.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Quem está conectado
50 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 49 Visitantes :: 2 Motores de busca

Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Os Sabatistas realmente guardam o Sábado?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Os Sabatistas realmente guardam o Sábado?

Mensagem por Ed em Qui 05 Maio 2011, 6:06 pm

1°. Quais os problemas que enfrentam os que pretendem guardar o sábado atualmente e ensinam que a sua guarda é fundamental para a própria salvação?



Resposta: Um dos problemas é que isso não encontra apoio na Bíblia e outro é que, na verdade, ninguém realmente guarda o sábado como ordena a lei. E isto faz-nos lembrar os cristãos fariseus que queriam impor aos cristãos gentios a guarda da circuncisão que também era um preceito da lei e que foi considerada absurda pelos apóstolos.



2°. Em que parte da Bíblia é isso mencionado?



Resposta: No livro de Atos. Vamos ler:

Então alguns que tinham descido da Judéia ensinavam assim os irmãos: Se não vos circuncidardes conforme o uso de Moisés, não podeis salvar-vos. Tendo tido Paulo e Barnabé não pequena discussão e contenda contra eles, resolveu-se que Paulo e Barnabé, e alguns dentre eles, subissem a Jerusalém, aos apóstolos e aos anciãos, sobre aquela questão. E eles, sendo acompanhados pela igreja, passavam pela Fenícia e por Samaria, contando a conversão dos gentios; e davam grande alegria a todos os irmãos. E, quando chegaram a Jerusalém, foram recebidos pela igreja e pelos apóstolos e anciãos, e lhes anunciaram quão grandes coisas Deus tinha feito com eles. Alguns, porém, da seita dos fariseus, que tinham crido, se levantaram, dizendo que era mister circuncidá-los e mandar-lhes que guardassem a lei de Moisés Congregaram-se, pois, os apóstolos e os anciãos para considerar este assunto” (At 15.1-6)



3°. A qual consenso chegaram os apóstolos e anciãos?



Resposta:

(At 15.28-29) "Na verdade pareceu bem ao Espírito Santo e a nós, não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias: Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição, das quais coisas bem fazeis se vos guardardes. Bem vos vá."

*Nada foi dito sobre a guarda do sábado como necessária para a salvação.



4°. Embora os sabatistas ensinem que a guarda do sábado é fundamental para a salvação eles realmente guardam o sábado?

Resposta: Não. Supostamente guardam.



5°. Por que o irmão declara que supostamente o guardam? Não guardam eles o sábado como ordena a Lei?

Resposta: Não. Guardam como ensinam os seus líderes.



6°. Pode explicar melhor esse ponto?

Resposta: Sim. A lei de Deus contida na Bíblia contém 613 mandamentos no Pentateuco, que são os cinco primeiros livros da Bíblia. E Paulo escreveu sobre os que pretendem guardar a lei que seriam justificados se guardassem tudo o que estava escrito no livro da lei e não apenas nas duas taboas de pedra que continham os dez mandamentos. Vou ler:

Todos aqueles, pois que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque escrito está: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las” (Gl 3.10)



7°. E qual a conclusão a que Paulo chegou com relação aos que pretendessem ser justificados diante de Deus pelas obras da lei?

Resposta: Chegou à conclusão de que isso seria impossível. Disse:

E é evidente que, pela lei, ninguém é justificado diante de Deus...” (Gl 3.11)



8°. Então qual a finalidade da lei se ninguém a poderia cumprir? O que diz a Bíblia sobre isso?

Resposta: Dada a impossibilidade de se guardar todos os 613 mandamentos, a Bíblia declara que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo e que depois que a fé veio já não estamos mais debaixo do aio (ou da lei).

Mas, antes que a fé viesse, estávamos guardados debaixo da lei, e encerrados para aquela fé que se havia de manifestar. De maneira que a lei nos serviu de aio, para nos conduzir a Cristo, para que pela fé fôssemos justificados. Mas, depois que veio a fé, já não estamos debaixo de aio” (Gl 3.23-25)



9°. Quais eram as atividades proibidas no dia de sábado, de acordo com o livro da lei escrito por Moisés e que constava de 613 mandamentos?

Resposta: Os israelitas, com a máxima rigidez observavam, sob a ordem divina, a interrupção de todas as atividades:



a) Deviam trabalhar seis dias (e não 5):

(Ex 35.2) "Seis dias se trabalhará, mas o sétimo dia vos será santo, o sábado do repouso ao SENHOR; todo aquele que nele fizer qualquer trabalho morrerá”.



b) não deviam acender qualquer tipo de fogo em casa:

(Ex 35.3) "Não acendereis fogo em nenhuma das vossas moradas no dia do sábado”.



c) não deviam fazer qualquer tipo de trabalho:

(Ex 20.10) "Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas”.



d) não deviam fazer qualquer transação comercial:

(Am 8.4-5) "Ouvi isto, vós que anelais o abatimento do necessitado; e destruís os miseráveis da terra, dizendo: Quando passará a lua nova, para vendermos o grão, e o sábado, para abrirmos os celeiros de trigo, diminuindo o efa, e aumentando o siclo, e procedendo dolosamente com balanças enganosas”.



e) não deviam fazer viagens e o trato de negócios:

- (Ne 10.31) "E que, trazendo os povos da terra no dia de sábado qualquer mercadoria, e qualquer grão para venderem, nada compraríamos deles no sábado, nem no dia santificado; e no sétimo ano deixaríamos descansar a terra, e perdoaríamos toda e qualquer cobrança”.

- (Ne 13.15-16) ”Naqueles dias vi em Judá os que pisavam lagares ao sábado e traziam feixes que carregavam sobre os jumentos; como também vinho, uvas e figos, e toda a espécie de cargas, que traziam a Jerusalém no dia de sábado; e protestei contra eles no dia em que vendiam mantimentos. Também habitavam em Jerusalém tírios que traziam peixe e toda a mercadoria, que vendiam no sábado aos filhos de Judá, e em Jerusalém”.



f) não deviam carregar peso:

(Jr 17.21) "Assim diz o SENHOR: Guardai as vossas almas, e não tragais cargas no dia de sábado, nem as introduzais pelas portas de Jerusalém”.



g) deviam evitar o transporte de qualquer objeto de casa, ou introduzi-los em Jerusalém:

- (Jr 17.22) "Nem tireis cargas de vossas casas no dia de sábado, nem façais obra alguma; antes santificai o dia de sábado, como eu ordenei a vossos pais”.

- (Jr 17.27) "Mas, se não me ouvirdes, para santificardes o dia de sábado, e para não trazerdes carga alguma, quando entrardes pelas portas de Jerusalém no dia de sábado, então acenderei fogo nas suas portas, o qual consumirá os palácios de Jerusalém, e não se apagará”.



h) não deviam fazer semeadura e a colheita de frutos e cereais:

(Ex 34.21) "Seis dias trabalharás, mas ao sétimo dia descansarás: na aradura e na sega descansarás”.



i) não deviam recolher lenha:

(Nm 15.32-36) "Estando, pois, os filhos de Israel no deserto, acharam um homem apanhando lenha no dia de sábado. E os que o acharam apanhando lenha o trouxeram a Moisés e a Arão, e a toda a congregação. E o puseram em guarda; porquanto ainda não estava declarado o que se lhe devia fazer. Disse, pois, o SENHOR a Moisés: Certamente morrerá aquele homem; toda a congregação o apedrejará fora do arraial. Então toda a congregação o tirou para fora do arraial, e o apedrejaram, e morreu, como o SENHOR ordenara a Moisés”.



j) não deviam cozer alimentos:

(Ex 16.23) "E ele disse-lhes: Isto é o que o SENHOR tem dito: Amanhã é repouso, o santo sábado do SENHOR; o que quiserdes cozer no forno, cozei-o, e o que quiserdes cozer em água, cozei-o em água; e tudo o que sobejar, guardai para vós até amanhã”.



k) não podiam sair de casa:

(Ex 16.29) "Vede, porquanto o SENHOR vos deu o sábado, portanto ele no sexto dia vos dá pão para dois dias; cada um fique no seu lugar, ninguém saia do seu lugar no sétimo dia”.



l) tinham que guardar o sábado do por do sol de sexta feira até o por do sol de sábado.

(Lv 23.32) "Sábado de descanso vos será; então afligireis as vossas almas; aos nove do mês à tarde, de uma tarde a outra tarde, celebrareis o vosso sábado”.

*Quando, pois, o sol se põe na tarde do sexto dia da semana, indica o começo do sábado.



10°. Nos tempos de Jesus os judeus se mantinham rígidos na execução do preceito sabático, como se depreende de algumas passagens do Novo Testamento?

Resposta: Sim. Eram extremamente zelosos da lei e não poupavam críticas a Jesus por não respeitar o seu tradicionalismo.



11°. Pode citar alguns exemplos da forma como registra o Novo Testamento sobre a maneira como se portavam os líderes judeus com relação à guarda do sábado?



Resposta: Sim. Alguns exemplos:

a) não podiam andar mais de um quilômetro

(At 1.12) "Então voltaram para Jerusalém, do monte chamado das Oliveiras, o qual está perto de Jerusalém, à distância do caminho de um sábado”.



b) não podiam colher espigas:

(Mt 12.2) "E os fariseus, vendo isto, disseram-lhe: Eis que os teus discípulos fazem o que não é lícito fazer num sábado”.



c) não podiam transportar camas

(Jo 5.10) "Então os judeus disseram àquele que tinha sido curado: É sábado, não te é lícito levar o leito”.



d) não podiam curar enfermos

(Lc 13.14) "E, tomando a palavra o príncipe da sinagoga, indignado porque Jesus curava no sábado, disse à multidão: Seis dias há em que é mister trabalhar; nestes, pois, vinde para serdes curados, e não no dia de sábado”.



12°. Qual o castigo imposto ao infrator da guarda do sábado?

Resposta: A infração do preceito impunha-se a pena capital:

- (Ex 31.14) "Portanto guardareis o sábado, porque santo é para vós; aquele que o profanar certamente morrerá; porque qualquer que nele fizer alguma obra, aquela alma será eliminada do meio do seu povo”.

- (Ex 35.2) "Seis dias se trabalhará, mas o sétimo dia vos será santo, o sábado do repouso ao SENHOR; todo aquele que nele fizer qualquer trabalho morrerá”.



*E nas Escrituras encontramos a execução do castigo extremo a um transgressor.

13°. Pode citar na Bíblia exemplo de pessoa que foi morta por não guardar o sábado?

Resposta: Sim.

(Nm 15.32-36) "Estando, pois, os filhos de Israel no deserto, acharam um homem apanhando lenha no dia de sábado. E os que o acharam apanhando lenha o trouxeram a Moisés e a Arão, e a toda a congregação. E o puseram em guarda; porquanto ainda não estava declarado o que se lhe devia fazer. Disse, pois, o SENHOR a Moisés: Certamente morrerá aquele homem; toda a congregação o apedrejará fora do arraial. Então toda a congregação o tirou para fora do arraial, e o apedrejaram, e morreu, como o SENHOR ordenara a Moisés”.



14°. Mesmo no caso de acender fogo no dia do sábado era castigada a pessoa que assim procedesse?

Resposta: Não havia desculpa para esse homem, pois Deus havia proibido o povo de Israel de acender fogo no sábado.

- (Ex 35.3)Não acendereis fogo em nenhuma das vossas moradas no dia do sábado”.

- (Ex 31.15)Seis dias se trabalhará, porém o sétimo dia é o sábado do descanso, santo ao SENHOR; qualquer que no dia do sábado fizer algum trabalho, certamente morrerá”.

*O homem que foi encontrado ajuntando lenha devia estar colhendo lenha para preparar sua alimentação, mas a penalidade da lei era severa para o ato: MORTE.



15°. Se hoje os guardadores do sábado fossem punidos pela transgressão da guarda do sábado conforme a lei citada, seria encontrado algum sabatista vivo?

Resposta: Certamente que não.



16°. E se a salvação dependesse da guarda do sábado, alguém seria salvo?

Resposta: Não, de acordo com o que Paulo escreveu.

- (Gl 2.16)Sabendo que o homem não é justificado pelas obras da lei, mas pela fé em Jesus Cristo, temos também crido em Jesus Cristo, para sermos justificados pela fé em Cristo, e não pelas obras da lei; porquanto pelas obras da lei nenhuma carne será justificada”.

- (Gl 3.10-11)Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las. E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé”.



17°. Se perguntássemos a um suposto guardador do sábado:

VOCÊ ATUALMENTE GUARDA O SÁBADO COMO DEUS ORDENOU QUE SE FIZESSE NA LEI?

Resposta: Ele teria que ser sincero e responder: não. A pena de morte por apedrejamento seria decretada para qualquer que acendesse fogo ou outra atividade proibida para o dia. Nossa pergunta a qualquer que afirme que guarda o sábado é:



VOCÊ ATUALMENTE GUARDA O SÁBADO COMO DEUS ORDENOU QUE SE FIZESSE NA LEI?

a) se você viaja no sábado de trem, automóvel, bicicleta ou outro qualquer meio de condução, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.



b) se acende fogo ou gás em sua casa para o leite ou café matinal ou para esquentar qualquer outro alimento, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.



c) se usa luz elétrica ou força para o chuveiro ou manda o empregado fazê-lo, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.



d) se usa água corrente para tomar banho ou outra qualquer utilidade, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.



...está vivendo sob a MALDIÇÃO DA LEI.



(GL 3.10-11)Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las. E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé”.

. Dizem os supostos guardadores do sábado, “Que aqueles que pretendem que haja leis de Deus tão pequenas que não precisam obedecer-lhes, são indignos de Seu reino”. (Do Sábado para o Domingo, p. 93, Carlyle B. Haynes, CASA, 1996)

No caso dos supostos guardadores do sábado eles mesmos não são dignos do reino de Deus porque procuram impor à guarda do sábado para outros quando eles mesmos não guardam.
O Novo Testamento Não Repete Os Dez Mandamentos


Não há dúvida de que o Novo Testamento cita mandamentos do Velho Testamento. Fala de toda a Lei de Moisés, mas não repete o quarto mandamento em nenhum lugar. Façamos uma comparação dos dez mandamentos dentro do Novo Testamento:
VELHO TESTAMENTO ]NOVO TESTAMENTO
mandamento - Êx 20.2-3 1° Mt 4.10 - 1Co 10.19-20 – At 14.11-15 – 1Co 8.4-6 – At 17.23-31
mandamento - Êx 20.4-6 2° 1Jo 5.21
mandamento - Êx 20.7 3° Tg 5.12
mandamento - Êx 20.8-11 4° NÃO EXISTE
mandamento - Êx 20.12 5° Ef 6.1-3
mandamento - Êx 20.13 6° Rm 13.9
mandamento - Êx 20.14 7° 1Co 6.9-10
mandamento - Êx 20.15 8° Ef 4.28
mandamento - Êx 20.16 9° Cl 3.9
10º
mandamento - Êx 20.17 10° Ef 5.3[/b]

CONCLUSÃO
SÓ NOVE MANDAMENTOS?




Argumentam os sabatistas: Você gostaria de ter outro deus diante de Deus? Curvar-se diante de imagens, ou tomar o seu Santo nome em vão? Não desejam vocês honrar seus pais? Ou querem matar alguém? Cometer adultério, furtar, testemunhar falsamente, cobiçar? E aguardam então a sua resposta que, obviamente, é: Não! . Então perguntam: Por que então você não guarda o sábado, se o mesmo faz parte do corpo dos Dez Mandamentos?

Respondendo a esse questionamento, lemos Mateus 12.5, onde encontramos o seguinte relato:

Ou não tendes lido na lei que, aos sábados, os sacerdotes no templo violam o sábado, e ficam sem culpa?”

Fazemos, então, aos sabatistas, as mesmas perguntas que fizeram a nós: Os sacerdotes no templo podiam ter outro deus diante de Deus e ficar sem culpa? Curvar-se diante de imagens, ou tomar o seu Santo nome em vão e ficar sem culpa? Podiam desonrar seus pais? Ou matar alguém? Cometer adultério, furtar, testemunhar falsamente, cobiçar e ficar sem culpa? Todas as respostas a essas questões seriam não, os sacerdotes não podiam cometer nenhum desses delitos dentro do templo. Entretanto, quanto ao sábado à resposta seria um sonoro SIM, ou seja, o texto mostra a legalidade ritualística do sábado e sua dissociação com relação à ética e a moral. Jesus, como Senhor do sábado, isto é, com autoridade para determinar qual o grau de culpabilidade de quem trabalha no sábado (como na acusação que os judeus faziam dos apóstolos), declarou:

Mas, se vós soubésseis o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício, não condenaríeis os inocentes” (Mt 12.7).

Ademais, não estamos debaixo do Antigo Concerto cf. (Hb 8.6-13). O sábado foi abolido cf. (Os 2.11; Cl 2.14-17) – embora os adventistas digam que a palavra sábados em Cl 2.14-17 se refira aos sábados de cerimônias anuais, denominados festas

(Lv 23.37). Os próprios adventistas declaram que as palavras sábado, (singular), sábados (plural) e a expressão dia de Sábado aparecem no Novo Testamento 60 vezes. Em 59 casos eles admitem que se trata do sábado semanal, mas negam essa interpretação somente em Cl 2.16. Se, pois, conservarmos o sentido de sábado semanal em Cl 2.16, teremos o apoio de 59 referências bíblicas. Corroborando o nosso ponto de vista, diz Samuele Bacchiocchi, escritor adventista: Um outro significado argumentado contra os sábados cerimoniais ou anuais é o fato de que estes já estão incluídos nas palavras ‘dias de festa’, positivamente que a palavra SABBATON, como é usada em Colossenses 2.16, não pode se referir aos sábados festivos, anuais ou cerimoniais (...). ( From Sabbath to Sunday. Samuele Bacchiocchi. Biblical Perspectives. 1987. P. 358-359). Vemos, assim, que a doutrina adventista é que determina sua compreensão dessa passagem, sem consideração às evidências lingüísticas e contextuais e contra as regras de hermenêutica bíblica. O sábado, como de resto, todas as instituições do culto no Antigo Testamento, foram sombra ou símbolo preparatório de bênçãos da salvação presente e futura em Jesus Cristo.

(Extraído da Bíblia Apologética - ACF)

Vinte Razões Porque Não Guardamos O Primeiro Sábado


1°) O sábado faz parte de um pacto entre Deus e o povo israelita (Êxodo 19:1; 20:2; 24:8; Rm 9.4).

2°) Antes da aliança no Monte Sinai, Deus não ordenou a guarda do sábado (Gênesis).

3°) O sábado era um pacto perpétuo para todas as gerações dos judeus. Era bilateral, só tendo validade com o cumprimento de ambas as partes cf. (Êxodo 19.4-6; Êxodo 20.8-11; Sl 147.19-20). *O dia de culto e de descanso dos judeus começa no pôr-do-sol de sexta-feira e termina no pôr-do-sol de sábado. É um dia sagrado, porque comemora o descanso de Deus no sétimo dia da criação e recorda aos judeus a fuga do Egito.

4°) O sábado consta do decálogo, e essa não é a parte mais importante da lei de Deus (Mateus 22.36-40 e Marcos 12.28-31).

5°) A palavra "lei", em nenhuma das 400 vezes em que foi citada na Bíblia, refere-se somente ao decálogo (Gl 5.3-4).



6°) Os dez mandamentos são apenas um resumo da lei (1Corintios 14.34 e Mateus 22.40).

7°) O sábado era uma instituição perpétua, apenas para os judeus, enquanto a aliança fosse mantida (Êxodo 12.14; 31.16-17 e Levítico 23.21).

8°) A simples guarda do sábado não agrada a Deus. cf. (Isaías 1.13-14), porque envolve um preceito cerimonial carente da verdadeira fé (2Corintios 3.3-6; Gálatas 2.19 e Co1ossensses 2.16-19).

9°) No calendário atual, em concordância com o bíblico, o sábado não é um dia fixo (Gênesis 2.2).

10°) Jesus foi a última pessoa que teve a obrigação de guardá-lo cf. (Mateus 5.17; João 5.16; Romanos 15.8; 2Corintios 3.14; Gá1atas 2.14-17 e 4.4).

11°) O sábado faz parte da lei, a qual foi totalmente abolida por Cristo cf. (Co1ossenses 2.16-17; 2Corintios 3.3-14 e Hebreus 7.18).

12°) Estamos em uma nova aliança (Gênesis 12.3; Gálatas 3.17; Romanos 8.1,2; Hebreus 8.6-13 e 10.7-9).

13°) Na nova aliança, não existe mandamento para guardar o sábado, embora encontremos todos os outros do decálogo



VELHO TESTAMENTO NOVO TESTAMENTO

1º mandamento - Êx 20.2-3 1° Mt 4.10 - 1Co 10.19-20 – At 14:11-15 – 1Co 8.4-6 – At 17.23-31

2º mandamento - Êx 20.4-6 2° 1Jo 5.21

3º mandamento - Êx 20.7 3° TG 5.12

4º mandamento - Êx 20.8-11 4° NÃO EXISTE

5º mandamento - Êx 20.12 5° Ef 6.1-3

6º mandamento - Êx 20.13 6° Rm 13.9

7º mandamento - Êx 20.14 7° 1Co 6.9-10

8º mandamento - Êx 20.15 8° Ef 4.28

9º mandamento - Êx 20.16 9° Cl 3.9

10º mandamento - Êx 20.17 10° Ef 5.3

14°) Jesus Cristo, nosso Salvador, nunca ordenou que o guardássemos.

15°) Paulo foi o apóstolo dos gentios; afirmou ter anunciado todo o conselho de Deus, no qual não consta a guarda do sábado (Atos 20.20-27).

16°) Os grandes acontecimentos do cristianismo se deram no domingo (Mateus 28.1,8-10; Marcos 16.9-14; Lucas 24.1-6,13-15,36-38; João 20.1,11-26).

17°) A Igreja Primitiva guardava o domingo; ele não foi instituído pelo papa, tampouco por Constantino conforme dizem o sabatistas. Constantino apenas oficializou algo já existente desde os primórdios do cristianismo (Colossenses 2.16-17; Apocalipse 1.10).

18°) Homens santos e abençoados por Deus guardavam o domingo. Vejamos exemplos:

Tertuhano, na África, ano 200;

Cipriano, em Cartago, 250;

Anatólio, em Laodicéia, 270;

Eusébio, 324.

Somente em 321 Constantino ordenou que os cristãos guardassem o domingo.

19°) Paulo advertiu os cristãos gentios, que começaram a guardar o sábado e outras datas supostamente significativas, sobre o perigo de se desviar do caminho cf. (Gálatas 4.10-1l; Romanos 14.5).

20°) Para adorar a Deus, não estamos presos a um lugar ou a um tempo específicos; Jesus deixou isso bem claro

(João 4.21-24).

*Diante de tão grande verdade, só nos resta orar a Deus para que afaste da mente dos sabatistas todos os conceitos errados sobre os ensinos de Jesus, bem como, que os liberte do jugo da lei e os traga a maravilha liberdade em Cristo Jesus por meio do poder do Espírito Santo.

. (Sl 147.19-20) A LEI FOI DADA “EXCLUSIVAMENTE” A NAÇÃO DE “ISRAEL

. (Rm 10.04) O FIM DA “LEI” É CRISTO

.E farei cessar todo o seu gozo, as suas festas, as suas luas novas, e os seus sábados, e todas as suas festividades” (Os 2.11)

. Mostra a sua palavra a Jacó, os seus estatutos e os seus juízos a Israel. Não fez assim a nenhuma outra nação; e quanto aos seus juízos, não os conhecem. Louvai ao SENHOR” (Sl 147.19-20)

.Porque o fim da lei é Cristo para justiça de todo aquele que crê” (Rm 10.4)

. Sabendo que o homem não é justificado pelas obras da lei, mas pela fé em Jesus Cristo, temos também crido em Jesus Cristo, para sermos justificados pela fé em Cristo, e não pelas obras da lei; porquanto pelas obras da lei nenhuma carne será justificada” (Gl 2.16)



Bibliografia:

Bíblia de Estudo Apologética – ICP – (ACF)

Série Apologética – ICP – VOL. 3


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3160 dias de existência com 228879 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 11001
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

guardar o sabado

Mensagem por sabino-sp em Qui 05 Maio 2011, 8:45 pm

[quote="Ed"]1°. Quais os problemas que enfrentam os que pretendem guardar o sábado atualmente e ensinam que a sua guarda é fundamental para a própria salvação?

acredito que guardar sábado não é motivo para salvação, como também o batismo nas águas, tem gente que se apega a isto , acho que o modo de viver de ser não somente saber o que é certo mas fazer disto um modo de vida é que faz duma pessoa diferente

não sou sabatista então sei se guardam acho que quem segue estes dogmas acreditam que estão certos


sabino-sp
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2161
Idade : 63
Localização : Santo André - São Paulo
flag : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum