.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Quem está conectado
64 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 63 Visitantes :: 2 Motores de busca

Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Boas notícias!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Boas notícias!

Mensagem por David de Oliveira em Sab 10 Mar 2012, 10:56 am


As ações do deputado federal Marcelo Aguiar (PSD/SP) e de outros membros das Frentes da Família e Evangélica em defesa da vida do pastor iraniano supostamente condenado à morte por ter se convertido ao cristianismo deram resultado. Em encontro na embaixada do Irã nesta terça-feira (06/03), os parlamentares conseguiram a promessa do embaixador de que uma nota oficial sobre o caso será divulgada ainda esta semana e que não houve condenação ao pastor e nem perseguição religiosa.
“Recebemos informações importantes e percebemos abertura da embaixada para debater o tema”, afirmou Marcelo Aguiar. Para o parlamentar, que foi autor de uma moção de repúdio contra a condenação por suposta perseguição religiosa no ano passado e esteve com o ex-embaixador iraniano na seqüência, a informação mais importante foi a garantia de não existência de condenação. “Estamos, antes de mais nada, lutando pela vida de um ser humano. Recebemos a garantia de que não há pena de morte na Lei Civil iraniana e que o suposto crime do pastor Youssef não seria religioso, logo, temos mais garantias quanto à manutenção de sua vida”, acredita o parlamentar.
Os parlamentares estão na expectativa da nota oficial da Embaixada, que acalmará as comunidades cristãs no mundo todo. O novo embaixador do Irã no Brasil, Mohammad Ali Ghanezadeh Ezabadi, afirmou que não há perseguição religiosa em seu País e disse que o crime do pastor teria sido de roubo. Segundo ele, o preso está em contato constante com a família e recebe o mesmo tratamento que outros presos no País. “Avançamos muito nos Direito Humanos no Irã, por isso mesmo ficamos surpresos ao ver as notícias divulgadas sobre este caso”, afirmou Ezabadi.
Estiveram presentes ao encontro o presidente da Frente da Família, senador Magno Malta, o senador Sérgio Petecão e cerca de quinze senadores e deputados cristãos.
O embaixador pediu que, em situações futuras, os parlamentares procurem a Embaixada antes de tirar qualquer conclusão. Para facilitar a troca de informações sobre o caso, o embaixador sugeriu que o vice-presidente do Sistema Judiciário do país, responsável pela área de Direitos Humanos no Irã, seja convidado, via Itamaraty, para vir em delegação ao Brasil dar detalhes sobre a situação do pastor e dos avanços no setor.
Os parlamentares pediram ajuda da Embaixada para entrar em contato com a família ou advogados de Youssef e receberam, em retorno, um pedido de ajuda. Um iraniano estaria preso no Brasil e a Embaixada não está conseguindo encontro com os advogados dessa pessoa. “Acredito que o debate foi muito importante porque trocamos informações importantes e percebemos que podemos nos ajudar mutuamente. Vamos agora esperar o desenrolar do caso e continuar orando pela manutenção da vida do pastor Youssef”, afirmou Marcelo Aguiar.
Estiveram presentes ao encontro o presidente da Frente da Família, senador Magno Malta, o senador Sérgio Petecão e cerca de quinze senadores e deputados cristãos.


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8355
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum