.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
61 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 60 Visitantes :: 3 Motores de busca

Lit San Ares

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”

Mensagem por Eduardo em Qua 27 Out 2010, 10:23 pm

A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”



A capacidade intelectual, quem diria, esta diretamente relacionada ao ato de beber!

Bom, pelo menos é o que andou dizendo o psicólogo evolucionista Satoshi Kanazawa. Segundo ele, os mais capazes intelectualmente são também excelentes bebedores.

Estudos realizados pelo National Child Development Study (Reino Unido) e pelo National Longitudinal Study of Adolescent Health (Estados Unidos) apoiam esta tese evolutivamente bizarra:

Os pesquisadores mediram os hábitos alcoólicos de cada uma conforme elas iam envelhecendo. E eis que as crianças avaliadas como mais inteligentes em ambos os estudos, quando cresceram, bebiam com mais frequência e em maiores quantidades do que as menos inteligentes. No caso dos ingleses, os “muito espertos” se tornaram adultos que consumiam quase oito décimos a mais de álcool do que os colegas “muito burros”. E isso mesmo levando em consideração variáveis que poderiam afetar os níveis de bebedeira, como estado civil, formação acadêmica, renda, classe social etc. Ainda assim, o resultado foi o mesmo: crianças inteligentes bebiam mais quando adultos” (Abril).

E o mais importante desta belíssima descoberta, é que essa relação entre o álcool e a inteligência , acredite, também é um traço evolutivo, ligando-se ao romance (Psychology Today).

A Teoria da Evolução é, como costumo dizer, um verdadeiro espetáculo. Nada há debaixo da terra que não possa passar pelo rígido crivo de Darwin: dor-de-cotovelo, verruga no nariz, orelha de abano, pés-de-galinha, celulite, enfim, “Darwin” são não explica como um australopiteco se transformou num australiano. De resto, pobre Freud! ((rs))

É isso!


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”

Mensagem por dedo-duro em Qua 27 Out 2010, 11:38 pm

.
Sarcasmo. Jesus não ensinou isso. As vezes fico horrorizado como certas pessoas, supostamente em comunhão com o Espírito Santo, tomam atitudes que deixaram um ímpio corado.

dedo-duro
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4236
flag : Brasil
Data de inscrição : 19/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”

Mensagem por Eduardo em Qui 28 Out 2010, 12:04 am

dedo-duro escreveu:Sarcasmo. Jesus não ensina isso. As vezes fico horrorizado como certas pessoas, supostamente em comunhão com o Espírito Santo, tomam atitudes que deixaram um ímpio corado.
Diga isso a Super:

http://super.abril.com.br/blogs/cienciamaluca/pessoas-inteligentes-bebem-mais/


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”

Mensagem por dedo-duro em Qui 28 Out 2010, 5:59 pm

.
Vou avisá-los, pois suas almas estão em risco.

dedo-duro
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4236
flag : Brasil
Data de inscrição : 19/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vantagem evolutiva do “pé-de-cana”

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:15 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum