.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
22 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 22 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Página 37 de 40 Anterior  1 ... 20 ... 36, 37, 38, 39, 40  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por abençoado em Sab 06 Nov 2010, 3:38 pm

Devo guardar o Sábado? Ao invés disso você compreende que o amor a deus na visão bíblica inclui todos os dias devem ser para a santificação e não apenas um por semana

Ainda ninguém parou para pensar no significado do sábado.Recordo pelo quadragêsima vez,que Cristo quando se referiu ao pentateuco em Mateus 5,referiu a expressão "ouviste o que foi dito aos antigos..eu porém vos digo".A lei com Cristo não era a mesma das tábuas..ela saía de lá e era como se ganhasse nova vida,um novo propósito.O AT viria introduzir um pacto perfeito,mas ele não era esse pacto perfeito.Se assim fosse, a justiça seria mediante lei e Cristo não necessitaria de morrer por nossos pecados.

Segue-se mais uma postagem sobre o verdadeiro significado do sábado bíblico:

O SHABBÃTH

A palavra “shabbãth”, da raiz shabhath, em hebraico significa literalmente “cessar”, “desistir”. No relato da criação não se encontra a palavra “Sábado” mas a raiz de onde se deriva esse vocábulo é encontrado em Gn.2:2. Em Ex.20:11, encontramos a afirmação de que Deus “descansou” no sétimo dia, mas no mesmo livro, no capítulo Êx.31:17, a expressão toma o sentido de Ele “cessar a Sua obra e tomar alento”. A linguagem é figurada, pois Deus não está sujeito a limitações humanas ou físicas, não tendo necessidade de descansar. Leiamos: “Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos confins da terra, não se cansa nem se fatiga? E inescrutável o seu entendimento” (Is.40:28; Leia também: Sl.121; Jo.5:17). Na realidade, Deus cessou a sua obra da criação. O seu descanso, portanto, refere-se a esse tipo de trabalho, a criação do universo. Ainda bem que o nosso Deus não é como o deus das religiões, pois o deus das religiões é obrigado parar para descansar, mas o nosso Deus nunca se cansa. Aleluia!!!


O SÁBADO É PERPÉTUO?

Argumenta os sabatistas que o Sábado é perpétuo e por isso ainda deve ser guardado. O argumento usado pelos sabatistas, se verdadeiro, significaria que toda lei levítica – circuncisão, páscoa, incenso, sacerdócio, etc. – também deveriam ser perpétua. Por exemplo, em Ex.12:14 está declarado que a páscoa terá de ser observada “por suas gerações” e “para sempre”, exatamente como é dito sobre o Sábado. A oferta de incenso também é dita como perpétua (Ex.29:42). Lavagem de mãos e pés seria perpétuo (Ex.30:21). Os sabatistas concordam que a observância destas coisas cessou. Porém, para serem consistentes, se guardam o Sábado, também têm que guardar as outras ordenanças. Entretanto, isso tudo não é mais perpétuo, pois esse pacto só continuaria e valeria se cumprido por Israel. Ao ser quebrada a Lei o pacto cessou e o pacto da graça começou. Leiamos:

“ Eis que os dias vêm, diz o Senhor, em que farei um pacto novo com a casa de Israel e com a casa de Judá, não conforme o pacto que fiz com seus pais, no dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egito, esse meu pacto que eles invalidaram, apesar de eu os haver desposado, diz o Senhor. Mas este é o pacto que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o Senhor: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. E não ensinarão mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao Senhor; porque todos me conhecerão, desde o menor deles até o maior, diz o Senhor; pois lhes perdoarei a sua iniqüidade, e não me lembrarei mais dos seus pecados” (Jr.31:31-34).

abençoado
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1851
flag : Estados Unidos
Data de inscrição : 22/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Jeanbanak em Sab 06 Nov 2010, 4:07 pm

abençoado escreveu:
Devo guardar o Sábado? Ao invés disso você compreende que o amor a deus na visão bíblica inclui todos os dias devem ser para a santificação e não apenas um por semana

Ainda ninguém parou para pensar no significado do sábado.Recordo pelo quadragêsima vez,que Cristo quando se referiu ao pentateuco em Mateus 5,referiu a expressão "ouviste o que foi dito aos antigos..eu porém vos digo".A lei com Cristo não era a mesma das tábuas..ela saía de lá e era como se ganhasse nova vida,um novo propósito.O AT viria introduzir um pacto perfeito,mas ele não era esse pacto perfeito.Se assim fosse, a justiça seria mediante lei e Cristo não necessitaria de morrer por nossos pecados.

Segue-se mais uma postagem sobre o verdadeiro significado do sábado bíblico:

O SHABBÃTH

A palavra “shabbãth”, da raiz shabhath, em hebraico significa literalmente “cessar”, “desistir”. No relato da criação não se encontra a palavra “Sábado” mas a raiz de onde se deriva esse vocábulo é encontrado em Gn.2:2. Em Ex.20:11, encontramos a afirmação de que Deus “descansou” no sétimo dia, mas no mesmo livro, no capítulo Êx.31:17, a expressão toma o sentido de Ele “cessar a Sua obra e tomar alento”. A linguagem é figurada, pois Deus não está sujeito a limitações humanas ou físicas, não tendo necessidade de descansar. Leiamos: “Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos confins da terra, não se cansa nem se fatiga? E inescrutável o seu entendimento” (Is.40:28; Leia também: Sl.121; Jo.5:17). Na realidade, Deus cessou a sua obra da criação. O seu descanso, portanto, refere-se a esse tipo de trabalho, a criação do universo. Ainda bem que o nosso Deus não é como o deus das religiões, pois o deus das religiões é obrigado parar para descansar, mas o nosso Deus nunca se cansa. Aleluia!!!


O SÁBADO É PERPÉTUO?

Argumenta os sabatistas que o Sábado é perpétuo e por isso ainda deve ser guardado. O argumento usado pelos sabatistas, se verdadeiro, significaria que toda lei levítica – circuncisão, páscoa, incenso, sacerdócio, etc. – também deveriam ser perpétua. Por exemplo, em Ex.12:14 está declarado que a páscoa terá de ser observada “por suas gerações” e “para sempre”, exatamente como é dito sobre o Sábado. A oferta de incenso também é dita como perpétua (Ex.29:42). Lavagem de mãos e pés seria perpétuo (Ex.30:21). Os sabatistas concordam que a observância destas coisas cessou. Porém, para serem consistentes, se guardam o Sábado, também têm que guardar as outras ordenanças. Entretanto, isso tudo não é mais perpétuo, pois esse pacto só continuaria e valeria se cumprido por Israel. Ao ser quebrada a Lei o pacto cessou e o pacto da graça começou. Leiamos:

“ Eis que os dias vêm, diz o Senhor, em que farei um pacto novo com a casa de Israel e com a casa de Judá, não conforme o pacto que fiz com seus pais, no dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egito, esse meu pacto que eles invalidaram, apesar de eu os haver desposado, diz o Senhor. Mas este é o pacto que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o Senhor: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. E não ensinarão mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao Senhor; porque todos me conhecerão, desde o menor deles até o maior, diz o Senhor; pois lhes perdoarei a sua iniqüidade, e não me lembrarei mais dos seus pecados” (Jr.31:31-34).

Nãozinho Nãozinho

O que Cristo veio abolir foi o sacrificio de animais e ofertas de alimentos

Setenta semanas estão determinadas sobre o teu povo, e sobre a tua santa cidade, para extinguir a transgressão, e dar fim aos pecados, e para expiar a iniqüidade, e trazer a justiça eterna, e selar a visão e a profecia, e para ungir o Santo dos santos.

Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar e para edificar Jerusalém, até ao Messias, o Príncipe, sete semanas, e sessenta e duas semanas: as ruas e as tranqueiras se reedificarão, mas em tempos angustiosos.

E depois das sessenta e duas semanas será tirado o Messias, e não será mais: e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra: estão determinadas assolações.

E ele firmará um concerto com muitos por uma semana: e {na} metade da semana fará cessar o sacrifício e a oferta de manjares (e aqui esta a profecia que fala que Cristo aboliria os sacrificio de animais e a oferta de manjares inclusive); e sobre a casa das abominações {virá} o assolador, e {isso} até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador.

daniel 9:24-27

A profecia é clara quanto ao que Cristo viria abolir não há retaliação referente ter ou não de guardar o sabado!!
se a profecia fala do messias que veio (Cristo) retiraria o sacrificio e a oferta de manjares, dando a entender que seria retirado o dever do sacerdócio levitico, para o sacerdocio de Jesus da tribo de judá!

Tanto o sabado como todos os outros mandamentos é de fato necessario para ter a vida eterna eis o ensinamentode Jesus e quem pode nega-lo?

E eis que, aproximando-se dele um jovem, disse-lhe: Bom Mestre, que bem farei, para conseguir a vida eterna?
E ele disse-lhe: Por que me chamas bom? Não {há} bom, senão um só {que é Deus.} Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos. Mt 19:16 ao 17


Jesus está ensinando É JESUS QUEM FALA!!! QUEM QUER A VIDA ETERNA DEVE GUARDAS OS MANDAMENTOS!!!
OS APOSTOLOS POR ACASO MUDARAM OS MANDAMENTOS?? NÃO PAULO E JOÃO FALAM QUE DEVEMOS GUARDAR OS MANDAMENTOS::::

Se me amardes, guardareis os meus mandamentos. João 14:15
E nisto sabemos que o conhecemos: se guardarmos os seus mandamentos. 1 João 2:3
Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor, do mesmo modo que eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e permaneço no seu amor. João 15:10 Porque esta {ou este é o amor} é a caridade de Deus: que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são pesados.
1 João 5:3 Aqui está a paciência dos santos; aqui {estão} os que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus.
Apocalipse 14:12 A circuncisão é nada, e a incircuncisão nada é, mas, sim, a observância dos mandamentos de Deus. 1 Coríntios 7:19 Aquele que diz: Eu conheço-o e não guarda os seus mandamentos é mentiroso, e nele não está a verdade.1 João 2:4
e qualquer coisa que lhe pedirmos, dele a receberemos, porque guardamos os seus mandamentos e fazemos o que é agradável à sua vista. 1 João 3:22
anulamos, pois, a lei pela fé? De maneira nenhuma! Antes, estabelecemos a lei. Romanos 3:31






E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12
www.averdadebiblica.com

Jeanbanak
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 978
Idade : 28
Localização : são josé dos pinhais
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/10/2010

http://www.averdadebiblica.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Jeanbanak em Sab 06 Nov 2010, 4:14 pm

Graça e mandamntos estão simultaneamente juntos e separados

A fé é a gaça, e ambas são a favor do amor.
o amor por sua vez é por deus e pelo proximo!

e a fé sem amor não é nada; assim com sem as obras a fé também não é nada!
mas temos de fazer as obras que faziam os judeus sacrificando animais?
Não estabelecemos a lei do amor, que é a "jurisprudencia" divina, somos perdoados dos pecados que antes tinhamos cometidos ao aceitar a Cristo, dai vem a fé e a graça.

MAs para entrar no céu que devemos fazer? Afinal somente a fé salva, mas faz ter a vida eterna? Não a vida eterna vem pelos mandamentos como esta escrito por Cristo!

E eis que, aproximando-se dele um jovem, disse-lhe: Bom Mestre, que bem farei, para conseguir a vida eterna?
E ele disse-lhe: Por que me chamas bom? Não {há} bom, senão um só {que é Deus.} Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos. Mt 19:16 ao 17


então sem os mandamentos não tem vida eterna, e é assim que se entende!!
não tyem meio termo


E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12
www.averdadebiblica.com

Jeanbanak
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 978
Idade : 28
Localização : são josé dos pinhais
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/10/2010

http://www.averdadebiblica.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Sab 06 Nov 2010, 4:35 pm

Adventismo hoje escreveu:
Cal até aqui voce esta certo mas na verdade tem um falta!

Se não temos lei não temos pecado, naõ tendo pecado não temos necessidade da graça que é a justiça, e que é Cristo e que vem por Cristo.
Portanto, tudo o que vós quereis que os
homens vos façam, fazei-lho também vós,
porque esta é a lei e os profetas.
(Mat 7:12)
oh my

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Diego Yo'ets em Sab 06 Nov 2010, 5:06 pm


A PERGUNTA FOI RESPONDIDA com o próprio contexto do Texto solicitado:


Por favor responda, e então ficará resolvido:

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de <-Não é fim do véu, é fim da lei!
todo aquele que crê.(Rom 10:4)

Se vc fosse um cara que parasse para refletir no que é dito, teria um imenso prazer de colocar todas a minhas conclusões a seu inteiro dispôr, como faço com alguns aqui.

Eu não preciso fechar assunto algum com vc, meu post inicial sobre sua descontextualização teve a direção distinta a sua pessoa no quisito individual, me dirigi a TODOS irmãos, que tbm se inclue a vc obviamente, contudo a saturação que existe em todo diálogo com sua pessoa essa regra tem porens.

Mas por uma postura ética já que o assunto foi levantado e tbm é interessante que outros irmãos se beneficiem do contexto de Rm 10:4 trarei o Texto:

1 ​Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles são para que sejam salvos.


Salvação não vem mediante a guarda legalista da Lei, e sim observando a fé no Messias em conjunto com a obediência ( TG 2:24, Ap 14:12).

2 ​Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus, porém não com entendimento.

Os meus irmãos judeus tinham e teem extremo Zelo pela gurada legalista, mas nem todos observam a fé no Messias e isso os colocam na mesma posição que os gentios descrentes. Então o argumento é recorrente, não adianta obras sem fé, e nem fé sem obras, ambas as coisas estão atreladas e indivisivéis são. A Lei só traz beneficios para quem sabe usa-la mediante a devida devoão de fé ( I Tm 1:8).

3 ​Porquanto, desconhecendo a justiça de Deus e procurando estabelecer a sua própria, não se sujeitaram à que vem de Deus.

Isso caberia a todos, judeus ou não, mas no caso expecífico o trato é com os Judeus em especial. Ao invés de meditarem na vontade divina relatada na Lei e nos profetas, para perceberem em Yeshua o cumprimento das profecias referente ao Messias, eles preferiram criar novas tradições que os afastaram da verdade, causando assim neles uma parede um empedimento, um véu, que os afastou como nação de permanecerem como a única nação santa.

4 ​Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê.


Com a cegueira posta no coração, eles ficaram impossibilitados de enchergarem o Messias como aquele que cumpriria em si o resgate do pecado. Isto tbm cabe a todos incrédulos. Com essa impossibilidade, cegueira causada pelo véu da incredulidade deixarm escapar a valioso informação que sem amor, que sem Yeshua, que sem fé não adianta cumprir a Lei, pois onde começa a fé, pois onde começa Yeshua é que terá valor a obediência. A Lei sem Yeshua é impossibilitada de salvar portanto é uma frase sem pontuação, ninguém sabe se é interrogativa, adversativa, explicativa etc.. Torah sem Cristo não é Torah, e por isso a Torah fala e aponta para o Messias, para que nele sem Lei mas pela promessa se haja salvação (Gl 2).

5 ​Ora, Moisés escreveu que o homem que praticar a justiça decorrente da lei viverá por ela.


Existe salvação pela Lei ?
Claro que existe!!! Contudo ninguém a conseguiu, senão Yeshua. Yeshua não foi justificado por sangue de bode e nem mesmo pelo seu próprio sangue mas sim pela justiça que vem da Lei, naquele que vive por ela e consegue em nenhum ponto tropeçar. Paulo seguia explicando a miserabilidade da guarda legalista daqueles que não puderam guardar o TUDO.

6 ​Mas a justiça decorrente da fé assim diz: Não perguntes em teu coração: Quem subirá ao céu?, isto é, para trazer do alto a Cristo;


Aqui há um detalhe importantissímo para quem nega a Torah. O que Paulo fez aqui?? Ele simplesmente começa a citar um trecho vital da Torah ( Dt 30:11-14) Onde demonstra que o justo obedece por fé (kanavah), Paulo diz então que a justiça pela fé vem da Torah mediante trazer o Messias do alto.


7 ​ou: Quem descerá ao abismo?, isto é, para levantar Cristo dentre os mortos. 8 ​Porém que se diz?


Aqui um paralelo a Dt 30: 13, Onde Deus demonstra pela bem sucedita travessia do mar, que não há nada de dificil para os que confiam de verdade nas Suas Leis. Paulo usando o texto remete que não houve dificuldade para Deus ressuscitar o Messias e por isso tinha sua confiança. Dá até impressão que abrir o mar foi mais dificil (rsrsr).

13- A palavra está perto de ti, na tua boca e no teu coração para a fazeres; isto é, a palavra da fé que pregamos.


Aqui não há paralelos, agora verifique a lealdade de sua tradução, veja se bate com Dt 30:14. Essa é uma extração direta do que Deus disse na Torah, ensinando já a inscrição no coração por parte dos que tem fé e também demonstrando a legalidade de ter que se submeter as regras divinas. Agora pergunte ao Texto: Qual a Palavra de fé que Paulo Ensinava ? Se o Texto não responder use esses: Atos 27:22, 24:14, 21:24 (desculpe por andar de trás pra frente, é por causa do hebraico rsrs)

Vou ficar por aqui, se não vou acabar fazendo uma Biblia comentada.

Mas é bom que volte ao Texto e analise o verso 21 e observe que para Deus os rebeldes são os que vão contra a Torah.


Diego escreveu:Pois é ...

Se vc fosse um cara que parasse para refletir no que é dito, teria um imenso prazer de colocar todas a minhas conclusões a seu inteiro dispôr, como faço com alguns aqui.

o Prazer findou...

Chamo a atenção no seguinte: Minha resposta foi publicada às 12:15, às 12:19 a sua resposta já estava no fórum "contradizendo" o que eu disse, concluo que vc não se deu o luxo de acompanhar os textos que citei e ainda ter dado tempo para refletir, portanto vc é desleal para um diálogo.

O que disse é pra beneficio de quem interage com a verdade e de verdade e simplesmente para anuviar sua usurpadora interpretação que tem mania de engolir os contextos imediatos.

fim de la comédia.

Se vc ao invés de refutar por refutar, tivesse LIDO o que eu escrevi e consultado as mais de 20 de versículos feita vc teria visto do que falei.

Seu critério de debate é vago, flutuante e inconstante.

Uma hora o sr. pede versículos acompanhados de comentários e outras horas anula os comentários e quer só o versículo. kkkkkkkk Te decide!!


Seja leal ao diálogo ou vai postar monólogos em BLOG's.


Última edição por Diego em Sab 06 Nov 2010, 5:20 pm, editado 1 vez(es)


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Sab 06 Nov 2010, 5:20 pm

Diego escreveu:
Se vc fosse um cara que parasse para refletir no que é dito, teria um imenso prazer de colocar todas a minhas conclusões a seu inteiro dispôr, como faço com alguns aqui.

Se vc ao invés de refutar por refutar, tivesse LIDO o que eu escrevi e consultado as mais de 20 citações de versículos feita vc teria visto do que falei.
Por favor responda com apenas uma citação se puder, ou duas, e então ficará resolvido, mas que mostre-nos a resposta.

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de <-Não é fim do véu, é fim da lei!
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Até os adventistas estão confusos!

Seria circuncisão???
Seriam os 7 sábados???
Não???
Qual???



Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Diego Yo'ets em Sab 06 Nov 2010, 5:28 pm

Kiwi vai fazer outro de palhaço, porque até o Espirito Santo que é dono da longevidade e da eternidade, não gasta mais tempo te ensinando nada.

AHHH e da longanimidade tbm, mas ele cansou, quem dira eu. Só sei que Ele cansou porque vc não aprende nada, ou então suas faculdades mentais estão com abalos cismicos...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

A pergunta está respondida acima com comentário versículo a versículo do CONTEXTO do próprio Texto pedido. Eu não tiro texto dos contextos antes o insiro dentro do mesmo contexto, coisa que vc nem de longe faz.

Se dê o luxo leia em mais de 4 minutos (kkkk), pois um estudo do que eu postei pode durar uma vida inteira, pois a profundidade do assunto merece.


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Diego Yo'ets em Sab 06 Nov 2010, 5:31 pm

Gente estão fazendo as páginas passarem, para que a vergonha seja escondida...

Pessoal não tirem textos dos contexto, coisa feia!!

vou fiscalizar agora... kkkkkkkkkkkk


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Cal em Sab 06 Nov 2010, 5:35 pm

Vou tentar ser mais didático...

Antigo Testamento; Itens a serem desenvolvidos:
1- Sombras representativas (sacrificio de animais).
2- Leis (conduta normativa externa ao individuo).
3- Alcance (povo judeu).

Novo Testamento; Itens esclarecidos e finalizados:
1- Sacrificio perfeito (O cordeiro de deus).
2- Novo nascimento (conduta normativa INTERNA ao individuo sobre uma mudança de paradigma no relacionamento com deus).
3- Alcance (toda a criatura).

Se quiserem entender sobre novo nascimento abram um tópico para isso...


A verdade, somente a verdade, nada mais que a verdade.

Cal
Moderador Agnóstico
Moderador Agnóstico

Número de Mensagens : 2788
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Jeanbanak em Sab 06 Nov 2010, 5:43 pm

O khwey quantos anos voce tem????? Ta dificil de debater com você voce usa textos fora de conextos, que não fazem o menor sentido e quando a resposta é dada voce inventa mis umonte de asneiras que não tem nada a ver com o contexto.

os textos que voce dá quando vai vr no contexto não diz nada daquilo que voce defende, !!!
não adianta fingir que já não sabepois já não há meios de voce fugir com tanta ladainha!!!afinal quem ler este tópico vai chegar a conclusãode que se deve guardar o sábado por que a lei é vigente!!!

Quando se lê no dicionario, quando se estuda de verdade vemos coisas distintas:

A lei dos mandamentos que consistiamem ordenanças

e a lei dos mandamentos ( O que não tem nada a ver com ordenaças por que não está incluso na frase)


quano não se age como uma Criança ou como um velho ranzinza tendo dentro de si a himildade cristã, se utiliza do bom senso e da inteligencia para compreender uma verdade que é visivel a qualquer leigo!!



E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12
www.averdadebiblica.com

Jeanbanak
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 978
Idade : 28
Localização : são josé dos pinhais
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/10/2010

http://www.averdadebiblica.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Sab 06 Nov 2010, 5:49 pm

Diego escreveu:4 ​Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê.

Com a cegueira posta no coração, eles ficaram impossibilitados de enchergarem o Messias como aquele que cumpriria em si o resgate do pecado. Isto tbm cabe a todos incrédulos. Com essa impossibilidade, cegueira causada pelo véu da incredulidade deixarm escapar a valioso informação que sem amor, que sem Yeshua, que sem fé não adianta cumprir a Lei, pois onde começa a fé, pois onde começa Yeshua é que terá valor a obediência. A Lei sem Yeshua é impossibilitada de salvar portanto é uma frase sem pontuação, ninguém sabe se é interrogativa, adversativa, explicativa etc.. Torah sem Cristo não é Torah, e por isso a Torah fala e aponta para o Messias, para que nele sem Lei mas pela promessa se haja salvação (Gl 2).
Uma lei chegou ao fim.

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de <-Não é fim do véu, é fim da lei!
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Qual é esta lei???


Onde este texto acima responde a pergunta???

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Sab 06 Nov 2010, 5:53 pm

Adventismo hoje escreveu:O khwey quantos anos voce tem????? Ta dificil de debater com você voce usa textos fora de conextos, que não fazem o menor sentido e quando a resposta é dada voce inventa mis umonte de asneiras que não tem nada a ver com o contexto.
Nunca foi tão fácil debater comigo, pois faço uma pergunta simples e direta com base em um verso bíblico:

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Você sabe o significado de "FIM"?

Pois então! Está escrito que o fim da lei é Cristo.

Que lei é esta?

Seria mesmo a circuncisão???

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Jeanbanak em Sab 06 Nov 2010, 6:08 pm

khwey escreveu:3 ​Porquanto, desconhecendo a justiça de Deus e procurando estabelecer a sua própria, não se sujeitaram à que vem de Deus.Porque o fim da lei é Cristo para justiça de todo aquele que crê.(Rom 10:4)




ja te falei que Cristo é chamado de "justiça de Deus" por Paulo
então quando se diz que não conheceram a justiça de Deus é por que não conheceram a Cristo, e procuraram estabelecer a SUA PROPRIA JUSTIÇA
não da pra ver? e não se jueitarm a justiça que vem de Deus, que é Cristo.

Pois então imagine que voce eta de frente para as tabuas da lei.
e vendo enquanto le os mandamentos de Deus, dado aos homens voce conclui que não consegurá cumprir muitos e quando chega nos fim da lei, o que voce encontra Cristo, la esta nosso Senhor, para nos ajudar a cumprir Seus mandamentos

4 ​Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê.
e quando encontramos a Cristo nos tornamos justificados


E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12
www.averdadebiblica.com

Jeanbanak
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 978
Idade : 28
Localização : são josé dos pinhais
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/10/2010

http://www.averdadebiblica.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Sab 06 Nov 2010, 8:08 pm

Adventismo hoje escreveu:

Pois então imagine que voce eta de frente para as tabuas da lei.
e vendo enquanto le os mandamentos de Deus, dado aos homens voce conclui que não consegurá cumprir muitos e quando chega nos fim da lei, o que voce encontra Cristo, la esta nosso Senhor, para nos ajudar a cumprir Seus mandamentos
Jesus veio ajudar a cumprir seus mandamentos?
Você deve estar falando da nova aliança.

E se tem mandamentos a cumprir, então existe lei.
E se existe lei, logo, esta lei não é aquela que teve um fim.
oh my

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Você sabe o significado de "FIM"?

Fim significa que acabou.

Pois então! Está escrito que o fim da lei é Cristo.

Que lei é esta?


Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por David de Oliveira em Sab 06 Nov 2010, 10:15 pm

O adventista (somente do 7° dia) escreveu:
Se não temos lei não temos pecado, naõ tendo pecado não temos necessidade da graça que é a justiça, e que é Cristo e que vem por Cristo.
Mas se não temos lei; e se todos seremos julgados; tanto os que não tem lei para si quanto os que tem a lei de Deus para si
e porque lei haverá Deus de julgar os homens? Se voce faz algo que a lei dos homens diz que não é pra fazer tem uma pena; pra Deus as coisas são guais
ou do pecado pra morte eterna ou da obediencia pra vida eterna!!


Vejo que não tens entendimento completo do Novo Testamento.
Espero que não repitas isso que escreveu.
O julgamento dos gentios não terá a Lei escrita dos judeus como parâmetro (isso é óbvio!).
Há um outro julgamento para os não judeus, vou lhe mostrar e espero que, apesar de ter editado essas referências antes de você postar essa atual, visto que você não leu,
vou repetir mais uma vez, só mais “umazinha”...!
Porque, quando os gentios, que não têm lei, fazem naturalmente as coisas que são da lei, não tendo eles lei, para si mesmos são lei;
Os quais (os gentios) mostram a obra da lei escrita em seus corações, testificando juntamente a sua consciência, e os seus pensamentos, quer acusando-os, quer defendendo-os;
No dia em que Deus há de julgar os segredos dos homens, por Jesus Cristo, segundo o meu evangelho.
Eu vou insistir nisso sem parar, daqui para frente!

David


Última edição por David de Oliveira em Sab 06 Nov 2010, 11:24 pm, editado 1 vez(es)


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8361
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por DEMAR em Sab 06 Nov 2010, 11:22 pm

Khwey escreveu:
Adventismo hoje escreveu:
Cal até aqui voce esta certo mas na verdade tem um falta!

Se não temos lei não temos pecado, naõ tendo pecado não temos necessidade da graça que é a justiça, e que é Cristo e que vem por Cristo.
Portanto, tudo o que vós quereis que os
homens vos façam, fazei-lho também vós,
porque esta é a lei e os profetas.
(Mat 7:12)
oh my

O AMOR AO PRÓXIMO É O CUMPRIMENTO DA LEI.
Em Romanos 13: 8-10 está escrito:


"A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros: porque quem ama aos outros cumpriu a lei. Com efeito: Não adulterarás: Não matarás: Não furtarás: Não darás falso testemunho: Não cobiçarás: e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor."

DEMAR
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 236
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Eduardo em Dom 07 Nov 2010, 12:13 am

DEMAR escreveu:
Khwey escreveu:
Adventismo hoje escreveu:
Cal até aqui voce esta certo mas na verdade tem um falta!

Se não temos lei não temos pecado, naõ tendo pecado não temos necessidade da graça que é a justiça, e que é Cristo e que vem por Cristo.
Portanto, tudo o que vós quereis que os
homens vos façam, fazei-lho também vós,
porque esta é a lei e os profetas.
(Mat 7:12)
oh my

O AMOR AO PRÓXIMO É O CUMPRIMENTO DA LEI.
Em Romanos 13: 8-10 está escrito:

"A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros: porque quem ama aos outros cumpriu a lei. Com efeito: Não adulterarás: Não matarás: Não furtarás: Não darás falso testemunho: Não cobiçarás: e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor."
Rapaz, eu estou boquiaberto com vocês. Até que enfim vocês estão de acordo com o que Cristo pregou e que a IASD sempre reafirmou, se me amais guardais os mandamentos. Eu sempre disse isso, a guarda dos mandamentos nunca deve ter objetivo salvifico, deve sim ser fruto do amor ao próximo e a Deus.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Jeanbanak em Dom 07 Nov 2010, 12:31 am

Khwey escreveu:
Adventismo hoje escreveu:

Pois então imagine que voce eta de frente para as tabuas da lei.
e vendo enquanto le os mandamentos de Deus, dado aos homens voce conclui que não consegurá cumprir muitos e quando chega nos fim da lei, o que voce encontra Cristo, la esta nosso Senhor, para nos ajudar a cumprir Seus mandamentos
Jesus veio ajudar a cumprir seus mandamentos?
Você deve estar falando da nova aliança.

E se tem mandamentos a cumprir, então existe lei.
E se existe lei, logo, esta lei não é aquela que teve um fim.
oh my

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Você sabe o significado de "FIM"?

Fim significa que acabou.

Pois então! Está escrito que o fim da lei é Cristo.

Que lei é esta?


sim existe uma lei que fpoi abolida!!
e acrdito que a lei que existe são os dez mandamentos, que só é possivel o seu cumprimento por meio De Cristo
nunca disse ao contrario, na verade se existe a lei dos mandamentos ( os que NÃO consiste em ordenanças)
que são os 10 mandamentos, incluindo o sabado, e todos os outro 9.

É a esses mandamentos que Cristo se refers quando diz que se o amamos devemos guardar Seus mandamentos.
e por amor a Ele em reribuição ao amor que ele primeiro nos oferecu, devemos guardar Seus 10 mandamentos.
mas nunca pelas nossas proprias forças, mas devemos guardar os mandamentos por Cristo e por meio de Cristo!


E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12
www.averdadebiblica.com

Jeanbanak
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 978
Idade : 28
Localização : são josé dos pinhais
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/10/2010

http://www.averdadebiblica.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Eduardo em Dom 07 Nov 2010, 1:21 am

khweyAdventismo hoje escreveu:E se existe lei, logo, esta lei não é aquela que teve um fim.

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Você sabe o significado de "FIM"?

Fim significa que acabou.

Pois então! Está escrito que o fim da lei é Cristo.
Deixa de falar besteira e vai estudar. Em Romanos 10:4 a palavra "fim" utilizada no verso deriva do grego "télos" [τελος] (Substantivo neutro). Fim. Terminação, consumação, conclusão. Meta, alvo, finalidade, propósito, objetivo. Esse termo é empregada no sentido de finalidade, ou seja, a finalidade da Lei é levar o pecador a Cristo:
Em “1 Pedro: 1:9”, encontramos este mesmo termo, “telos”, numa formação de frase idêntica. O versículo diz: “Alcançando o fim da nossa fé, a salvação das vossas almas”. É obvio que em ambos os casos a tradução não está correta ou pelos menos induz ao erro. Colocar a frase “o fim da lei é Cristo”, demonstra uma tentativa de fundamentar uma doutrina equivocada de que o Messias de Israel veio anular a lei. Isto estaria em contradição com um versículo lido neste tópico, onde Yeshua afirma que não veio anular a lei, e que enquanto existir o céu e a terra, nada se omitirá da lei, sem que tudo se cumpra. Na verdade Yeshua não veio anular a lei, da mesma forma que a fé não anula a salvação. O termo “telos” nos versículos citados, tem claramente o sentido de finalidade ou alvo e de modo algum fim, no sentido de anulação ou término. Tendo em mente também que a palavra Torah foi traduzida como lei, mas na verdade significa literalmente instrução, como já falamos, traduziríamos corretamente os versículos citados da seguinte maneira: Em “Romanos 10:4” diríamos: “Portanto a finalidade da Torah é o Messias para justiça de todo aquele que crê”. Em outras palavras, a Torah aponta para o Messias, que por sua vez traz salvação para todo aquele que Nele confia. Quanto ao versículo que está em “1 Pedro 1:9” diríamos: “Alcançando a finalidade da vossa fé, a salvação das vossas almas”. Em outras palavras, a fé aponta para a salvação, que está fundamentada no sacrifício perfeito efetuado pelo Filho de D’us.
A palavra "fim" utilizada no verso deriva do grego "télos" e é empregada para destacar um objetivo ou uma importância. A palavra "fim" no caso em questão quando traduzida para o português tem o sentido de finalidade, objetivo ou propósito.


O termo "fim" usado em Romanos 10:4 não tem o sentido de "cessação", "interrupção", término" ou "abolição". Em I Pedro 1:9 encontra-se a mesma expressão grega "télos": "obtendo o fim da vossa fé: a salvação da vossa alma."

A palavra grega télos, traduzido como “fim” em Romanos 10:4, “também pode ser traduzida como objetivo, propósito.” Portanto, fim significando finalidade. “Cristo é o propósito final da lei, no sentido de que a lei deve nos levar a Jesus.” Esse é indiscutivelmente o sentido de télos em 1 Pedro 1:9, onde é afirmado que o “fim da fé” é a salvação. Ninguém deve imaginar, todavia, que, uma vez salvo, o crente não mais precisa da fé; muito ao contrário!

Creio que mais do que isso está envolvido no texto. Com efeito, télos significa “fim”, como quando o texto sagrado fala do fim desta era (Mt 24:6, 14; 1Co 15:24). Aplicando-se este sentido à lei, Cristo é o fim, o término do empenho no cumprimento dela como meio de justiça; a cessação da lei como recurso de salvação.


Télos também significa finalidade, objetivo, etc., como no texto de Pedro acima referido, e também em 1 Timóteo 1:5, onde é traduzido “intuito”. O termo, todavia, tem mais de dois significados, e Paulo, preferencialmente a um termo de sentido mais restrito, empregou télos para deixar claro que Cristo é o tudo da lei.


De fato, se quisesse apenas afirmar que Cristo é o fim da lei, no sentido de que ela caducou na cruz, que acabou ali, Paulo teria empregado péras, que significa limite, o ponto extremo, conclusão, terminação, fim (como em Hb 6:16). Da mesma forma, se ele quisesse afirmar que Cristo é apenas a finalidade, o objetivo, o propósito da lei, teria empregado próthesis ou skopós, ou ainda énnoia.


Além dos dois sentidos acima, télos também significa: imposto (como em Mt 17:25 e Rm 13:7); destinação última (como em Hb 6:8), pleno desempenho, execução, desencargo, cumprimento (como em Lc 22:37); tratamento final (como em Tg 5:11); estágio final (com em 1Co 10:11); resultado (como em Rm 6:21); e plenitude (como em 1Ts 2:16).


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Diego Yo'ets em Dom 07 Nov 2010, 8:27 am

Shalom Eduardo...

Irmão, isso que escrvestes fecha a questão com chave de ouro, com tudo o mais que já foi dito.

Todo o contexto foi bem explicadinho e agora a termologia tbm.

Agora podemos nos Gloriar em Deus pelo Messias apontado na Torah, Pois Yeshua é a finalidade da Torah, ou até mesmo a própria Torah, Logos.


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Dom 07 Nov 2010, 10:43 am

Eduardo escreveu:
khweyAdventismo hoje escreveu:E se existe lei, logo, esta lei não é aquela que teve um fim.

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Você sabe o significado de "FIM"?

Fim significa que acabou.

Pois então! Está escrito que o fim da lei é Cristo.
Deixa de falar besteira e vai estudar. Em Romanos 10:4 a palavra "fim" utilizada no verso deriva do grego "télos" [τελος] (Substantivo neutro). Fim. Terminação, consumação, conclusão. Meta, alvo, finalidade, propósito, objetivo.


Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a
lei dos mandamentos, que consistia em
ordenanças, para criar em si mesmo dos
dois um novo homem, fazendo a paz,
(Ef 2:15)

Sabe o que significa "desfez"???

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por David de Oliveira em Dom 07 Nov 2010, 11:09 am

Khwey escreveu:
Eduardo escreveu:
khweyAdventismo hoje escreveu:E se existe lei, logo, esta lei não é aquela que teve um fim.

Porque o fim da lei é Cristo para justiça de
todo aquele que crê.
(Rom 10:4)

Você sabe o significado de "FIM"?

Fim significa que acabou.

Pois então! Está escrito que o fim da lei é Cristo.
Deixa de falar besteira e vai estudar. Em Romanos 10:4 a palavra "fim" utilizada no verso deriva do grego "télos" [τελος] (Substantivo neutro). Fim. Terminação, consumação, conclusão. Meta, alvo, finalidade, propósito, objetivo.


Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a
lei dos mandamentos, que consistia em
ordenanças, para criar em si mesmo dos
dois um novo homem, fazendo a paz,
(Ef 2:15)

Sabe o que significa "desfez"???


Desfez significa que "fez dez" (de dez mandamentos) , ora!!! Eles vão dizer isso...
David


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8361
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Dom 07 Nov 2010, 11:12 am

Desfez significa "Dez" fez???

Boa essa!!!

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por David de Oliveira em Dom 07 Nov 2010, 11:56 am

Romanos
3:21 Mas, agora (jesus), se manifestou, sem a lei, a justiça de Deus, tendo o testemunho da Lei e dos Profetas,
Romanos
3:27 Onde {está,} logo, a jactância? É excluída. Por qual lei? Das obras (da Lei)? Não! Mas pela lei da fé. Romanos
3:31 anulamos, pois, a lei pela fé? De maneira nenhuma! Antes, estabelecemos a lei.

Romanos 3:21
Mas, agora (Deus em Jesus), se manifestou, sem a lei, a justiça de Deus, tendo o testemunho da Lei e dos Profetas,
Romanos 3:27
Onde {está,} logo, a jactância? É excluída. Por qual lei? Das obras (da Lei)? Não! Mas pela lei da fé.Romanos 3:31
Anulamos, pois, a lei pela fé? De maneira nenhuma! Antes, estabelecemos a lei.

O versículo 31 está ligado na compreensão do 21, ou seja, está no mesmo contexto. Paulo está dizendo que Deus se manifestou através de Jesus, sem usar a antiga Lei, porém, não ficamos sem lei, apenas mudamos para a lei da fé e esta, por si só, estabelece em sua eficácia a antiga Lei. No julgamento, seremos julgados pelo Lei da fé ou Evangelho de Cristo.

David


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8361
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Khwey em Dom 07 Nov 2010, 12:41 pm

Eduardo escreveu:
Khwey escreveu:Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a
lei dos mandamentos, que consistia em
ordenanças, para criar em si mesmo dos
dois um novo homem, fazendo a paz,
(Ef 2:15)

Sabe o que significa "desfez"???
Como você distorce as escrituras. Deus defes a inimizade e não os mandamentos. Estes continuam vigentes, não mais como inimigos.
Para quem sabe ler, o que significa a inimizade que foi desfeita?

A inimizade, isto é, a lei dos mandamentos.

Tais brincando!

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte VI

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 6:54 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 37 de 40 Anterior  1 ... 20 ... 36, 37, 38, 39, 40  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum