nesse mero acaso , por simples questao de observacao , como tudo funciona e muito bem .
A natureza age milimetricamente e com uma inteligencia que nossa mente mau pode compreender , basta so prestar atencao no seu proprio corpo , proprio movimento de contracao e expansao do seu coracao , assim como da respiracao tambem, uma vez q somos uma replica do microcosmo.
Somos tao ignorantes que mau conhecemos a nos mesmos.
Existe sim muitos misterios, cada um tem suas crencas e a minha eh que existe sim forcas maiores e que nao somos filhos do acaso.
enfim respeito a opiniao de cada um.
so peco que observem mais.
valeu

17 - Leonardo disse...
Sinceramente, Foi a melhor coluna que já li na vida...
Isso me faz crer que nascemos e morreremos e jamais significaremos alguma coisa perante ao universo...

18 - Hely Cruz disse...
Pena q Vc é ateu, te acho inteligente d+ para não crer em Deus e acha que isso tudo surgiu do nada. Lamentavel!!!

19 - Lelê disse...
nossa! gostei muito do teu blog! respondeu um moooonte de perguntas que eu tinha sobre o universo! parabéns pelo trabalho e pela pesquisa.

20 - Anônimo disse...
Parabéns Alfredo....
aparece la no Ateus.net
Leio esse texto a meses..
quando naum tenho nada para fazer volto e releio e fico vendo as fotos.. bacana demais....

21 - Adrian disse...
Texto muito bom e de fácil entendimento.
Alfredo obrigado por comprtilhar suas pesquisas.

22 - Anônimo disse...
pesquisa maravilhosa, mas nada pode acontecer por acaso, lembre-se de Darwin.

23 - Xandyyg disse...
magnifico ... espetacular ... super-imprecionante... esplendido... incrivel... etc.. etc... etc...
tudas essa palavras são BACTÉRIAS...
perdo do q voce fez nesse blog......
por fim...parabens..................

24 - Rubens da Cruz disse...
Bom pessoal,Tö meio perdido, era católico não praticante, mais por causa de minha família, mas são questionamentos como estes, muitos sem resposta é que percebemos o tanto que ainda somos insignicantes e ancestrais. A concusão que chego e que sei que nada sei!!!
Parabëns Alfredo, ótimo trabalho.

25 - Anônimo disse...
Bela explicacao alfredo... mas quem foi que te falou que isso tudo eh fato? um homem? feito de carne e osso? que estuda e tira conclusoes das coisas mesmo se as probabilidades forem 1 em 100000 e dai se diz certo disso?

26 - Be careful my friend when you want to say things like that. If you want to express your point, go ahead and do it. but you don't need to criticize people's point of view. You believe we have been developing since Big Bang, good for you. Someone else believes God has made us the way we are, good for him or her. So keep your mouth shot and say what you want to say without offending other people creeds. One question for you buddy... when you were born, did your mom take you to church and the priest dropped some water on your forhead? If yes, you're lucky because God touched you that day.
XXOO

27 - Anônimo disse...
Ae alfredão. Muito bom seu texto.
Outro ponto em que eu discordo é quando você diz que nós viveremos isolados pela eternidade. Seguindo o raciocinio, tambem é ilógico afirmar que, com toda a tecnológia disponivel para viajar anos-luz no espaço, nos estaremos bebendo mijo reciclado. Convenhamos, teriamos uma solução MUITO mais eficazes para isso, como produzir água com os recursos disponíveis no espaço, além do que essas viagens poderiam ser feitas em buracos de minhoca, assim como os ET's.
Não mais
PS: Odeio quando crente fala que viemos dos macacos


28 - Renan Pendragon disse...
Ótimo texto, bem pessimista ao dizer que estamos isolados por toda eternidade. A ciência humana esta apenas engatinhando talvez nem isso, é obvio que quando se fala em viagem no espaço chegar a outras galáxias seja algo quase impossível de se conceber até mesmo na velocidade da luz (o que é impossível), nos somos visitados por seres de outros planetas a talvez milhares de anos, e a tecnologia usada por estes sim é algo que nós podemos nunca chegar perto de ter, pois é claro que nós consumiremos nosso planeta como gafanhotos famintos antes de vislumbrar os segredos mais incríveis do universo, o que é realmente uma pena.
Grande abraço e ótimo blog

29 - Alvaroniten disse...
Obrigado pela aula!
Essa é pra libertar das amarras.
Abraço.

................................ (Tem mais uns 350 além desses) ...................................

Assim, amigo.... Eu lamento o seu engano, mas EU ESTOU COM A FORÇA!...

Desconfie que força é essa!!!... Desconfie!...
Abç



Alfredo, eu não estou dizendo que não haveriam pessoas que elogiassem seu trabalho, sempre haverão, acredite, existe tudo quanto é tipo de pessoa, o fato de algumas centenas aplaudir seu trabalho não quer dizer que ele prova que Deus não existe, ou que Jesus Cristo não existiu.

Provavelmente essas pessoas já desconfiavam que Deus não existia, ou que não queriam mais acreditar e viram no seu livro bons argumentos, mas uma pessoa que realmente acreditasse jamais poderia deixar só porque você falou, você não pode provar nem que Jesus Cristo não existiu de alguma forma Alfredo, quanto mais algo como Deus.

E por mais que você tenha provas, por mais que você diga que "fulano ou sicrano não falou de Jesus", isso só prova que fulano e sicrano não falaram, o cara pode ter existido e passado batido por eles, alguns podem ter aumentado os milagres, outros inventado outros milagres, aumentado algumas outras palavras, mas você não pode dizer que o cara não existiu por causa disso.

Para alguém acreditar que Jesus não existiu só por você ter dito Alfredo, das duas uma, ou a pessoa já desconfiava de alguma forma ou era fraca demais na crença, esses são os dois principais tipos de mente que você vai atrair com seu livro.

Até porque, como eu disse, a pessoa pode até deixar de acreditar em Jesus, mas isso não significa que a mente religiosa dela não vá a levar a acreditar em qualquer outra "pessoa especial", em Chico Xavier, em Buda, ou em coisas como telepatia, vidas passadas, Magia, New Age, ou qualquer outra coisa religiosa que não leve o rótulo de Jesus e que elas ainda achem plausível de alguma forma. Aí eu pergunto, qual a grande diferença?

Você tentou destruir um fantasma religioso, mas ainda existem centenas que as pessoas seguirão independente disso, então pra que perder tempo ligando?


"Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro. Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo olha para você."
Friedrich Nietzsche

O Questionador
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 523
Localização : Na Selva.
flag : Brasil
Data de inscrição : 31/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Sab 06 Out 2012, 8:52 pm

Questionador. Como está?
Amigo, você acha isso, mas eu percebo diferente. Como estou lidando diretamente com o assunto e com essas pessoas, posso ter mais certeza do que você de como funciona isso.
Se eu fizer uma filtragem nessas mensagens você vai encontrar depoimentos claros que, foi através dos meus livros, DIRETAMENTE, que tal pessoa despertou a mente e concluiu pela inexistência de deus e ou Jesus.
Eu tenho e-mails longos de... Olha, vou colar esses dois aqui pra você ler:

Olá Alfredo,
como você não me conhece, vou começar me apresentando. Meu nome é Lívia Fares, tenho 27 anos, sou farmacêutica e "conheci" você através do yahoo respostas.
Hoje sou atéia, e você tem parte nesse processo. Bom, permita-me explicar melhor:
Como boa parte dos brasileiros, fui batizada na igreja católica, pois minhas avós (uma delas era beata e a outra foi freira até se casar) insistiram para isso. Porém religião não era a maior preocupação dos meus pais, pois minha mãe é o que chamamos de agnóstico e meu pai é ateu desde que eu me lembro. Assim sendo, minha ligação com a igreja católica ficou só no batismo. Eu era a famosa "católica não praticante". Isso sempre foi fachada. Mas só percebi isso agora.
Quando entrei na universidade e estava estudando farmácia, sempre tive problemas com essa história da igreja católica de que não se pode usar anticoncepcional nem camisinha. Como não? Por um acaso a igreja vai sustentar os filhos ou será que vai custear o tratamento de doenças como a AIDS? Acho que não.
A partir desse momento, comecei a procurar saber sobre outras religiões. Para você ter uma idéia, até muçulmana pensei em virar, mas isso foi por causa da minha descedência libanesa e por causa da minha paixão pela dança do ventre (já a pratico há 4 anos). Depois de uma pequena pesquisa mudei de idéia e achei melhor não mexer com isso.
Nessa confusão larguei meu emprego como farmacêutica no Hipermercado Extra e vim morar no Canadá com meu marido. Estando afastada de tudo e de todos, num país completamente estranho e num emprego mais estranho ainda (atendente de fast-food) comecei a frequentar o YR e depois de algum tempo eu e meu marido começamos a frequentar a sessão de religião por curiosidade.]

A partir daí "conhecemos" você.
Bom voltando a mim, comecei a ler as suas respostas e a parar para pensar. Já tinha uma incompatibilidade enorme com a religião católica e não parecia me ajustar a nenhuma outra ( por causa disso, cheguei a pensar que tinha alguma coisa errada comigo). Comecei a perceber que não era eu o problema e depois de muito YR, muita resposta sua e algumas pesquisas pessoais cheguei a conclusão que religião não serve para nada de bom e me tornei atéia.
Agora que você me "conhece" um pouquinho gostaria muito de te agradecer. Através das suas respostas e dos seus livros (dos quais conheço algumas partes, pois meu marido já está lendo o terceiro, "A Bíblia do Ateu" e sempre me conta muito do que está escrito) vi que na verdade sempre fui atéia, mas não tinha coragem de assumir. Agora, quando voltarmos para o Brasil no final de abril, já não terei problemas em dizer que sou atéia. Terei orgulho.
Apesar das lamentáveis grosserias que as pessoas fazem com você no YR, acho o trabalho que você realiza voluntariamente é super importante, pois você mostra que religião além de não ter nada de bom, só serve para aprisionar as pessoas e fazê-las se sentirem culpadas.
Então, muito obrigada.
Ficaria muito feliz se meu agradecimento fosse para você um pequeno incentivo para continuar com o seu trabalho. Pois, pelo menos para mim, ele fez toda a diferença.
Boa sorte com sua nova casa.
Atenciosamente,
Lívia Fares
........................................................

Olá Alfredo,
Meu nome é Frederico, conheci você após começar a frequentar o YR!. Em seguida, esbarrei nos livros que você escreveu e resolvi ler. Já li < Sinto muito... mas Jesus Cristo não existiu > e < Ateu, graças a Deus >. Gostei muito de ambos, e resolvi escrever essa mensagem apenas para parabeniza-lo pela iniciativa e pelos textos.
Eu nunca fui muito envolvido com religião em minha vida, mas sempre acreditava em Deus, ou em algo mais, ou coisas misteriosas e místicas. Era daqueles que não tinha religião, mas conversava com um Deus pessoal e pedia coisas para ele. Minha vida como ateu é bem recente, foi um processo, mas posso dizer que foi de uns 6 meses para cá. Quando comecei a frequentar o YR! na seção de religião, já era ateu. Porém, seu livro sobre o mito de Jesus me impressionou muito. Até então eu pensava em Jesus como um cara que pregou umas maluquices e foi condenado pelos religiosos da época. E só! Nunca tinha pensado nele como um mito completamente inventado! Procurei pesquisar mais após ler seu livro e fiquei impressionado. E me deu uma triteza maior ainda ao pensar naquelas pessoas gritando com tanta fé e paixão "o sangue de Jesus tem poder!", entre outras coisas parecidas, e sendo exploradas por essa mesma fé.

Com relação ao < Ateu, graças a Deus >, também gostei. Uma das partes que chamou minha atenção foi a parte em que você conta sobre o diálogo interno em sua mente, em que você obteve "conselhos" para ir para mais perto da natureza e foi morar numa ilha. Muitos vêem isso como evidência de Deus, espíritos, etc. Eu mesmo tive experiências assim e é interessante constatar que essas vozes internas são de fato incoerentes, pois elas acertam às vezes, mas erram outras vezes. Podemos chamar de intuição. Contudo, é realmente algo criado pela mente. A mente é realmente capaz de imaginar posições diferentes em uma argumentação, imaginando participantes em um diálogo interno. Em um extremo, temos os amigos imaginários de algumas crianças. Esse processo se manifesta claramente nos sonhos, quando nosso consciente está desligado, mas vivenciamos diálogos, imaginamos personagens diferentes e comportamentos diferentes. Independente do que seja, algum desses processos ocultos da mente cria essa voz interna que atua, principalmente em momentos de estresse como aquele no qual você se encontrava. Apenas quis dividir essa opinião com você.
Um grande abraço e foi um prazer ler seus livros.
Fred

......................................

Estou acabando de liberar o livro referente ao YR que eles mencionaram:
“ALFREDO BERNACCHI X OS MOLEQUES DO YAHOO RESPOSTAS”. Você pode encontrá-lo aqui: http://pt.scribd.com/doc/109205322/Alfredo-x-Os-Moleques-Do-Yr-Rev-0


Além do mais, eu tenho provas da inexistência de Jesus Cristo! PROVAS CONTUNDENTES!... É só ler. Se você não ler jamais vai saber!...

Com relação a deus, eu tenho as mesmas evidências que você tem, quando não acredita em:
Chimichagua, Quetzalcóatl, Nãmandu, Jeová, Huitzilopochtli, Coyolxahuqui, Baal, Hare, Brahma, Mahayana, Shu, Tefnet, Osíris, Khnemu, Seket, Menfis, Amaterasu, Buda, Amon-Rá, Zeus, Júpiter, Posêidon, Tezcatlipoca, Xangô, Pachamama, Ull, Shiva, Nhanderuvuçu, Krishna, Ishtar, Cihuacóatl, Mictlantecuhtli, Kinich, Ahau, Pã, Wakan Tanka, Unkulunkulu, Vulcano, Indra, Rá, Shu , Geb, Tefnet, Nut, Amon, Thot, Menphis, Thebas, Ptah, Khnemu, Hapi, Horus, Neit, Seket, Hator, Mênfis, Tebas, Anúbis, Abidos, Busíris, Khonsu, Akhenaton, Aton, Javé, Moloch, Bel, Allah, Vishnu, Krishna... Mais 985 outros.

Você não acredita nesses, certo? E tem certeza de que não existem!.... Mas não pode provar... Assim como eu tenho certeza de que o seu não existe. A mesma certeza sua nesses outros. A certeza é a mesma. Só o deus que é diferente...

Até mesmo que um livro meu, não tenha sido decisivo para uma mudança de comportamento, eles colaboram confirmando a descrença do indivíduo, porque tem os meus vídeos, os meus debates, as minhas perguntas no YR, minhas piadas e brincadeiras por aí e a minha própria vida... Tudo recomenda a mesma direção. O fim da crença em deuses e religiões.

“Para alguém acreditar que Jesus não existiu só por você ter dito Alfredo”

Não sou só eu que não acredito e explico isso... Tem muita gente que me acompanha e muitos outros que vieram antes de mim. Olhe essa lista aqui:

Essa é uma pequena coleção de personagens, que desacreditam na existência de Jesus, quem foram e o que escreveram, pra você poder conferir onde quiser:


Em especial:

# Fócio I de Constantinopla (820 - 893) foi duas vezes o patriarca de Constantinopla. É reconhecido pela Igreja Ortodoxa como São Fócio, o Grande. É considerado o mais poderoso e influente patriarca de Constantinopla desde João Crisóstomo e como o mais importante intelectual de seu tempo. Ele era um homem bem educado nascido de uma família nobre de Constantinopla. Pretendia se tornar um monge, mas escolheu ser um acadêmico e um estadista ao invés disso.
Exibindo os escritos de Flávio Josefo, Fócio afirmava que nenhum judeu contemporâneo de Jesus ocupara-se dele. [ou seja, nada escreveu sobre Jesus] A luta de Fócio, teve início justamente por achar desnecessário a Igreja lançar mãos de meios escusos [falsificações] para provar a existência de Jesus. Disse que bastaria um exemplar autêntico não adulterado pela Igreja e fora do seu alcance, para por em evidência as fraudes praticadas com o objetivo de dominar de qualquer forma.
Embora crendo em Jesus Cristo, combateu vivamente os meios sub-reptícios empregados pelos Papas, razão porque foi destituído do patriarcado bizantino e excomungado. De suas 280 obras, apenas restou o “Myriobiblion”, tendo o resto sido queimado, provavelmente por ordem do Papa. [Provou que Josefo nada escreveu sobre Jesus]

# Hermann Samuel Reimarus – 1694 - Escritor, filósofo alemão e um dos promotores da corrente nacionalista que negava os milagres, mas ainda admitia a possibilidade da existência desse personagem, defendia que Jesus nada tinha de divino, era apenas um dos profetas. Quanto a ressurreição, dizia que os apóstolos a inventaram após esconderem o corpo de Jesus. Receando a perseguição da Igreja, o pensador não publicou a sua obra “Intenção de Jesus e Seu Ensinamento”, que só foi editada depois dele morto. Reimarus era um pensador iluminista e foi professor de línguas orientais do Ginásio de Hamburgo, sua extensa obra, publicada após sua morte, rejeita a “religião revelada” e defende um deísmo naturalista. Reimarus acusou os escritores dos evangelhos de fraude proposital e inumeráveis contradições. [Sumiu do mapa depois disso]

# Voltaire (François-Marie Aroue) – 1694 em Paris – A mais influente figura do Iluminismo, foi educado num colégio jesuíta e ainda assim concluiu “O cristianismo é a religião mais ridícula, absurda e sangrenta que jamais infectou o mundo... O verdadeiro Deus não pode ter sido dado à luz por uma garota, nem sido morto num cadafalso e nem ser comido numa porção de hóstia.” Preso, exilado, seus livros banidos e queimados, a grande popularidade de Voltaire na França assegurou-lhe um descanso final no Panteão, em Paris. Extremistas religiosos roubaram seus restos mortais e os atiraram numa pilha de lixo.
Junto a outros grandes filósofos franceses, combatia violentamente a Igreja Católica e publicavam: “Esmagar a infâmia”. Assinalou as coincidências até na terminologia entre o Evangelho segundo João e os escritos de Filon de Alexandria. Um polemista satírico, frequentemente usou suas obras para criticar a Igreja Católica e as instituições francesas do seu tempo. Ficou conhecido por dirigir duas críticas aos reis absolutistas e aos privilégios do clero e da nobreza.

# Thomas Paine – 1737 - A Idade da Razão 1795. Panfleteiro que fez o primeiro apelo à independência dos Estados Unidos (Bom Senso, 1776; Direitos do Homem,1791), Paine derramou sátiras virulentas nas contradições e atrocidades da Bíblia. Como muitos revolucionários americanos, Paine era deísta: "Eu não creio na fé professada pela igreja judaica, pela igreja romana, pela igreja grega, pela igreja turca, pela igreja protestante ou por qualquer outra de que tenha notícia... Cada uma destas igrejas acusa a outra de descrença; e de minha parte eu descreio de todas.”

# Georg Wilhelm Friedrich Hegel – 1770 – Filósofo alemão, escritor da escola de Tubingem, junto com Baur descobriram tendências opostas em síntese no Novo Testamento concluindo que, como conhecemos, não foi escrito antes do século II.

# Godfrey Higgins (1771-1834). 1836, "Anacalipse" – Uma Tentativa de Remover o Véu da Ísis Saíta ou um Inquérito da Origem das Línguas, Nações e Religiões. Pioneiro inglês da arqueologia e maçom. [A palavra ateu ainda não existia].

# Count Constantine Volney, 1787, As Ruínas; ou, Meditação sobre as revoluções dos impérios (Ruína dos Impérios). Pesquisador napoleônico, viu com seus próprios olhos evidências de precursores egípcios do cristianismo. [Apontando os caminhos falsos percorridos até Jesus]

# Ferdinand Christian Baur – 1792 - Professor de teologia na Universidade de Tübingen – Alemanha - Iniciou a aplicação de novos métodos de investigação histórica ao estudo dos Evangelhos e revelou a completa inconsistência dos dogmas tradicionais da Igreja. [E foi criado na Igreja!]

# Edward Evanson, 1792, A Dissonância dos Quatro Evangelistas Geralmente Percebidos e a Evidência de suas Respectivas Autenticidades. Racionalista inglês que contestou a autoria apostólica do Quarto Evangelho e denunciou como espúrias várias epístolas Paulinas. [Teve que mudar de país]

# Charles François Dupuis, 1794, Origem de todos os Cultos ou a Religião Universal. Interpretação astrológico-mítica do Cristianismo (e de toda religião). “Um grande erro é mais facilmente propagado que uma grande verdade, porque é mais fácil crer que raciocinar e porque as pessoas preferem o maravilhoso do romance à simplicidade da História.” Dupuis destruiu a maior parte de seu próprio trabalho por causa das violentas reações que causou. [Deu sorte de não ser estripado]

# David Friedrich Strauss – 1808 - Teólogo, escritor alemão, discípulo de Hegel. Em Setembro de 1825 iniciou os seus estudos de teologia no seminário protestante de Tübingen, sendo depois professor no seminário de Maulbroon. 1860 Escreveu "A Vida de Jesus Examinada Criticamente", e afirmou que os apóstolos foram buscar quase tudo o que dizem em religiões anteriores ao cristianismo. Foi criticado brutalmente e por vezes difamado pelos teólogos católicos e protestantes da Alemanha, embora pouco a pouco tivesse imposto suas opiniões. Para Strauss, o sucesso do cristianismo explicava-se por um "mito de Jesus", que teria sido forjado pela mentalidade judaica dos tempos apostólicos, e que não poderia ser sustentada pela ciência moderna. Era um Vigário luterano que se tornou estudioso, expôs magistralmente os milagres evangélicos como mito e, no processo, reduziu Jesus a um homem comum, e isso lhe custou sua carreira.[Claro!]

# Friedrich Engels – 1820 - Escritor - Obras sobre o cristianismo primitivo. Três foram importantes. “Bruno Bauer e o Cristianismo primitivo”- 1882 – “O Livro da Revelação” – 1883 e “Para a história do Cristianismo Primitivo” – 1894. Admite que os quatro Evangelhos são arranjos ulteriores de escritos perdidos. Elimina a narração histórica, considera inadmissível os milagres e contradições. E endossa os resultados de investigações da Universidade de Tübingen. [Escritor é corajoso].

# Robert Taylor - 1828 - Sintagma de Provas da Religião Cristã; 1829 - Diegesis. Taylor foi aprisionado por afirmar as origens míticas do cristianismo. “Os primeiros cristãos entendiam as palavras como nada mais que a personificação do princípio da razão, da bondade, ou daquele princípio, seja qual for, que pode ser mais benéfico à humanidade durante o curso de uma vida.” [Deve ter morrido na prisão]

# Bruno Bauer, 1841 – Padre - Professor de Teologia da Universidade de Bona – Em 1840 e 1842 publicou dois livros críticos ao Evangelho de João e à história Evangélica. 1841, Crítica da História Evangélica dos Sinóticos. 1877, Cristo e os Césares, segundo o que para ele, o cristianismo era a síntese primitiva do estoicismo. A Formação da Cristandade entre os Romanos Helenizados. O iconoclasta original. Bauer contestou a autenticidade de todas epístolas paulinas (nas quais viu a influência de pensadores estóicos, como Sêneca) e identificou o papel de Fílon no cristianismo emergente. Bauer rejeitou a historicidade do próprio Jesus. "Tudo que se sabe sobre Jesus pertence ao reino da fábula.” Como resultado, em 1842, Bauer foi ridicularizado e removido de sua cátedra de Novo Testamento em Tübingen.
Demonstrou que os Evangelhos não são dignos de confiança como fontes documentais sobre a vida de Jesus. Tal conclusão levou-o à negação da realidade histórica de Jesus, o que provocou autêntica sublevação nos meios clericais. Teve que deixar o seu cargo na faculdade sofreu todo tipo de perseguições e teve seus escritos boicotados. [Deu sorte de não ser executado em praça pública]

# Ralph Waldo Emerson, 1841, Ensaios. Inicialmente cristão trinitário e posteriormente ministro unitário, defendeu que Jesus era um “verdadeiro profeta”, mas que o cristianismo institucionalizado era um “despotismo oriental”: “Nossas escolas dominicais, igrejas e ordens monásticas são jugos sobre nossos pescoços." [Pegou de leve... Não era bobo e ficou vivo]

# Mitchell Logan, 1842, escreveu A Mitologia Cristã Revelada. “A opinião predominante, embora infundada e absurda, é sempre a rainha das nações.” [Viveu escondido daí pra frente]

# Ferdinand Christian Baur, 1845, escreveu “Paulo, o Apóstolo de Jesus Cristo”. Estudioso alemão, iniciou a aplicação de novos métodos de investigação histórica ao estudo dos Evangelhos e revelou a completa inconsistência dos dogmas tradicionais da Igreja. Identificou como “inautênticas” não apenas as epístolas pastorais, mas também Colossenses, Efésios, Filêmon e Filipenses (deixando apenas as quatro principais epístolas paulinas consideradas genuínas). Baur foi o fundador da assim chamada “Escola de Tübingen” na Alemanha. [Tinha 3 guarda costas]

# Hegel, 1845 – Filósofo escritor da escola de Tubingem, junto com Baur descobriram tendências opostas em síntese no Novo Testamento concluindo que, como conhecemos, não foi escrito antes do século II. [Nem saía da escola]

# Ernest Renan, 1863, escreveu Vida de Jesus. Educado como padre católico, escreveu uma biografia romanceada do homem-deus, sob a influência dos críticos alemães. Custou-lhe seu emprego. [Foi falar a verdade, Rua!]

# Thomas Wittaker – Século XIX - Historiador inglês da Escola Mitológica, considerava que o culto Evangélico de Jesus deriva diretamente do culto Judaico pré-monoteísta de Josué. [Ambos mitológicos]

# W. Smith – cientista americano – Por volta de 1870 procurou demonstrar que o nome que diziam ser Jesus era um epíteto (antiga inscrição em túmulos) aplicado ao deus hebraico Iahvé e se denominavam nazarenos. Para ele o mito Jesus é pura alegoria. [Era americano... Tinha mais liberdade]

# Robert Ingersoll, 1872, escreveu Os Deuses. Extraordinário orador de Illinois, seus discursos atacavam a religião cristã. “Sempre me pareceu que um ser vindo de outro mundo, com uma mensagem de infinita importância para a humanidade, deveria pelo menos ter escrito tal mensagem de seu próprio punho. Não é admirável que nenhuma palavra foi jamais escrita por Cristo?” [Cristo era analfabeto, esqueceu?]

# Kersey Graves, 1875, escreveu Os Dezesseis Salvadores Crucificados da Humanidade. Quacre da Pensilvânia que viu um fundo pagão através das invenções cristãs, embora raramente citasse fontes para suas conclusões avançadas. [Deixou claro que todos eram mitológicos]

# Allard Pierson, 1879, escreveu O Sermão da Montanha e outros Fragmentos Sinóticos. Historiador de arte, literatura e teologia que identificou o Sermão da Montanha como uma coleção de aforismos da literatura sapiençal judaica. Esta publicação foi o começo da Crítica Radical Holandesa. Não apenas a autenticidade das epístolas paulinas, mas a própria existência histórica de Jesus foi trazida à baila. [Escondeu-se depois disso]

# Bronson C. Keeler, 1881, escreveu Pequena História da Bíblia. Uma exposição clássica das fraudes cristãs. A Bíblia inteira está saturado com temas mitológicos comuns, desde a criação e mito dilúvio ao nascimento virgem, e ressuscitou a mitologia do herói. Do inglês:
*As histórias dos patriarcas do Antigo Testamento são conhecidos como "templo lendas" para melhorar a história do povo hebreu e são principalmente de ficção.
*Os evangelhos não foram escritos por alguém que conhecia Jesus pessoalmente.
*O 'Cristo' mitos e as fórmulas são cópias diretas de mitos Zoroastrian adotado pela seita Jesus.
*Esses fatos, com os outros, são conhecidos há anos, e ensinado por estudiosos respeitados internacionalmente das principais universidades em todo o mundo.
[Não sei como esse cara sobreviveu...]

# Friedrich Engels – Escritor - 1882, “Bruno Bauer e o Cristianismo primitivo”- 1883, “O Livro da Revelação” e 1894, “Para a história do Cristianismo Primitivo”Obras sobre o cristianismo primitivo. Essas três foram importantes. Admite que os quatro Evangelhos são arranjos ulteriores de escritos perdidos. Elimina a narração histórica, considera inadmissível os milagres e contradições. E endossa a os resultados de investigações da Universidade de Tübingen. [Cara inteligente...]

# Abraham Dirk Loman, 1882, escreveu "Quaestiones Paulinae," in Theologisch Tijdschrift. Professor de teologia em Amsterdã que declarou que todas as epístolas paulinas datam do segundo século. Loman explicou que o cristianismo era a fusão do pensamento judaico ao helenístico-romano. Ao perder a visão, Loman acabou enxergando através das trevas da história da igreja. [Criado dentro da Igreja, teve que sumir depois disso]

# Thomas William Doane, 1882, escreveu Os Mitos Bíblicos e seus Paralelos em Outras Religiões. Desatualizado, mas uma revelação clássica dos antecessores pagãos dos mitos e milagres bíblicos. [Jesus é mais um mito]

# Samuel Adrianus Naber, 1886, Com Allard Pierson ele publicou Verisimilia: Laceram Conditionem Novi Testamenti (Amsterdam 1886), que argumentam que o texto nas cartas de Paulo, em muitos lugares, foram mutilados, e propõe o que provavelmente deve ter sido. Finalmente Naber deu uma edição de seis volumes das obras completas de Flavius Josephus, e escreveu Verisimilia. Classicista que viu mitos gregos escondidos dentro das escrituras cristãs. [Mitos gregos na estória de Cristo...]

# Gerald Massey, 1886, escreveu O Jesus Histórico e o Cristo Mítico. 1907. Massey era um crente na evolução espiritual, ele alegou que a teoria da evolução de Darwin estava incompleta sem o espiritismo: A teoria contém apenas uma meia explicação das origens do homem e as necessidades de espiritismo para a sua realização e concluí-lo.
Um dos aspectos mais sensacionais dos escritos de Massey foram os paralelos que ele desenhou entre o deus cristão Jesus de Nazaré e do deus egípcio Horus. Essas comparações são principalmente contidas em seu livro A Gênese Natural. Massey escritos sobre este assunto têm influenciado diversos autores posteriores, tais como Alvin Boyd Kuhn, Harpur Tom, e Acharya S. [Quer dizer: Era tudo mito!]

# Prosper Alfaric (1886-1955) Ex-padre. - Professor de História da Religião na Universidade de Estrasburgo. Professor francês de teologia, abalado pela posição de Pio X. Estudou no Instituto católico. Sagrado padre, renunciou à sua fé e deixou a Igreja em 1909 para trabalhar em prol do racionalismo depois que Alfred Loisy foi excomungado. Em 1932 foi excomungado também por defender as teses da Escola Mitológica da França, da qual acabou representante. Considerava que a vida de Jesus apresentava muitas semelhanças com os mitos de Osiris, de Mithra e de Átis. Estudando as descobertas de Qumran concluiu que era o elo que faltava na história do cristianismo primitivo, que nasceu no seio da seita dos essênios. [Deu uma banana para a excomunhão, mas quase morreu de fome]

# Edwin Johnson, 1887, escreveu Antiqua Mater. Um Estudo das Origens Cristãs. Teólogo radical inglês identificou os primeiros cristãos como os primeiros cristãos como os “crestianos”, seguidores de um bom (Chrestos, em grego) Deus que havia se apossado do mito de Dionísio Eleutério (“Dionísio, o Libertador”) para produzir um homem-deus altruísta que se sacrificou. Denunciou que os doze apóstolos eram uma completa invenção. [Teve que se esconder nos EUA]

# Rudolf Steck, 1888, escreveu A Epístola aos Gálatas investigada quanto à sua pureza e uma Observação Crítica das Principais Epístolas Paulinas. Estudioso radical suíço que classificou todas as epístolas paulinas como falsas. [A Suiça escapou da Inquisição]

# Franz Hartmann, 1889, escreveu A Vida de Johoshua: Profeta de Nazaré. Foi um célebre escritor teosófico alemão, estudioso das doutrinas de Paracelso, Jakob Böehme e a Tradição Rosacruz. Discípulo de Helena Blavatsky na Índia. Posteriormente fundou a Sociedade Teosófica na Alemanha em 1896.
“O maior obstáculo para a compreensão dos mistérios da religião do Cristo vivo é a visão bastante estreita que estamos acostumados a ter com relação a tais mistérios, sempre de acordo com a mera interpretação externa e superficial do Velho e do Novo Testamentos, tais como são ministrados pelas igrejas modernas e pelo clericalismo da moda, que se referem a estas doutrinas a partir de um ponto de vista meramente histórico ou emocional” - escreveu. [Alemanha é outra coisa!]

# Willem Christiaan van Manen, 1896, escreveu Paulus. Professor em Leiden e mais famoso dos Radicais Holandeses, um clérigo que não acreditava na ressurreição física de Jesus Cristo. Depois de resistir à conclusão por vários anos, van Manen admitiu que nenhuma das epístolas paulinas era genuína e que os Atos dos Apóstolos se baseiam nas obras de Josefo. [Certíssimo!]

# Joseph McCabe, 1897, escreveu Porque Deixei a Igreja. 1907, A Bíblia na Europa: Investigação da Contribuição da Religião Cristã à Civilização. 1914, As Origens da Moral Evangélica. Monge franciscano que se tornou evangélico e depois ateu. McCabe, prolífico autor, destroçou muitas partes da lenda cristã – "Não há uma "figura de Jesus" nos Evangelhos. Há uma dúzia de figuras" – mas continuou a admitir a plausibilidade de um fundador histórico, apesar disso. [Ex-padre, botou panos quentes para sobreviver]

# Louis Duchesne – Século XX, foi um francês sacerdote, filólogo , professor e crítico historiador do cristianismo e da liturgia católica romana e as instituições. Especialista em história do cristianismo primitivo. Tinha obras que figuravam no Index, proibidas aos leitores católicos por serem contundentes à crença em Jesus. [Foi proibido de tudo e seus livros censurados]

# Albert Schweitzer. O famoso teólogo e missionário alemão, padre protestante, eminente investigador contemporâneo em cristianismo primitivo, doutor em Teologia. Médico. Escritor – Em 1901, escreveu O Mistério do Reino de Deus. 1906, A Busca pelo Jesus Histórico - Obra sobre a vida de Cristo. Começou a duvidar da autenticidade dos relatos evangélicos. Em sua obra fez questão de afirmar que Jesus não era filho de deus coisa nenhuma e nem sequer o Messias. Disse que Straus passou uma certidão de óbito a uma série de interpretações racionalistas das lendas evangélicas e que hoje figuram como fantasmas. Que o Evangelho é um amálgama [mistura] de mitos e lendas sobrepostos em diversas épocas. (35 Anos nos Camarões) ridicularizou o Jesus humanitário dos liberais e teve, ao mesmo tempo, coragem para reconhecer o trabalho dos Radicais Holandeses. Sua conclusão pessimista foi a de que o super-herói foi um fanático apocalíptico que morreu desapontado. Autor da célebre frase: "aqueles que buscam um Jesus histórico apenas encontram um reflexo de si mesmos." [Ninguém mais ouviu falar dele depois disso]

# Wilhelm Wrede, 1901, em “O Segredo Messiânico” demonstrou como, no evangelho de Marcos, uma falsa história foi criada pelas crenças dos primeiros cristãos. [Sumiu]

# George Robert Stowe Mead, 1903, foi um escritor, editor, tradutor, esoterista e um influente membro da Sociedade Teosófica. Escreveu “Jesus Viveu em 100 a.C”? Uma discussão das histórias judaicas sobre Yeshu que leva Jesus para uma época mais antiga, desacreditando a Igreja. [Americano]

# Thomas Whittaker – 1904 - escreveu Origens da Cristandade. Historiador inglês da Escola Mitológica, considerava que o culto Evangélico de Jesus deriva diretamente do culto Judaico pré-monoteísta de Josué. Declarou que Jesus era um mito.
[Depois, se escondeu nos EUA]

# William Benjamin Smith, 1906, escreveu O Jesus Pré-Cristão. Em 1911, Os Ensinamentos Pré-Cristãos do Jesus Pagão. Defende a existência de um culto a um Jesus pré-cristão na ilha de Chipre, a exemplo de George Robert Stowe Mead.

# Albert Kalthoff, 1907, escreveu “Ascensão do Cristianismo”. Outro radical alemão que identificou o Cristianismo como uma psicose de massas. Cristo era essencialmente o princípio transcendental da comunidade cristã que buscava uma reforma social apocalíptica. [Estava na Alemanha, né?!]

# Gerardus Bolland, 1907, escreveu O Josué Evangélico. Filósofo em Leiden, identificou a origem do cristianismo no antigo gnosticismo judaico. O super-astro do Novo Testamento é o “filho de Num” do Velho Testamento, o homem a quem Moisés renomeou como Josué. A virgem nada mais é que um símbolo do povo de Israel. De Alexandria, os "Netzerim" levaram seu evangelho até a Palestina. Escreveu desacreditando a estória bíblica. [E ficou desacreditado até o fim]

# Alfred Loisy – 1908 - Padre católico (Abade) – Fundador do modernismo católico – Fiel à Igreja, foi excomungado porque quis estudar as fontes cristãs, à luz da ciência. Suas obras foram para o Index e proibidas aos católicos. Concluiu depois de estudos das suas fontes que a escola de Tubingem coincidia em muitos pontos com a opinião dele e que os documentos que chegaram até a nossa época nada contem de comprovativo sobre a vida de Jesus. Ainda colocou em dúvida a autenticidade das cartas de Paulo. Segundo ele foram reescritas no Século II. [Antigamente, a moda era ser padre. Quando a verdade vem à tona eles se mandam]

# Mangasar Magurditch Mangasarian, 1909, Durante sua vida Mangasarian escreveu uma série de livros. Seus mais populares, incluindo “A verdade sobre Jesus - Ele é um mito” (1909) e “A Bíblia Unveiled” (1911), lidando com as provas contra a existência de um histórico Jesus. Ele também escreveu centenas de ensaios e palestras sobre as questões dos tempos. Seus livros e ensaios foram traduzidos para o francês, alemão, espanhol e outras línguas estrangeiras. O tema geral de sua escrita foi a crítica religiosa e a filosofia da religião. A Verdade Sobre Jesus? Ele É um Mito? Perspicaz ministro presbiteriano que enxergou o mito por trás da farsa. [São homens honrados que priorizam a verdade]

# Karl Kautsky, 1909, escreveu As Origens do Cristianismo. Teórico socialista que interpretou o cristianismo como uma manifestação da luta de classes. Essa profunda análise do Jesus histórico empreendida pelo autor é a base para o entendimento dos primórdios do Cristianismo, que segundo Kautsky ganhou força após a grande guerra ocorrida entre os judeus de Jerusalém e o Império. Este acontecimento determinou a expansão do Cristianismo, quando deixou de ser um partido político dentro do Judaísmo e tornou-se um partido dos não-judeus e, inclusive, hostil a eles. [Na Rússia, Papa não entra]

# John E. Remsburg,(*) 1909, professor por 15 anos, em seguida, um escritor e conferencista em apoio à liberdade de pensamento. Em “O Cristo: Uma revisão crítica e análise de Sua existência”. Afirmou que os evangelhos estavam cheios de contradições, duvidou que Jesus tivesse existido e afirmou que o Cristo sobrenatural é apenas certamente um dogma cristão. Nas pgs 24-25), lista 40 escritores que viveram durante a época, ou até um século após a época, em que Jesus supostamente teria vivido. A referida lista detalhada e explicada é a que encontra-se nesse livro
[(*) Autor da lista anterior]
Segundo Remsburg, "o que resta dos escritos dos autores mencionados [No Século I] é suficiente para compor uma biblioteca. Apesar disso, nessa massa de literatura Pagã e Judia, fora duas passagens falsificadas de um autor judeu e duas passagens discutíveis em trabalhos de autores Romanos, não foi encontrada nenhuma menção a Jesus Cristo." E podemos acrescentar, nenhum desses autores faz qualquer menção aos Discípulos ou Apóstolos – aumentando o embaraço do silêncio da história concernente à fundação do cristianismo.

# Arthur Drews, 1910, Die Christusmythe (O Mito de Cristo). 1910, Die Petruslegende (A Lenda de Pedro). 1924, Die Entstehung des Christentums aus dem Gnostizismus (A Emergência do Cristianismo a partir do Gnosticismo). Eminente filósofo que foi o maior expoente da Alemanha na argumentação em favor do caráter mitológico de Cristo. Segundo Drews, os evangelhos historicizaram um Jesus mítico pré-existente cujo caráter foi derivado dos profetas e da literatura sapiençal judaica. A Paixão foi baseada em especulações de Platão.

# Gustaaf Adolf van den Bergh van Eysinga, 1912, foi um teólogo holandês. De 1936 a 1944 foi professor no Novo Testamento a exegese na Universidade de Amsterdam. Ele pertencia à escola holandesa da Crítica Radical. Em Visões Radicais sobre o Novo Testamento. 1918, Cristandade Pré-Cristã. Van den Bergh contestou a autoria das epístolas paulinas . Refutando a autenticidade da Epístola de Clemente e Inácio de Antioquia , ele concluiu que não havia nenhuma evidência para a existência do paulinos antes de Marcion . Ele também listou evidência interna para estas epístolas sendo pseudepigraphs dos círculos Marcionita. Em vários lugares, a escrita não se encaixa com um fundo judaico do autor. Van den Bergh não encontrou nenhuma evidência de uma real crucificação de uma pessoa que afirma ser o Messias como a origem do cristianismo. [Abandonou o magistério para ser escritor ateu – morreu de fome]

# Alexander Hislop, 1916, escreveu As Duas Babilônias. Exaustiva exposição dos rituais e parafernálias pagãs do Catolicismo Romano, desacreditando a seriedade da Bíblia.

# Edward Carpenter, 1920, escreveu Credos Pagãos e Cristãos. Elaborou uma descrição das origens pagãs do Cristianismo, desmentindo toda a sua interpretação bíblica. [Não conseguiram encontrá-lo mais]

# Rudolf Bultmann, 1921, escreveu A História da Tradição Sinótica. 1941, Novo Testamento e Mitologia. Teólogo luterano e professor da Universidade de Marburgo, Bultmann foi o expoente da “crítica formal” e fez muito para desmistificar os evangelhos. Identificou as narrativas sobre Jesus como teologia expressa em linguagem mítica. Observou também que o Novo Testamento não é a história de Jesus, mas o registro da crença dos primeiros cristãos. Argumentou que a busca por um Jesus histórico era infrutífera: “Nós não podemos saber praticamente nada a respeito da vida ou da personalidade de Jesus.” [Era um bravo!]

# James Frazer, 1922, Etnólogo, escreveu O Ramo Dourado [ou de Ouro], demonstrando pelo método comparativo a existência de um paralelismo entre os usos e costumes dos povos e as analogias da sua evolução espiritual. Segundo esse cientista, as raízes das religiões residem nos ritos mágicos das tribos primitivas e que muitas dessas tribos processavam o culto ao deus morto e ressuscitado. Assim comparando com a origem da religião cristã, concluiu que o mito evangélico é uma interpretação antropológica do progresso do homem a partir da magia, através da religião, até a ciência, afirmou: O Cristianismo nasceu de religiões anteriores. É um fenômeno cultural, ou seja, nada de sagrado ou divino. [Certo!]

# John Robertson – Investigador etnógrafo – Século XX - Prosseguiu as investigações de James Frazer que escreveu “O Ramo de Ouro e tentou demonstrar pelo método comparativo, um certo paralelismo entre os usos e costumes. Robertson ainda descobriu certos traços de um culto de Jesus anterior ao cristianismo e paixões pré-cristãs. [Ou seja, tudo uma baita mentira como as outras]

# John Robertson II, 1910, escreveu Christianismo e Mitologia. 1911, Cristos Pagãos. Estudos em Hagiografia Comparativa. E em 1917, O Problema de Jesus. Robertson chamou atenção para a universalidade de muitos dos elementos da biografia de Jesus e para a existência de rituais de crucifixão no mundo antigo. Identificou Jesus/Josué com um antigo deus efraimita em forma de cordeiro, não um ser humano. [Queriam enforcá-lo].

# P. L. Couchoud, 1924, Teólogo da Escola Mitológica. Amigo de Anatole France deixou claro que a objeção mais séria à existência real de Jesus derivava da sua representação sob um aspecto divino nos mais antigos escritos cristãos. (Apoc. João e epist. Paulo). Em O Mistério de Jesus.1939, e A Criação de Cristo. Couchoud era adepto da historicidade de Pedro, mas não de Jesus, e defendeu que a Paixão foi modelada a partir da morte de Estêvão.
Para os primeiros cristãos, Jesus não era um homem, mas um cordeiro imolado, desde a criação do mundo. A biografia terrena de Jesus só surgiu no Século II. Jesus deus foi transformado em Jesus-homem no Século II. Portanto, não existia antes. [Esse sabe das coisas...]

# Georg Brandes, 1926, escreveu Jesus – Um Mito. Identificou o Apocalipse como a parte mais antiga do Novo Testamento (ano 64). Na idade de 30, Brandes formulou os princípios de um novo realismo e naturalismo , condenando estética hiper-escrita e fantasia na literatura, referindo-se à Bíblia. De acordo com Brandes, a literatura deve ser um órgão "dos pensamentos grandes da liberdade e do progresso da humanidade." [subentendido: não feito de mentiras nem fantasias]

# Michael W. Smith – Década de 20, cientista americano da Escola de Tubingem, – Junto com J. Robertson, A. Niemojewski, A. Drews e P. Couchoud, estabeleceu que os Evangelhos datavam do Século II. Procurou demonstrar que o nome Jesus era um epíteto (inscrição em túmulos) aplicado ao deus hebraico Iahvé e se denominavam nazarenos. Para ele o mito Jesus é pura alegoria.

# Arthur Drews – Década de 20, Representante da escola Mitológica, colocou ao alcance dos leitores comuns as ideias e argumentos dos seus antecessores, tal como W. Smith e considerava que o cristianismo vinha do agnosticismo, doutrina mística da gnose, conhecimento da pretensa essência divina. Ou seja nada de divino era aceitável, senão como mitos. Jesus, no máximo era um homem comum, mas ainda tinha que provar isso.
[Nessa época, já não se matava mais por essas declarações]

# Joseph Wheless, um advogado americano de 1926, criado no “Cinturão da Bíblia”, destroçou as fantasias bíblicas. Escreveu “Palavra de Deus?” Uma Exposição das Fábulas e Mitologia da Bíblia e das Falácias da Teologia. Em 1930, escreveu Falsificações no Cristianismo. "As provas da minha acusação encontram-se na mais ampla retórica da história e credenciadas autoridades eclesiásticas, e em abundante admissões incautas feita pelos porta-vozes credenciados do Arguido. A minha tarefa é simplesmente reunir as provas documentais e expô-los diante dos olhos atônitos do leitor moderno, que é o principal mérito do meu trabalho" [E conseguiu!]

# Henri Delafosse, 1927, escreveu “As Cartas de Inácio de Antióquia”. Em 1928, "Os Escritos de São Paulo" em Cristianismo. No livro as Epístolas de Inácio são denunciadas como falsificações tardias. [Não divulgou o suficiente]

# L. Gordon Rylands, 1927, escreveu A Evolução do Cristianismo. Em 1935, e escreveu Jesus Viveu? Livros que criticam o cristianismo e levanta questiona a sua existência real. Nota: A biografia de Rylands está embutida nos referidos livros, sem acesso externo. [Era excomungado pelos vizinhos!]

# I. Iaroslavski – Na década de 30 publicou Como Nascem e Morrem os Deuses, obra crítica de valor sobre a origem do cristianismo. Depois da separação da Igreja e o Estado soviético e a Grande Revolução Socialista, historiadores da religião e do cristianismo, tiveram pela primeira vez no mundo, a possibilidade de estudar esses problemas e escrever outras obras arquivadas em museus antirreligiosos. [Antes disso, seriam queimados vivos a mando da Igreja]

# Edouard Dujardin, 1938, escreveu Antiga História do Deus Jesus. (Histoire ancienne du dieu Jésus por Édouard Dujardin) 1927. Versão em Inglês resumido por A. Brodie Sanders – 1938 – Explica como Jesus já existia antes dele mesmo. Mitologia.

# John J. Jackson, 1938, escreveu “Cristianismo Antes de Cristo”, numa clara referência à nova invenção cristã, chamou atenção para precedentes egípcios das crenças cristãs, com histórias e até nomes muito semelhantes.
# Alvin Boyd Kuhn, 1944, escreveu Quem É o Rei da Glória? Em 1970 escreveu em Renascimento para o Cristianismo. “Jesus não foi uma pessoa, mas um símbolo da alma humana que existe em cada ser humano”.

# R. Vipper – Século XX Acadêmico – 1946, escreveu O Nascimento da Literatura Cristã e em 1956, Roma e o Cristianismo Primitivo, demonstrando a estreita ligação entre o Cristianismo e a ideologia mitológica do antigo mundo greco-romano. Demonstrou de modo convincente que o texto dos Evangelhos canônicos não podem ser anteriores a meados do Século II. E era firme na sua negação da existência do Cristianismo durante o Século I e na primeira metade do Século II. [Virou um herói dos ateus]

# A. Ranovitch – Século XX - Escritor – Obras sobre o início do Cristianismo Primitivo de 1933 a 1941. Investigando à luz da ciência histórica. A melhor monografia soviética sobre as origens cristãs. Apreciador dos trabalhos de R. Vipper que julgava os textos escritos dos Evangelhos canônicos e a própria constituição da Igreja Cristã, nunca pudesse ser anterior a meados do Século II.

# Herbert Cutner, 1950, escreveu Jesus: Deus, Homem ou Mito? Natureza mítica de Jesus e o sumário do contínuo debate entre os mitologistas e os historicizantes. A hipótese mítica é uma tradição contínua, não nova. Cristo teve origens pagãs. [Escondeu-se no deserto de Nevada]

# Papa Pio XII – Intervindo num Congresso Internacional de Historiadores realizado em Roma – 1955 – disse: “Para os católicos a questão da existência de Jesus depende da fé e não da ciência”. [Ele sabe que é mentira!...]

# A. Domini – Por volta de 1955. Investigador italiano declara estar absolutamente convencido de que os escritos dos essênios encontrados em Qumran no Mar Morto, são o elo que faltava na longa cadeia de fatos que levou ao nascimento da religião cristã. Mesma opinião de P. Alfaric. [Certíssimo!]

# Georges Las Vergnas, 1956, escreveu Porque Deixei a Igreja Romana. Vigário geral da diocese de Limoges, que perdeu sua fé, argumenta que a figura central do cristianismo não tinha existência histórica. [Comeu o pão que o diabo amassou para sobreviver depois disso]

# Georges Ory, 1961, escreveu Uma Análise das Origens de Cristo. 68 pp Secular Society edition Limited (1961) .- Hypothese sur le Jean Baptiseur. 24 pp Paris: Cahiers du Cercle Ernest Renan, n º 10 (1956). Este escritor radical e negligenciado produziu numerosos tratados (20-50 páginas) para o Cahiers du Cercle Ernest Renan. Já em meados do século, Ory identificou João Batista como sendo Jesus porque outra hipótese não existia, e afirmou outras teses radicais. Seu trabalho é em grande parte não traduzida e difícil de encontrar na América do Norte [e menos ainda, aqui na terra tupiniquim, mas hoje, com a Internet, a gente vai lá!]

# Guy Fau, 1967, escreveu A Fábula de Jesus Cristo p. 235. Luigi Cascioli e Guy Fau, ambos partidários da não-existência de Jesus, escreveram: não acredito que Plínio estava se referindo aos cristãos mas aos essênios (de Chrestus), em sua carta ao Imperador Trajano pedindo conselhos sobre como lidar com os eles. [Isso mesmo].

# John Marco Allegro, (17 de fevereiro de 1923 - 17 de fevereiro 1988) foi um arqueólogo e estudioso dos manuscritos do Mar Morto. Em 1970, escreveu O Cogumelo Sagrado e a Cruz. Em 1979, Os Manuscritos do Mar Morto e o Mito de Cristo. “Jesus não foi mais que um cogumelo mágico e a sua vida, a interpretação alegórica de um estado alterado de consciência” – escreveu. [“Consciência católica”, eu acrescento].
Ele estudou línguas semíticas na Universidade de Manchester e dialetos hebraicos na Universidade de Oxford. Participou das pesquisas e traduções dos escritos essênios e a partir deles a conclusão de que o Jesus Cristo é um mito. Escreveu O MITO CRISTÃO E OS MANUSCRITOS DO MAR MORTO. Referindo-se ao movimento essênio: "O que este não pode fornecer, nem nunca forneceu, foi um Josué/Jesus histórico, habitante da Palestina no Século I ...... que a imaginação popular retirou dos Evangelhos". "por trás do Jesus da tradição religiosa ocidental existiu um século antes, um essênio histórico, Mestre da Justiça"... "o personagem real por trás de jesus de Nazaré no Novo Testamento". " Na verdade temos de lembrar que a história contada nos Evangelhos é quase ficção pura".

# George Albert Wells, 1975, escreveu Jesus Existiu? 1988, A Evidência Histórica de Jesus. 1996, A Lenda de Jesus. 1998, Jesus Mito. 2004, Podemos Confiar no Novo Testamento? Considerações sobre a Confiabilidade dos Mais Antigos Testemunhos Cristãos. O Cristianismo surgiu da literatura sapiençal judaica. Em seus livros mais tardios, admite a possibilidade de influência de um pregador real. [Dançou...]

# Max Rieser, 1979, escreveu O Verdadeiro Fundador do Cristianismo e a Filosofia Helenística. O Cristianismo começou com os judeus da Diáspora e depois, retroativamente, ambientado na Palestina de antes de 70. O Cristianismo chegou por último à Palestina, e não primeiro – eis porque achados arqueológicos cristãos aparecem em Roma, mas não na Judéia, até o século IV.

# Abelard Reuchlin, 1979, escreveu A Verdadeira Autoria do Novo Testamento. Teoria de Conspiração do melhor tipo: o aristocrata romano Arius Calpurnius Pisus (alias, “Flavius Josephus”) conspirou para ganhar o controle de todo o Império Romano através da invenção de uma religião inteiramente nova.

# Iakov Lentsman, 1986, traduzido em Portugal, escreveu A Origem do Cristianismo. Livro que aborda detalhadamente os fatores que influíram diretamente na criação do cristianismo. Os personagens, escritores, teólogos, historiadores, escolas, as fontes, locais, fatos e literatura e conclui para o leitor sobre a impossibilidade da existência de Jesus Cristo ter sido real. [Sou fã desse cara...]

# Hermann Detering, 1992, escreveu Cartas de Paulo sem Paulo?: As cartas de Paulo segundo os críticos radicais holandeses. Ministro religioso holandês adepto da antiga tradição dos radicais diz: Nem Jesus nem Paulo existiram. [Os outros também não].

# Gary Courtney, 1992, 2004 escreveu Et tu, Judas? Então Caiu Jesus! A Paixão de Cristo é essencialmente a história de César sob um disfarce judaico, mesclada ao culto da morte/ressurreição de Átis. Fãs judaicos de César assimilaram do “salvador da humanidade” ao “servo sofredor” de Isaías. [Daí, pra cá, já entramos na era do deboche]

# Michael Kalopoulos, 1995, escreveu A Grande Mentira. Historiador grego que descobriu paralelos notavelmente semelhantes entre os textos bíblicos e a mitologia grega. Denunciou a natureza astuta, mentirosa e autoritária da religião.
[Outros autores disseram o mesmo sobre a mitologia Egípcia e outros da mitologia Hindu. [Eu ainda acrescento a mitologia judaica dos essênios]. Haja cópias!]

# Gerd Lüdemann, 1998, escreveu A Grande Ilusão: E o que Jesus Realmente Disse e Fez. 2002, Paulo: O Fundador do Cristianismo. 2004, A Resurreição de Cristo: Uma Investigação Histórica. Depois de 25 anos de estudo, o professor alemão concluiu que Paulo, não Jesus, iniciou o Cristianismo. Lüdemann foi expulso da faculdade de teologia da Universidade de Göttingen por ousar dizer que a Ressurreição foi um “pio auto-engano”. Demais para a liberdade acadêmica. [E ele ainda boiava na verdade...]

# Alvar Ellegard, 1999, escreveu Jesus, Cem Anos Antes de Cristo. O Cristianismo visto como originário da Igreja Essênia de Deus, com Jesus sendo um protótipo do Mestre da Virtude. [Conheço também como Mestre da Justiça ou da Retidão]

# D. Murdock (“Acharya S”) 1999, escreveu A Conspiração Cristã: A Maior Mentira Que Já Foi Vendida. 2004, Sóis de Deus: Krishna, Buda e Cristo Revelados. Adiciona uma dimensão astro-teológica à demolição do mito cristão. “Murdds a astro-theological dimension to christ-myth demolition”. Murdock identifica Jesus Cristo como uma divindade composta usada para unificar o Império Romano.

# Earl Doherty, 1999, escreveu O Enigma de Jesus. O Cristianismo Primitivo Começou com um Cristo Mítico? Poderosa afirmação de como o Cristianismo começou como uma seita mística judaica, sem necessidade de Jesus!

# Timothy Freke, Peter Gandy, 1999, escreveu Os Mistérios de Jesus. 2001, Jesus e a Deusa Perdida: Os Ensinamentos Secretos dos Cristãos Originais. Examina a relação próxima entre a história de Jesus e a de Osíris/Dionísio. Jesus e Maria Madalena são figuras míticas baseadas na dualidade Deus/Deusa do paganismo.

# Harold Liedner, 2000, escreveu A Criação do Mito Cristão. Anacronismos e erros geográficos dos evangelhos denunciados. O Cristianismo é uma das fraudes mais bem-sucedidas da História.

# Robert Price, 2000, escreveu Desconstruindo Jesus. 2003 O Incrível Encolhimento do Filho do Homem: Quão Confiável é a Tradição Evangélica? Ex-ministro e estudioso reputado, mostra como Jesus é o amálgama de diversos profetas do primeiro século, redentores de cultos de mistério e “aions” gnósticos.

# Hal Childs, 2000, escreveu O Mito do Jesus Histórico e a Evolução da Consciência. O ataque de um psicoterapeuta ao deus-homem.

# Michael Hoffman, 2000, filósofo e teórico da “morte do ego” que descartou completamente a existência de um Jesus histórico.

# Burton Mack, 2001, escreveu O Mito Cristão: Origens, Lógica e Legado. Formação social da criação do mito.

# Luigi Cascioli, 2001, escreveu A Fábula de Cristo. Indicia o Papado por lucrar com uma fraude! [E fazer o mundo de bobo].

# Frank R. Zindler, 2003, escreveu O Jesus que os Judeus Nunca Conheceram: Sepher Toldoth Yeshu e a Busca por um Jesus Histórico em Fontes Judaicas. Sem evidências em fontes Judaicas que corroborem o Messias espectral.

# La Sagesse – Século XXI. Escritor competente e detalhista, conta amiúde, os acontecimentos históricos que deram origem ao cristianismo, detalhando e demonstrando que a história de Jesus Cristo é totalmente mitológica, ou seja foi montada através de inspirações e mitos anteriores.

# Alfredo Bernacchi, 2003, escritor brasileiro, ateu racional, por 50 anos religioso, acreditava na existência de Jesus. Pesquisou profundamente sobre o assunto e escreveu o Livro “Sinto muito, mas Jesus Cristo não existiu”. Literatura investigativa. Uma reunião de fatos históricos apresentados por notórios escritores, historiadores, teólogos, professores, autoridades eclesiásticas, ex-religiosos, padres, abades, investigadores religiosos, institutos de pesquisas, bibliotecas, museus, cientistas, arqueólogos, e autoridades de todo o mundo, em de todos os tempos, analisando e demonstrando todos os fatos que envolvem esse personagem, conclui que o mesmo não passa de uma fraude alimentada por interesses políticos financeiros, inspirado e copiado de mitos anteriores, principalmente Chrestus dos judeus essênios. Em 2008 escreveu “Deus??? Jesus??? A maior MENTIRA!!!”, complementando seu trabalho e apresentando sua contundente conclusão. Em 2012 escreveu seu livro definitivo: "A Verdadeira História de Jesus Cristo”.

# Daniel Unterbrink, 2004, escreveu Judas, o Galileu. Carne e Sangue de Jesus. Paralelos entre o líder da revolta fiscal de 6 AD e o fantasma dos Evangelhos explorados em detalhe. “Judas é Jesus”. Bem, pelo menos em parte, sem dúvida. [Complicou].

# Tom Harpur, 2005, escreveu O Cristo Pagão: Recuperando a Luz Perdida. Estudioso canadense do Novo Testamento e ex-padre anglicano que reafirma as idéias de Kuhn, Higgins e Massey. Jesus é um mito e as idéias originais do Cristianismo se originaram no Egito. [São muitas hipóteses, nenhuma verdade].

# Francesco Carotta, 2005, escreveu Jesus Era César: Sobre a Origem Juliana do Cristianismo. Exaustiva lista de paralelos. Estranhamente afirma que César era Jesus. [Bom, pelo menos, Jesus não foi Jesus]

# Joseph Atwill, 2005, escreveu O Messias de César: A Conspiração Romana para Inventar Jesus. Outra análise das similaridades entre Josefo e os Evangelhos. Atwil argumenta que os conquistadores da Judéia, Vespasiano, Tito e Domiciano, usaram judeus helenizados para manufaturar os textos “Cristãos” para estabelecer uma alternativa pacífica ao judaísmo militante. Jesus foi Tito? Não creio. [Ainda tem gente que tenta explicar...]

# Michel Onfray, 2005, escreveu Tratado de Ateologia. Filósofo francês que defende o ateísmo positivo, desmistifica a existência histórica de Jesus, entre outras coisas.

# Kenneth Humphreys, 2005, escreveu Jesus Não Existiu. O livro deste site. Reúne as mais convincentes exposições sobre o suposto super-herói messiânico; O autor ambienta sua exegese dentro do contexto sócio-histórico de uma religião maligna em evolução. [Não conheço o livro, mas deve ser ótimo].

# Jay Raskin, 2006, escreveu A Evolução de Cristo e dos Cristianismos. Acadêmico e ativo cineasta, Raskin olha além da cortina de fumaça oficial de Eusébio e encontra um Cristianismo fragmentário e um Cristo composto a partir de vários personagens históricos e literários. Especula que a camada mais antiga da criação do mito foi uma peça escrita por uma mulher chamada Maria. Talvez. [Quem sabe...]

# Thomas L. Thompson, 2006, escreveu O Mito do Messias. Teólogo, deão e historiador da Escola de Compenhague que concluiu que tanto Jesus como Davi são amálgamas de temas mitológicos do Oriente Médio originados na Idade do Bronze. [Acho que Moisés e Salomão também].


Eu não prego a descrença em Jesus, apenas, mas a descrença em qualquer tipo de misticismo. Prego o ateísmo, puro e simples. Prego a rejeição a qualquer mentira, qualquer coisa que não possa ser provada como real. Eu critico redondamente o islamismo no livro: “PARA BOM ENTENDEDOR, MEIO ALCORÃO BASTA”. E todos os meus livros fazem parte disso.
Abraços

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por silvamelo em Dom 07 Out 2012, 1:37 am

Alfredo Bernacchi escreveu:Se eu fizer uma filtragem nessas mensagens você vai encontrar depoimentos claros que, foi através dos meus livros, DIRETAMENTE, que tal pessoa despertou a mente e concluiu pela inexistência de deus e ou Jesus.
Nada disso! Eles já eram ateus, Alfredo! Olhe aí:

Lívia Fares:
"Eu era a famosa "católica não praticante". Isso sempre foi fachada. Mas só percebi isso agora."

Frederico:
"Quando comecei a frequentar o YR! na seção de religião, já era ateu."


E veja o naipe desse cara:

"Até então eu pensava em Jesus como um cara que pregou umas maluquices e foi condenado pelos religiosos da época."

Tá na cara que ele NUNCA conheceu Jesus de verdade!


Alfredo, uma pessoa estudiosa, que seja honesta e sincera, pode até duvidar da existência de Jesus, mas JAMAIS, (eu disse JAMAIS) virá afirmar que Jesus não existiu!

Taí o depoimento de um cético honesto. Aprenda, Alfredo:
O Questionador escreveu:você não pode provar nem que Jesus Cristo não existiu de alguma forma Alfredo, quanto mais algo como Deus.

E por mais que você tenha provas, por mais que você diga que "fulano ou sicrano não falou de Jesus", isso só prova que fulano e sicrano não falaram, o cara pode ter existido e passado batido por eles, alguns podem ter aumentado os milagres, outros inventado outros milagres, aumentado algumas outras palavras, mas você não pode dizer que o cara não existiu por causa disso.
Quanto aos seus livros, você não descobriu a pólvora. Você somente condensou muitos dos argumentos ateístas e apimentou eles com uma boa dose de insatisfação pessoal com a vida religiosa que você mesmo levava. Isto, sim, serviu para arregimentar ao seu redor pessoas que partilharam da mesma insatisfação. Mas, lá no fundo, a sua razão deve estar clamando por honestidade e você insiste em lutar contra ela! :chapeu:

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 47
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Dom 07 Out 2012, 1:37 pm

Na certa você está me confundindo com o mágico Mandrake, que estala os dedos e a coisa acontece, não é? Você sabe que existe muito ateu que ainda acredita que Jesus existiu como um ser humano?
Nos meus arquivos eu tenho depoimentos fantásticos, elogios incríveis que só me enchem de orgulho. Me empurram a continuar com esse trabalho.
Os meus livros e vídeos fazem parte de um processo, iniciado por mim ou não, de libertação da religião.
Selecionei alguns (não todos) depoimentos que falam disso, para você perceber. Só aqueles que fazem referência à influência que tiveram ao lerem os meus livros. Dê uma olhada:


228 - Prezado Sr.
Tenho um prazer enorme em contata-lo, pois foi atravez de seu primeiro livro que comecei a ver a verdade das religiões.
Agradeço muito ao empenho dispensado em nos elucidar sobre tais fatos e venho solicitar todos os seus livros, pois me tornei seu fã.
Desde já agradeço.
Stefano Tatini

224 - michaelzx9 - Ola sr Alfredo, como pode ver sou uma pessoa jovem, na verdade sou um ex evangelico que por acaso achou um video seu, e em seguida começou a ver todos e estudar muito mais sobre a existencia de Deus/Jesus.
entao obviamente que tenho milhoes de duvidas e coisas na qual nego em acreditar.
Hoje meu pensamento é assim:
Jesus nao existiu.

225 - a. bernachi, uma critica sua ou só o fato de voce citar o nome deles eh uma honra para esses caras.
voce gasta muita energia se concentrando nesses malditos caras.
concentre-se alfredo, em que gosta de voce ... muitos ateus o admiram, tornaran-se ateus lendo seus livros.
j3ff1nho

222 - Adailton Santana - Acabei de ver o vídeo e estou sem palavras, já vi outros e achei interessante, só que sobre “Deus não existe” me deixou um pouco perturbado, e dividido, porque não é fácil para mim aceitar, porque 40 anos de minha vida passei acreditando em um Deus, então espero que entenda,sou uma pessoa de mente aberta, gosto de pesquisar a verdade! por outro lado fico triste de que essa seja toda vida que ha,mas a esperança não pode morrer,um abraço continuarei vendo seus videos e outros!

214 - guto fff
Ola Alfredo. Obrigado ppor sua atenção. ou me focar na leitura de seus livros. Os temas são provocativos.
Me formei em teologia, pretendo fazer filosofia e até ates de ver seus videos me considerava cristão nao fundamentalista, mas sinceramente o seu argumento e hj ja me tornei um ateu. na verdade preciso ligar meus pensamentos. Em relação ao facebook, pra mim nem vale a pena usar pois acaba alienando a gente então em vou add vc, mas manteremos nosso contato por email mesmo. Parabens pelo seu trabalho, admiro sua simplicidade. Os seus livros devem ser publicados. Valeu amigo
Abraço.

213 - Fui cristão por 10 anos, frequentava a igreja no mínimo três vezes por semana. Pregava o evangélio. Li a bíblia umas 3 vezes mas sempre com algumas dúvidas que com o tempo só aumentavam. Fui me interessando por ciência em geral ( me apaixonei por astronomia ) e vi que dogmas religiosos, deus , anjos , demônios e todas as baboseiras religiosas não serviam mais para mim. De crente virei agnóstico e agora ateu. Na minha vida não cabe mais fantasias, contos de fada e ficção. A ciência me libertou.
FCLESSA1

211 - VinteedoisErege
Sou um grande admirador do seu trabalho na área ateísta. Aquele seu livro: Ateu graças a deus, é de uma importância ímpar em minha vida!! tenho muito a lhe agradecer! Obrigado mesmo cara!!! "vida longa e próspera!"

206 - Ananda Eilanny
Talvez você não veja essa mensagem , mas eu vim aqui agradecer pelos seu livros , esclareceu muita coisa pra mim , vi as coisas de um jeito diferente , enfim , Muito obrigada .
Muito obrigada por me adc , sou sua fã . Você é um homem brilhante

195 - ℓαyαηє: Orkut
Olá boa tarde!
Quero lhe parabenizar pelos seus trabalhos que nos ajudam a encontrar o nosso verdadeiro eu. Aprendi muito com eles e a cada dia que passa sinto menos falta daquela vidazinha alienada que tinha, mas o que me deixa p... da vida é o preconceito que as pessoas tem...
MUITO PRAZER EM CONHECÊ-LO...
ass.Layane Macena.

183 - Muito Obrigado pela resposta Dignissimo Professor Alfredo ,
Agradeço muito por você fazer parte da minha historia .
Um Sincero Abraço e Deus te abençõe rs !
regisjornalista

167 - vc me despertou hoje, já tava meio assim com isso tudo, agora acordei de vez!obrigado.
Foxbrosedu.

162 - michaelzx9
Quando vi o Alfredo pela primeira vez pensei em um ser satanico anti cristo, mas ele fez com que uma duvida que tinha bem no meu interior somente aparecer bem mais forte. Me neguei em acreditar quando comecei a estudar pra valer e ler até 3 livros grandes inteiros por semana.Ver as coecidencias biblias e as coisas mal escritas e mal inventadas e alteradas.
passei a estudar coisas do plano espiritual e plano fisico
e atualmente estudando tudo o possivel do universo.
Doi ao saber a verdade fazeuke.

133 –anônimo (Do Orkut)
obrigada alfredo por me fazer acordar desse sonho...todas as respostas pras minhas dúvidas encontrei no seu livro a bíblia do ateu, o primeiro q li, terminei hj de ler...vou baixar o resto dos seus livros pois só tenho 3...as primeiras palavras q li do seu livro a sensação foi: como se estivesse acordado de um sonho e tivesse tirado um peso das costas...

126 – por e-mail - Querido Alfredo Benarchi
Primeiramente, gostaria de dizer que assisti os seus videos no youtube sobre jesus nao ter existido.
Eu confesso que li seu livro, a um bom tempo atrás acho que a uns 3 anos atrás, justamente numa epoca, que eu estrava na transição da minha desconversão religiosa.
Passei 27 anos dentro de uma denominação pentecostal, aquela que usa véu sabe? Então após isso me enveredei por outras seitas como batista, presbiteriana, metodista e a$$embleia de deus.
Deixo aqui para finalizar meu agradecimento, lhe encorajo a fazer mais vídeos, pois tudo isso ficará para nossa posteridade.
Desejo-lhe alegria, e muitas felicidades.
Agnaldo Roz
São Paulo – SP

123 - Paulo Bertan (Por e-mail)
Assunto: O ateísmo é o caminho para a liberdade!
Olá Alfredo, me tornei ateu recentemente e em parte porque li alguns de seus livros. Sempre fui cristão, e me ferrei muitas vezes por causa disso, a gota d'agua foi quando entrei para a faculdade de ciências biologicas e fui muito envergonhado perante os meus colegas por causa dessas crenças absurdas. Me identifiquei muito com a sua experiencia de vida. Gostei muito de suas ideias, seu jeito direto e franco de falar. (cortei o resto)

122 - Paulo Bertan (Por e-mail)
Li seu livro o "sinto muito mas JC não existiu" e quero aqui lhe agradecer por te-lo escrito, pois foi através de sua obra, que fui investigar melhor, ai parti para Dawkins, Sagan, Sarris, Hitchens e outros.
Obrigado por ter contribuido com a minha felicidade, e hoje sou um homem livre, e tenho uma linda familia feliz, pois não vou criar minhas duas filhas na mentira, penso que isso ja paga todo meu sofrimento, e valeu a pena, eu fui o jesus delas eu salvei-as da perdição.

118 – Sidney Duarte (por e-mail)
Olá Sr. Alfredo.
Quero antes de qualquer coisa desejar Um Ótimo 2011.
Saúde e Paz.
Vou me apresentar: sou um dos seus mais novos leitores.
Li o livro Sinto Muito mas Jesus Nunca Existiu e estou a ler o Ateu Graças a Deus.
Sou o Sidney Duarte Junior, paulistano, 45 anos, casado, advogado e contador. (cortei parte).
Estou escrevendo para agradecer seus enisnamentos, por compartilhar o que aprendeu com as pesssoas.
Que seu exemplo produza outros como você!
Eu estou me descontruindo como pessoa, jogando fora pensamentos imbutidos por outros, preconceitos, ...etc..
E você me ajudou e sei que ajuda outros a questionarem suas crenças e opções de vida.
Obrigado
Abraço

112 - Boa Noite, parabens Alfredo!!!, terminei de ler o Livro A Biblia do Ateu, é simplesmente fascinante, quando se começa a ler simplesmente não da para parar, e quando damos uma pausa na leitura, simplesmente passamos o dia todo martelando sobre todos os questionamentos mostrados neste livro.
Para mim pessoalmente foi o impurãozinho que faltava, ou melhor dizendo os esclarecimentos que faltavam para ser um Atel, pois eu era o chamado Católico não praticante, frequentava algmas missas e igrejas evangélicas, mas meu cerebro e meus instintos sempre me atinavam que havia alguma coisa errada naqueles ensinamentos.
Graças aos esclarecimentos do livro pude compreender estes sentimentos, minha briga agora não sera mais com minhas antigas dúvidas, mas sim em esclarecer minha família, em especial minha esposa e filhas que frequentam igrejas evangelicas.
Um abraço, muito obrigado e muitas felicidades.
Rubens da Cruz Gonçalves.

110 - Do Orkut
LuizEduardo-dudu:
Parabens pelo seu trabalho Alfredo.
os seus livros encheram-me de informaçoes que eu nao conhecia. tenho 20 anos e faço ciencias da computação. Pretendo estudar e tentar dar continuidade a seu trabalho (num futuro distante), que a meu ver, é fundamental para salvar a humanidade dessa teia de mentiras e hipocrisia que são os dogmas religiosos
abraços, valeu.

105 - BLaCK (?)
Eu adoro mto esse cara, ele participou do meu processo de libertação ! =D

97 - Anderson:
Olá , Alfredo.
Sou um fã seu, desde q li "Ateu graças a deus". Gostaria de te add, se possível.
Teu livro me fez dar ouvidos à uma voz que eu tinha dentro de mim, mas não conseguia indentificar a mensagem. "Liberdade!" Era essa a mensagem.
Um abraço.

95 - From: Camila /\/\
Subject: Vc é nosso ídolo!
Alfredo, vc é super 10!
Eu morria de medo de capeta, uma amiga me mandou ler teu livro hehehe Como eu era boba!
Nem os espíritas acreditam em diabo e eu só convivia com católicos medrosos. Nem podia falar capeta, que eles faziam o sinal da cruz.
Valeu!

88 – cesarptqqcoizah postou um comentário no seu perfil:
Olá Alfredo =D
Acompanho os seus vídeos faz muito tempo. Até li seus livros "Ateu Graças a deus", "Sinto muito, mas Jesus cristo não existiu" e "A bíblia do ateu", que diga-se de passagem são ótimos livros.
Foi a partir do seu livro "A bíblia do ateu" que eu abrir os meus olhos, se hoje sou feliz por ser ateu, uma boa parte dessa felicidade é graças ao senhor.
Só queria agradecer o que o senhor fez que foi me alertar sobre esse mal que é a religião e o misticismo.
Aquele abraço

410 - Alfredo, começei a ver seus vídeos a pouco tempo.
mas era o que eu precisava para acordar obrigado.
thiagomourainfo

411 - thehappysingledontmarrybehappy7 Só gostaria de dizer que seus livros tiveram um importante papel na minha transição do agnosticismo para o ateísmo. Foi graças a pessoas como você que hoje não possuo nenhum conflito interno de ordem espiritual, o que me corroía por dentro.
Obrigado! E seus livros são muito bons!

408 – Jay !!
Graças a deus!! Li seu livro hj alfredo, parabens!

407 – Meu professor AlfredoBernacchi ;o Brasil precisa de pessoas como você.
ya9azab

400 - vc é foi a luz que o mundo precisava!!
Zambetta

273 - Marcinho capoeira
Para começar, eu gostaria de agradecer pelos seus videos que tem uma riqueza em conteudo, fui criado em familia Religiosa e vivi com medo de que fosse para o inferno por cada pum que eu soltace, eu sai desta escravidão mental a pouco tempo e iniciei uma nova vida uma nova visao que eu estou passando para meus filhos e alunos, não é facil ser ateu o povo sao cabeça dura e tem preguiça de pensar, mas oimportante é viver livre e com o peito cheio hoje posso dizer que se exploda toda esta *censurado*!!
valeu

270 - Esse senhor é maravilhoso, pessoas como ele me faz sentir orgulho da minha existência.
Xjackioh

271 – (No Site Irreligiosos) - GERALDO DOS SANTOS MOURA
Boa noite Alfredo Bernachi.
Eu não te conheço pessoalmente mas gostaria,Quero te agradecer pelo teu trabalho ele foi muito utíl pra mim,acredito que foi também pra muitas pessoas,estava preso há quarenta anos nos currais dos falsos pastores sem poder sair, com medo do inferno,após ler teus livros ver teus videios tive certeza que o inferno não existe estou livre, muito Obrigado,peço-te se possivél reconciderar essa idéia de parar, a sua contribuição é muito importante.

260 - Alfredo Bernacchi, graças ao seu livro, as peças da história com minhas dúvidas se encaixaram nessse quebra cabeça.
Faço menção dele no artigo abaixo:
(excerto do artigo) - Mas um belo dia em minhas buscas eu encontrei um livro chamado “Sinto muito, mas Jesus não existiu” do autor Alfredo Bernacchi, tudo aquilo dali tinha lógica, fazia sentido, as peças se encaixavam e depois disso não acreditei

256 - Alfredo, magnifico esse seu vídeo com sua senhora, curto muito seus videos, neste ano resolvi virar ateu e olha estou curtindo legal, porém não dá p falar com todas as pessoas elas não aceitam.... vc perece ser uma pessoa sensata e fala com propriedade, qd vc puder me envia aí suas músicas favoritas, acho q vou gostar... Um abração p vc e sua família..
Catoinho

242 - Clebel Souza
Olá Alfredo, poderia me mandar o livro, A verdadeira historia de
jesus cristo. gostaria de aproveitar o momento e agradecer por seu
trabalho pois vem me ajudando muito. Grato.

239 – estefany felix
alfredo desde quando vi seus videos no you tube minha forma de ver e encarar as religiões melhorou 100por cento,agora enxergo o mundo diferente do que enxergava antes,pessoas como vc é um icone, um genio... mundo precisa de pessoas como vc.

240 - estefany felix
alfredo vc é um ser humano fantastico vc fala a verdade nua e crua doa a quem doer, vc é um grande homem...

230 - caro Senhor Alfredo boa tarde.
gostaria de receber os livros de vossa autoria, pois sou um jovem que apagou a religião da vida e procura novas teorias para se apoiar. agradeço sua atenção e estou a disposição. att.
Jonathan Souza
229 - Eu tenho os seguintes livros:
- A biblia do Ateu - Rev. 4.1
- Ateu Graças a Deus - Rev. 12 (minha fonte de pesquisa)
- Jesus Cristo nunca existiu - Rev. 7 (meu livro de cabeçeira)
Eu me sinto honrado por receber seu e-mail e tenho pelo senhor, enorme apreço. Tenho muito que agradece-lo por, de forma tão didática e elucidativa, abrir meus olhos.
Um eterno Ateu
Stefano Tatini

Abraços, Silvamelo e Questionador.

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por silvamelo em Seg 08 Out 2012, 11:52 am

Nos meus arquivos eu tenho depoimentos fantásticos, elogios incríveis que só me enchem de orgulho. Me empurram a continuar com esse trabalho.
Vá em frente nessa sua guerra santa perdida... Só um lembrete: você não é o primeiro nem será o último! Há dois mil anos que já tentam isso inutilmente...

Gamaliel pelo menos foi precavido:

"Mas, levantando-se no conselho um certo fariseu, chamado Gamaliel, doutor da lei, venerado por todo o povo, mandou que por um pouco levassem para fora os apóstolos; e disse-lhes: Homens israelitas, acautelai-vos a respeito do que haveis de fazer a estes homens, porque antes destes dias levantou-se Teudas, dizendo ser alguém; a este se ajuntou o número de uns quatrocentos homens; o qual foi morto, e todos os que lhe deram ouvidos foram dispersos e reduzidos a nada. Depois deste levantou-se Judas, o galileu, nos dias do alistamento, e levou muito povo após si; mas também este pereceu, e todos os que lhe deram ouvidos foram dispersos. E agora digo-vos: Dai de mão a estes homens, e deixai-os, porque, se este conselho ou esta obra é de homens, se desfará, mas, se é de Deus, não podereis desfazê-la; para que não aconteça serdes também achados combatendo contra Deus." Atos 5:34-39.

Abraços, Silvamelo e Questionador.
Outro para você! :chapeu:

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 47
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Há 2.000 anos não existia a Internet

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Seg 08 Out 2012, 12:33 pm

Prezado amigo.
Essa aqui entrou hoje:

412 - tenho acompanhado sua obra seus posts e lido seus livros!!! considero uma grande HONRA estar vivendo no mundo ao mesmo tempo q o senhor!!! da minha parte é uma verdadeira dadiva e privilegio ter podido ter acesso aos seus pensamentos e sua obra. sem mais acresentar vai aew meu muito obrigado Sr:Alfredo Bernacchi :)))
doomakiv


413 - julio cesar valencia
Caro Alfredo....
Por 10 anos de minha vida fui cristão evangélico. Hoje, sou ateo
e sinto vergonha de um dia ter acreditado em folclore e contos mitológicos.
Nestes últimos 2 anos busquei na história minha libertação e comprovei que jesus não passa de um plágio de muitos outros mitos que o antecedeu e, por conta disso, sinto um enorme desprezo por tudo que se auto denomina religioso.
Venho agradecer a você por ter postado estes videos, são excelentes e esclarecedores não deixam dúvidas a respeito da mentira que se chama jesus cristo e de seu instrumento
de opressão que se denomina Cristianismo.
Se não for incomodo, gostaria de receber um de seus exemplares,
em especial " A verdadeira história de Jesus Cristo" me seria de grande valia.
Saúde , Paz e Sabedoria a você !!!


Há 2.000 anos não existia a Internet para levar cultura à sua casa. Hoje tem...
E onde entra a cultura a religião sai... Esse é o problema...

Olha essa reportagem que acabei de receber pela INTERNET. Tirou uma dúvida de vez...

http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2012/10/04/carta-de-einstein-sobre-religiao-sera-leiloada-no-ebay.htm

Abç


Última edição por Alfredo Bernacchi em Seg 08 Out 2012, 1:19 pm, editado 2 vez(es) (Razão : Acréscimos)

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por silvamelo em Seg 08 Out 2012, 11:58 pm

Há 2.000 anos não existia a Internet para levar cultura à sua casa. Hoje tem...
E onde entra a cultura a religião sai... Esse é o problema...
Fracasso TOTAL, Alfredo! Da mesma forma que existe um exército de vocês tentando destruir o Evangelho, existe um exército de nós ensinando e propagando essa verdade pelos quatro cantos da terra!

Se há impacto da internet para vocês, muito mais há para nós, porque só existe VIDA nessa mensagem. A porta é estreita, de fato! Muitos chegam e vão embora... Porém os que ficam são verdadeiramente aqueles que Deus tem procurado. São em menor número, mas são os que foram provados e aprovados:

"Não temais, ó pequeno rebanho, porque a vosso Pai agradou dar-vos o reino." Lucas 12:32.

Mas vai tentando aí e seja mais um fracassado! Veja a lista dos fracassados:

1) Primeiro vieram os judeus com prisões, açoites e apedrejamentos: Não conseguiram.
2) Depois veio o império romano com espadas, lanças, crucificações e espetáculos de carnificina: também não conseguiram.
3) Então veio a própria igreja católica com torturas, fogueiras e variadas formas de derramamento de sangue: não conseguiram.
4) Vieram em seguida os iluministas com espingardas, guilhotinas e sua filosofia destruidora. Esses tentaram também usando a força como os outros, mas aprimoraram e introduziram um outro ingrediente que é usado até hoje: a loquacidade. Apesar de terem conseguido esfriar o amor na Europa, fracassaram feio! Pois este foi o período em que o Evangelho teve maior expansão pelo mundo afora! Também não conseguiram...
5) Logo vieram os comunistas com seus revólveres e metralhadoras. Fizeram o maior banho de sangue de cristãos de toda a história! Perseguem e matam seus compatriotas cristãos até hoje, porém, nem nos seus limites conseguiram silenciar o Evangelho!
6) E sabe quem é o sexto? O sexto está para vir! Este é o anticristo! Nem preciso dizer para você o que ele irá fazer, porque isto está na Bíblia e você já deve saber muito bem a respeito. É outro fracassado que irá sucumbir feio! É quando Deus FALARÁ e destruirá de vez os seus inimigos, conduzindo a igreja em triunfo!

E você, Alfredo? Quem é você nisso tudo? Até onde você acha que vai com essa estória? O seu fracasso está escrito e determinado! É lamentável que sua cegueira não permita que você veja isso, mesmo que ofuscadamente!

Veja, Alfredo, todos esses que se levantaram contra o Evangelho, homens poderosos e grandes pensadores. Todos eles fracassaram, e com você também não será diferente! Você terminará os dias da sua vida tristemente, despendendo o resto do seu precioso tempo em algo FADADO à derrota! É TERRÍVEL ter de dizer isto a você, mas essa é a mais pura VERDADE!

Gostaria de ter ainda alguma palavra de alento para você, mas receio que não haja nenhuma. Afinal, foi você mesmo quem disse que já blasfemou contra o Espírito Santo! Não sei... Deus não leva em conta os tempos de ignorância e para Deus não existe impossíveis... Isso, somente com você e com Deus...

Contudo, nem oro mais por você, pois está escrito:

"Há pecado para morte, e por esse não digo que ore." 1 João 5:16.

Eu, Alfredo, sou do tempo em que se existia RESPEITO e REVERÊNCIA ao Sagrado, mesmo da parte dos incrédulos... O mundo mudou drasticamente e não imaginei que iria viver para ver aonde chegamos... estou eu aqui dialogando com o tipo de pessoa do fim dos tempos descrito na Bíblia, que eu lia a respeito do seu surgimento, numa época em que esse tipo de pessoa nem existia. Eu estou aqui PERPLEXO, amigo! Quando eu penso que eu já vi de tudo da parte de incrédulos, sempre cruzo com outro novidadeiro da horripilância cada vez mais ousado! Bem sei onde isso vai parar... Só espero que sirva de FORTALECIMENTO para os irmãos em Cristo; e também de alegria, NÃO PELA DERROTA DE VOCÊS, mas pela nossa redenção que se aproxima...

Um abraço...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 47
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Ter 09 Out 2012, 6:22 am

Prezado amigo. Realmente eu sinto muito que seja assim na sua mente. Eu penso de forma diferente e não sou um alienado mental. Eu tenho inteligência e raciocínio. Tenho experiência de vida, normal e feliz. No entanto entendo tudo isso de forma diferente de você. Por que é assim? Acho que deveríamos analisar sobre isso. Porque entendemos tudo isso de forma tão diferente?
Eu acho, meu amigo, que devemos olhar as origens da nossa crença. Por que acreditamos ou deixamos de acreditar numa coisa? Estaríamos nós baseados em alguma verdade? Seria a base da sua crença uma verdade? Ou seria a minha descrença? Qual de nós dois tem o seu raciocínio calcado numa coisa verdadeira?

Você precisa buscar as origens daquilo que você acredita, porque eu já fiz isso. Fiz isso pra mim. Busquei as origens daquilo que eu acreditava e cheguei a conclusão de que não era suficiente para ter a minha aquiescência (concordância) colocar a minha vida nessa filosofia.
Resumidamente: A religião cristã veio de pessoas muito antigas, com uma cultura muito reduzida. Eram pessoas que fantasiavam mais do que obtinham verdades. E eles se achavam profetas, mas suas profecias, o tempo mostrou que eram todas furadas (não se esqueça de que o NT foi escrito depois do VT e por isso mesmo, justificando o anterior)
O mundo do passado buscava deuses. Sempre buscaram deuses. Fabricaram deuses aos milhares. Para tudo o que não compreendiam fabricavam um deus. Ainda hoje, estamos nesse mesmo processo. Esses deuses nunca tiveram a minha credibilidade. O maior deles foi o deus Sol, porque realmente, o Sol era uma coisa fantástica e inexplicável para o povo antigo. Esse deus serviu de base para a maioria dos outros. Como hoje, eu sei bem o que é o Sol, não levei a sério nenhum desses deuses fabricados por esses homens. Imagine você, e eu tenho certeza disso, que a própria estória de Jesus Cristo foi baseada no deus Sol!...
Como eu posso acreditar nisso? Como eu disse, sou inteligente, estudei tudo isso e tenho certeza absoluta, que a estória de Jesus veio das mesmas fontes do deus Sol, como todos os outros anteriores. Assim não posso acreditar nesse, como não acredito nos outros todos que conhecemos do passado.
Dessa estória veio um livro que os homens fizeram e claro, para dar credibilidade ao livro, disseram escrito pelo deus, o mesmo deus que veio (foi criado a partir de) outros deuses anteriores. Esse livro tem a finalidade de convencer as pessoas de várias coisas, e embutido nele está o principal – As ofertas em ouro, prata e bronze – Esperteza, não é? Hoje, transformaram isso em dízimos. Como dinheiro é a mola mestra do mundo, deu pra desconfiar que esse era o objetivo principal de quem escreveu esse tal livro cheio de coisas interessantes e contos fantásticos que apenas visam alinhar o pensamento do leitor com o objetivo principal. Dar o seu dinheiro!...
O referido livro ensina o leitor a abdicar do dinheiro, dos interesses materiais, e no entanto, pede essas mesmas coisas para eles mesmos! Para eles é necessário! Imprescindível! Para o leitor do livro não. Então sugerem que o leitor dê seus bens para o escritor do livro.
Eu sou inteligente, e raciocinei sobre isso. Cheguei a essa conclusão. É um fato bem camuflado, bem disfarçado no meio de tantas linhas, mas claro e nítido quando na mão dos líderes que pregam a leitura dessas linhas. Eles enriquecem! Satisfazem os seus objetivos! Dá certo a artimanha! O leitor do livro, colabora sem sentir. Sem perceber que está enriquecendo o autor do livro.
Ora... Deuses fabricados. Livro de convencimento. Dinheiro sendo retirado dos que acreditam na estória contada no livro, repassado àqueles que divulgam o livro.
Um grande negócio!...

Quais são as suas fontes? Por que você acredita no que aprendeu? Seriam essas fontes sérias? Honestas? Verdadeiras? Vieram de pessoas abalizadas? Pessoas reais? Você pode buscar isso e encontrar essa verdade. É só querer ter certeza de que você acredita em algo verdadeiro e não está sendo iludido e explorado.
Abç

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Ter 09 Out 2012, 1:43 pm

414 - muito obrigado Alfredo ,por causa de vc e de outros me libertei dessas mentiras hoje me sinto livre e muito mais feliz ( é claro q quando te ouvi a primeira vez fui realmente a fundo e agora sei com certeza ñ existe nenhum jesus ,deus, hoje eu sei q é tudo mito )ñ é facil depois q me tornei vc ja sabe o q acontece veio um monte de asneiras dizem ate q estou sendo usado pelo diabo e outras asneiras enfim obrigado por ajudar a me abrir os olhos seja feliz.
xxgames80

Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por silvamelo em Ter 09 Out 2012, 1:53 pm

Claro que já pesquisei sobre a veracidade bíblica, Alfredo! E já demonstrei tantas vezes aqui para você: Ela é verdadeira! O que você queria? Uma foto? Uma ossada? Exames de DNA? Ora, deixe de truncagens! Todos os elementos históricos e arqueológicos apontam para a veracidade bíblica e real existência dos seus personagens. São elementos consistentes, meu caro!

E essa estória de "deus sol" é de uma infantilidade tão grande... Leia, meu querido:

ESTÁ HISTÓRICAMENTE PROVADO QUE A IGREJA CATÓLICA SINCRETIZOU O CULTO PAGÃO DO DEUS SOL COM O CRISTIANISMO! É TÃO CRISTALINO QUANTO 2+2=4 QUE O CRISTIANISMO NÃO NASCEU DA ADORAÇÃO AO DEUS SOL!

Onde você está pesquisando, Alfredo? Em sites ateus? Faça uma busca honesta e descubra a verdade, se é que existe algum interesse seu nela...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 47
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Alfredo Bernacchi em Ter 09 Out 2012, 5:04 pm

Olá silvamelo.
Pelo jeito nossas diferenças estão se aclarando!... Ambos buscamos a verdade.
então porque concluímos diferente? Um de nós dois está errado, encontrou a fonte errada. Ora isso vai ser fácil resolver! Ao encontrarmos a fonte certa tudo vai se esclarecer. Ou eu vou virar evangélico ou você vai virar ateu!
Quer continuar? Eu topo!

Vamos apreciar o que você escreveu:

ESTÁ HISTÓRICAMENTE PROVADO QUE A IGREJA CATÓLICA SINCRETIZOU O CULTO PAGÃO DO DEUS SOL COM O CRISTIANISMO! É TÃO CRISTALINO QUANTO 2+2=4 QUE O CRISTIANISMO NÃO NASCEU DA ADORAÇÃO AO DEUS SOL!

O que quer dizer sincretizar?
Sincretizar = Reunir, aglomerar, juntar, unir .... Então vamos substituir uma palavra, pela outra:

ESTÁ HISTÓRICAMENTE PROVADO QUE A IGREJA CATÓLICA juntou O CULTO PAGÃO DO DEUS SOL COM O CRISTIANISMO!

Mas é isso que eu estou dizendo!...
O cristianismo provém do deus Sol, mesmo que através de um terceiro deus, ou seja: Deus Sol – gerou a - religião X –que gerou a - religião Y – que gerou o - Cristianismo. Portanto o cristianismo veio indiretamente do deus sol! Como todas as demais.
Repare é tudo a mesma coisa. Sol nasce em 25 de dezembro (solstício de Inverno), três estrelas apontavam para o local do seu nascimento (os magos) uma estrela maior iluminava esse nascimento, O deus Sol morre, (fica estático no horizonte, bem baixinho) três dias depois ressuscitou! (volta a subir no horizonte) Durante o seu trajeto no céu, viajou com (pelas) 12 constelações (os doze apóstolos). Era a luz do mundo! Trazia a vida etc etc... tudo igual!...

Aí, no final, você se contradiz: O CRISTIANISMO NÃO NASCEU DA ADORAÇÃO AO DEUS SOL!

Eu não estou dizendo que os cristãos adoravam o deus sol, mas que a estória de Jesus é igual à do deus sol, igual à de Mitra, igual a de Horus, igual à de Krishna e igual a dezenas de outros deuses, influenciados pelo deus sol, o primeiro deles. Todos têm essas mesmas mitologias!... nasceram em 25, morreram três dias depois ressuscitaram etc etc...

Você diz: “Todos os elementos históricos e arqueológicos apontam para a veracidade bíblica e real existência dos seus personagens. São elementos consistentes, meu caro!”

Eu discordo! Eu encontrei justamente o oposto!!! Como é que pode??? Um de nós dois está redondamente enganado!... Seria eu? Ou será você?

Então vamos conferir... Você quer conferir? Vou deixar você responder isso primeiro. Se você achar que deve, vamos conferir, ok?
Se você me provar isso, eu viro evangélico! Quer tentar?
abç




Alfredo Bernacchi
¹
¹

Número de Mensagens : 454
Idade : 75
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 05/05/2012

http://alfredobernacchifalandofrancamente.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alfredo: La Sagesse refutado

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:15 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum