.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
62 usuários online :: 2 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 60 Visitantes :: 1 Motor de busca

Jarbas, Khwey

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Existem pessoas boas e pessoas más?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Segatti em Sex 14 Out 2011, 7:16 pm

Estive pensando sobre isso. Obviamente existem ações que podemos classificar como boas e ações que podemos classificar como más. Podemos colocar então que quem pratica ações boas é consequentemente uma pessoa boa, mesma coisa com as ações más. Mas o eu quero chegar na questão de mérito. Existe tal coisa que podemos chamar de mérito genuíno, que seria uma característica colocada para alguém que produz as tais ações boas?

Pensei sobre isso na questão de um psicopata por exemplo. É normal não colocar tanta culpa em uma pessoa desse grupo que vire um assassino, por exemplo. Afinal o que caracteriza um psicopata é a falta de capacidade de sentir sentimentos, inclusive o sentimento de culpa. E esse é um dos pontos importantes para que não saiamos matando por aí: sentiríamos horríveis com nós mesmos em fazer tal ato. O psicopata, por ter essa insensibilidade não tem esse "freio natural", e logo a distância desse grupo específico de pessoas para um provável assassino diminui consideravelmente. E eu pergunto a mim mesmo, tal como os psicopatas não tem culpa por serem quem são, não podemos atribuir isso a todos os outros seres humanos?

Sofremos inegável influência tanto biológica quanto do próprio meio em que vivemos. E aqui que eu quero chegar: não acho que dê pra culpar uma pessoa por ser quem ela é, em nenhum aspecto. Se a pessoa é o que ela é, só o é por essa mistura dessas influências naturais. Exemplifiquei com o psicopata, porque nele o peso das suas características é bem evidente, mas posso levar o exemplo a qualquer outro elemento da sociedade. Digamos, um jovem de família normal que virou um viciado e passou a roubar pra se sustentar. Ele passou a fazer a ação má, roubar no caso, por causa da droga. Seria insensato julgar a culpa nele pelo ato em si do roubo, já que é praticamente inconsciente e resultado da falta da substância no organismo. Então a culpa é dele por começar a usar a droga, certo? Daí viria o que eu chamei da influência natural. Por que ele simplesmente não negou a droga? Tem um milhão de motivos, ele poderia usar por medo de desapontar o amigo, pela necessidade inconsciente de querer aparecer, por falta de conhecimento... mas e aí, em qual caso seria culpa dele mesmo? Não vejo nenhuma. Independentemente do caso, o motivo é uma causa que já faz parte da personalidade e do jeito de ser da pessoa. Agora vejamos em um contexto geral, qualquer pecado, qualquer erro, tudo é justificado por causa disso.

Se não matamos ou roubamos é porque nosso consciente abomina e descarta essas possibilidades, mas nem todos as pessoas conseguem fazer esse processo. Colocarei genericamente aqui que o motivo para um ser humano matar outro seria a maldade. A questão seria da onde veria a maldade. A maldade vem de berço, ou seja a pessoa nasce má? Veio de um fator cultural? Veio da família ou de uma influência pessoal?
Se desenvolveu com o passar dos anos? Não importa a resposta, o importante é, por que seria genuína culpa da pessoa se ele não escolheu ser má, ele só o é? E mesmo que escolhesse ser má, se escolheu é porque ela viu algum propósito nisso, algum fator fez com que ela escolhesse isso, ele não é má porque é má e ponto final.

Me mostrem porque estou sendo incoerente, porque existe maldade genuína, que fator estou ignorando. Admito poder estar errado, mas não vejo nenhum possível escapatória pra isso.

Segatti
Safira
Safira

Número de Mensagens : 103
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Cal em Sex 14 Out 2011, 7:26 pm

Segatti, a visão que você apresentou nesse tópico é chamada de determinismo forte, ou seja, tudo o que acontece está pré-determinado em uma cadeia gigantesca de causas e efeitos, desde de a formação dos planetas, a origem da vida e nossas escolhas.

Nessa perspectiva não existem méritos e nem responsabilidades, um genocida desgraçado estava predestinado a se tornar genocida e um humanitário estaria predestinado a ser generoso, qualquer tentativa de se estabelecer um livre-arbítrio ou ação de vontade se perde pelo fato desses itens citados também pertencerem a essa cadeia de eventos.

O problema dessa visão, ou se preferir, a falha lógica, é que ela faz uma petição de princípio, um conjunto de eventos plenamente conectados do princípio ao fim, para refutar ou confirmar tal ideia seria necessário que calculassemos desde do primeiro evento todos os efeitos, o que é humanamente impossível, então essa se torna uma daquelas teses e visões da realidade que não são falseáveis, em termos lógicos, o que não é falseável é inútil, pois não é possível extrair critérios para a formação de uma base de conhecimento sólido.


A verdade, somente a verdade, nada mais que a verdade.

Cal
Moderador Agnóstico
Moderador Agnóstico

Número de Mensagens : 2788
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Segatti em Sex 14 Out 2011, 10:42 pm

Cal escreveu:Segatti, a visão que você apresentou nesse tópico é chamada de determinismo forte, ou seja, tudo o que acontece está pré-determinado em uma cadeia gigantesca de causas e efeitos, desde de a formação dos planetas, a origem da vida e nossas escolhas.

Nessa perspectiva não existem méritos e nem responsabilidades, um genocida desgraçado estava predestinado a se tornar genocida e um humanitário estaria predestinado a ser generoso, qualquer tentativa de se estabelecer um livre-arbítrio ou ação de vontade se perde pelo fato desses itens citados também pertencerem a essa cadeia de eventos.

O problema dessa visão, ou se preferir, a falha lógica, é que ela faz uma petição de princípio, um conjunto de eventos plenamente conectados do princípio ao fim, para refutar ou confirmar tal ideia seria necessário que calculassemos desde do primeiro evento todos os efeitos, o que é humanamente impossível, então essa se torna uma daquelas teses e visões da realidade que não são falseáveis, em termos lógicos, o que não é falseável é inútil, pois não é possível extrair critérios para a formação de uma base de conhecimento sólido.

Não diria que penso nisso abrangendo também para a origem da vida e do universo. Meu único foco mesmo é o comportamento humano mesmo. Como estamos presos em uma personalidade pré-estabelecida e sofremos forte influência do meio, nossas ações são meras consequências disso e portanto não há um mérito legítimo digamos assim em tomar boas atitudes, ou um desmérito legítimo tomando más atitudes.




Segatti
Safira
Safira

Número de Mensagens : 103
flag : Brasil
Data de inscrição : 27/06/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Jaqueline Valvassori em Sab 22 Out 2011, 11:10 pm

O ser Humano não merece mérito nenhum, nem por existir nem por tomar decisões boas ou más... ele existe pelo simples fato da vontade de Deus,
vamos e venhamos que o ser humano não tem condições nem de ser bom nem mau ... até nisso dependemos da vontade de Deus.

Jaqueline Valvassori
Barro
Barro

Número de Mensagens : 1
flag : Brasil
Data de inscrição : 12/10/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Josoco em Dom 23 Out 2011, 7:32 pm

Existe uma escala que vai do melhor tipo de pessoa possível ao pior tipo .

Entre um extremo e outro do meio para cima e também do meio para baixo, existem nÍveis intermediário de bondade e maldade...

E isso nada tem a ver com religião, tem a ver com a índole das pessoas.

Pode pessoas más estarem nas religiões, como pode ter pessoas boas sem religião...

Josoco
Banido

Número de Mensagens : 1930
Idade : 63
Localização : Brasil
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/06/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Eterna em Sab 19 Nov 2011, 5:13 pm

Essas diferenças registram que não fomos criados ao mesmo tempo e que cada um vive seu momento evolutivo. Em todas as épocas tivemos homens bons e maus e até para se estabelecer a paz fizeram ser necessário (?) a guerra.

A influência que sofremos é tão somente devido ao estágio evolutivo de cada um porque não há preferência divina na Sua criação. Em sendo diferente cada um já nasceu salvo ou condenado, independente dos seus esforços para que o bem prevaleça.

A influência da crença de bondade na maldade é cultural e religiosa. Vemos isso desde a Gênesis bíblica quando Adão e Eva viviam no paraíso mas não podiam tocar no fruto da árvore proibida. Posteriormente vem o crime de Caim, e assim segue até chegar ao Êxodo, quando Deus endureceu o coração do faraó para não libertar o povo por Ele escolhido.

Veja a chacina que houve no Egito com as sete pragas, além de ter havido a permissão para ser saqueado os seus bens, apenas para que Deus pudesse mostrar as "Suas maravilhas" para um povo que já era por Ele escolhido!

Todos nós temos razões para fazer o mal, embora não permitimos que outros o façam, sob qualquer pretexto. E não é por menos que a ICAR, Hitler, Che Guevara, Mao Tse Tung, entre tantos outros, tiveram suas próprias razões evolutivas.


Nascer, viver, morrer, renascer ainda e progredir sempre, tal é a lei.

Eterna
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3831
Localização : Sampa
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/04/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Existem pessoas boas e pessoas más?

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 12:49 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum