.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
» Noticiário Escatológico
Hoje à(s) 11:38 am por Jarbas

» Palavras são palavras, nada mais do que palavras. Será?
Hoje à(s) 10:44 am por gusto

» Um conselho aos debatedores de internet
Hoje à(s) 10:23 am por gusto

» A Verdadeira Liberdade
Hoje à(s) 10:02 am por gusto

» Frases
Hoje à(s) 9:54 am por gusto

» Livre arbítrio, auto idolatria
Ontem à(s) 10:47 pm por Lit San Ares

» A eleição torna-nos robôs?
Ontem à(s) 10:29 pm por Lit San Ares

» DESAFIO AOS DO LIVRE ARBITRIO
Ontem à(s) 9:45 pm por Lit San Ares

»  Endurecimeto do Faraó
Ontem à(s) 8:44 pm por Lit San Ares

Quem está conectado
46 usuários online :: 3 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 43 Visitantes :: 2 Motores de busca

gusto, Jarbas, Khwey

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por sabino-sp em Ter 11 Out 2011, 11:22 am

MELQUISEDEQUE
tem muitos crentes e teologos que dizem ser o próprio Jesus

uma coisa que não entendi chamam-no de "Sacerdote do rei altíssimo" naquele tempo já existia religião??? qual seria a religião de melquisedeque
estes textos peguei no wikipedia dizem sobre sumérios e outros povos da época
como se tem pouca informação disto vai da interpretação de cada hum

Melquisedeque (em hebraico מַלְכִּי־צֶדֶק / מַלְכִּי־צָדֶק (Malkiy-Tzadeq) Meu rei é justiça) é um personagem bíblico do
livro de Gênesis que interagiu com Abraão quando este retornou vitorioso da batalha de Sidim. É descrito como o rei de
Salém e que não deixou descendência.

Este rei de Salém poderia ser o mesmo, conhecido na história suméria (onde viveu) como o Oannes (nome muito semelhante ao de Yohanes, um Rei Etíope). Diz-se que não teve ascendência nem descendência a quem a
mitologia atribui-lhe características sobre humanas, quase como um semi-deus da altura. Alguém de enorme valor que instruiu os povos e lhes deu a civilização.

Apesar das raras referências a ele na Bíblia, o Livro Sagrado refere-se a Melquisedeque como um sábio rei de uma terra chamada Salém e "sacerdote do Deus Altíssimo." (Gênesis 14:18). No Novo Testamento, ele é comparado a Jesus, de que é dito ser "da ordem de Melquisedeque" (Epístola aos Hebreus).

Segundo o texto do Pentateuco, Melquisedeque foi o rei da cidade de Salém (que significa "paz"), a qual se acredita ter sido a cidade posteriormente conhecida por Jerusalém.

Melquisedeque teria tido importância no direcionamento de Abrãao - o primeiro registro bíblico da doação de dízimos decorre desta ocasião. Abrãao e Melquisedeque seriam, portanto, contemporâneos, de acordo com as narrações bíblicas.

Destaca-se na sua história a ausência de menções (comuns nos registros bíblicos) a seus antepassados. Como se pode interpretar de alguns versos (Hebreus 7:3), Melquisedeque fora um homem sem genealogia, sem filhos ou parentes conhecidos. O lugar onde seu corpo jaz também é ignorado, o que aumenta a crença de que sua real existência seja improcedente, ou de que se tratava de um homem de prestígio perante à divindade e que, por esta razão, seu corpo não tenha sido destruído, como se terá passado a Enoque ou a Moisés, talvez.

O Reino de Agartha, formado por 7 cidades sagradas e uma 8ª cidade, denominada Shamballah. Segundo a tradição é governada pelo monarca chamado Melki-Tsedeq (conhecido como o Rei do Mundo). Melki-Tsedeq também é conhecido
como Melquisedeque (citado na Bíblia (Gênesis 14.18-20 e Hebreus 6.17-20;7.1-3).

Alguns teólogos cristãos acreditam que Melquisedeque teria sido uma aparição do Messias antes de seu nascimento.

No Antigo Testamento há várias menções ao Anjo do SENHOR que muitos acreditam terem sido aparições de Cristo antes de encarnar. No entanto, Melquisedeque poderia ter sido o aspecto terreno da pré-encarnação de Cristo em uma forma corpórea temporária.

Outros teólogos, no entanto, acreditam que Melquisedeque teria sido apenas uma tipologia de Cristo, tratando-se, pois, de um acontecimento ou de um ensinamento que se relaciona com as realizações de Jesus.

Na epístola aos Hebreus, o autor leciona que Melquisedeque não teve nem pai e nem mãe, nem ascendência e nem descendência:

Porque este Melquisedeque, que era rei de Salém e sacerdote do Deus Altíssimo, e que saiu ao encontro de Abraão quando ele regressava da matança dos reis, e o abençoou; a quem Abraão deu o dízimo de tudo, e primeiramente é, por interpretação, rei de justiça e depois também é rei de Salém, que é rei de paz; sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de dias nem fim de vida, mas, sendo semelhante ao filho de Deus, permanece sacerdote para sempre
(Hebreus 7:1-3)

Segundo os cristãos é certo que Melquisedeque é "tipo" de Jesus.

Na Biblia,Melquisedeque é referido como sacerdote do Deus Altissimo em Genesis 14:18.19 quando traz pão e vinho e recebe de Abrão o dizimo do conquistado,e abençoando-o disse:"Bendito sejas Abraão, do Deus Altissimo,o Possuidor dos céus e da terra e bendito seja o Deus Altissimo que entregou teus inimigos em tuas mãos" .Referenciado também em Salmos 110.4:"Jurou o Senhor e não se arrependerá:Tu és um Sacerdote Eterno segundo a Ordem de Melquisedeque." Em Hebreus,além do já citado temos 7:4 :Considerai,pois,quão grande era este a quem até o patriarca Abrão deu
os dizimos dos despojos" havendo outras citações e explicações ,havendo no 5:11 "Do qual muito temos que dizer,de dificil interpretação,porquanto vos fizestes negligentes para ouvir." o que abre um leque de possibilidades que em principio ,considerando-se a afirmação de Paulo,não devem ser consideradas cristofanias.

Segundo Gen 14:18, há evidências de que Abraão conhecia Melquisedeque, que era o rei de Salém e o sacerdote do Deus Altíssimo. (Gen.14:18)

A tese de que Melquisedeque teria sido Sem, busca respaldo no fato de que Abrão não teria sido o primeiro homem na Terra a ter o seu nome mudado por Deus. Indaga-se por que os pais de Melquisedeque teriam antevisto o seu futuro
como rei e puseram seu nome de Melquisedeque que significa "Rei de Justiça". Pois se Deus escolheu um homem preparado para liderar um povo remanescente, que não como os outros que novamente estavam arraigados no paganismo, continuava a crer no Deus Altíssimo, logo Melquisedeque seria Sem, por se tratar de um homem experimentado, sábio, conhecedor e acima de tudo líder desde a geração que prosseguiu ao Dilúvio.

Gen 9:26 - "E disse: Bendito seja o Senhor Deus de Sem…"

Desde sua mocidade, Sem mostrava temor pelo Deus de seu pai - O DeusAltíssimo.

Assim, esta tese acredita que Sem, possivelmente, teve o seu nome mudado para Melquisedeque, pois seria um Rei de Justiça, assim como Abrão teve o seu nome modificado para Abraão, para ser mais condizente com aquilo que ele
seria: Pai de muitas nações.

sabino-sp
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2161
Idade : 63
Localização : Santo André - São Paulo
flag : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Ter 11 Out 2011, 12:31 pm

Muito bem irmão sabino,

Quando você menciona (wikipedia), que Melquizedeque trouxe pão e vinho para Abraão, é a santa ceia de Jesus Cristo, seu corpo e seu sangue...


ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

melquesedeque

Mensagem por sabino-sp em Ter 11 Out 2011, 7:32 pm

Yohan escreveu:Muito bem irmão sabino,

Quando você menciona (Wikipédia), que Melquisedeque trouxe pão e vinho para Abraão, é a santa ceia de Jesus Cristo, seu corpo e seu sangue...

Então yohan
Wikipédia é uma enciclopédia, é o melhor meio de saber sobre assuntos pois não está contaminado o texto, ou seja tem opiniões diversas
quando um texto não é bem claro como este caso que tem somente 2 ( passagens falando dele na bíblia) dá margem a interpretações diversas como vc pode ver no texto que coloquei
bem vc não é o único a pensar desta forma que Jesus é Melquisedeque tem até pastores falando disto em igrejas
a este respeito só podemos fazer suposições por conta disto , da pouca clareza do texto

fique na paz

sabino-sp
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2161
Idade : 63
Localização : Santo André - São Paulo
flag : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Qua 12 Out 2011, 7:56 am

Com certeza, irmão sabino,

Apresentei apenas meu entendimento, e meus argumentos, não é minha intenção convencer ou mudar as doutrinas tradicionais, só ampliar a visão das pessoas para as diversas possibilidades...

Agora, o indício mais preponderante no meu entender, é a falta de genealogia de Melquizedeque, que dá apoio à interpretação de que ele não nasceu naquele tempo, isto é o fator fundamental, pois Deus faz questão de mencionar todas as genelogias dos grandes personagens bíblicos, ninguém escapa da genealogia, sómente alguns privilegiados que extrapolaram o tempo...

abraços,


ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por David de Oliveira em Qua 12 Out 2011, 11:10 am

Eu não acredito na mitologia da eternidade ou deidade de Melquisedeque. Essa estória de que não era um ser humano por não ter a sua genealogia anotada, se deve simplesmente ao fato de não ser um semita e os escritores do Velho Testamento não tiveram esse interesse.
Salém foi fundada pelos Jebuseus, descendentes talvez de um patriarca chamado Jebus filho de Canaã, neto de Cão, Gênesis 10: 6-16.
O primeiro nome de Jerusalém não era Salém, mas Jebus, o nome de seu fundador, mas há referências também do nome "Jebus-salem". Ora, se Melquisedeque foi rei e sacerdote dessa antiga cidade-estado, certamente ele deveria ser seu cidadão e descendente de Jebus, filho de Canaã, neto de Cão, bisneto de Noé. Esta é a sua possível genealogia, sem mitologias...


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8352
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Qua 12 Out 2011, 12:15 pm

irmão Davi,

Você se baseia em pontos históricos, mas os fatos históricos foram sempre manipulados por interesses...

Prefiro ficar com os indícios bíblicos, conforme Hebreus 7:

Porque este Melquisedeque, que era rei de Salém, sacerdote do Deus Altíssimo, e que saiu ao encontro de Abraão quando ele regressava da matança dos reis, e o abençoou;

A quem também Abraão deu o dízimo de tudo, e primeiramente é, por interpretação, rei de justiça, e depois também rei de Salém, que é rei de paz;

Sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de dias nem fim de vida, mas sendo feito semelhante ao Filho de Deus, permanece sacerdote para sempre.

Considerai, pois, quão grande era este, a quem até o patriarca Abraão deu os dízimos dos despojos.

E os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm ordem, segundo a lei, de tomar o dízimo do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão.

Mas aquele, cuja genealogia não é contada entre eles, tomou dízimos de Abraão, e abençoou o que tinha as promessas.

Ora, sem contradição alguma, o menor é abençoado pelo maior.

E aqui certamente tomam dízimos homens que morrem; ali, porém, aquele de quem se testifica que vive.

E, por assim dizer, por meio de Abraão, até Levi, que recebe dízimos, pagou dízimos.

Porque ainda ele estava nos lombos de seu pai quando Melquisedeque lhe saiu ao encontro.

De sorte que, se a perfeição fosse pelo sacerdócio levítico (porque sob ele o povo recebeu a lei), que necessidade havia logo de que outro sacerdote se levantasse, segundo a ordem de Melquisedeque, e não fosse chamado segundo a ordem de Arão?

Porque, mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança da lei.

Porque aquele de quem estas coisas se dizem pertence a outra tribo, da qual ninguém serviu ao altar,

Visto ser manifesto que nosso Senhor procedeu de Judá, e concernente a essa tribo nunca Moisés falou de sacerdócio.

E muito mais manifesto é ainda, se à semelhança de Melquisedeque se levantar outro sacerdote,

Que não foi feito segundo a lei do mandamento carnal, mas segundo a virtude da vida incorruptível.

Porque dele assim se testifica: Tu és sacerdote eternamente, Segundo a ordem de Melquisedeque.

Porque o precedente mandamento é ab-rogado por causa da sua fraqueza e inutilidade

(Pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou) e desta sorte é introduzida uma melhor esperança, pela qual chegamos a Deus.

E visto como não é sem prestar juramento (porque certamente aqueles, sem juramento, foram feitos sacerdotes,

Mas este com juramento por aquele que lhe disse: Jurou o Senhor, e não se arrependerá; Tu és sacerdote eternamente, Segundo a ordem de Melquisedeque),

De tanto melhor aliança Jesus foi feito fiador.

Está bem claro, que o sacerdócio de Melquizedeque era muito superior ao sacerdócio levítico de Arão, ora, é bem simples concluir que é totalmente impossível que esse Melquizedeque (profeta, sacerdote, rei, abençoador, superior, recebeu os dízimos, etc...), é totalmente impossível que seja da genealogia de Cão, ou outra orígem qualquer...

Se fosse assim, como você diz, então todo o mérito de Israel e dos Levitas e sacerdotes, teria orígem vinda da benção de Cão ??? (totalmente impossível)...
humm...


ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por David de Oliveira em Qua 12 Out 2011, 1:13 pm

Se fosse assim, como você diz, então todo o mérito de Israel e dos Levitas e sacerdotes, teria orígem vinda da benção de Cão ??? (totalmente impossível)...

E abençoou Deus a Noé e a seus filhos, e disse-lhes: Frutificai e multiplicai-vos e enchei a terra. Gênesis 9:1

Não podemos despresar nem mensurar as bênçãos de Deus. Se todos os três filhos de Noé foram abençoados por Deus, por que não admitir que os Jebuseus, de Jebus, o neto de Noé não tenham sido agraciado pelo reinado e sacerdócio de Melquisedeque?
Outra coisa, Não é história! É bíblia mesmo! Nós sabemos da história do gênesis através da versão dos semitas e logicamente houve o interesse somente naquilo que se referia à sua linhagem, mas será que não existiram homens santos e bons na antiguidade que não faziam parte da genealogia semita? Se não existiram, então Deus não abençoou as duas linhagens que não eram dos semitas, o que seria um engano. Abençoou mesmo!!!
Portanto, pode muito bem Melquisedeque ter sido um cananeu, povo que já estava há séculos em Canaã antes da chegada dos israelitas.











 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8352
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Qua 12 Out 2011, 1:49 pm

Torno a recolocar Hebreus 7:3e4:

sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de dias nem fim de vida, mas feito semelhante ao Filho de Deus}, permanece sacerdote para sempre.

Considerai, pois, quão grande era este, a quem até o patriarca Abraão deu o dízimo dentre os melhores despojos.


irmão Davi, você entende que no verso 3 final, 'permanece sacerdote para sempre', está se referindo à Melquizedeque ?

Quanto à benção de Noé, eu entendo que Noé é o recomeço de tudo, como se fosse Adão, que gerou seus 3 filhos novamente, (Caim=Cão, Sete=Sem, Abel=Jafé), então como 'pai de todos' Noé abençoa seu filhos, mas amaldiçoa Cão... oh my


ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por David de Oliveira em Qua 12 Out 2011, 2:18 pm

Quando o escritor de Hebreus disse isso, já havia se passado cerca de dois mil anos. Certamente ele sabia de Melquisedeque tanto quanto nós e por não saber nada sobre esse homem havia a dedução popular ou vulgar de que ele não tinha origem nem fim de vida!
Por que existe essa comparação entre Melquisedeque e Jesus? Porque tanto Jesus como Melquisedeque não pertenciam a tribo de Levi e o escritor afirma que poderia muito bem haver um sacerdócio eterno que não fosse da linhgem arônica e para isso, cita o reinado e sacerdócio de paz e harmonia melquisedequiano. Desta feita a regra antiga de que todo sacerdote deveria ser descendente de Arão foi anulada.
Havia, sim, o conhecimento passado de geração em geração do reinado e sacerdócio de Melquisedeque como sendo de justiça e paz de tal forma que serviu de comparação para o reinado e sacerdócio do Messias.

Hebreus na Nova tradução da Linguagem de Hoje:

7.2 Abraão lhe deu a décima parte de tudo o que ele havia tomado dos inimigos na batalha. O nome de Melquisedeque quer dizer primeiramente “Rei da Justiça”. E, porque ele era rei de Salém, o seu nome também quer dizer “Rei da Paz”.
________________________________________
7.3 Não se conhece o pai, nem a mãe, nem qualquer antepassado de Melquisedeque. E também não se sabe nada sobre o seu nascimento ou sobre a sua morte. Por ser como o Filho de Deus, ele continua sacerdote para sempre.
7.5 Conforme a Lei de Moisés, os sacerdotes, que são descendentes de Levi, têm a obrigação de receber do povo a décima parte de tudo. Eles recebem dos seus próprios patrícios, embora estes também sejam descendentes de Abraão.
7.6 Melquisedeque não era descendente de Levi, mas recebeu a décima parte daquilo que Abraão havia tomado na batalha e o abençoou. Sim, abençoou o próprio Abraão, que havia recebido as promessas de Deus.
7.13 E o nosso Senhor Jesus, a respeito de quem são ditas essas coisas, pertencia a outra tribo. E nenhum membro dessa tribo jamais serviu como sacerdote.
________________________________________
7.14 É sabido que, por nascimento, Jesus, o nosso Senhor, pertencia à tribo de Judá, e Moisés não disse nada dessa tribo quando falou a respeito de sacerdotes.
________________________________________
7.15 E tudo isso se torna bem mais claro, pois surgiu um sacerdote diferente, parecido com Melquisedeque.
________________________________________
7.28 A Lei de Moisés escolheu homens, que são imperfeitos, para serem Grandes Sacerdotes. Mas, pela promessa feita com juramento, a qual veio depois da Lei de Moisés, Deus escolhe o Filho, que se tornou perfeito para sempre.



 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8352
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por oliveira leite em Qua 12 Out 2011, 5:14 pm

Yohan escreveu:Torno a recolocar Hebreus 7:3e4:

sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de dias nem fim de vida, mas feito semelhante ao Filho de Deus}, permanece sacerdote para sempre.

Considerai, pois, quão grande era este, a quem até o patriarca Abraão deu o dízimo dentre os melhores despojos.


irmão Davi, você entende que no verso 3 final, 'permanece sacerdote para sempre', está se referindo à Melquizedeque ?

Quanto à benção de Noé, eu entendo que Noé é o recomeço de tudo, como se fosse Adão, que gerou seus 3 filhos novamente, (Caim=Cão, Sete=Sem, Abel=Jafé), então como 'pai de todos' Noé abençoa seu filhos, mas amaldiçoa Cão... oh my

Mas sendo feito SEMELHANTE ao filho de D'us
semelhante não é ser o filho de D'us
voce erra por falta de observação japinha

oliveira leite
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6552
Idade : 51
Localização : Natal RN
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Qui 13 Out 2011, 7:57 am

irmão oliveira,

Percebí sim o termo 'semelhante', mas não creio nas traduções bíblicas ao 'pé da letra', existem 1001 traduções diferentes, algumas totalmente contraditórias, é impressionante o quanto de distorções existem.

Por isso, não procuro entender as escrituras 'ao pé da letra', mas sim, pelo Espírito Santo, mas nem sempre podemos nos achar como intérpretes verdadeiros e espirituais, por isso, eu sempre sigo uma linha de raciocínio lógico e comparativo.
Se Elias não tem pai nem mãe, sendo o maior profeta do AT, seria totalmente impossível Deus deixar de mencionar sua genealogia, então me julgo no direito de aventar a mesma possibilidade em relação à Melquizedeque. (entendimento meu)...

Além disso, o escritor de Hebreus, estava equiparando Melquizedeque à Jesus, por isso, usou esse termo.



Última edição por Yohan em Qui 13 Out 2011, 8:50 am, editado 1 vez(es)


ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Qui 13 Out 2011, 8:50 am

irmão Davi,

Entendí o que você quíz dizer,

O escritor de Hebreus faz comparações entre sacerdócios, o objetivo dele não é provar que Jesus seria Melquizedeque,

Mas como não existem outros relatos biblicos, temos que aproveitar esses textos.

De qualquer maneira existem muitos mistérios, não só na história da civilização humana, e principalmente nas revelações bíblicas.

Jesus mesmo disse aos judeus, sobre o Salmo 110...Disse o Senhor ao meu Senhor...
Jesus pergunta: Se Davi lhe chama Senhor, como pode ser seu filho???

Lógicamente, Jesus Cristo não é filho de Davi, apenas foi incluido na genealogia de Davi, para ser o rei Eterno.


ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por oliveira leite em Qui 13 Out 2011, 3:30 pm

Yo
essa foi a forma mais elegante que já vi para se deturpar a Biblia
simplesmente ignora uma palavra tão essencial no texto
e diz que estar sendo guiado pelo Espirito Santo
por esse caminho muitos andaram e criaram ventos de doutrina
Quanto a Elias aonde foi que voce viu que ele não tinha pai nem mãe?
D'us não mencionou a genealogia de Paulo, Silas, João, Judas, Tiago, etc...
são todos sempai e sem mãe :risadinha:

oliveira leite
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6552
Idade : 51
Localização : Natal RN
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Yohan em Qui 13 Out 2011, 4:24 pm

irmão oliveira,

Todos esses que você menciona tinham pai e mãe, genalogia,:
Paulo era benjamita, João e Tiago apóstolos eram primos de Jesus, filhos de Zebedeu, Judas que escreveu a epístola era irmão de Jesus (filho de Maria e José), isto porque, no NT, realmente as genealogias não tinham maior importância, porque Jesus já tinha nascido, mas antes (AT), as genealogias eram hiper importantes, até para distinção entre as tribos...



ideia
"como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."
II PEDRO 1:19

Yohan
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 391
flag : Inglaterra
Data de inscrição : 28/09/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por oliveira leite em Qui 13 Out 2011, 6:09 pm

Tá bom
aonde foi que voce viu que Elias o tesbita não tinha pai nem mãe?

oliveira leite
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6552
Idade : 51
Localização : Natal RN
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: um texto obscuro, Melquesedeque qual seu entendimento sobre ele

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 11:42 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum