.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
Quem está conectado
20 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 20 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Página 4 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Sex 20 Ago 2010, 2:49 pm

camilo tadeu salvador escreveu:O mais interessante são as outras "coincidências" que estão se aproximando: Um governo global já tem sido conclamado por muitas lideranças mundiais, inclusive o papa, Os judeus já aprontaram todos os utensílios do templo e agora aguardam uma intervenção sobrenatural para que possam construí-lo no lugar da mesquita, o cristianismo é cada vez mais combatido nos países ocidêntais (inclusive o Brasil), os quais tem aprovado leis e mais leis para engessar a pregação e enfraquecer a crença, o ecumenismo religioso vem sendo conclamado e defendido, inclusive por líderes cristãos, uma grande guerra no Oriente Médio está cada vez mais próxima, nações vêm se reunindo em blocos econômicos e militares, uma grande crise econômica, pior do que a de 1929 tem sido fartamente anunciada por experts da economia, o controle e a vigilância nas cidades vão atingindo níveis paranóicos, eliminando cada vez mais a privacidade, a tecnologia tem atingido um nível tal, onde, nunca antes, em 2000 anos, Apocalipse 13 pode se cumprir literalmente... coincidências, e nada mais..

ENQUANTO VCS ESPERAM PELO ANTICRISTO
EU ESTAREI AGUARDADANDO A VINDA DO REINO DE CRISTO
Com um microchip implantado no corpo??? Boa sorte...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Sab 21 Ago 2010, 12:04 pm

Com um microchip implantado no corpo??? Boa sorte...

Então meu precioso se caso isto vier acontecer eu o receberei em minha mão esquerda ou no braço esquerdo e assim não terão como me acusarem de ter recebido a MARCA OU SINAL DA BESTA.

e vc Silvamelo vai recber este chip na testa???
Se receber na testa o Senhor Jesus te rejeitará!

Posso te ajudar a se livrar deste MAL???

Faz o sequinte, como o chip pode ser colocado em qualquer parte do corpo, evite recebe-lo na mão ou na fronte!
Abraços.

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Seg 23 Ago 2010, 1:40 pm

camilo tadeu salvador escreveu:Com um microchip implantado no corpo??? Boa sorte...

Então meu precioso se caso isto vier acontecer eu o receberei em minha mão esquerda ou no braço esquerdo e assim não terão como me acusarem de ter recebido a MARCA OU SINAL DA BESTA.

e vc Silvamelo vai recber este chip na testa???
Se receber na testa o Senhor Jesus te rejeitará!

Posso te ajudar a se livrar deste MAL???

Faz o sequinte, como o chip pode ser colocado em qualquer parte do corpo, evite recebe-lo na mão ou na fronte!
Abraços.
Simplesmente não o receberei em lugar nenhum. Primeiramente, porque creio que o arrebatamento se dará antes dessa obrigação... Mas se eu estiver enganado, e tivermos que passar por isso antes do arrebatamento, então eu abandonarei a sociedade ou receberei o martírio...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Seg 23 Ago 2010, 7:06 pm

Simplesmente não o receberei em lugar nenhum. Primeiramente, porque creio que o arrebatamento se dará antes dessa obrigação...


(II Tessalonicenses 2:1) - ORA, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo(ARREBATAMENTO DA IGREJA )e pela nossa reunião com ele,
(II Tessalonicenses 2:2) - Que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto.
(II Tessalonicenses 2:3) - Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição,
(II Tessalonicenses 2:4) - O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.

Se o amado ainda não sabia!
Então saiba agora, a manifestação deste homem do pecado é antes da vinda de Cristo e não depois conforme é ensinado na Doutrina do Arrebatamento Secreto((II Tessalonicenses 2:3) - Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes... se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição.)

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Seg 23 Ago 2010, 7:22 pm

A VINDA DE CRISTO
Apocalipse 1:7


“Eis que vem com as nuvens e todo o olho o verá... e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele.”



- A doutrina da vinda silenciosa de Cristo e do rapto secreto tem sido amplamente difundida em toda a América, esta doutrina não foi ensinada pela igreja apostólica, até o ano de 1830 ninguém havia ensinado este tipo de doutrina, segundo apocalipse, quando Cristo se manifestar todo o olho o verá vindo sobre as nuvens, esse evento não será nada em secreto.

- No livro segundo Mateus cap.:24. verso:21. diz que antes da vinda de Cristo haverá uma grande tribulação, não depois.

- Mateus 24:27 diz que a vinda do Filho de Homem será visível como a manifestação de um relâmpago no céu.

- Mateus 24:29 e 30 diz que depois desta grande tribulação aparecerá o sinal do Filho do Homem no céu e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele.

- Mateus 24:31 diz que depois da tribulação Ele enviara os seus anjos os quais recolherão os escolhidos dos quatro cantos da terra.

Esta teoria dispensacionalista se encontra ensinada em toda a teologia dos denominados pentecostais, a qual ensina: o rapto secreto da igreja, vinda de Jesus em duas fases, a última semana (7anos) de Daniel 7:20 a 27, lançada para o futuro como sendo o pacto do anti-cristo e que após o rapto da igreja manifesta-se o anti-cristo impondo uma ditadura mundial por sete anos..

Diante das escrituras está descartado o rapto secreto, pois todo olho o verá, e toda a terra se lamentará sobre ele. Esta descartada a vinda em duas fases, pois as escrituras dizem que o arrebatamento e a segunda vinda de Cristo são o mesmo evento, Hebreus 9:28 diz “assim também Cristo oferecendo-se a primeira vez pelos pecados, manifestará pela segunda vez, sem pecados para os que o esperam para salvação.”Está descartado a última semana de Daniel 9:27. Para o futuro, como sendo a semana do anticristo, pois em Daniel 9: 26 diz “e depois das sessenta e duas semanas será cortado o ungido, ou seja, cristo foi cortado ou morto na metade da septuagésima semana (70º) a qual é a semana que vem depois das sessenta e duas semanas, Jesus foi morto dentro da última semana de Daniel que equivalem a 7 anos. Daniel 9:27” ELE (Cristo) fez um pacto com muitos por uma semana (7 anos) e na metade da semana o mesmo Cristo foi morto, compare Daniel 9:27 com Mateus 26:28 que diz “este é o meu sangue, o sangue do pacto que por muitos é derramado.”Jesus iniciou seu ministério com 30 anos e morreu com 33,5 anos, 3 Anos e meio de ministério ou metade de 7 anos. Lançar esta profecia para o futuro é colocar o anticristo em lugar de cristo, isto é diabólico, é trocar luz em trevas. Esta é uma das maiores insanidades proféticas ensinadas em todos os tempos, colocando cristo como sendo o próprio anticristo. Fica também descartado o rapto da igreja antes da grande tribulação, a escritura diz que o homem do pecado se manifesta antes da vinda de cristo e não depois e que depois da grande tribulação é que os anjos ajuntarão os escolhidos de todas as nações e não antes da tribulação conforme ensinado no dispensacionalismo, II tessalonicenses 2: 1,3 “...pela vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo(ARREBATAMENTO DA IGREJA) e pela nossa reunião com ele... Ninguém, de maneira alguma, vos engane, não será assim sem que antes venha a apostasia e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição , note nestes versos que este homem se manifesta antes da volta de Cristo, antes de Cristo arrebatar e se reunir com a sua Igreja, o que é totalmente contrario ao ensino do “Arrebatamento Secreto” que diz erroneamente que Cristo arrebata e leva a Igreja prá o céu antes da manifestação deste homem do pecado,observe primeiro vem a apostasia e se manifesta este homem e depois é que Cristo ressuscita e arrebata a sua Igreja para estar com ele para sempre. Esta doutrina futurista chamada “dispensacionalismo”, deu-se início com um padre católico chamado Emanuel Lacunza, que publicou a obra em espanhol no ano de 1812, intitulada “A vinda do Messias em glória e majestade”. O padre E. Lacunsa criou esta doutrina de Anticristo futurista para que na verdade fosse ocultado o verdadeiro Anticristo que é o Papado, a religião que surgiu do Império Romano no ano de 313 d.c com a falsa conversão do Imperador Constantino ao Falso-Cristianismo, este Rei introduziu na Falsa-Igreja o Sinal-da-cruz na mão e na testa (Sinal da Besta), Constantino trazia sobre si o Nome da Besta e o número do seu Nome, VICARIVS FILII DEI, neste Nome encontra-se a soma do Nº 666 – 600=DC 60=LVV 6=IIIIII,veja bem no ano313d.c. a Besta ou o Anti-cristo já estava manifestado,foram 1260 anos de massacre dos Santos Anabatistas, Idade das Trevas (Um tempo, Dois tempos e metade de Um tempo ou 42 meses ou 1.260 dias) do ano 313(Concilio de Arles) até o ano 1.513 (Reforma no países Europeus) o poder Temporal da Igreja de Roma durou 1.260 anos em perseguição aos Santos.

Na primavera de 1830 esta falsa doutrina criou forças graças a uma profecia dada por uma jovem católica chamada Margareth MC Donald, a mesma profetizou o futurismo da última semana de Daniel como sendo a semana do pacto do anticristo. Margareth fez um relato manualmente escrito e remeteu copias de sua profecia A vários líderes religiosos da época. Robert Norton em 1840 publicou a revelação da jovem profetiza em seu livro intitulado “The Restauration Of Opostles And prophets in the Catolic Apostolic Church”, traduzido “A Restauração dos Apóstolos e Profecias na Igreja Católica Apostólica”. Os frutos desta atual doutrina protestante são derivados de uma raiz de ensinamentos totalmente catolicistas. A interpretação futurista das setenta semanas de Daniel, lançando sete anos para o futuro abre um rombo na contagem da semana de Daniel 9:27, ensina que as 69 semanas (483 anos) se estenderam desde a saída da ordem para restaurar Jerusalém em 457 a.c até o ano 26 d.c (batismo do Cristo Ungido) isto está incorreto, faltam 4 anos. Jesus foi batizado com 30 anos conforme (Lucas 3:23), neste calendário chamado Gregoriano faltam 4 anos os quais foram retirados por um bispo romano chamado Dionísio Pequeno, o qual mudou os tempos (examine Daniel 7:25). Ainda mesmo assim abrem um espaço de tempo do batismo de Jesus até o rapto da igreja, quando então nesta doutrina recomeça-se a contagem da septuagésima semana que é de 7 anos.Neste período final, segundo este ensinamento falso a igreja fica com Jesus por 7 anos no céu, enquanto aqui na terra reina num governo mundial, o homem do pecado, o anti-cristo.

É impossível um reinado mundial sobre um grande ditador, pois o Islamismo a qual é a segunda maior religião do mundo jamais se sujeitará a qualquer outra religião, são milhões de adeptos fanáticos, possuem armamentos nucleares (exemplo o Irã). Veja o que fizeram nos Estados Unidos em Nova Iorque naquele 11 de setembro de 2001. O Islã jamais tolerará a derrubada da mesquita de Omar em Jerusalém. A profecia de Daniel cap. 2 e 7 apontam somente para quatro reinos mundiais, sendo que no quarto reino (Sagrado Império Romano – Cesaro-papismo)) vem uma pedra e esmiúça os reinos. Esta pedra é Jesus Cristo, o qual o seu reino encherá toda a terra. Amém.

Atualmente existe uma grande confusão no meio chamado “evangélico”, tudo isso graças a esta falsa profecia lançada por esta jovem chamada Margareth MC Donald, a qual sofria de problemas mentais, constatados por laudo médico após sua morte com 29 anos. Esta profecia dos Sete Anos do governo do Anti-Cristo teve origem com uma jovem totalmente demente, ou seja, uma insana mental, quando Daniel 9:27 disse “ ele fará um Pacto firme com muitos”, Daniel não estava falando de nenhum Anti-Cristo, mas sim do Novo Pacto feito com o sangue de Cristo que por muitos foi derramado conforme Mateus 26:28.

O anticristo é o próprio “Papado” “Pater Patrvm” “Pai dos Pais”, muitos tem negado que o Papado seja o anticristo pelo fato de Paulo em II Tessalonicenses cap.:2 versos 1 ao 4 quando diz “O homem do pecado , o filho da perdição, querendo parecer Deus” e também em Apocalipse Cap.:13 verso 18 “calcule o número da Besta porque é número de homem” a argumentação usada é que se trata de um homem somente e não uma sucessão de homens, vamos examinar melhor com argumentação bíblica, em Gênesis cap.:6 versos 5 e 6, Deus faz referência a humanidade (homens) no singular e não no plural “Viu Deus que era grande a maldade do Homem (Homens) na terra...e arrependeu Deus de ter feito o homem na terra” embora esteja no singular Deus estava se referindo a um conjunto de homens. Há várias passagens em que Deus usa a palavra “homem” se referindo a todo o conjunto de homens. Tanto Tessalonicenses como Apocalipse se trata do “Trono de Roma”, o Papa se julga “Vigário de Deus” ou “Substituto de Deus” “Mediador entre os homens e Deus” ou “Maximvs Potificie” aquele que faz a ponte entre Deus e os Homens, isso é uma blasfêmia, pois o único caminho é Jesus, só há um mediador ou intercessor entre Deus e os Homens - Jesus Cristo Nosso Único Senhor. Portanto o homem do pecado “vigário de Deus” “Substituto de Deus” “VICARIVS FILLI DEI” “666” se trata do Papismo, eles é que se assentam no trono de Roma dizendo que estão em lugar de Cristo e em lugar de Pedro, quando na verdade são uma sucessão do Império Romano.

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Ter 24 Ago 2010, 2:54 am

Se o amado ainda não sabia!
Então saiba agora, a manifestação deste homem do pecado é antes da vinda de Cristo e não depois conforme é ensinado na Doutrina do Arrebatamento Secreto((II Tessalonicenses 2:3) - Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes... se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição.)
Esse negócio de "doutrina do arrebatamento secreto" não é o que eu sigo não, meu amigo. Eu sigo o que está na Bíblia! Essa passagem que você postou deixa claro que o arrebatamento somente se dará depois da apostasia e da manifestação do iníquo. Mas não está dizendo aí em que momento do seu reinado ele irá adotar esse novo sistema financeiro. Portanto, o iníquo pode se manifestar e anos depois adotar o sistema. Nesse ínterim, como tenho razões para crer, o arrebatamento se dará...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Ter 24 Ago 2010, 12:29 pm

Nisto o irmão está bem e se livrou de uma mentira herética.
Agora quanto a se levantar em JERUSALÉM um homem iniquo governando o mundo é impossivel, pois Apocalipse diz que a cidade da Besta possui SETE MONTES, Roma possue 7 montes já Jeusalém possue somente 4 montes (Moriá,Calvario,Sião e Oliveiras) e também em JERUSALÉM esta construida sobre as ruinas do templo derribado por Tito a Mesquita de Omar e ali o Islamismo adora uma "Pedra negra" e os mesmos creem que Maomé assuntou aos céus daquela Mesquita, veja os Mulçamanos são a segunda maior religião do mundo, paises como Irã e outros mais jamais aceitarão que se destrua o templo o qual tem por mais sagrado no caso esta Mesquita, para se futurizar estas profecias de Daniel 9 é necessário a existência de um Templo em Jerusalém:

(Daniel 9:27) - E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana(É NESCESSÁRIO QUE HAJA UM TEMPLO AQUI) fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador.

Aqui não se trata de anticristo e sim de Jesus Cristo fazendo a Nova Aliança ou Novo Pacto com Israel, ele com seu sacrificio fês cessar os sacrificios da Antiga Aliança.

Eu simplesmente duvido que os adoradores de Aláh deixarão que derrubem aquela mesquita para se reconstruir ali um novo Templo para o governo de um anticristo, isto são meras fábulas.

A paz.

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Ter 24 Ago 2010, 1:48 pm

Nisto o irmão está bem e se livrou de uma mentira herética.
Agora quanto a se levantar em JERUSALÉM um homem iniquo governando o mundo é impossivel, pois Apocalipse diz que a cidade da Besta possui SETE MONTES, Roma possue 7 montes já Jeusalém possue somente 4 montes (Moriá,Calvario,Sião e Oliveiras) e também em JERUSALÉM esta construida sobre as ruinas do templo derribado por Tito a Mesquita de Omar e ali o Islamismo adora uma "Pedra negra" e os mesmos creem que Maomé assuntou aos céus daquela Mesquita,
O iníquo iniciará seu reinado na Europa...

veja os Mulçamanos são a segunda maior religião do mundo, paises como Irã e outros mais jamais aceitarão que se destrua o templo o qual tem por mais sagrado no caso esta Mesquita, para se futurizar estas profecias de Daniel 9 é necessário a existência de um Templo em Jerusalém:
Estamos falando de uma configuração política que será drasticamente mudade em breve... O que parece impossível agora, provavelmente não o será depois dessa transformação... Note as transformações geopolíticas ocorridas na Europa depois da 2ª guerra... a "bola da vez" agora é o Oriente Médio...

Aqui não se trata de anticristo e sim de Jesus Cristo fazendo a Nova Aliança ou Novo Pacto com Israel, ele com seu sacrificio fês cessar os sacrificios da Antiga Aliança.
Discordo de você... Não pode se tratar de Jesus, porque a Aliança que ele fez não durou somente sete anos, mas é Aliança Eterna!

Essa passagem fala do anticristo. Quando ele subir ao poder, depois de uma guerra sangrenta, fará um pacto com muitos povos durante sete anos, trazendo uma falsa sensação de paz e segurança. Ordenará a reconstrução do templo e os sacrifícios serão retomados. Na metade dos sete anos ele profanará o templo, se declarando "cristo". Isso será tido pelos judeus como a quebra do pacto. Então uma nova guerra tomará corpo, cuminando na repentina destruição do Armagedon...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Ter 24 Ago 2010, 9:28 pm

Isto nunca vai acontecer, é falsa profecia!

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Qua 25 Ago 2010, 12:53 pm

camilo tadeu salvador escreveu:Isto nunca vai acontecer, é falsa profecia!
Não estou profetizando, eu estou interpretando... Você não sabe a diferença?

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Jarbas em Qua 25 Ago 2010, 1:13 pm

...

Está tudo muito quieto, é a calmaria antes da tempestade...



"Vigiai, pois, em todo o tempo, orando, para que sejais havidos por dignos de evitar todas estas coisas que hão de acontecer, e de estar em pé diante do Filho do homem."  (Lucas 21 : 36)

"Assim, sabe o Senhor livrar da tentação os piedosos, e reservar os injustos para o dia do juízo, para serem castigados;"  (II Pedro 2 : 9)


"PERECE o justo, e não há quem considere isso em seu coração, e os homens compassivos são recolhidos, sem que alguém considere que o justo é levado antes do mal."  (Isaías 57 : 1)


"O temor do SENHOR é odiar o mal; a soberba e a arrogância, o mau caminho e a boca perversa, eu odeio."
  (Provérbios 8 : 13)

Jarbas
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 15316
Localização : Goiânia - Go
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Seg 06 Dez 2010, 8:34 pm

Paz e graça seja com todos!
Hoje não é nescessário a implantação de nenhum chip para se acessar terminias bancários e isto joga por terra a teoria de o chip ser a a marca ou sinal da besta para se comprar ou vender (Apoc.13) é importante ressaltar que já nesta ocorrido pleito eletivo foi usado em algumas regiões de nosso país o sistema de Biometria ou leitura ou scanner das veias das palmas da mão, descartando com isso a nescessidade de implantes de chip's.




O vice-presidente de TI informa que pretende trocar as senhas tradicionais utilizadas nos caixas eletrônicos por esse sistema de reconhecimento das veias da palma das mãos

Publicada em 21 de janeiro de 2010 às 09h15

Quem leu essa matéria também leu:

Desenvolvido por:

Este ano, o Bradesco - um dos maiores bancos do País - deve destinar 250 milhões de reais do seu orçamento de TI para investimentos em biometria. A iniciativa faz parte de um plano de, até o final de 2011, ter aproximadamente 70% dos caixas eletrônicos de todo o Brasil equipados com leitores que reconhecem os correntistas a partir das veias da palma da mão.

Os recursos serão destinados à compra de mais 8 mil terminais equipados com o sistema PalmSecure, desenvolvido pela fabricante japonesa Fujitsu. A tecnologia permite que os correntistas sejam identificados e autentiquem transações bancárias por meio da característica vascular da mão, capturada pelo sensor infravermelho do dispositivo.

Atualmente, segundo o vice-presidente de TI do Bradesco, Laércio Albino César, esse sistema está presente em 40% dos 30,65 mil caixas eletrônicos do banco espalhados por todo o território nacional, o que equivale a 12,5 mil máquinas. E o plano, segundo Albino, é substituir os mecanismos convencionais de autenticação dos usuários por essa nova tecnologia. “Pensamos em eliminar as senhas porque constatamos que o reconhecimento biométrico é seguro. Em mais de dois anos, não registramos nenhum caso de fraude”, garante Albino.

Adesão dos clientes

O Bradesco iniciou os testes dos terminais eletrônicos com leitura biométrica da palma da mão em maio de 2006 e foi o primeiro banco do Ocidente a implementar a solução. De acordo com Albino, 1,5 milhão dos 22 milhões de clientes do Bradesco já aderiram ao sistema de autenticação e a expectativa do banco é de que, até o final de 2011, esse número aumente para 5 milhões.

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) discute há algum tempo com seus associados o uso da biometria nos serviços bancários para aumentar a segurança. Entretanto, a instituição avalia outros métodos, além do adotado pelo Bradesco. Porém, ainda não há um consenso no setor sobre qual a tecnologia mais adequada.

No caso do Bradesco, Albino afirma que não há planos de adoção de outras tecnologias de biometria. “O Bradesco já definiu a leitura da palma da mão como a mais correta e casou com ela. Fizemos grandes investimentos nesse sistema, que já era adotado no Japão. Consideramos esse sistema o mais adequado”, diz o executivo.

O vice-presidente de TI do Bradesco afirma que uma demonstração de que o banco está no caminho certo é o fato de a Alemanha estar interessada em conhecer a experiência do banco brasileiro. Um especialista da instituição fará uma exposição sobre projeto do Bradesco naquele país para a associação de bancos local, que poderá vir a adotar o modelo.



Mondex - A nova moeda do mundo!

Antigo e-mail, que voltou a circular, mostra que está sendo criado um micro-chip que será implantado sob a pele para se fazer transações financeiras.

Artigo publicado em: 29/09/2008 - às 08:49:50

Atualizado em: 02/10/2008 - às 22:08:47

Pesquisado por: Gilmar Henrique Lopes






Mensagem Original:

Pessoas muito ricas já estão usando : A Nova Moeda do Mundo Veja a apresentação abaixo e tire suas conclusões: Chip Da Besta São várias as versões que circulam pela rede. Há, inclusive, versões... continuar lendo->>

Ocultar ->>
Pessoas muito ricas já estão usando : A Nova Moeda do Mundo
Veja a apresentação abaixo e tire suas conclusões:



Chip Da Besta



São várias as versões que circulam pela rede. Há, inclusive, versões em vídeo alojadas no Youtube:







Pesquisas!

Essa história surgiu em fevereiro de 2004 e ganhou versões em várias linguas no mundo inteiro e, de acordo com o site americano BreakTheChain.org, a versão original desse slideshow é daqui do Brasil! Coisa de brasileiro, ein?

Em resumo, o texto, que vem acompanhado de várias imagens em uma apresentação de Power Point, diz que há um projeto mundial onde o governo instalará um micro-chip em cada cidadão e, com esse implante poderemos fazer transações financeiras e aboliremos de vez o dinheiro e os documentos.

Analisando a apresentação, podemos notar que ela tem a mesma estrutura de várias farsas que já pesquisamos aqui no E-farsas.com:

- é confuso e alarmista;

- usa, em alguns trechos, várias palavras em MAIÚSCULAS, para chamar a atenção;

- diz que a informação é recente, apesar de ser bem antiga;

- usa trechos da bíblia para confundir o leitor;

- cita nome de empresas multi-nacionais;

- pede para ser repassado ao maior numero de pessoas;



Logo no primeiro slide, o texto diz que essa é a novidade mais recente do mundo! Se isso fosse verdade, já não seria mais novidade devido ao tempo que ela já circula pela rede.

Em seguida, pode-se ler que o aparelho (do tamanho de um grão de arroz!) já tem ajudado a inibir vários seqüestros de empresários em todo o mundo. Fica claro aqui o que o autor não foi feliz na escolha da palavra "inibir". Como que um aparelho invisível inibiria um seqüestro? Poderia ser usado, nesse trecho, a palavra "resolver" ou "acabar" com seqüestros. A língua portuguesa é assim mesmo: uma palavra mal colocada estraga todo o sentido de uma frase...

Mais adiante o autor explica como a "novidade" funciona e que vários países já estão envolvidos no projeto. Diz também que foram gastos mais de um milhão de dólares só para descobrirem que os únicos lugares no corpo humano onde é possível se fazer o implante são: a mão direita e/ou a testa! Aí vêm algumas dúvidas:

- O que tem de diferente na mão direita que não tem na esquerda? E quem é canhoto?

- Como que o corpo humano, tão complexo e cheio de lugares (e buracos!) tão interessantes para se colocar um aparelho do tamanho de um grão de arroz, não tem outro lugar para se implantar o mondex?

A resposta é simples: o autor criou esse trecho só para poder "coincidir" com o trecho citado na bíblia.

O texto diz que o processo cirúrgico é muito complicado, tão complicado que a sua remoção é muito difícil e quase impossível, porém, em uma das imagens podemos ver que a "ferramenta" usada no implante é uma seringa. Dificil? Acho que não...




Uma prova de que há outros lugares no nosso corpo para se implantar algum dispositivo é uma notícia que foi publicada na revista Veja, na edição 1.743, de 20 de março de 2002. Segundo a revista, a empresa Applied Digital lançou em 2002 um micro-chip chamado de VeriChip, que é implantado no braço ou ombro, e emite a localização exata de seu portador, no caso de um seqüestro.

Também não é necessário se recorrer à chips para abolir o cartão magnético. O banco Bradesco, por exemplo, começou a utilizar em 2008 um sistema de autenticação do cliente pela palma da mão! Para retirar dinheiro em um caixa eletronico, o cliente coloca a mão aberta em um escaner e esse reconhece a mão e libera a grana. E não precisa ser necessariamente a mão direita! Pode ser usada qualquer uma das mãos, desde que essa seja pre-cadastrada no sistema do banco. O sistema reconhece o padrão das veias da mão, que é único em cada indivíduo, tornando impossível qualquer tipo de fraude!

Sistema de reconhecimento da palma da mão. Tecnologia chamada de biometria.


COM A TECNOLOGIA DA BIOMETRIA NÃO HÁ NENHUMA NECSSIDADE DE IMPLANTE DE CHIP
O professor Gilson Medeiros, graduado em teologia e pós-graduado em sociologia, explica em seu blog mais alguns pontos que denunciam a inveracidade do implante Mondex.


Só para terminar, o nome Mondex pertence à empresa MasterCard e refere-se á tecnologia usada nos smart cards, ou seja, não tem nada a ver com implantes em seres humanos, e sim com chips usados em cartões de crédito e débito.



Conclusão!

A informação é falsa! Não há nenhum projeto de se implantar chips em nossas mãos e/ou em nossas testas!



camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Sales em Seg 06 Dez 2010, 9:10 pm

camilo tadeu salvador escreveu:Paz e graça seja com todos!
Hoje não é nescessário a implantação de nenhum chip para se acessar terminias bancários e isto joga por terra a teoria de o chip ser a a marca ou sinal da besta para se comprar ou vender (Apoc.13) é importante ressaltar que já nesta ocorrido pleito eletivo foi usado em algumas regiões de nosso país o sistema de Biometria ou leitura ou scanner das veias das palmas da mão, descartando com isso a nescessidade de implantes de chip's.

Irmão,

caso você fique aqui no período tribulacional poderá ver a implantação desses chips na mão direita ou na testa ... sem dúvida alguma acontecerá.

Os sistemas que são implantados hoje, a exemplo do que o Bradesco colocou, por scanner de mão, são temporários ... pois o mesmo equipamento servirá para scannear todos os chipados ... ... O que você ver atualmente, todos esses aparatos para scanner de digitais e palmas das mãos é simplesmente uma preparação sutil para quando o chip for implantando na Nova Ordem Mundial... até porque OS CHIPS SÃO GPS, rastreáveis, coisa que sem eles será impossível de se fazer ... então, todos os chipados estarão terminantemente VULNERÁVEIS A RASTREIO SEMPRE QUE FOR NECESSÁRIO... ou seja, liberdade já era... e isso será imposto.
Os Chips guardarão informações sobre a pessoa que poderão ser apagadas ou adicionadas ... ele é um chip de memória conectado via satélite 24hs a uma mega-central computadorizada.

Isso ai por simples scanner de digitais e palmas das mãos não é possível nem por pensamento.


Mn. Sales


Sales
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6100
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/10/2008

http://www.tempodedeus.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Seg 06 Dez 2010, 11:28 pm

Esta teoria do chip já caiu por terr é pura ficção!

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por oliveira leite em Seg 06 Dez 2010, 11:36 pm

No sistema de presidios, já existem os presos rastreados por satelite atraves de braceletes,
tudo isso parece muito ficção
mas já é verdade
descobriram a roda eletronica
para chegar no carro
é questão de dias

oliveira leite
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6552
Idade : 51
Localização : Natal RN
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Ter 07 Dez 2010, 8:48 pm

A paz leite achei vc hein!
Irmão o Chip é veridico a questão é que ele neste sistema de rastreamento pode ser inplantado em qualquer parte do corpo, a Biometria é o melhor sistema para se realizar transações comerciais e justamente por isto o Bradesco aderiu a este sistema.


Este ano, o Bradesco - um dos maiores bancos do País - deve destinar 250 milhões de reais do seu orçamento de TI para investimentos em biometria. A iniciativa faz parte de um plano de, até o final de 2011, ter aproximadamente 70% dos caixas eletrônicos de todo o Brasil equipados com leitores que reconhecem os correntistas a partir das veias da palma da mão.

Os recursos serão destinados à compra de mais 8 mil terminais equipados com o sistema PalmSecure, desenvolvido pela fabricante japonesa Fujitsu. A tecnologia permite que os correntistas sejam identificados e autentiquem transações bancárias por meio da característica vascular da mão, capturada pelo sensor infravermelho do dispositivo.


Nada a ver com chip na mão e testa, eu poderia muito bem colocar um chip na mão esquerda e assim não seria marca de nenhuma besta entendeu???

Uma prova de que há outros lugares no nosso corpo para se implantar algum dispositivo é uma notícia que foi publicada na revista Veja, na edição 1.743, de 20 de março de 2002. Segundo a revista, a empresa Applied Digital lançou em 2002 um micro-chip chamado de VeriChip, que é implantado no braço ou ombro, e emite a localização exata de seu portador, no caso de um seqüestro.

A paz.

camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por eliassoares em Ter 07 Dez 2010, 10:56 pm

è simbólico a marca da besta na testa ou na mão.


exemplo:

na testa simbolo de conciência, a pessoas matem sua fé papaganismo, espiritualista, como doutrina certas e lógicas sem nada temer.

Simbolo na mão, é um simbolo conciênte de trabalho, mesmo sabendo que está do lado negro do pecado ele renunciará sua fé para o lado da besta, por temer ficar desempregado, criar os filhos, comida, moradia, faculdade, perder seu dinheiro no Bancio e até mesmo poupar sua própria vida da morte.

estes dois sinais estará perdidos, pois Jesus disse: " Aquele que salvar sua vida perdé-la a. e aquele que perder sua vida por amor de mim, ganhá-la a.''

O povo de Deus também receberá o sinal de Deus em suas testas, simbolo de conciência....( O Sábado)

O sinal da Besta será o Domingo.

Para quem não crer... anote estas palvras, pois no dia que elas se comprir se lembrará delas, e fará que se converta antes da porta da graça se fecham.

O Domingo Será obrigado ser guardado como dia santo, quem fregir a lei do papa será preso e condenado, se não renunciar a fé será morto. Neste dia terá só duas religiões, os dominguista e os sabatistas e estas palvras foi ditada pelo Espírito Santo e escrita por servo de Jesus.

eliassoares
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 249
flag : Brasil
Data de inscrição : 09/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por oliveira leite em Ter 07 Dez 2010, 11:49 pm

camilo tadeu salvador escreveu:A paz leite achei vc hein!
Irmão o Chip é veridico a questão é que ele neste sistema de rastreamento pode ser inplantado em qualquer parte do corpo, a Biometria é o melhor sistema para se realizar transações comerciais e justamente por isto o Bradesco aderiu a este sistema.


Este ano, o Bradesco - um dos maiores bancos do País - deve destinar 250 milhões de reais do seu orçamento de TI para investimentos em biometria. A iniciativa faz parte de um plano de, até o final de 2011, ter aproximadamente 70% dos caixas eletrônicos de todo o Brasil equipados com leitores que reconhecem os correntistas a partir das veias da palma da mão.

Os recursos serão destinados à compra de mais 8 mil terminais equipados com o sistema PalmSecure, desenvolvido pela fabricante japonesa Fujitsu. A tecnologia permite que os correntistas sejam identificados e autentiquem transações bancárias por meio da característica vascular da mão, capturada pelo sensor infravermelho do dispositivo.


Nada a ver com chip na mão e testa, eu poderia muito bem colocar um chip na mão esquerda e assim não seria marca de nenhuma besta entendeu???

Uma prova de que há outros lugares no nosso corpo para se implantar algum dispositivo é uma notícia que foi publicada na revista Veja, na edição 1.743, de 20 de março de 2002. Segundo a revista, a empresa Applied Digital lançou em 2002 um micro-chip chamado de VeriChip, que é implantado no braço ou ombro, e emite a localização exata de seu portador, no caso de um seqüestro.

A paz.

oi Camilo
que legal
a Net é pequena
valeu o reencontro
Daqui a alguns anos tudo sera em torno do chip
e pensar que ainda alcancei a tv a valvula
acho que tó ficando velho japinha

oliveira leite
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6552
Idade : 51
Localização : Natal RN
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por camilo tadeu salvador em Qui 09 Dez 2010, 8:11 pm

Valeu mesmo Irmão Leite.
Estava já afeiçoado ao irmão e senti sua falta no outro forvm esta coisa de vermos as profecias de forma divergente não deveria jamais nos separar pois o amor ao próximo esta acima de todas as coisas.

Elias paz.
O sinal de Deus em suas Testas não será o Sábado!
Porque???
Porque o Sinal de Deus escrito nas frontes de seus servos é o seu nome e não o sábado.

Vamos provar??!!

(Apocalipse 7:2) - E vi outro anjo subir do lado do sol nascente, e que tinha o selo do Deus vivo; e clamou com grande voz aos quatro anjos, a quem fora dado o poder de danificar a terra e o mar,
(Apocalipse 7:3) - Dizendo: Não danifiqueis a terra, nem o mar, nem as árvores, até que hajamos assinalado nas suas testas os servos do nosso Deus.
(Apocalipse 7:4) - E ouvi o número dos assinalados, e eram cento e quarenta e quatro mil assinalados, de todas as tribos dos filhos de Israel.

(Apocalipse 14:1) - E OLHEI, e eis que estava o Cordeiro sobre o monte Sião, e com ele cento e quarenta e quatro mil, que em suas testas tinham escrito o nome de seu Pai.

Note que o Sinal na testa ou fronte é o Nome do Pai e não o sábado.

De forma que também o Domingo não é o Sinal da Besta, pois o mesmo sinal está vinculado a mão e testa, queria dizer que o monograma IHS tem muito mais a ver com o sinal que o Domingo, veja IHS significa do latim antigo IN HO SIGNO ou COM ESTE SINAL esta inscrição é encontradas nas hóstias da Igreja de Roma, todo cristão bem instruido sabe que a 1ª Besta é o Império Romano e que a 2ª Besta é a Religião Romana, quem deu poder a segunda Besta foi o Imp. Constantino a pártir do ano 300 através do Simbolo da Cruz "Com este sinal vencerás" matando seu oponente Maxêncio e estabelecendo a igreja do Sinal na mão e testa.www.pliniocorreadeoliveira.info/BIO_200708_RdMatteiInhocsignusvincis. htm -

Paz.




camilo tadeu salvador
Quartzo
Quartzo

Número de Mensagens : 51
flag : Brasil
Data de inscrição : 14/08/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por famado em Seg 13 Dez 2010, 9:00 am

A besta era o cesar romano e a segunda besta aqueles que promoviam sua adoração (a classe sacerdotal)

famado
Sirius
Sirius

Número de Mensagens : 3373
Idade : 48
flag : Brasil
Data de inscrição : 26/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Sales em Qui 17 Fev 2011, 11:25 pm

De acordo com o oiginal Daniel 9 teria outra versão daquela que é comumente aparesentada pela maior parte dos teólogos cristãos.

No original:

1) A palavra hebraica usada neste capítulo para "semanas" é "shavui" cuja tradução e o significado correto é "semanal" (período). A palavra hebraica para semanas é "shavua", palavra esta que é usada a partir do capítulo 10 onde o profeta volta a utilizá-la ao contrário daquela que ele usa no capítulo 9 que é a "shavui". Neste caso, usando a palavra "shavui" (semanal - período) e não "shavua" (semanas) o mais propício seria "70 períodos" ao invés de "70 semanas". Então, ...Cap. 9 usa shavui ao invés de shavua como é no cap. 10........ Shavui = semanal(períodos); Shavua = semanas.

2) Estudiosos do hebraico dizem que o hebraico não coloca um artigo definido antes da palavra "messias" (ou "ungido"). Assim, não seria "O" messias ou "O" ungido.

3) A palavra hebraica para "messias" é MASHIACH, que significa UNGIDO - Esta palavra é usada para designar pessoas que foram ungidas para exercer alguma função, como sacerdotes, profetas e reis. Não é nome e não era exclusivo de uma única pessoa, mas para aqueles que exercessem funções como sacerdote, profeta ou rei, dai seria UNGIDO.
Ungir significa derramar óleo sobre, ou passar óleo em. Portanto, UNGIDO é alguém sobre quem se derramou óleo, ou alguém em que se passou óleo.

4) Um fator que não é comumente observado é a pontuação Massorética da Bíblia hebraica que em Daniel 9 coloca uma divisão entre "sete semanas" e "sessenta e duas semanas". Usando a pontuação Massorética, as "sessenta e duas semanas" são gastas na reconstrução da cidade em vez de se aplicarem à vinda do messias. Esta interpretação explica por que é que "sete semanas e sessenta e duas semanas" são dadas separadamente, em vez de se dizer simplesmente "sessenta e nove semanas". A maioria dos apologistas ou desconhece ou simplesmente ignora a pontuação Massorética, rejeitando-a com o argumento de que "a data de tal pontuação pode não ser anterior ao IX ou X séculos AD" e que a estrutura dos versículos como um todo favorece a sua interpretação.

Considerando estes argumentos acima Daniel 9:24-27 seria:

24.
Setenta períodos são decretados sobre do teu povo e da tua cidade santa, para acabar com a transgressão, para dar fim ao pecado, e para expiar a iniquidade, para trazer justiça eterna, para selar a visão e a profecia, e para ungir o santo dos santos.

25. Sabe portanto e compreende que desde a saída da palavra para restaurar e reconstruir Jerusalém até à chegada de [um] ungido, [um] príncipe, haverá sete períodos. [Depois], durante sessenta e dois períodos será reconstruída com praça pública e fosso, mas num tempo de tribulação.

26. E depois dos sessenta e dois períodos, [um] ungido será decepado, e nada terá; e o povo do príncipe que há de vir destruirá a cidade e o santuário. O seu fim virá com uma inundação, e até ao fim haverá guerra; desolações são decretadas.

27. E ele fará um pacto forte com muitos durante um período; e durante metade do período ele fará cessar o sacrifício e a oferenda; e sobre a asa das abominações virá um que a torna desolada, até que o fim decretado seja derramado sobre o desolador.


Nota:

1) Alguns estudiosos dizem que no v.25 o termo "decreto" não seria o correto usar mas sim "palavra", por isso coloquei "palavra" ai invés de "decreto".

2) Observa-se que no v.25 quando fala "ungido" logo diz que é "príncipe", mas no v.26 quando fala "ungido" não reforça com "príncipe". Como já foi citado, ungido pode ser sarcedote, profeta ou rei ... alguém que exerce uma função de autoridade ... nos dias de hoje o papa, um presidente, um ministro, governadores, tal qual reis ... etc.
No v.26 o ungido decepado não tem reforço de príncipe, ...e o líder do povo é tratado como príncipe o qual fará um acordo com muitos como possivelmente é mostrado no v.27.

Perguntas:

Considerando estes levantes acima, como fica a teoria do Intervalo (490 anos) como é comumente aceita pela maioria dos cristãos?

Se o original deve ser levado em conta como podemos ignorar estas afirmações do original acima apresentadas?

Não sou judeu, ...creio que Jesus é o MESSIAS, o Senhor dos Senhores... portanto, não levanto estas questões da mesma maneira que o judaismo levanta, tentando negar que Jesus seja o Messias.

O que quero levar em conta é o original bíblico e como deve ser realmente interpretado... Assim, não acho que a teoria do intervalo seja correta, mesmo que grandes nomes da teologia a aceite, ... pois, parece que a teoria do intervalo tenha "forçado" um pouco a barra para ter validade.

Sinceramente não tenho uma interpretação formada sobre as 70 semanas de Daniel, apenas não consigo aceitar a teoria do intervalo como coerente quando confrotamos com o original bíblico.

Bom, ai está para que seja discutido.


Sales

Sales
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6100
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/10/2008

http://www.tempodedeus.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Jarbas em Qui 17 Fev 2011, 11:37 pm

...

Eu sei que no meu calendário está escrito isso...


Shavuot (Pentecost).

Shavuot
9 May 2011 C.E.
sunset to
10 May 2011 C.E.
sunset

e Israel completa 63 anos em 14 de maio 2011



"Vigiai, pois, em todo o tempo, orando, para que sejais havidos por dignos de evitar todas estas coisas que hão de acontecer, e de estar em pé diante do Filho do homem."  (Lucas 21 : 36)

"Assim, sabe o Senhor livrar da tentação os piedosos, e reservar os injustos para o dia do juízo, para serem castigados;"  (II Pedro 2 : 9)


"PERECE o justo, e não há quem considere isso em seu coração, e os homens compassivos são recolhidos, sem que alguém considere que o justo é levado antes do mal."  (Isaías 57 : 1)


"O temor do SENHOR é odiar o mal; a soberba e a arrogância, o mau caminho e a boca perversa, eu odeio."
  (Provérbios 8 : 13)

Jarbas
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 15316
Localização : Goiânia - Go
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Sex 18 Fev 2011, 2:46 am

ministrosales escreveu:3) A palavra hebraica para "messias" é MASHIACH, que significa UNGIDO - Esta palavra é usada para designar pessoas que foram ungidas para exercer alguma função, como sacerdotes, profetas e reis. Não é nome e não era exclusivo de uma única pessoa, mas para aqueles que exercessem funções como sacerdote, profeta ou rei, dai seria UNGIDO.
Ungir significa derramar óleo sobre, ou passar óleo em. Portanto, UNGIDO é alguém sobre quem se derramou óleo, ou alguém em que se passou óleo.
Ok, mas isso não implica necessariamente que a citação profética se refira a outro que não seja Jesus...

ministrosales escreveu:4) Um fator que não é comumente observado é a pontuação Massorética da Bíblia hebraica que em Daniel 9 coloca uma divisão entre "sete semanas" e "sessenta e duas semanas". Usando a pontuação Massorética, as "sessenta e duas semanas" são gastas na reconstrução da cidade em vez de se aplicarem à vinda do messias. Esta interpretação explica por que é que "sete semanas e sessenta e duas semanas" são dadas separadamente, em vez de se dizer simplesmente "sessenta e nove semanas". A maioria dos apologistas ou desconhece ou simplesmente ignora a pontuação Massorética, rejeitando-a com o argumento de que "a data de tal pontuação pode não ser anterior ao IX ou X séculos AD" e que a estrutura dos versículos como um todo favorece a sua interpretação.
"Sete semanas", "sessenta e duas semanas" e "uma semana": Ao meu ver, as divisões têm um propósito elucidativo. Como eu creio que o "Ungido" do v.26 se refere a Jesus, então para mim as sete semanas e as sessenta e duas semanas se cumpriram precisamente.

Quanto a última semana, que os preteristas insistem em afirmar que já se cumpriu, para mim ainda falta se cumprir. Eu não consigo digerir essa linha interpretativa deles. Vamos analisar o v.27 com a tradução que você trouxe:

E ele fará um pacto forte com muitos durante um período; e durante metade do período ele fará cessar o sacrifício e a oferenda; e sobre a asa das abominações virá um que a torna desolada, até que o fim decretado seja derramado sobre o desolador.

O verso informa que um "desolador" vem sobre "a asa das abominações" e a "torna desolada" durante a metade da semana ou período. Para mim esse "desolador", sobre quem o fim será derramado, é sem sombra de dúvidas o anticristo. Não surgiu ninguém com essas características proféticas logo asseguir à crucificação.

Então porque a última semana ficou destacada, para ter o seu cumprimento em uma era incerta?

Em primeiro lugar, existia o Mistério da Igreja a ser manifesto, o qual não foi revelado nos tempos antigos, e que se cumpriu nesse lapso de tempo (Ef 3.2-5).

Em segundo lugar, porque foi determinado pelo Pai que Jesus voltasse de surpresa. Se a sua vinda é surpresa, então obviamente a última semana não poderia se cumprir consecutivamente à 62ª. Vejamos o v.24:

Setenta períodos são decretados sobre do teu povo e da tua cidade santa, para acabar com a transgressão, para dar fim ao pecado, e para expiar a iniquidade, para trazer justiça eterna, para selar a visão e a profecia, e para ungir o santo dos santos.

Os setenta períodos são para o povo de Israel! Embora a igreja de Cristo já venha usufruindo espiritualmente de quase todos os benefícios enumerados neste verso durante o lapso, o povo de Israel ainda não! Isto só se cumprirá de fato para eles no fim da última semana.

ministrosales escreveu:Considerando estes levantes acima, como fica a teoria do Intervalo (490 anos) como é comumente aceita pela maioria dos cristãos?
Creio que já dei o meu entendimento sobre essa pergunta (se é que eu realmente entendi o que você quis dizer com ela).

ministrosales escreveu:Se o original deve ser levado em conta como podemos ignorar estas afirmações do original acima apresentadas?
Sinceramente não vi nada de novo nessa tradução que desqualifique de alguma maneira a interpretação escatológia dos tribulacionistas. Até porque não podemos levar em conta somente o que está revelado aí, mas temos de analisar esta descrição em conjunto com as demais profecias escatológicas, pois é assim que se monta o quebra-cabeças.

ministrosales escreveu:Não sou judeu, ...creio que Jesus é o MESSIAS, o Senhor dos Senhores... portanto, não levanto estas questões da mesma maneira que o judaismo levanta, tentando negar que Jesus seja o Messias.
Os judeus que não crêem no Evangelho podem até nos trazer uma excelente contribuição no que se refere à tradução e à história, mas, com os seus sentidos embotados como estão, não podem nos ajudar em nada em termos interpretativos...

ministrosales escreveu:O que quero levar em conta é o original bíblico e como deve ser realmente interpretado... Assim, não acho que a teoria do intervalo seja correta, mesmo que grandes nomes da teologia a aceite, ... pois, parece que a teoria do intervalo tenha "forçado" um pouco a barra para ter validade.
Você pode dar um esclarecimento mais abrangente a respeito disso que você esta dizendo?

ministrosales escreveu:Sinceramente não tenho uma interpretação formada sobre as 70 semanas de Daniel, apenas não consigo aceitar a teoria do intervalo como coerente quando confrotamos com o original bíblico.
Tenho visto por aí gente falando de tudo... Mas ainda não me troxeram nada de consistente, que possa colocar em xeque a interpretação tribulacionista...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Sales em Sex 18 Fev 2011, 4:49 pm

silvamelo escreveu:
Ok, mas isso não implica necessariamente que a citação profética se refira a outro que não seja Jesus...

Acho que PODE implicar sim... Desde quando a possibilidade se abre, então, a implicação se torna possível. Havendo possibilidade de não ser Jesus, ao menos nalguma parte do texto, então, algo pode mudar ... isso estou tentando conferir se é ou não é. Acho que TALVEZ tenha sido preciptado dizer que é JESUS considerando porque o texto diz "UNGIDO" ...

Como citei, no v.25, "ungido" vem acompanhado de "príncipe", já no v.26 "ungido" não é acompanhando de "príncipe" ... assim, o "ungido" do v.25 TALVEZ não seja o mesmo do v.26. Como nada é por acaso na Bíblia, até um vírgula deve ter a maior importância, esta ocorrência pode ter sido proposital.

E note que o hebraico ai no texto original não tem o artigo "O" como temos em nossas versões da Bíblia... Sendo assim, se o artigo fosse presente, realmente eu poderia dizer que quando dissesse "O UNGIDO" estaria especificamente se tratando de Jesus mesmo que tivesse acompando de "príncipe" ou não, pois, só Jesus é O UNGIDO, O MESSIAS ... o artigo dá a exclusividade que é única de Jesus. Mas, no texto original a ausência do artigo é uma realidade.

Talvez, definir o ungido como príncipe é onde dá o destaque diferenciado que precise ter para não ser confundido com um ungido comum.

Ainda no v.26...

• diz que "será cortado" ou "morto" na versão cristã, ...no original apenas diz mesmo "decepamento", ou seja, "será decepado" ...Jesus foi crucificado, morto e ressurreto. ... Se for Jesus neste verso, por que uma profecia espiritual observou a Sua morte mas não a Sua ressurreição? o texto original traz um decepamento, não uma crucificação.

• e diz que "não estará mais" ou "não para si mesmo" na versão cristã, ...no original quer dizer mesmo "nada terá" ou "ele não tem nada" ou "ele não terá nada"... Não vejo Jesus não tendo nada... Ele é o Rei dos reis, Senhor dos senhores, Príncipe da Paz, Tudo foi feito DEle, por meio DEle e para Ele são todas as coisas!

TALVEZ, o "UNGIDO" do v.25 não seja o mesmo do v.26 ... Podem ser diferentes onde acontecimentos diferentes se procedem. Repetindo, o UNGIDO chamado de "príncipe" acontece no v.25 o que não ocorre no v.26.

silvamelo escreveu:
"Sete semanas", "sessenta e duas semanas" e "uma semana": Ao meu ver, as divisões têm um propósito elucidativo. Como eu creio que o "Ungido" do v.26 se refere a Jesus, então para mim as sete semanas e as sessenta e duas semanas se cumpriram precisamente.

Acho que as divisões tem propósito de localizar no tempo os fatos ... Tanto que é bem dividido exibindo o que estaria ocorrendo no ou depois do período descrito. Creio que a soma se faz nos 70 ... e as divisões não teriam o propósito de somarem-se 69 até porque TALVEZ aconteceria no v.27 a mensão das 69 semanas, onde ao invés de dizer "por uma semana" diria depois de 69 semanas "fará um pacto" ... obviamente já saberíamos que é a última semana a qual se trataria.

Mas, ao invés declarou eventos durante 62 semanas, depois de 62 semanas e por 1 semana. No caso das 7 semanas, não foi declarado evento mas estipulado um prazo, apesar de que "por 1 semana" no v.27 além mostrar um evento exibe o prazo de duração desse evento... vê-se que a mensão das outras semanas foi diferente da mensão dessas 7 semanas... onde as outras foram para declarar eventos e as 7 para estipular prazo. Acho que isso é relevante ao ponto de não simplesmente fazermos a soma dando 69. TALVEZ a intenção não é o somatório, mas, o que ocorre em cada um desses períodos declarados.

silvamelo escreveu:
Quanto a última semana, que os preteristas insistem em afirmar que já se cumpriu, para mim ainda falta se cumprir. Eu não consigo digerir essa linha interpretativa deles. Vamos analisar o v.27 com a tradução que você trouxe:

E ele fará um pacto forte com muitos durante um período; e durante metade do período ele fará cessar o sacrifício e a oferenda; e sobre a asa das abominações virá um que a torna desolada, até que o fim decretado seja derramado sobre o desolador.

Nem engulo também... pois não sou preterista... o que faço objeção não é para sustento do preterismo. Não acho que o v.27 mostra a última semana ... Mas, que um acordo será feito com essa duração de tempo. ...O texto diz que "POR 1 SEMANA FARÁ UM ACORDO" ... não define qual é essa semana, mas, que durará 1 semana. Já quando dizemos que é a última semana, já estaremos definindo quem é essa semana o que o texto não mostra, e não porque está descrito no v.27 é que devemos entender que está na sequência e assim "subentender" que seja a última semana... pois, acho que a sequência não seria a contagem de semanas, mas, o fato de ter citado no v.26 esse príncipe que fará o acordo no v.27... é ai que está a sequência... não numa contagem somatória das semanas. Acho eu.

silvamelo escreveu:
O verso informa que um "desolador" vem sobre "a asa das abominações" e a "torna desolada" durante a metade da semana ou período. Para mim esse "desolador", sobre quem o fim será derramado, é sem sombra de dúvidas o anticristo. Não surgiu ninguém com essas características proféticas logo asseguir à crucificação.

Interessante ver este texto porque dessa forma podemos entender que o anticristo virá sobre cidade para a tornar desolada na metade da semana... se eu creio que essa semana é a última e durará 7 anos (de tribulação), então, estou aceitando que o anticristo fará a cidade estar desolada já na metade dos 7 anos e assim ficará (desolada), nas mãos do anticristo, por mais 3,5 anos até que o Messias venha no monte das Oliveiras no final dos 7 anos. Mas, Israel deverá resistir até o final dos 7 anos, quando na batalha do armagedon o Senhor aparece a favor de Israel... Então, se a desolação já acontecer na metade dos 7 anos, que resistência mais Israel faria até o fim dos 7 anos? ...bem, posso estar atrapalhando ai no meio de campo alguma coisa, que eu seja corrigido se estiver.

silvamelo escreveu:
Então porque a última semana ficou destacada, para ter o seu cumprimento em uma era incerta?

Não acho que a "última" semana tenha ficado destacada... como já citei, no v.27 fala "POR 1 SEMANA" que é a duração que terá o pacto,... acho que o propósito ai é mostrar isso... Não acho que esteja definindo essa semana como a última... me parece que isso foi apenas subentendido pela teoria do intervalo... Na verdade, não acho que intervalo seja a proposta coerente para explicar as 70 semanas quando se analisa os vs. 24,25, 26 e 27 ... Penso que o "intervalo" tenha sido uma saída ou explicação para se entender o que não se conseguia entender. MAS, POSSO ESTAR ENGANADO... se estiver Deus há de me mostrar.

silvamelo escreveu:
Em primeiro lugar, existia o Mistério da Igreja a ser manifesto, o qual não foi revelado nos tempos antigos, e que se cumpriu nesse lapso de tempo (Ef 3.2-5).

Em segundo lugar, porque foi determinado pelo Pai que Jesus voltasse de surpresa. Se a sua vinda é surpresa, então obviamente a última semana não poderia se cumprir consecutivamente à 62ª. Vejamos o v.24:

Setenta períodos são decretados sobre do teu povo e da tua cidade santa, para acabar com a transgressão, para dar fim ao pecado, e para expiar a iniquidade, para trazer justiça eterna, para selar a visão e a profecia, e para ungir o santo dos santos.

Os setenta períodos são para o povo de Israel! Embora a igreja de Cristo já venha usufruindo espiritualmente de quase todos os benefícios enumerados neste verso durante o lapso, o povo de Israel ainda não! Isto só se cumprirá de fato para eles no fim da última semana.

No caso da volta de Jesus, sabendo que a tribulação durará 7 anos, quando o início dela for conhecido consequentemente a volta de Jesus no final não será mais surpresa... É sabido que ELE voltará para o mundo e o povo de Israel no final dos 7 anos... que surpresa teria nisso? Só pra quem não crer na Sua volta que seria surpresa. E com relação ao povo de Israel o arrebatamento não é realidade.

silvamelo escreveu:
Creio que já dei o meu entendimento sobre essa pergunta (se é que eu realmente entendi o que você quis dizer com ela).

Sim já o deu. E como eu disse, apenas tenho essas objeções que algum dia serão PRA MIM esclarecidas.

silvamelo escreveu:
Sinceramente não vi nada de novo nessa tradução que desqualifique de alguma maneira a interpretação escatológia dos tribulacionistas. Até porque não podemos levar em conta somente o que está revelado aí, mas temos de analisar esta descrição em conjunto com as demais profecias escatológicas, pois é assim que se monta o quebra-cabeças.

Acho que talvez as peças de Daniel 9 que fazem parte do quebra-cabeças escatológico possam ter sido inadequadamente observadas.

silvamelo escreveu:
Os judeus que não crêem no Evangelho podem até nos trazer uma excelente contribuição no que se refere à tradução e à história, mas, com os seus sentidos embotados como estão, não podem nos ajudar em nada em termos interpretativos...

Calma aê...
Não sejamos extremistas... acho que algo pode sim ser aproveitado ... "retendo o que é bom" algo pode-se aproveitar ... afinal conhecimento é conhecimento, ... não vou dizer que um professor de hitória ATEU não tenha nada sobre história que não me seja útil no estudo e pesquisa escatológico... Ele, mesmo sendo ateu, sabe história e, eu, sabendo separar e discenir as coisas, terei bons conhecimentos através do conhecimento histórico desse Ateu.

O que não posso é admitir espiritualmente a interpretação dele ... pois só o Espírito Santo pode nos dar o conhecimento espiritual da palavra de Deus ... ... Obviamente, o conhecimento intelectual nos é útil para estudarmos o conhecimento espiritual que nos é dado pelo Espírito Santo. ...Podemos sim aproveitar o conhecimento intelectual desde quando temos o discernimento do Espírito Santo para filtrar aquilo que é indesejável.

silvamelo escreveu:
Você pode dar um esclarecimento mais abrangente a respeito disso que você esta dizendo?

Simplesmente, no momento não acho coerente a teoria do intervalo... Estou estudando para ver se me engano ou não quanto a isso.


silvamelo escreveu:
Tenho visto por aí gente falando de tudo... Mas ainda não me troxeram nada de consistente, que possa colocar em xeque a interpretação tribulacionista...

Irmão, mesmo sendo tribulacionista, no momento não acho que a interpretação do intervalo seja consistente ... obviamente que isso é particular e sem dúvidas nado contra a maré quando afirmo isso,... ...é claro que posso estar enganado.

A muito tempo vinha concebendo a teoria do intervalo como a certa,... é praticamente o que aprendemos na maior parte da igreja... mas, com o tempo algumas objeções surgiram o que me levou a ser mais crítico sobre a teoria. Estou pesquisando e observando tanto a coerência da teoria do intervalo como a possível incoerência dela... ...parece até "bobagem" dizer isso quando se nada contra a maré, afinal, grandes nomes sustentam a teoria do intervalo... Mas, saberei admitir que foi um engano duvidar da teoria caso ao meu ver se confirme isso.

Levantei estas questões a nível exatamente de pesquisa própria, esperando informações dos próprios irmãos de maneira que possa encontrar detalhes que me sirvam para análise na compreensão correta das 70 semanas ... o que pode ser mesmo a teoria do intervalo...

A minha finalidade com esse texto foi essa,... abrir uma questão ... e conferir respostas.


Sales

Sales
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6100
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/10/2008

http://www.tempodedeus.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Sab 19 Fev 2011, 2:58 am

ministrosales escreveu:Acho que PODE implicar sim... Desde quando a possibilidade se abre, então, a implicação se torna possível. Havendo possibilidade de não ser Jesus, ao menos nalguma parte do texto, então, algo pode mudar ... isso estou tentando conferir se é ou não é. Acho que TALVEZ tenha sido preciptado dizer que é JESUS considerando porque o texto diz "UNGIDO" ...

Como citei, no v.25, "ungido" vem acompanhado de "príncipe", já no v.26 "ungido" não é acompanhando de "príncipe" ... assim, o "ungido" do v.25 TALVEZ não seja o mesmo do v.26. Como nada é por acaso na Bíblia, até um vírgula deve ter a maior importância, esta ocorrência pode ter sido proposital.

E note que o hebraico ai no texto original não tem o artigo "O" como temos em nossas versões da Bíblia... Sendo assim, se o artigo fosse presente, realmente eu poderia dizer que quando dissesse "O UNGIDO" estaria especificamente se tratando de Jesus mesmo que tivesse acompando de "príncipe" ou não, pois, só Jesus é O UNGIDO, O MESSIAS ... o artigo dá a exclusividade que é única de Jesus. Mas, no texto original a ausência do artigo é uma realidade.

Talvez, definir o ungido como príncipe é onde dá o destaque diferenciado que precise ter para não ser confundido com um ungido comum.

Ainda no v.26...

• diz que "será cortado" ou "morto" na versão cristã, ...no original apenas diz mesmo "decepamento", ou seja, "será decepado" ...Jesus foi crucificado, morto e ressurreto. ... Se for Jesus neste verso, por que uma profecia espiritual observou a Sua morte mas não a Sua ressurreição? o texto original traz um decepamento, não uma crucificação.

• e diz que "não estará mais" ou "não para si mesmo" na versão cristã, ...no original quer dizer mesmo "nada terá" ou "ele não tem nada" ou "ele não terá nada"... Não vejo Jesus não tendo nada... Ele é o Rei dos reis, Senhor dos senhores, Príncipe da Paz, Tudo foi feito DEle, por meio DEle e para Ele são todas as coisas!

TALVEZ, o "UNGIDO" do v.25 não seja o mesmo do v.26 ... Podem ser diferentes onde acontecimentos diferentes se procedem. Repetindo, o UNGIDO chamado de "príncipe" acontece no v.25 o que não ocorre no v.26.
Ministro! Oh! cê deu uma guinada de 180º! hihi

Mas agora que você está falando isso, me veio algo em mente que eu nunca tinha pensado antes... Você parou para pensar que o "ungido" do v.26 pode ser João Batista? Jesus disse que "entre os nascidos de mulheres, não há maior profeta do que João o Batista". João Batista foi decapitado!

Essa percepção abriu meus olhos para outra questão que há muito tempo me intriga: Os 3,5 anos iniciais da última semana foram cumpridos no ministério terreno de Jesus? Ora, se o ungido do v.26 for João Batista então isto fará muito sentido, pois seria o caso da 62ª semana ter se cumprido nele, abrindo então a primeira metade da última semana no ministério de Cristo.

ministrosales escreveu:Acho que as divisões tem propósito de localizar no tempo os fatos ... Tanto que é bem dividido exibindo o que estaria ocorrendo no ou depois do período descrito. Creio que a soma se faz nos 70 ... e as divisões não teriam o propósito de somarem-se 69 até porque TALVEZ aconteceria no v.27 a mensão das 69 semanas, onde ao invés de dizer "por uma semana" diria depois de 69 semanas "fará um pacto" ... obviamente já saberíamos que é a última semana a qual se trataria.

Mas, ao invés declarou eventos durante 62 semanas, depois de 62 semanas e por 1 semana. No caso das 7 semanas, não foi declarado evento mas estipulado um prazo, apesar de que "por 1 semana" no v.27 além mostrar um evento exibe o prazo de duração desse evento... vê-se que a mensão das outras semanas foi diferente da mensão dessas 7 semanas... onde as outras foram para declarar eventos e as 7 para estipular prazo. Acho que isso é relevante ao ponto de não simplesmente fazermos a soma dando 69. TALVEZ a intenção não é o somatório, mas, o que ocorre em cada um desses períodos declarados.
O caráter mais interessante da última semana está no fato dela estar dividida, tanto no v.27 como em Dn 12.11 e em Apocalipse... Isto sempre chamou a minha atenção. Talvez, poderia se confirmar o arrebatamento meso-tribulacionista (e este termo perderia o sentido), que pegaria realmente todos de surpresa.

ministrosales escreveu:Nem engulo também... pois não sou preterista... o que faço objeção não é para sustento do preterismo. Não acho que o v.27 mostra a última semana ... Mas, que um acordo será feito com essa duração de tempo. ...O texto diz que "POR 1 SEMANA FARÁ UM ACORDO" ... não define qual é essa semana, mas, que durará 1 semana. Já quando dizemos que é a última semana, já estaremos definindo quem é essa semana o que o texto não mostra, e não porque está descrito no v.27 é que devemos entender que está na sequência e assim "subentender" que seja a última semana... pois, acho que a sequência não seria a contagem de semanas, mas, o fato de ter citado no v.26 esse príncipe que fará o acordo no v.27... é ai que está a sequência... não numa contagem somatória das semanas. Acho eu.
Entendo o que você quer dizer, mas o somatório das semanas faz mais sentido para mim....

Conjecturando um pouco mais, poderíamos considerar que o v.27 começa falando, na verdade, da Aliança de Cristo, como afirmam os preteristas. O sacrifício da Aliança foi cessado na metade da semana com a crucificação, pois qualquer sacrifício de animais depois disso não teve nem terá valor algum. Contudo, a Aliança é de uma semana cheia, ou seja, a Aliança voltará a vigorar quando surgir o assolador para profanar o templo, pois as semanas se referem ao povo judeu!

Não sei... Isso tudo é novo para mim... Vou ler com mais atenção e digerir um pouco mais.

ministrosales escreveu:Interessante ver este texto porque dessa forma podemos entender que o anticristo virá sobre cidade para a tornar desolada na metade da semana... se eu creio que essa semana é a última e durará 7 anos (de tribulação), então, estou aceitando que o anticristo fará a cidade estar desolada já na metade dos 7 anos e assim ficará (desolada), nas mãos do anticristo, por mais 3,5 anos até que o Messias venha no monte das Oliveiras no final dos 7 anos. Mas, Israel deverá resistir até o final dos 7 anos, quando na batalha do armagedon o Senhor aparece a favor de Israel... Então, se a desolação já acontecer na metade dos 7 anos, que resistência mais Israel faria até o fim dos 7 anos? ...bem, posso estar atrapalhando ai no meio de campo alguma coisa, que eu seja corrigido se estiver.
Hummm... A passagem não diz que a desolação virá na metade da semana. Diz somente que o desolador virá e que será destruído. Assim entendo...

ministrosales escreveu:Não acho que a "última" semana tenha ficado destacada... como já citei, no v.27 fala "POR 1 SEMANA" que é a duração que terá o pacto,... acho que o propósito ai é mostrar isso... Não acho que esteja definindo essa semana como a última... me parece que isso foi apenas subentendido pela teoria do intervalo... Na verdade, não acho que intervalo seja a proposta coerente para explicar as 70 semanas quando se analisa os vs. 24,25, 26 e 27 ... Penso que o "intervalo" tenha sido uma saída ou explicação para se entender o que não se conseguia entender. MAS, POSSO ESTAR ENGANADO... se estiver Deus há de me mostrar.

Precisamos meditar mais. Enquanto pensamos que o assunto está esgotado surge mais coisa nova...

Irmão, mesmo sendo tribulacionista, no momento não acho que a interpretação do intervalo seja consistente ... obviamente que isso é particular e sem dúvidas nado contra a maré quando afirmo isso,... ...é claro que posso estar enganado.

A muito tempo vinha concebendo a teoria do intervalo como a certa,... é praticamente o que aprendemos na maior parte da igreja... mas, com o tempo algumas objeções surgiram o que me levou a ser mais crítico sobre a teoria. Estou pesquisando e observando tanto a coerência da teoria do intervalo como a possível incoerência dela... ...parece até "bobagem" dizer isso quando se nada contra a maré, afinal, grandes nomes sustentam a teoria do intervalo... Mas, saberei admitir que foi um engano duvidar da teoria caso ao meu ver se confirme isso.

Levantei estas questões a nível exatamente de pesquisa própria, esperando informações dos próprios irmãos de maneira que possa encontrar detalhes que me sirvam para análise na compreensão correta das 70 semanas ... o que pode ser mesmo a teoria do intervalo...
Já eu penso que a teoria do intervalo está mais de acordo.

Precisamos estudar, orar, nos santificar e ter paciência porque coisas grandes estão para acontecer em breve. À medida em que os acontecimentos forem surgindo creio que Deus nos dará o discernimento correto.

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 6:15 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum