.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
86 usuários online :: 2 usuários cadastrados, 1 Invisível e 83 Visitantes :: 2 Motores de busca

Eterna, Khwey

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Página 6 de 40 Anterior  1 ... 5, 6, 7 ... 23 ... 40  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 1:22 am

Eduardo escreveu:A Lei de Cristo é a mesma Lei de Deus.

Nãozinho Nãozinho Nãozinho

Não é isto que a bíblia diz.

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 1:24 am

Ton, a Lei de Cristo é a nova aliança, ou seja, tudo que Jesus disse e as palavras que foram dadas aos apóstolos por meio do Espírito Santo.

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 2:28 am

Nossa, quanto tal de copiar e colar....

http://vigiandoeorando.blogspot.com/2007/08/adventistas-alteram-o-declogo.html

porque vocês não falam também do 11º mandamento?

santificar o inverno!!!

eu tentei encontrar a revista que fala sobre o assunto, entrei na revistaadventista.com.br mas o mais engraçado é que no ANO DE 2002 temos apenas 11 EDIÇÕES.
onde será que foi parar a 12ª edição?
os demais anos vemos 12 edições, 1 por mês....
os comentários para apoiar a guarda do sábado fizeram os adventistas acreditarem que era necessário santificar o inverno também...

Pena que eles retiraram a revista que falava do assunto a menos que eu não tenha procurado direito...




ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba!

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Ton em Sab 02 Abr 2011, 6:56 am

carlosect escreveu:Ton, a Lei de Cristo é a nova aliança, ou seja, tudo que Jesus disse e as palavras que foram dadas aos apóstolos por meio do Espírito Santo.
A Lei de CRISTO é a Nova Aliança??? kkkk

Por favor, a que Lei se referia Jeremias quando profetizou a Nova Aliança? Jr 31:31-33 ...

Vou te dar uma ajudinha ...
Paulo fala aos gálatas que se "carregarmos os fardos uns dos outros estaremos cumprindo a Lei de CRISTO" (Gl 6:2).
Tem certeza que a Lei de CRISTO só consiste nesse mandamento de ajudar aos outros? kkkkk

E mais! Suponhamos que a tudo que Yeshua disse é Sua Lei. Julgue então esses Mandamentos:
- "Aquele, pois, que violar um destes mandamentos, posto que dos menores, e assim ensinar aos homens, será considerado mínimo no reino dos céus; aquele, porém, que os observar e ensinar, esse será considerado grande no reino dos céus" (Mt 5:19).
- "Na cadeira de Moisés, se assentaram os escribas e os fariseus. Fazei e guardai, pois, tudo quanto eles vos disserem, porém não os imiteis nas suas obras; porque dizem e não fazem" (Mt 23:2).


Blog Ton |de Tudo|


TON - "APRENDIZ DA BÍBLIA"
"Quando o 'Leão da Tribo de Judá' RUGE, o 'leão metido à besta' MIA de medo" (W. B. S.).

Ton
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3210
Idade : 29
Localização : Serra/ES
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/10/2008

http://arrazoemos.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 11:47 am

Ton escreveu:
carlosect escreveu:Ton, a Lei de Cristo é a nova aliança, ou seja, tudo que Jesus disse e as palavras que foram dadas aos apóstolos por meio do Espírito Santo.
A Lei de CRISTO é a Nova Aliança??? kkkk

Por favor, a que Lei se referia Jeremias quando profetizou a Nova Aliança? Jr 31:31-33 ...

Vou te dar uma ajudinha ...
Paulo fala aos gálatas que se "carregarmos os fardos uns dos outros estaremos cumprindo a Lei de CRISTO" (Gl 6:2).
Tem certeza que a Lei de CRISTO só consiste nesse mandamento de ajudar aos outros? kkkkk

E mais! Suponhamos que a tudo que Yeshua disse é Sua Lei. Julgue então esses Mandamentos:
- "Aquele, pois, que violar um destes mandamentos, posto que dos menores, e assim ensinar aos homens, será considerado mínimo no reino dos céus; aquele, porém, que os observar e ensinar, esse será considerado grande no reino dos céus" (Mt 5:19).
- "Na cadeira de Moisés, se assentaram os escribas e os fariseus. Fazei e guardai, pois, tudo quanto eles vos disserem, porém não os imiteis nas suas obras; porque dizem e não fazem" (Mt 23:2).



você tem problema....

hebreus 12:24
E a Jesus, o Mediador de uma nova aliança, e ao sangue da aspersão, que fala melhor do que o de Abel.
hebreus 13:20
Ora, o Deus de paz, que pelo sangue da aliança eterna tornou a trazer dos mortos a nosso Senhor Jesus Cristo, grande pastor das ovelhas,
MATEUS 26:28
Porque isto é o meu sangue; o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados.
HEBREUS 10:29
De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus, e tiver por profano o sangue da aliança com que foi santificado, e fizer agravo ao Espírito da graça?

Não consigo compreender porquê da questão. Você não acha suficiente o que Jesus disse e os que os apóstolos disseram? de Mateus ao apocalipse?

Outra questão é que Amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo como a si mesmo se rezume sim para sermos salvos....
claro, lógico que se não fosse pela palavra seria perigoso amar o que desagrada a Deus, por isso foi escrito o velho e o novo testamento.

a passagem que você se refere a mateus 5, Jesus estava falando sobre como devemos agir, por acaso conseguimos agir certinho sem errar em nada? por isto é muito necessário procurarmos cumprir o que Jesus nos disse, e é tão correto isto que fala que será considerado o menor no reino dos céus e não o grande no inferno.

e por fim a passagem que você se refere a mateus 23 até que achei interessante mas se for o caso, os fariseus falando a respeito da lei de moisés seria correto então matar uma mulher adultera... e aí como fica?

a aliança que Jeremias falou é exatamente a aliança que foi estabelecida por Jesus...

por isto volto a perguntar...
você é judeu?

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Eduardo em Sab 02 Abr 2011, 12:53 pm

carlosect escreveu:Não consigo compreender porquê da questão. Você não acha suficiente o que Jesus disse e os que os apóstolos disseram? de Mateus ao apocalipse?
Jesus disse que não veio revogar a Lei. Ao invé disso ele afirma que o mais importante na lei eram a justiça, a misericórdia e a fé. Os apóstolos tinham a Lei como norma. Paulo disse que a Lei é santa, boa, justa, deleitosa, espiritual, baseada no amor e estabelecida pela fé. Apocalipse disse que nos últimos dias a igreja guardaria a Lei e a Fé em harmonia e ao mesmo tempo.


Última edição por Eduardo em Sab 02 Abr 2011, 3:39 pm, editado 1 vez(es)


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Algumas perguntas que não vejo gente querendo responder objetivamente

Mensagem por A. Guimarães em Sab 02 Abr 2011, 2:47 pm

Insisto em perguntar o que fogem por aí de responder:

Afinal, quando as Igrejas-mãe da cristandade protestantes ensinam O MESMO QUE OS ADVENTISTAS, de que os 10 Mandamentos seguem sendo normativos aos cristãos em TODOS os seus preceitos (como é o caso dos documentos confessionais de luteranos, batistas, presbiterianos, congregacionais, metodistas, anglicanos), sendo isso confirmado em obras mais recentes da CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus), tudo isso tem que ser jogado no lixo? O que vale agora são os conceitos neo-antinomistas dispensacionalistas de "lei abolida" e noções assemelhadas?

Se a resposta for sim, estão todos errados nesse ponto, então que providências pretendem tomar? Vão tentar convencer luteranos, batistas, presbiterianos, metodistas, congregacionais, anglicanos a ALTERAREM os seus documentos confessionais de SÉCULOS que ensinam isso, mais essas obras dos assembleianos mais recentes?

Lembro ainda que nenhum desses documentos foi desqualificado, desautorizado, descartado (como a Confissão de Fé de Westminster, a Confissão de Fé Batista de 1689, o Catecismo Batista de 1855--redigido por Charles Spurgeon, os 39 Artigos de Religião da Igreja da Inglaterra, a Confissão Helvética, o Catecismo Menor de Lutero e obras mais recentes da CPAD).

E uma pergunta especial ao ARTICULADOR: Quando Jesus comenta sobre a prática dos fariseus de dizimar (Mat.23:23), e diz que perdiam de vista o mais importante na lei--a justiça, a misericórdia e a fé--com essa declaração Cristo estava agregando tais virtudes à lei, no ato, ou elas JÁ ERAM DA LEI, mas não percebidas por aqueles religiosos?

Gente, a tática com que já me acostumei aqui e em outros fóruns é IGNORAR as perguntas "embaraçosas", olhar para o outro lado fazendo de conta que não diz respeito aos opositores. . . Gostaria de mudassem de atitude e RESPONDESSEM objetivamente, por favor. . .

Afinal, quem sabe, sabe. . .



A. Guimarães
¹
¹

Número de Mensagens : 166
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Tudo amarrado em nome de Jesus, e pelo próprio Jesus. . .

Mensagem por A. Guimarães em Sab 02 Abr 2011, 3:17 pm

Jesus deixou tudo "amarrado", em Seu próprio nome, em Mat. 5:17-19. Os anti-sabatistas não sabem o que fazer com esses textos, bem como com os de Mar. 2:27, 28, onde Cristo não só confirma as origens edênicas do sábado, como declara-se ser o "Senhor do sábado".

Sem falar em como os cristãos ao longo dos séculos CONFIRMAM o que os adventistas crêem a respeito, nas famigeradas Confissões de Fé, Credos, Catecismo. Até a Bíblia de Estudo Pentecostal, da CPAD, no seu comentário sobre Gên.2:2, 3 vem CONFIRMAR--o sábado é instituição originária do Éden, e estabelecida para TODA A HUMANIDADE, não só para os judeus (pois nem existia um só dessa raça na criação do mundo).

Outra passagem que se os anti-sabatistas pudessem, a arrancavam de suas Bíblias é Isa. 56:2-7. Deus convoca os ESTRANGEIROS a aceitarem o concerto que estabeleceu inicialmente com Israel, e deixa claro Seu divino ideal de que "a Minha casa será chamada casa de oração para TODOS OS POVOS". Este texto derruba o conceito de que o sábado foi dado SÓ para Israel. Como pode, se Deus convida os estrangeiros a acatarem TUDO do Seu concerto com Israel, incluindo até os holocaustos e sacrifícios (claro, isso se deu ANTES da cruz, então os sacrifícios apontavam adiante, ao "Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo"--João 1:29).

O que este tópico assinala é muito mais simples de entender do que os anti-sabatistas imaginam (pois eles é que complicam as coisas): a guarda dos mandamentos da lei de Deus não entra no terreno da JUSTIFICAÇÃO, e sim no de SANTIFICAÇÃO.

Agora há que saber a diferença entre esses dois conceitos--JUSTIFICAÇÃO e SANTIFICAÇÃO. Será que nossos objetores saberão dizer o que é uma coisa
e o que é outra coisa?

A. Guimarães
¹
¹

Número de Mensagens : 166
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Khwey em Sab 02 Abr 2011, 3:28 pm

Deus nunca convocou estrangeiro para estar sob a lei de Moisés:

E não fale o filho do estrangeiro, que se
houver unido
ao Senhor, dizendo:
Certamente o Senhor me separará do seu
povo; nem tampouco diga o eunuco: Eis que
sou uma árvore seca.
(Is 56:3)

E aos filhos dos estrangeiros, que se
unirem
ao Senhor, para o servirem, e para
amarem o nome do Senhor, e para serem
seus servos, todos os que guardarem o
sábado, não o profanando, e os que
(Is 56:6)

De maneira nenhuma estes textos exprimem uma idéia de "convocação", segundo o significado da palavra.

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 3:56 pm

Eduardo escreveu:
carlosect escreveu:Não consigo compreender porquê da questão. Você não acha suficiente o que Jesus disse e os que os apóstolos disseram? de Mateus ao apocalipse?
Jesus disse que não veio revogar a Lei. Ao invé disso ele afirma que o mais importante na lei eram a justiça, a misericórdia e a fé. Os apóstolos tinham a Lei como norma. Paulo disse que a Lei é santa, boa, justa, deleitosa, espiritual, baseada no amor e estabelecida pela fé. Apocalipse disse que nos últimos dias a igreja guardaria a Lei e a Fé em harmonia e ao mesmo tempo.

Você não respondeu a questão ainda.

Não veio revogar a lei?
11 É evidente que pela lei ninguém é justificado diante de Deus, porque: O justo viverá da fé;

Pela lei ninguém será justificado.
gálatas 3
19 Logo, para que é a lei? Foi acrescentada por causa das transgressões, até que viesse o descendente a quem a promessa tinha sido feita; e foi ordenada por meio de anjos, pela mão de um mediador.
e aí, o que você fará com esta passagem? irá rasgá-la.


romanos 3
19 Ora, nós sabemos que tudo o que a lei diz, aos que estão debaixo da lei o diz, para que se cale toda boca e todo o mundo fique sujeito ao juízo de Deus;
20 porquanto pelas obras da lei nenhum homem será justificado diante dele; pois o que vem pela lei é o pleno conhecimento do pecado.

rasgamos esta passagem também?

E QUE TAL ESTA?

1 CORINTIOS 9
20 Fiz-me como judeu para os judeus, para ganhar os judeus; para os que estão debaixo da lei, como se estivesse eu debaixo da lei (embora debaixo da lei não esteja), para ganhar os que estão debaixo da lei;
21 para os que estão sem lei, como se estivesse sem lei (não estando sem lei para com Deus, mas debaixo da lei de Cristo), para ganhar os que estão sem lei.

Por acaso os judeus seguiam qual lei?
e porque o apóstolo paulo diria que ele não está debaixo da lei?

a Lei que o apóstolo afirma estar é a Lei de Cristo, lei esta válida que revogou a lei antiga.

por acaso rasgamos esta afirmação de Paulo também? afinal se é a mesma lei porque ele teria mostrado diferença?

antes de tudo responda gálatas 3,19 ....

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 4:00 pm

daqui a pouco vocês irão mandar agente santificar o inverno igual a revista que vocês haviam divulgado em 2002, o estranho que pelo absurdo da matéria nem vocês mesmo consentiram de deixar ela no ar e retiraram ela, as revistas de 2002 agora estão como 11 e não doze mais...

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 4:35 pm

A. Guimarães escreveu:Insisto em perguntar o que fogem por aí de responder:

Afinal, quando as Igrejas-mãe da cristandade protestantes ensinam O MESMO QUE OS ADVENTISTAS, de que os 10 Mandamentos seguem sendo normativos aos cristãos em TODOS os seus preceitos (como é o caso dos documentos confessionais de luteranos, batistas, presbiterianos, congregacionais, metodistas, anglicanos), sendo isso confirmado em obras mais recentes da CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus), tudo isso tem que ser jogado no lixo? O que vale agora são os conceitos neo-antinomistas dispensacionalistas de "lei abolida" e noções assemelhadas?

Se a resposta for sim, estão todos errados nesse ponto, então que providências pretendem tomar? Vão tentar convencer luteranos, batistas, presbiterianos, metodistas, congregacionais, anglicanos a ALTERAREM os seus documentos confessionais de SÉCULOS que ensinam isso, mais essas obras dos assembleianos mais recentes?

Lembro ainda que nenhum desses documentos foi desqualificado, desautorizado, descartado (como a Confissão de Fé de Westminster, a Confissão de Fé Batista de 1689, o Catecismo Batista de 1855--redigido por Charles Spurgeon, os 39 Artigos de Religião da Igreja da Inglaterra, a Confissão Helvética, o Catecismo Menor de Lutero e obras mais recentes da CPAD).

E uma pergunta especial ao ARTICULADOR: Quando Jesus comenta sobre a prática dos fariseus de dizimar (Mat.23:23), e diz que perdiam de vista o mais importante na lei--a justiça, a misericórdia e a fé--com essa declaração Cristo estava agregando tais virtudes à lei, no ato, ou elas JÁ ERAM DA LEI, mas não percebidas por aqueles religiosos?

Gente, a tática com que já me acostumei aqui e em outros fóruns é IGNORAR as perguntas "embaraçosas", olhar para o outro lado fazendo de conta que não diz respeito aos opositores. . . Gostaria de mudassem de atitude e RESPONDESSEM objetivamente, por favor. . .

Afinal, quem sabe, sabe. . .





Já que você está insistindo tanto, por favor, me mostre nestes documentos a parte que fala que se não guardarmos o sábado (detalhe, o sábado começa sexta feira no pôr do sol)
iremos para o inferno.

Em relação as demais coisas te deixo esta passagem..

1 timóteo 6
3 Se alguém ensina alguma doutrina diversa, e não se conforma com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo, e com a doutrina que é segundo a piedade,
4 é soberbo, e nada sabe, mas delira acerca de questões e contendas de palavras, das quais nascem invejas, porfias, injúrias, suspeitas maliciosas,

isso aqui também responde a pergunta do eduardo quando eu disse que devemos seguir o novo testamento.

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Ton em Sab 02 Abr 2011, 6:16 pm

Khwey escreveu:Deus nunca convocou estrangeiro para estar sob a lei de Moisés:
Abraçar a Aliança significa obedecer a Torah.

Khwey escreveu:E não fale o filho do estrangeiro, que se
houver unido
ao Senhor, dizendo:
Certamente o Senhor me separará do seu
povo; nem tampouco diga o eunuco: Eis que
sou uma árvore seca.
(Is 56:3)

E aos filhos dos estrangeiros, que se
unirem
ao Senhor, para o servirem, e para
amarem o nome do Senhor, e para serem
seus servos, todos os que guardarem o
sábado, não o profanando, e os que
(Is 56:6)

De maneira nenhuma estes textos exprimem uma idéia de "convocação", segundo o significado da palavra.
Um estrangeiro que não se uni ao Senhor ... qual o destino dele?
"naquele tempo, estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança e sem Deus no mundo" (Ef 2:12).

Certamente, não é uma convocação, é a pronunciação de que DEUS aceita estrangeiros que queiram se unir ao Seu Povo, o que inclui guardar os Mandamentos que Israel guarda.


Blog Ton |de Tudo|


TON - "APRENDIZ DA BÍBLIA"
"Quando o 'Leão da Tribo de Judá' RUGE, o 'leão metido à besta' MIA de medo" (W. B. S.).

Ton
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3210
Idade : 29
Localização : Serra/ES
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/10/2008

http://arrazoemos.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Ton em Sab 02 Abr 2011, 6:33 pm

carlosect escreveu:
Ton escreveu:
carlosect escreveu:Ton, a Lei de Cristo é a nova aliança, ou seja, tudo que Jesus disse e as palavras que foram dadas aos apóstolos por meio do Espírito Santo.
A Lei de CRISTO é a Nova Aliança??? kkkk

Por favor, a que Lei se referia Jeremias quando profetizou a Nova Aliança? Jr 31:31-33 ...

Vou te dar uma ajudinha ...
Paulo fala aos gálatas que se "carregarmos os fardos uns dos outros estaremos cumprindo a Lei de CRISTO" (Gl 6:2).
Tem certeza que a Lei de CRISTO só consiste nesse mandamento de ajudar aos outros? kkkkk

E mais! Suponhamos que a tudo que Yeshua disse é Sua Lei. Julgue então esses Mandamentos:
- "Aquele, pois, que violar um destes mandamentos, posto que dos menores, e assim ensinar aos homens, será considerado mínimo no reino dos céus; aquele, porém, que os observar e ensinar, esse será considerado grande no reino dos céus" (Mt 5:19).
- "Na cadeira de Moisés, se assentaram os escribas e os fariseus. Fazei e guardai, pois, tudo quanto eles vos disserem, porém não os imiteis nas suas obras; porque dizem e não fazem" (Mt 23:2).

você tem problema ...
Você também tem.

carlosect escreveu:Outra questão é que Amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo como a si mesmo se rezume sim para sermos salvos....
Ué, a salvação não é pela Fé?
Agora depende do cumprimento desse dois Mandamentos da Lei Mosaica entregue aos Judeus?

carlosect escreveu:claro, lógico que se não fosse pela palavra seria perigoso amar o que desagrada a Deus, por isso foi escrito o velho e o novo testamento.
Faça uma pesquisa na Bíblia, e perceberá que nenhuma aliança posterior anulou a anterior, muito pelo contrário: a reforçou.

carlosect escreveu:a passagem que você se refere a mateus 5, Jesus estava falando sobre como devemos agir, por acaso conseguimos agir certinho sem errar em nada? por isto é muito necessário procurarmos cumprir o que Jesus nos disse, e é tão correto isto que fala que será considerado o menor no reino dos céus e não o grande no inferno.
O mínimo do reino dos céu por acaso é elogio? Não são os senhores que nos condenam por "guardar e ensinar aos homens" os Mandamentos da Lei e dos Profetas? Revise seus conceitos, meu filho ...
Ninguém "consegue agir certinho sem errar nada", por isso que havia os sacrifícios para a remissão das transgressões no Antigo Pacto sob o Sacerdócio da Ordem Aaronica ... e o Sacrifício de Yeshua para remoção das transgressões no Novo Pacto sob o Sacerdócio da Ordem de Melquisedeque.

carlosect escreveu:e por fim a passagem que você se refere a mateus 23 até que achei interessante mas ...
Mas nada ... é um Mandamento de Yeshua. Creio que sabia distinguir Mandamento de Sugestão.

carlosect escreveu:a aliança que Jeremias falou é exatamente a aliança que foi estabelecida por Jesus...
Correto. E a Aliança profetizada por Jeremias contempla a mesmíssima Torah que Jeremias conhecia, e que o Eterno sempre pelejou para que Seu povo a cumprisse.

carlosect escreveu:por isto volto a perguntar... você é judeu?
Sou um gentio abraçando as Alianças (Is 56:6-7 / Ef 2:12-13), enxertado na Oliveira Natural (a Comunidade de Israel Crente em Yeshua - Rm 11).


Blog Ton |de Tudo|


TON - "APRENDIZ DA BÍBLIA"
"Quando o 'Leão da Tribo de Judá' RUGE, o 'leão metido à besta' MIA de medo" (W. B. S.).

Ton
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3210
Idade : 29
Localização : Serra/ES
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/10/2008

http://arrazoemos.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por David de Oliveira em Sab 02 Abr 2011, 8:14 pm

A. Guimarães escreveu:Insisto em perguntar o que fogem por aí de responder:

Afinal, quando as Igrejas-mãe da cristandade protestantes ensinam O MESMO QUE OS ADVENTISTAS, de que os 10 Mandamentos seguem sendo normativos aos cristãos em TODOS os seus preceitos (como é o caso dos documentos confessionais de luteranos, batistas, presbiterianos, congregacionais, metodistas, anglicanos), sendo isso confirmado em obras mais recentes da CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus), tudo isso tem que ser jogado no lixo? O que vale agora são os conceitos neo-antinomistas dispensacionalistas de "lei abolida" e noções assemelhadas?

Se a resposta for sim, estão todos errados nesse ponto, então que providências pretendem tomar? Vão tentar convencer luteranos, batistas, presbiterianos, metodistas, congregacionais, anglicanos a ALTERAREM os seus documentos confessionais de SÉCULOS que ensinam isso, mais essas obras dos assembleianos mais recentes?

Lembro ainda que nenhum desses documentos foi desqualificado, desautorizado, descartado (como a Confissão de Fé de Westminster, a Confissão de Fé Batista de 1689, o Catecismo Batista de 1855--redigido por Charles Spurgeon, os 39 Artigos de Religião da Igreja da Inglaterra, a Confissão Helvética, o Catecismo Menor de Lutero e obras mais recentes da CPAD).

E uma pergunta especial ao ARTICULADOR: Quando Jesus comenta sobre a prática dos fariseus de dizimar (Mat.23:23), e diz que perdiam de vista o mais importante na lei--a justiça, a misericórdia e a fé--com essa declaração Cristo estava agregando tais virtudes à lei, no ato, ou elas JÁ ERAM DA LEI, mas não percebidas por aqueles religiosos?

Gente, a tática com que já me acostumei aqui e em outros fóruns é IGNORAR as perguntas "embaraçosas", olhar para o outro lado fazendo de conta que não diz respeito aos opositores. . . Gostaria de mudassem de atitude e RESPONDESSEM objetivamente, por favor. . .

Afinal, quem sabe, sabe. . .



Guimarães,
Você está debetendo com quem??? Já notou que ninguém aqui defende nenhuma denominação? Já procurou entender os seus debatedores? Estamos nos lixando para as instituições!!!

Já não aguento mais essa ladainha!!!

ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba!



 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8352
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Khwey em Sab 02 Abr 2011, 8:32 pm

Ton escreveu:
Khwey escreveu:Deus nunca convocou estrangeiro para estar sob a lei de Moisés:
Abraçar a Aliança significa obedecer a Torah.
O texto com o qual procuraram demonstrar uma suposta convocação de estrangeiros foi tirado do antigo testamento, portanto qual é o texto onde Deus convoca estrangeiros para abraçar e obedecer a torá, que não seja quando algum esteja peregrinando em meio ao povo de Israel?


Ton escreveu:Um estrangeiro que não se uni ao Senhor ... qual o destino dele?
"naquele tempo, estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança e sem Deus no mundo" (Ef 2:12).

Certamente, não é uma convocação, é a pronunciação de que DEUS aceita estrangeiros que queiram se unir ao Seu Povo, o que inclui guardar os Mandamentos que Israel guarda.
Este texto só comprova que na ocasião da vigência da torá os estrangeiros não foram convocados para aliança nenhuma.


Com Jesus, estrangeiros receberam uma nova aliança com melhores promessas.
oh my

Mas, caso insista, onde é dito que gentios que foram batizados com o Espírito Santo, antes haviam sido convocados por Deus para abraçar e obedecer a torá de Moisés?


Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por carlosect em Sab 02 Abr 2011, 10:19 pm

guimarães escreveu:
carlosect escreveu:Outra questão é que Amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo como a si mesmo se rezume sim para sermos salvos....
Ué, a salvação não é pela Fé?
Agora depende do cumprimento desse dois Mandamentos da Lei Mosaica entregue aos Judeus?

se é mandamento velho, porque Jesus disse:
João 13
34 Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei a vós, que também vós vos ameis uns aos outros.

Na nova aliança Jesus estabeleceu isto, na velha aliança havia também, mas isto não quer dizer que estamos sobre a aliança antiga, mesmo porque Jesus disse que era um novo mandamento... ou será que Jesus nunca teria ouvido este mandamento no antigo



guimarães escreveu:
carlosect escreveu:claro, lógico que se não fosse pela palavra seria perigoso amar o que desagrada a Deus, por isso foi escrito o velho e o novo testamento.
Faça uma pesquisa na Bíblia, e perceberá que nenhuma aliança posterior anulou a anterior, muito pelo contrário: a reforçou.

Faça você uma pesquisa pois já disse, por acaso vai rasgar você também o que está escrito em gálatas 3.19?, em romanos... será que está tão difícil de ler o que já foi escrito?
eu não vou ficar mais escrevendo a mesma coisa, se na bíblia está escrito que a lei foi abolida... e vocês dizem que a lei não foi abolida.... não posso fazer nada por vocês.
só me falta você me perguntar onde está escrito, já mostramos aqui várias vezes, se quiser posso pôr pela última vez porque não voi ficar repetindo a mesma coisa.

guimarães escreveu:
carlosect escreveu:a passagem que você se refere a mateus 5, Jesus estava falando sobre como devemos agir, por acaso conseguimos agir certinho sem errar em nada? por isto é muito necessário procurarmos cumprir o que Jesus nos disse, e é tão correto isto que fala que será considerado o menor no reino dos céus e não o grande no inferno.
O mínimo do reino dos céu por acaso é elogio? Não são os senhores que nos condenam por "guardar e ensinar aos homens" os Mandamentos da Lei e dos Profetas? Revise seus conceitos, meu filho ...
Ninguém "consegue agir certinho sem errar nada", por isso que havia os sacrifícios para a remissão das transgressões no Antigo Pacto sob o Sacerdócio da Ordem Aaronica ... e o Sacrifício de Yeshua para remoção das transgressões no Novo Pacto sob o Sacerdócio da Ordem de Melquisedeque.

olha, ao meu ver, entre inferno e céu, ainda que eu seja o menor... te garanto:
prefiro sim ir para o céu, é melhor ser humilhado no céu que elogiado no inferno, te garanto, mas isto não quer dizer nada em relação a lei que estamos conversando.

e em relação aos profetas
39 E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
40 Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.
se você quiser seguir certinho a lei dos profetas então quando alguém cometer adultério, mate a pessoa.
quando causarem injúria, apedreja a pessoa até a morte.
se alguém se deitar com outra pessoa, faça-os então casar um com o outro senão mate-os.
você estará seguindo a lei dos profetas, pode deixar...



guimarães escreveu:

carlosect escreveu:e por fim a passagem que você se refere a mateus 23 até que achei interessante mas ...
Mas nada ... é um Mandamento de Yeshua. Creio que sabia distinguir Mandamento de Sugestão.

acho que você deve ter esquecido desta parte:
lucas 22
20 Semelhantemente, depois da ceia, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto em meu sangue, que é derramado por vós.

e depois...

6 o qual também nos capacitou para sermos ministros dum novo pacto, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica.
14 mas o entendimento lhes ficou endurecido. Pois até o dia de hoje, à leitura do velho pacto, permanece o mesmo véu, não lhes sendo revelado que em Cristo é ele abolido;

você diz que o segundo reforça o primeiro??? Leia mais a bíblia.

guimarães escreveu:
carlosect escreveu:a aliança que Jeremias falou é exatamente a aliança que foi estabelecida por Jesus...
Correto. E a Aliança profetizada por Jeremias contempla a mesmíssima Torah que Jeremias conhecia, e que o Eterno sempre pelejou para que Seu povo a cumprisse.

torah?

que eu saiba o torah não tem nem sequer o novo testamento...

VOCÊ está me dizendo que o torah é válido do começo conforme as leis até o final nos tempos de hoje ?

ou seja, você acha que JESUS SE SACRIFICOU para reforçar as leis do antigo testamento?

ton, por acaso você crê em Jesus como ÚNICO SALVADOR?

Aprenda, leia mais a bíblia e cresça rapaz porque você, se Deus quiser, terá um grande futuro pela frente mas precisa de maior entendimento. como eu disse anteriormente, se a bíblia fala que a lei do antigo testamento foi abolida e vocês afirmam que a lei não foi abolida, eu lavo minhas mãos porque não vou ficar debatendo na mesma tecla.



ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba! ai, caramba!

carlosect
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1532
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/10/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Ton em Sab 02 Abr 2011, 11:07 pm

Khwey escreveu:
Ton escreveu:
Khwey escreveu:Deus nunca convocou estrangeiro para estar sob a lei de Moisés:
Abraçar a Aliança significa obedecer a Torah.
O texto com o qual procuraram demonstrar uma suposta convocação de estrangeiros foi tirado do antigo testamento, portanto qual é o texto onde Deus convoca estrangeiros para abraçar e obedecer a torá, que não seja quando algum esteja peregrinando em meio ao povo de Israel?
Seja inteligente: os gentios que peregrinavam em Israel não tinham
escolha, eles eram obrigados a obedecer a Torah em Israel. Não faria
sentido um profeta judeu falando de bem-aventuranças a estrangeiros que "abraçam" a Aliança numa condição em que os mesmo já eram obrigados a cumprir a Torah.

A prática da pregação da Vontade de DEUS aos gentios era comum:
"Tu, Esdras, segundo a sabedoria do teu Deus, que possuis, nomeia magistrados e juízes que julguem a todo o povo que está dalém do Eufrates, a todos os que sabem as leis de teu Deus, e ao que não as sabe, que lhas façam saber. Todo aquele que não observar a lei do teu Deus e a lei do rei, seja condenado ou à morte, ou ao desterro, ou à confiscação de bens, ou à prisão" (Esd 7:25-26).
"Tu és o meu servo, és Israel, por quem hei de ser glorificado ... te dei como luz para os gentios, para seres a minha salvação até à extremidade da terra" (Is 49:3. 6).
"Porque Moisés tem, em cada cidade, desde tempos antigos, os que o pregam nas sinagogas, onde é lido todos os sábados" (At 15:21).

Os cananeus foram expulsos da terra de Canaã justamente porque não procediam conforme os Mandamentos dados aos Israelitas. As práticas deles contaminavam a terra em que habitavam, independente da presença de Israelitas.

Khwey escreveu:
Ton escreveu:Um estrangeiro que não se uni ao Senhor ... qual o destino dele?
"naquele tempo, estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança e sem Deus no mundo" (Ef 2:12).

Certamente, não é uma convocação, é a pronunciação de que DEUS aceita estrangeiros que queiram se unir ao Seu Povo, o que inclui guardar os Mandamentos que Israel guarda.
Este texto só comprova que na ocasião da vigência da torá os estrangeiros não foram convocados para aliança nenhuma.

Com Jesus, estrangeiros receberam uma nova aliança com melhores promessas.
oh my
Quem recebeu uma Nova Aliança? Por acaso eles já haviam participando de alguma anteriormente? oh my
Khwey escreveu:Mas, caso insista, onde é dito que gentios que foram batizados com o Espírito Santo, antes haviam sido convocados por Deus para abraçar e obedecer a torá de Moisés?
Cornélio, morador de Cesaréia era um gentio piedoso e depois do encontro com Pedro, recebeu o Espírito Santo ...
"Morava em Cesaréia um homem de nome Cornélio, centurião da coorte chamada Italiana, piedoso e temente a Deus com toda a sua casa e que fazia muitas esmolas ao povo e, de contínuo, orava a Deus" (At 10:1-2).

Gentios piedosos frequentavam as sinagogas?
"Despedida a sinagoga, muitos dos judeus e dos prosélitos piedosos seguiram Paulo e Barnabé, e estes, falando-lhes, os persuadiam a perseverar na graça de Deus"
"Por isso, dissertava na sinagoga entre os judeus e os gentios piedosos; também na praça, todos os dias, entre os que se encontravam ali" (At 17:17).

O que era pregado nas sinagogas?
"Porque Moisés tem, em cada cidade, desde tempos antigos, os que o pregam nas sinagogas, onde é lido todos os sábados" (At 15:21).
"Em Icônio, Paulo e Barnabé entraram juntos na sinagoga judaica e falaram de tal modo, que veio a crer grande multidão, tanto de judeus como de gregos" (At 14:1).

Estude, menino ...


Blog Ton |de Tudo|


TON - "APRENDIZ DA BÍBLIA"
"Quando o 'Leão da Tribo de Judá' RUGE, o 'leão metido à besta' MIA de medo" (W. B. S.).

Ton
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3210
Idade : 29
Localização : Serra/ES
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/10/2008

http://arrazoemos.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Khwey em Sab 02 Abr 2011, 11:37 pm

Ton escreveu:
Khwey escreveu:
Ton escreveu:
Khwey escreveu:Deus nunca convocou estrangeiro para estar sob a lei de Moisés:
Abraçar a Aliança significa obedecer a Torah.
O texto com o qual procuraram demonstrar uma suposta convocação de estrangeiros foi tirado do antigo testamento, portanto qual é o texto onde Deus convoca estrangeiros para abraçar e obedecer a torá, que não seja quando algum esteja peregrinando em meio ao povo de Israel?
Seja inteligente: os gentios que peregrinavam em Israel não tinham
escolha, eles eram obrigados a obedecer a Torah em Israel. Não faria
sentido um profeta judeu falando de bem-aventuranças a estrangeiros que "abraçam" a Aliança numa condição em que os mesmo já eram obrigados a cumprir a Torah.


Eles tinham escolha, pois bastavam não estar mais entre o povo de Israel. E sendo assim, por haver esta opção, entende-se pela lógica que não havia nenhuma convocação para gentio ficar debaixo da lei.

Como é mesmo??? Ser inteligente??? oh my

Ton escreveu:
Khwey escreveu:
Ton escreveu:Um estrangeiro que não se uni ao Senhor ... qual o destino dele?
"naquele tempo, estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança e sem Deus no mundo" (Ef 2:12).

Certamente, não é uma convocação, é a pronunciação de que DEUS aceita estrangeiros que queiram se unir ao Seu Povo, o que inclui guardar os Mandamentos que Israel guarda.
Este texto só comprova que na ocasião da vigência da torá os estrangeiros não foram convocados para aliança nenhuma.

Com Jesus, estrangeiros receberam uma nova aliança com melhores promessas.
oh my
Quem recebeu uma Nova Aliança? Por acaso eles já haviam participando de alguma anteriormente? oh my
Não! Estrangeiros não participaram de nenhuma aliança antes de Cristo.

É justamente por isto que Efésios 2:12 serve para comprovar que não havia nenhuma convocação de Deus para que gentios abraçassem alianças.



Ton escreveu:
Khwey escreveu:Mas, caso insista, onde é dito que gentios que foram batizados com o Espírito Santo, antes haviam sido convocados por Deus para abraçar e obedecer a torá de Moisés?
Cornélio, morador de Cesaréia era um gentio piedoso e depois do encontro com Pedro, recebeu o Espírito Santo ...
"Morava em Cesaréia um homem de nome Cornélio, centurião da coorte chamada Italiana, piedoso e temente a Deus com toda a sua casa e que fazia muitas esmolas ao povo e, de contínuo, orava a Deus" (At 10:1-2).

Gentios piedosos frequentavam as sinagogas?
Não!
Porque não foram convocados para serem como judeus, abraçando a antiga aliança.

Ou seja, não existe sinagoga em região estrangeira por parte de estrangeiro, a não ser que seja por alguém com alguma anomalia.


Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Ton em Dom 03 Abr 2011, 12:07 pm

Khwey escreveu:
Eles tinham escolha, pois bastavam não estar mais entre o povo de Israel.
Me mostra o Texto da Torah onde eles tinham escolha.


Khwey escreveu:
Ton escreveu:Quem recebeu uma Nova Aliança? Por acaso eles já haviam participando de alguma anteriormente? oh my
Não! Estrangeiros não participaram de nenhuma aliança antes de Cristo.

É justamente por isto que Efésios 2:12 serve para comprovar que não havia nenhuma convocação de Deus para que gentios abraçassem alianças.
Ótimo, então não tem nada de "nova" pra estrangeiros. Por isso, que Ef 2:13 diz que eles foram aproximados das "ALIANÇAS" (no plural, mais de UMA). Que Alianças são essas?

Khwey escreveu:
Ton escreveu:Gentios piedosos frequentavam as sinagogas?
Não!
Comente os Textos que citei e que você figiu que não leu.


Blog Ton |de Tudo|


TON - "APRENDIZ DA BÍBLIA"
"Quando o 'Leão da Tribo de Judá' RUGE, o 'leão metido à besta' MIA de medo" (W. B. S.).

Ton
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3210
Idade : 29
Localização : Serra/ES
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/10/2008

http://arrazoemos.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Khwey em Dom 03 Abr 2011, 1:43 pm

Ton escreveu:
Khwey escreveu:
Eles tinham escolha, pois bastavam não estar mais entre o povo de Israel.
Me mostra o Texto da Torah onde eles tinham escolha.


Não adianta eu te mostrar, pois o texto necessita de inteligência e entendimento da parte quem o lê.

Observe:


Uma mesma lei haja para o natural e para
o estrangeiro que peregrinar entre vós.
(Ex 12:49)

A lógica nos diz que "peregrinar" é opcional.

E assim sendo, para o estrangeiro não estar mais sob a lei bastava não estar mais entre o povo de Israel.

A não ser que exista alguma lei de Deus convocando estrangeiros para uma peregrinação perpétua entre os israelitas.


Garoto esperto!!!

Ton escreveu:
Khwey escreveu:Não! Estrangeiros não participaram de nenhuma aliança antes de Cristo.

É justamente por isto que Efésios 2:12 serve para comprovar que não havia nenhuma convocação de Deus para que gentios abraçassem alianças.
Ótimo, então não tem nada de "nova" pra estrangeiros.
Errado!

A nova aliança não faz acepção de pessoas, e portanto é para estrangeiro também:


Porque não me envergonho do evangelho
de Cristo, pois é o poder de Deus para
salvação de todo aquele que crê; primeiro do
judeu, e também do grego.
(Rom 1:16)

Ton escreveu:Por isso, que Ef 2:13 diz que eles foram aproximados das "ALIANÇAS" (no plural, mais de UMA). Que Alianças são essas?
São todas as alianças de antes de Cristo.

Por isto temos aí a confirmação de que estrangeiros não foram convocados para aliança nenhuma, antes de Cristo.



Ton escreveu:
Khwey escreveu:
Ton escreveu:Gentios piedosos frequentavam as sinagogas?
Não!
Comente os Textos que citei e que você figiu que não leu.
Eu é que não comentei??? oh my Eu é que finjo???

Se não comentei é porque trata-se de coisa irrelevante como a maioria das coisas que escreve.

O meu interesse nesta questão que você se intrometeu, era a de apenas demonstrar ao outro participante, e não a você, que estrangeiro não foi convocado para ser como judeu.


Por isto estrangeiros não frequentam sinagogas, não guardam sábados, comem de tudo o que vende no açougue, etc, etc!

Khwey
administrador
administrador

Número de Mensagens : 17151
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Eduardo em Dom 03 Abr 2011, 2:00 pm

Atenção!

Este tópico é sobre minha declaração de fé: "Sou salvo pela Graça mediante a Fé". Por favor moderação, poderia retirar daqui os posts sobre Lei ?


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Cal em Dom 03 Abr 2011, 2:25 pm

Eduardo escreveu:Atenção!

Este tópico é sobre minha declaração de fé: "Sou salvo pela Graça mediante a Fé". Por favor moderação, poderia retirar daqui os posts sobre Lei ?
De minha parte o pedido não faz sentido, você cria um tópico que por definição é um local de troca de argumentos que declara a sua fé na salvação pela graça, dado ao conhecimento que os outros foristas possuem de suas postagens em outros tópicos defendendo a lei mosaica e a guarda do Sábado é lógico que eles questionariam tal declaração, se tal declaração não pode ser questionada pela discussão lei x graça que caracterizam mais de 75% de sua participação no fórum não deveria nem ter aberto o tópico, se você acha que o tópico foi "um tiro que saiu pela culatra" ou não alcançou o resultado esperado a moderação pode fecha-lo mas mudar as mensagens que falam de lei não por serem pertinentes ao assunto.

Essa foi a minha opinião, não sei dizer se os outros moderadores compartilham da mesma.


A verdade, somente a verdade, nada mais que a verdade.

Cal
Moderador Agnóstico
Moderador Agnóstico

Número de Mensagens : 2788
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Eduardo em Dom 03 Abr 2011, 2:33 pm

Não concordo contigo, é possivel delimitar os assuntos. Se o seu argumento é que os outros foristas possuem conhecimento de minhas postagens em outros tópicos defendendo a lei, onde estão essas postagens sendo analisadas ? Não vejo ninguém questionando minha declaração.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Cal em Dom 03 Abr 2011, 2:39 pm

Eduardo, quero que note o seguinte:

VOCÊ cria um tópico sobre o que VOCÊ pensa que no mínimo parece contradizer o que VOCÊ diz em outros tópicos, quais postagens e respostas esperava que não tratassem de suas postagens anteriores falando da lei? Se a intenção era esclarecer sua postura ao Ed então o mecanismo adequado seria o uso de MP e não um tópico aberto aos outros foristas.

Portanto a pergunta relevante é "Qual foi a sua intenção ao criar o tópico?".



A verdade, somente a verdade, nada mais que a verdade.

Cal
Moderador Agnóstico
Moderador Agnóstico

Número de Mensagens : 2788
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Vigência das Leis mosaícas - parte IV

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 4:24 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 6 de 40 Anterior  1 ... 5, 6, 7 ... 23 ... 40  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum