.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
» Livre arbítrio, auto idolatria
Ontem à(s) 10:47 pm por Lit San Ares

» A eleição torna-nos robôs?
Ontem à(s) 10:29 pm por Lit San Ares

» DESAFIO AOS DO LIVRE ARBITRIO
Ontem à(s) 9:45 pm por Lit San Ares

»  Endurecimeto do Faraó
Ontem à(s) 8:44 pm por Lit San Ares

» Noticiário Escatológico
Ontem à(s) 7:44 pm por Jarbas

»  Arqueólogos encontram selo que comprova veracidade de histórias da Bíblia
Ontem à(s) 4:46 pm por Cartman

» Golpe é o cacete, agora é golpe no golpe!
Ontem à(s) 3:27 pm por David de Oliveira

» Consequências da Reeleição
Ontem à(s) 10:02 am por EVANGELISTA/RJ/MSN

» O homem na lua...
Qui 01 Dez 2016, 11:38 pm por Khwey

Quem está conectado
36 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 35 Visitantes :: 2 Motores de busca

Khwey

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por David_JP em Sab 19 Fev 2011, 1:39 pm

camilo tadeu salvador escreveu:Simplesmente não o receberei em lugar nenhum. Primeiramente, porque creio que o arrebatamento se dará antes dessa obrigação...


(II Tessalonicenses 2:1) - ORA, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo(ARREBATAMENTO DA IGREJA )e pela nossa reunião com ele,
(II Tessalonicenses 2:2) - Que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto.
(II Tessalonicenses 2:3) - Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição,
(II Tessalonicenses 2:4) - O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.

Se o amado ainda não sabia!
Então saiba agora, a manifestação deste homem do pecado é antes da vinda de Cristo e não depois conforme é ensinado na Doutrina do Arrebatamento Secreto((II Tessalonicenses 2:3) - Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes... se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição.)


Paz do Senhor a todos...



O irmão acima deveria ter postado o texto até o verso 7, para que pudéssemos MEDITAR melhor na questão!

1 Tes 2:1-7
1 ORA, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, e pela nossa reunião com ele,
2 Que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto.
3 Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição,
4 O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.
5 Não vos lembrais de que estas coisas vos dizia quando ainda estava convosco?
6 E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado.
7 Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado
8 E assim será revelado o iníquo,
;


No verso 1, o apóstolo nos fala CLARAMENTE da vontade dele, e da igreja, de reunirem-se com Jesus Cristo. Acredito que isso é claro! No decorrer do texto, ele fala que virá a apostasia, primeiramente, e que esta apostasia chegará ao seu ápice com a MANIFESTAÇÃO do "homem do pecado", do "filho da perdição". Acredito que isso também é claro!

No verso 6 o apóstolo revela que ALGUÉM DETÉM o surgimento deste "filho da perdição", pois que seu "ministério de injustiça" já OPERA, faltando APENAS que o ALGUÉM que IMPEDE o surgimento dele, seja RETIRADO, para que ele SURJA e se manifeste!

Ora, para mim o texto é muito claro! Existe alguém que IMPEDE O SURGIMENTO do "filho da perdição", e esse alguém PRECISA SER RETIRADO para que ele se manifeste!

Em Cristo

David


"Em ti me alegrarei e saltarei de prazer; cantarei louvores ao teu nome, ó Altíssimo." Salmo 9:2

David_JP
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 381
flag : Brasil
Data de inscrição : 23/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Sales em Sab 19 Fev 2011, 6:28 pm

silvamelo escreveu:
ministrosales escreveu:Acho que PODE implicar sim... Desde quando a possibilidade se abre, então, a implicação se torna possível. Havendo possibilidade de não ser Jesus, ao menos nalguma parte do texto, então, algo pode mudar ... isso estou tentando conferir se é ou não é. Acho que TALVEZ tenha sido preciptado dizer que é JESUS considerando porque o texto diz "UNGIDO" ...

Como citei, no v.25, "ungido" vem acompanhado de "príncipe", já no v.26 "ungido" não é acompanhando de "príncipe" ... assim, o "ungido" do v.25 TALVEZ não seja o mesmo do v.26. Como nada é por acaso na Bíblia, até um vírgula deve ter a maior importância, esta ocorrência pode ter sido proposital.

E note que o hebraico ai no texto original não tem o artigo "O" como temos em nossas versões da Bíblia... Sendo assim, se o artigo fosse presente, realmente eu poderia dizer que quando dissesse "O UNGIDO" estaria especificamente se tratando de Jesus mesmo que tivesse acompando de "príncipe" ou não, pois, só Jesus é O UNGIDO, O MESSIAS ... o artigo dá a exclusividade que é única de Jesus. Mas, no texto original a ausência do artigo é uma realidade.

Talvez, definir o ungido como príncipe é onde dá o destaque diferenciado que precise ter para não ser confundido com um ungido comum.

Ainda no v.26...

• diz que "será cortado" ou "morto" na versão cristã, ...no original apenas diz mesmo "decepamento", ou seja, "será decepado" ...Jesus foi crucificado, morto e ressurreto. ... Se for Jesus neste verso, por que uma profecia espiritual observou a Sua morte mas não a Sua ressurreição? o texto original traz um decepamento, não uma crucificação.

• e diz que "não estará mais" ou "não para si mesmo" na versão cristã, ...no original quer dizer mesmo "nada terá" ou "ele não tem nada" ou "ele não terá nada"... Não vejo Jesus não tendo nada... Ele é o Rei dos reis, Senhor dos senhores, Príncipe da Paz, Tudo foi feito DEle, por meio DEle e para Ele são todas as coisas!

TALVEZ, o "UNGIDO" do v.25 não seja o mesmo do v.26 ... Podem ser diferentes onde acontecimentos diferentes se procedem. Repetindo, o UNGIDO chamado de "príncipe" acontece no v.25 o que não ocorre no v.26.
Ministro! cê deu uma guinada de 180º!

Mas agora que você está falando isso, me veio algo em mente que eu nunca tinha pensado antes... Você parou para pensar que o "ungido" do v.26 pode ser João Batista? Jesus disse que "entre os nascidos de mulheres, não há maior profeta do que João o Batista". João Batista foi decapitado!

Essa percepção abriu meus olhos para outra questão que há muito tempo me intriga: Os 3,5 anos iniciais da última semana foram cumpridos no ministério terreno de Jesus? Ora, se o ungido do v.26 for João Batista então isto fará muito sentido, pois seria o caso da 62ª semana ter se cumprido nele, abrindo então a primeira metade da última semana no ministério de Cristo.

ministrosales escreveu:Acho que as divisões tem propósito de localizar no tempo os fatos ... Tanto que é bem dividido exibindo o que estaria ocorrendo no ou depois do período descrito. Creio que a soma se faz nos 70 ... e as divisões não teriam o propósito de somarem-se 69 até porque TALVEZ aconteceria no v.27 a mensão das 69 semanas, onde ao invés de dizer "por uma semana" diria depois de 69 semanas "fará um pacto" ... obviamente já saberíamos que é a última semana a qual se trataria.

Mas, ao invés declarou eventos durante 62 semanas, depois de 62 semanas e por 1 semana. No caso das 7 semanas, não foi declarado evento mas estipulado um prazo, apesar de que "por 1 semana" no v.27 além mostrar um evento exibe o prazo de duração desse evento... vê-se que a mensão das outras semanas foi diferente da mensão dessas 7 semanas... onde as outras foram para declarar eventos e as 7 para estipular prazo. Acho que isso é relevante ao ponto de não simplesmente fazermos a soma dando 69. TALVEZ a intenção não é o somatório, mas, o que ocorre em cada um desses períodos declarados.
O caráter mais interessante da última semana está no fato dela estar dividida, tanto no v.27 como em Dn 12.11 e em Apocalipse... Isto sempre chamou a minha atenção. Talvez, poderia se confirmar o arrebatamento meso-tribulacionista (e este termo perderia o sentido), que pegaria realmente todos de surpresa.

ministrosales escreveu:Nem engulo também... pois não sou preterista... o que faço objeção não é para sustento do preterismo. Não acho que o v.27 mostra a última semana ... Mas, que um acordo será feito com essa duração de tempo. ...O texto diz que "POR 1 SEMANA FARÁ UM ACORDO" ... não define qual é essa semana, mas, que durará 1 semana. Já quando dizemos que é a última semana, já estaremos definindo quem é essa semana o que o texto não mostra, e não porque está descrito no v.27 é que devemos entender que está na sequência e assim "subentender" que seja a última semana... pois, acho que a sequência não seria a contagem de semanas, mas, o fato de ter citado no v.26 esse príncipe que fará o acordo no v.27... é ai que está a sequência... não numa contagem somatória das semanas. Acho eu.
Entendo o que você quer dizer, mas o somatório das semanas faz mais sentido para mim....

Conjecturando um pouco mais, poderíamos considerar que o v.27 começa falando, na verdade, da Aliança de Cristo, como afirmam os preteristas. O sacrifício da Aliança foi cessado na metade da semana com a crucificação, pois qualquer sacrifício de animais depois disso não teve nem terá valor algum. Contudo, a Aliança é de uma semana cheia, ou seja, a Aliança voltará a vigorar quando surgir o assolador para profanar o templo, pois as semanas se referem ao povo judeu!

Não sei... Isso tudo é novo para mim... Vou ler com mais atenção e digerir um pouco mais.

ministrosales escreveu:Interessante ver este texto porque dessa forma podemos entender que o anticristo virá sobre cidade para a tornar desolada na metade da semana... se eu creio que essa semana é a última e durará 7 anos (de tribulação), então, estou aceitando que o anticristo fará a cidade estar desolada já na metade dos 7 anos e assim ficará (desolada), nas mãos do anticristo, por mais 3,5 anos até que o Messias venha no monte das Oliveiras no final dos 7 anos. Mas, Israel deverá resistir até o final dos 7 anos, quando na batalha do armagedon o Senhor aparece a favor de Israel... Então, se a desolação já acontecer na metade dos 7 anos, que resistência mais Israel faria até o fim dos 7 anos? ...bem, posso estar atrapalhando ai no meio de campo alguma coisa, que eu seja corrigido se estiver.
Hummm... A passagem não diz que a desolação virá na metade da semana. Diz somente que o desolador virá e que será destruído. Assim entendo...

ministrosales escreveu:Não acho que a "última" semana tenha ficado destacada... como já citei, no v.27 fala "POR 1 SEMANA" que é a duração que terá o pacto,... acho que o propósito ai é mostrar isso... Não acho que esteja definindo essa semana como a última... me parece que isso foi apenas subentendido pela teoria do intervalo... Na verdade, não acho que intervalo seja a proposta coerente para explicar as 70 semanas quando se analisa os vs. 24,25, 26 e 27 ... Penso que o "intervalo" tenha sido uma saída ou explicação para se entender o que não se conseguia entender. MAS, POSSO ESTAR ENGANADO... se estiver Deus há de me mostrar.

Precisamos meditar mais. Enquanto pensamos que o assunto está esgotado surge mais coisa nova...

Irmão, mesmo sendo tribulacionista, no momento não acho que a interpretação do intervalo seja consistente ... obviamente que isso é particular e sem dúvidas nado contra a maré quando afirmo isso,... ...é claro que posso estar enganado.

A muito tempo vinha concebendo a teoria do intervalo como a certa,... é praticamente o que aprendemos na maior parte da igreja... mas, com o tempo algumas objeções surgiram o que me levou a ser mais crítico sobre a teoria. Estou pesquisando e observando tanto a coerência da teoria do intervalo como a possível incoerência dela... ...parece até "bobagem" dizer isso quando se nada contra a maré, afinal, grandes nomes sustentam a teoria do intervalo... Mas, saberei admitir que foi um engano duvidar da teoria caso ao meu ver se confirme isso.

Levantei estas questões a nível exatamente de pesquisa própria, esperando informações dos próprios irmãos de maneira que possa encontrar detalhes que me sirvam para análise na compreensão correta das 70 semanas ... o que pode ser mesmo a teoria do intervalo...
Já eu penso que a teoria do intervalo está mais de acordo.

Precisamos estudar, orar, nos santificar e ter paciência porque coisas grandes estão para acontecer em breve. À medida em que os acontecimentos forem surgindo creio que Deus nos dará o discernimento correto.

GOSTEI !!!


Sales

Sales
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6100
Idade : 41
flag : Brasil
Data de inscrição : 10/10/2008

http://www.tempodedeus.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Sab 10 Dez 2011, 11:16 pm

silvamelo escreveu:"Sete semanas", "sessenta e duas semanas" e "uma semana": Ao meu ver, as divisões têm um propósito elucidativo. Como eu creio que o "Ungido" do v.26 se refere a Jesus, então para mim as sete semanas e as sessenta e duas semanas se cumpriram precisamente.
De acordo.
Quanto a última semana, que os preteristas insistem em afirmar que já se cumpriu, para mim ainda falta se cumprir.
Por que só essa última semana escapa a regra obedecida pelas demais ? Por que essa última divisão não têm um propósito elucidativo ? Por que essa última divisão não se cumpriu precisamente ?
Vamos analisar o v.27 com a tradução que você trouxe:

E ele fará um pacto forte com muitos durante um período; e durante metade do período ele fará cessar o sacrifício e a oferenda; e sobre a asa das abominações virá um que a torna desolada, até que o fim decretado seja derramado sobre o desolador.

O verso informa que um "desolador" vem sobre "a asa das abominações" e a "torna desolada" durante a metade da semana ou período. Para mim esse "desolador", sobre quem o fim será derramado, é sem sombra de dúvidas o anticristo. Não surgiu ninguém com essas características proféticas logo asseguir à crucificação.
Não concordo com essa teoria. Para iniciar esse colóquio inicial pergunto ao silva porque esse desolador não pode ser o Império Romano que destruiu o templo no ano 70 ?

Vamos analisar o verso 26

Na expressão: “e, até o fim da guerra” o termo "guerra" diz respeito a guerra dos judeus com os romanos, que terminou no ano 70 d. C.

A expressão: “estão determinadas assolações”, diz respeito aos próprios judeus. Sobre isso, transcreveremos os principais fatos, ao final do comentário da segunda parte do verso 27.

Cataclismo: “... Desastre social; derrocada; catástrofe.” - (BUENO, Francisco da Silveira. Dicionário Escolar da Língua Portuguesa. 11ª ed. Rio de Janeiro – RJ, Ministério da Educação e Cultura (MEC) – Fundação Nacional de Material Escolar (FENAME), 1983. p. 238.).

Cataclismo: “1. Transformação brusca, e muito ampla, da crosta terrestre. 2. Desastre social.” – (FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Mini Dicionário. Rio de Janeiro – RJ, Editora Nova Fronteira. p. 94.).

Portanto, cataclismo, foi o que ocorreu aos Judeus, na destruição do Templo e da Cidade de Jerusalém.

Agora, podemos analisar a segunda parte do verso 27.

E sobre a asa das abominações virá o assolador; e até a destruição determinada, a qual será derramada sobre o assolador.” (AVR).

E sobre a nave do Templo estará aabominação da desolação até o fim, até o termo fixado para o desolador”. (BJ).

Sobre a asa das abominações virá o assolador, até que a destruição, que está determinada, se derrame sobre ele”. (ARA).

E sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador”. (ARC).

Esta parte do verso 27, pode ser traduzida assim:

“E sobre a asa das abominações dos assoladores (na nave do Templo), que até a consumação, então (que está) determinada, derrame-se (seja derretido), por causa da assolação”.

Esta segunda parte, diz respeito às abominações cometidas no Santuário, que culminou na destruição da cidade e do Templo de Jerusalém.

Tendo Jesus saído do templo, ia-se retirando, quando se aproximaram dele os seus discípulos para lhe mostrar as construções do templo. Ele, porém, lhes disse: Não vedes tudo isto? Em verdade vos digo que não ficará aqui pedra sobre pedra que não seja derribada”. (Mat. 24:1-2 - ARA).

O Messias, deixou claro aos apóstolos: “Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo (quem lê, que entenda)”. (Mat. 24:15 – ARC).

Quando, pois, virdes estar no lugar santo a abominação de desolação, predita pelo profeta Daniel (quem lê, entenda)”. (Mar. 13:14 - ARC).

Mas, quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, sabei, então, que é chegada a sua desolação”. (Luc. 21:20 – ARC).

Os textos são claros, e nos dão dois detalhes fundamentais. O primeiro: Antes da desolação, “Jerusalém”ficaria “cercada de exércitos”. O segundo: A abominação da desolação estaria no Lugar Santo do Santuário. Nesse momento os apostolos deveriam fugir. Isso tudo aconteceu no ano 70 culminando com a fundação da Colonia Aelia Capitolina (ou, simplesmente, Aelia Capitolina), uma cidade construída pelo Imperador Adriano no ano 131 d.C. e dedicada a Júpiter Capitolino, a quem um templo foi construído no sítio.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Dom 11 Dez 2011, 3:01 am

Eduardo escreveu:Por que só essa última semana escapa a regra obedecida pelas demais ?
De que regra você está falando? Por acaso você se refere à transcorrência sem intervalo desses tempos? Bem, se fosse uma regra, o cumprimento indubitável das profecias do fim dos tempos teria se cumprido no FINAL do ministério terreno de Cristo; com a abominação da desolação se manifestando naquele momento, e não uns 40 anos depois da 69ª semana! Isso acrescentaria mais umas 5 ou 6 semanas e desqualificaria a profecia...

"E depois das sessenta e duas semanas será cortado o Messias, mas não para si mesmo; e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra; estão determinadas as assolações. E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador" (Daniel 9:26-27).

1) UP VEJA! A destruição do santuário acontece DEPOIS das 62 semanas. Se este evento pertencesse à última semana, sem que houvesse o intervalo, ele deveria ter ocorrido por volta do ano 30 e não no ano 70 D.C!

2) Aqui o anjo revela que guerras e assolações ocorreriam até o tempo do fim. Novamente vemos que essas guerras e assolações não podem se referir ao que ocorreu no ano 70 D.C., se considerarmos as 70 semanas sem o intervalo.

3) Nesse ponto, DENTRO DA ÚLTIMA SEMANA, o anjo passa a falar do anticristo. Não pode ser algum cesar do império romano. Repare no que ele diz: "até a consumação"! É o mesmo anticristo do Apocalipse e os eventos abomináveis do fim dos tempos, com certeza!

Eduardo escreveu:Por que essa última divisão não têm um propósito elucidativo ?
Como assim? hummm Se eu estou falando justamente que para mim TEM um propósito elucidativo!? Leia novamente o que eu escrevi:
silvamelo escreveu:"Sete semanas", "sessenta e duas semanas" e "uma semana": Ao meu ver, as divisões têm um propósito elucidativo.
Para mim, são marcos importantes que definem as divisões...

Eduardo escreveu:Por que essa última divisão não se cumpriu precisamente ?
Para se cumprir precisamente precisa ser sem intervalo? Isso é você quem está definindo... Eu não concordo. Releia com atenção ao que o anjo disse:

"Setenta semanas estão determinadas sobre o teu povo, e sobre a tua santa cidade" (Daniel 9:24).

Essa profecia é exclusiva do povo judeu e da cidade santa. A fundação da igreja marcou o início do intervalo, pois Israel NÃO CREU na pregação e por isso FOI CORTADO DA OLIVEIRA. Portanto, a contagem das semanas parou ali! Eu creio que o arrebatamento (sendo ele pré ou meso) marca o fim do intervalo e o reinício da contagem da última semana...

Eduardo escreveu:Não concordo com essa teoria. Para iniciar esse colóquio inicial pergunto ao silva porque esse desolador não pode ser o Império Romano que destruiu o templo no ano 70 ?
Por todas essas razões que eu já explanei...

Pense, Eduardo: o Apocalipse foi escrito por volta de 95 D.C. O anticristo não pode ter sido Tito; mas se o anticristo foi Nero, então o fim não pode ter sido no ano 70!

Repare nos tantos problemas que você precisa "resolver" para validar essas teorias preteristas...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Dom 11 Dez 2011, 9:47 am

silvamelo escreveu:
Eduardo escreveu:Por que só essa última semana escapa a regra obedecida pelas demais ?
De que regra você está falando? Por acaso você se refere à transcorrência sem intervalo desses tempos? Bem, se fosse uma regra, o cumprimento indubitável das profecias do fim dos tempos teria se cumprido no FINAL do ministério terreno de Cristo; com a abominação da desolação se manifestando naquele momento, e não uns 40 anos depois da 69ª semana! Isso acrescentaria mais umas 5 ou 6 semanas e desqualificaria a profecia...
O texto não afirma que a abominação da desolação se manifestaria dentro das setenta semanas e sim após, veja Daniel 9:27:

"E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; ..."

Aqui se encerra a descrição da última semana. A segunda parte não faz mais parte das setenta semanas, é uma visão do futuro, uma perspectiva do que irá acontecer:

"... e sobre a asa das abominações VIRÁ o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador."

O verbo VIRÁ joga a ação do assolador para o futuro, para fora da última semana.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Seg 12 Dez 2011, 1:36 am

O verbo VIRÁ joga a ação do assolador para o futuro, para fora da última semana.
Porque o "VIRÁ" joga e o "FIRMARÁ" não? A separação em parágrafos é por sua conta...

Não adianta isolar uma profecia para justificar doutrina. Deve-se levar em conta o contexto profético geral do fim dos tempos. Você simplesmente FUGIU, como de costume, e não resolveu a questão da abominação descrita em Apocalipse! Não pode ser a mesma de Daniel por essa ótica preterista, já que o Apocalipse foi escrito por volta de 95 D.C. e a destruíção do templo se deu em 70 D.C.

Aliás, existem muitos outros "probleminhas" para vocês resolverem, como a parábola da figueira e o templo que está de pé em Apocalipse 11.2, só para começar...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Seg 12 Dez 2011, 1:46 pm

silvamelo escreveu:
O verbo VIRÁ joga a ação do assolador para o futuro, para fora da última semana.
Porque o "VIRÁ" joga e o "FIRMARÁ" não? A separação em parágrafos é por sua conta...
Não adianta isolar uma profecia para justificar doutrina. Deve-se levar em conta o contexto profético geral do fim dos tempos. Você simplesmente FUGIU, como de costume. O termo 'firmará' ainda está dentro das setentas semanas por que logo em seguida está escrito que essa aliança seria firmada "por uma semana", referindo-se claramente a derradeira semana. O restante do verso foi jogado para o futuro, para fora das 70 semanas.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Jefté em Seg 12 Dez 2011, 8:08 pm

Olá irmão Eduardo

Tudo bem?
Quando a profecia diz:
"Sabe e entende: depois da saída da ordem para restaurar Jerusalém até o Messias, o Príncipe, sete semanas mais 62 semanas..." (Dan. 9:25) - já está dizendo que o Messias não alcançaria a septuagésima semana, porquanto desde a ordem até Ele se dariam precisamente 7 + 62 semanas (não podemos acrescentar mais).
E quando diz (verso 26), que após as 62 semanas é tirado o Messias; está dizendo que o Messias que alcançaria as 7 e 62 semanas (e não mais), após as quais Ele é tirado não alcançando a 70ª semana.

Então, tendo a própria profecia estipulado o número total de semanas até o Messias e delimitando ainda que Ele seria tirado após as 62 semanas e a cidade e o santuário seriam destruídos após essas mesmas 62 semanas mencionadas no verso 25, já mostra novamente que além do Messias ser tirado ao término das 62 semanas, a contagem interrompe-se na sua morte, porquanto sendo a cidade e o santuário destruídos pelo "povo" do príncipe que há de vir - e essa destruição (veja bem) ocorrer após as 62 semanas (e não após a 70ª) mostra então que a contagem foi interrompida.
Pois a cidade e o santuário foram destruídos 37 anos após a crucificação, no entanto ela não ocorreu após a 70ª semana, senão após as 62 semanas.
E tendo o Messias sido tirado... (verso 26)
E tendo a cidade e o santuários sido destruídos depois da 62 semanas (e não falado sequer da 70ª semana) (verso 26)
Só então após citar a destruição da cidade como uma inundação e de determinar guerras até o fim - e de também o príncipe que há de vir ( cujo povo destruiu a cidade) então vem dizendo:
E ele firmará um concerto com muitos por uma semana, e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oferta de manjares.... e sobre a asa das abominações virá o assolador....
Detalhe: após ele cessar o sacrifício e a oferta de manjares, viria o assolador...

Desde quando, se essa profecia se refira a Cristo ???
Pois além do Messias ter sido tirado antes da cidade e do santuário serem destruídos....Quem faz o concerto, após cessar na metade da semana o sacrifício e a oferta de manjares, há de vir o assolador....
Jamais que isso se refira a Cristo.
Aliás, após o Senhor ir, nos viria o Consolador...
Mas quanto ao anticristo não.
Quanto ele cessar o sacrifício, então virá o assolador, como diz São Paulo:
Então será revelado o iníquo, o filho da perdição... ( o qual se opõe e se levanta contra tudo o que se chama Deus ou se adora, de sorte que se assentará como Deus no templo de Deus querendo parecer Deus. (II Tes. 2:4, 8)

E só pra lembrar: quando o anjo diz que 70 semanas estavam determinadas sobre Jerusalém para:
Extinguir a transgressão...
Dar fim aos pecados...
Expiar a iniquidade...
Isso não aconteceu nem poderia acontecer na época do Messias, pois Ele veio para nossa salvação e não p/ extinguir a trasgressão, e dar fim aos pecados (pois quantos não o receberam ?) e tampouco expiar a iniqüidade; ainda mais que Ele mesmo advertir em Mateus 24 que a iniqüidade (a qual a profecia diz que seria epiada) haveria de ainda se multiplicar no tempo do fim: “E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará.” (Mat. 24:12)

Ora, dar fim aos pecados... (isso não ocorreu depois da morte de Cristo) porquanto o pecado continua atuando... e ainda há de vir (conforme profetizou o apóstolo Paulo) o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo o que se chama Deus ou se adora, de sorte que se assentará no templo de Deus querendo parecer Deus. (II Tes. 2:4)
E também está para vir a transgressão assoladora (Dan. 8:13-14) e a abominação da desolação e a marca da besta, que é grande transgressão na face da terra - na qual transgressão o mundo a besta adorará. (Apc. 13:8)

E dar fim aos pecados só pode acontecer quando na terra não houver mais um sequer pecador, porquanto a carne de pecado somente deixa de pecar na sua morte.
E podemos dizer que na época de Noé, quanto somente 8 almas se salvaram na arca, ali quase que o pecado teve o seu término, porquanto quase todos os homens estavam mortos.
Essa profecia na verdade se cumprirá no armagedom quando toda a alma vivente dos homens há de se expirar – então, aí sim, serão dado fim aos pecados.
Isso se dará na consumação dos séculos. Amém!

Jefté
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 205
flag : Brasil
Data de inscrição : 16/05/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Seg 12 Dez 2011, 10:34 pm

Minha resposta: http://adventista.forumbrasil.net/t647-o-fim-das-setenta-semanas-de-daniel-estevao-israel-e-a-igreja#1532

Administração, essa regra só vale para judeus e adventistas ?
v- Colagens com mais de 20 linhas em tela cheia. Na abertura de um tópico será permitida a colagem de até 5 parágrafos, desde que o total de linhas em tela cheia não ultrapasse o número de 60. Para textos extensos indicar o link correspondente. Estes textos poderão ser removidos.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Ter 13 Dez 2011, 12:29 am

Eduardo escreveu:Minha resposta: http://adventista.forumbrasil.net/t647-o-fim-das-setenta-semanas-de-daniel-estevao-israel-e-a-igreja#1532

Administração, essa regra só vale para judeus e adventistas ?
v- Colagens com mais de 20 linhas em tela cheia. Na abertura de um tópico será permitida a colagem de até 5 parágrafos, desde que o total de linhas em tela cheia não ultrapasse o número de 60. Para textos extensos indicar o link correspondente. Estes textos poderão ser removidos.
Eduardo, pare de cavar faltas e simplesmente replique SEM FUGAS! E não precisa nos "ajudar" com a regra, pois nós a conhecemos bem. O irmão Jefté não colou nada, ao que tudo indica, mas escreveu de próprio punho.

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Ter 13 Dez 2011, 2:33 pm

silvamelo escreveu:
Eduardo escreveu:Minha resposta: http://adventista.forumbrasil.net/t647-o-fim-das-setenta-semanas-de-daniel-estevao-israel-e-a-igreja#1532
v- Colagens com mais de 20 linhas em tela cheia. Na abertura de um tópico será permitida a colagem de até 5 parágrafos, desde que o total de linhas em tela cheia não ultrapasse o número de 60. Para textos extensos indicar o link correspondente. Estes textos poderão ser removidos.
Eduardo, pare de cavar faltas e simplesmente replique SEM FUGAS!
Está replicado no link acima.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Qui 15 Dez 2011, 2:05 am

Eduardo escreveu:
silvamelo escreveu:
Eduardo escreveu:Minha resposta: http://adventista.forumbrasil.net/t647-o-fim-das-setenta-semanas-de-daniel-estevao-israel-e-a-igreja#1532
v- Colagens com mais de 20 linhas em tela cheia. Na abertura de um tópico será permitida a colagem de até 5 parágrafos, desde que o total de linhas em tela cheia não ultrapasse o número de 60. Para textos extensos indicar o link correspondente. Estes textos poderão ser removidos.
Eduardo, pare de cavar faltas e simplesmente replique SEM FUGAS!
Está replicado no link acima.
Você quer debater aqui ou lá no seu fórum? Se for debater aqui, então traga os argumentos para cá; do contrário esqueça, pois não sou adventista e nem pretendo edificar em terreno alheio...

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Qui 15 Dez 2011, 8:15 am

A regra não permite colagens longas e o texto é grande.


Última edição por Eduardo em Qui 15 Dez 2011, 2:51 pm, editado 1 vez(es)


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Diego Yo'ets em Qui 15 Dez 2011, 10:25 am

silvamelo escreveu:
Eduardo escreveu:
silvamelo escreveu:
Eduardo escreveu:Minha resposta: http://adventista.forumbrasil.net/t647-o-fim-das-setenta-semanas-de-daniel-estevao-israel-e-a-igreja#1532
v- Colagens com mais de 20 linhas em tela cheia. Na abertura de um tópico será permitida a colagem de até 5 parágrafos, desde que o total de linhas em tela cheia não ultrapasse o número de 60. Para textos extensos indicar o link correspondente. Estes textos poderão ser removidos.
Eduardo, pare de cavar faltas e simplesmente replique SEM FUGAS!
Está replicado no link acima.
Você quer debater aqui ou lá no seu fórum? Se for debater aqui, então traga os argumentos para cá; do contrário esqueça, pois não sou adventista e nem pretendo edificar em terreno alheio...

Nussa senhora das acepções nos livre disso. oh my


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Diego Yo'ets em Qui 15 Dez 2011, 10:30 am

Eduardo escreveu:A regra não permite colagens longas e o texto é grande.

Traga seus textos para cá e coloque-os dentro do spoiler, basta selecionar todo o texto, clicar na caixinha (outros) escolher spoiler e pronto, texto grande dentro de uma resposta pequena, lê quem quiser e nenhuma regra quebrada.

:vl:


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Qui 15 Dez 2011, 12:49 pm

Eduardo escreveu:A regra não permite colagens longas e o texto é grande.

Silva, não há a mínima sugestão na Bíblia de que devemos colocar um intervalo no final do período das 69 semanas. Não há um só paralelo em toda a Bíblia de semelhante acréscimo, em um período profético que foi dado em sua perfeição completa para ser interrompido. Em suma, não há um "Assim diz o Senhor" para autorizar a adição de um intervalo em Dan. 9:27.
Você pode fazer um resumo dos pontos mais importantes ou fazer como o Diego falou. Eu não vou quotar textos de outros fóruns para responder aqui.

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Qui 15 Dez 2011, 12:51 pm

Diego escreveu:Nussa senhora das acepções nos livre disso.
Só Jesus que LIBERTA!

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Diego Yo'ets em Qui 15 Dez 2011, 12:54 pm

silvamelo escreveu:
Diego escreveu:Nussa senhora das acepções nos livre disso.
Só Jesus que LIBERTA!

positivinho


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Qui 15 Dez 2011, 2:52 pm

Silva, comece nos mostrando onde você encontrou uma mínima sugestão, um só paralelo em toda a Bíblia ou um "Assim diz o Senhor" para autorizar a adição de um intervalo no final do período das 69 semanas em Dan. 9:27.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Diego Yo'ets em Qui 15 Dez 2011, 3:15 pm

Irmãos prestem atenção numa interpretação que eu já ouvi, e deem suas opiniões, obviamente apenas colocarei a ideia, pois não me lembro de todas as explicações:

Todas as profecias Bíblicas do Tanach acontecerem no tempo físico, contudo algumas dessas mesmas são também para o futuro. As profecias imediatamente se cumpriram a quem de fato foi a promessa e logo no final dos tempos elas se repetem.

Dentro da perspectiva acima, fica claro que as 70 semanas de Daniel já se cumpriu literalmente a quem foi prometida e agora no final dos tempos se cumprirá NOVAMENTE de forma plena no que engloba toda a criação e plena vontade do Criador. Sendo assim a pessoa afirmou que não existem cálculos matemáticos a se fazer e sim esperar que a profecia se realize novamente, mas agora com o novo grupo de pessoas (nós).


O que acham?


Acessem:


Diego Yo'ets
Sol
Sol

Número de Mensagens : 2206
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/01/2010

http://adonayechad.forumeiros.com/forum.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por oliveira leite em Qui 15 Dez 2011, 6:44 pm

7 Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado
8 E assim será revelado o iníquo,



quem resiste é o Espirito Santo, mas Ele sobe com a Igreja
e quando Ele e a Igreja subir
vitória

oliveira leite
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 6552
Idade : 51
Localização : Natal RN
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Eduardo em Qui 15 Dez 2011, 8:23 pm

Silva, essa teoria do intervalo não é cronológica, ela segue a cronologia profética até as 69 semanas iniciais, mas quando abandona a seqüência para adicionar um hiato perde a cronologia exigida pelo próprio texto que se pretende explicar. É de se admirar que as duas primeiras partes (7 semanas e 62 semanas) seguem o padrão cronológico sugerido pelo texto, mas que logo ao chegar à terceira unidade (1 semana), sem nenhum motivo para isso, o autor da teoria abandona a cronologia, para se satisfazer em criar um intervalo, inadmissível em qualquer estudo sério de escatologia.


Visite-me no Fórum Adventista:

http://adventista.forumbrasil.net/

Eduardo
‎Moderador Adventista
‎Moderador Adventista

Número de Mensagens : 8396
Idade : 40
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/10/2008

http://adventista.forumbrasil.net/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Sex 16 Dez 2011, 1:28 am

Eduardo escreveu:Silva, comece nos mostrando onde você encontrou uma mínima sugestão, um só paralelo em toda a Bíblia ou um "Assim diz o Senhor" para autorizar a adição de um intervalo no final do período das 69 semanas em Dan. 9:27.
Eduardo, isso eu já mostrei:

http://gospelbrasil.topicboard.net/t3396p75-as-setenta-semanas-de-daniel#95471

http://gospelbrasil.topicboard.net/t3396p100-as-setenta-semanas-de-daniel#128641

Agora é você quem precisa REFUTAR todos os dados que eu apresentei nessas mensagens e trazer uma explicação satisfatória para a inexistência do intevalo, que possa ser mais coerente, se pretende que os dispensacionalistas considerem melhor a forma como você acredita...

Eduardo escreveu:Silva, essa teoria do intervalo não é cronológica, ela segue a cronologia profética até as 69 semanas iniciais, mas quando abandona a seqüência para adicionar um hiato perde a cronologia exigida pelo próprio texto que se pretende explicar. É de se admirar que as duas primeiras partes (7 semanas e 62 semanas) seguem o padrão cronológico sugerido pelo texto, mas que logo ao chegar à terceira unidade (1 semana), sem nenhum motivo para isso, o autor da teoria abandona a cronologia, para se satisfazer em criar um intervalo, inadmissível em qualquer estudo sério de escatologia.
Ora, Eduardo, você só está dando voltas e parando no mesmo lugar, sem dar uma resposta satisfatória. Tente refutar as questões que eu levantei e prove que essa interpretação é inadmissível.


Última edição por silvamelo em Sex 16 Dez 2011, 1:55 am, editado 1 vez(es)

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Sex 16 Dez 2011, 1:46 am

Diego escreveu:Irmãos prestem atenção numa interpretação que eu já ouvi, e deem suas opiniões, obviamente apenas colocarei a ideia, pois não me lembro de todas as explicações:

Todas as profecias Bíblicas do Tanach acontecerem no tempo físico, contudo algumas dessas mesmas são também para o futuro. As profecias imediatamente se cumpriram a quem de fato foi a promessa e logo no final dos tempos elas se repetem.

Dentro da perspectiva acima, fica claro que as 70 semanas de Daniel já se cumpriu literalmente a quem foi prometida e agora no final dos tempos se cumprirá NOVAMENTE de forma plena no que engloba toda a criação e plena vontade do Criador. Sendo assim a pessoa afirmou que não existem cálculos matemáticos a se fazer e sim esperar que a profecia se realize novamente, mas agora com o novo grupo de pessoas (nós).


O que acham?
Eu já ponderei sobre isso também, Diego. Para mim, está de acordo, pois creio que certas profecias, como a da abominação da desolação, se cumpre mais de uma vez. O próprio Senhor Jesus nos mostra isso, quando liga a profecia de Daniel à destruíção do templo. Ora, nós sabemos que essa profecia de Daniel já havia se cumprido antes, no tempo dos macabeus, quando Antíoco Epifânio profanou o templo, intruduzindo uma imagem de Zeus.

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por silvamelo em Sex 16 Dez 2011, 1:48 am

oliveira leite escreveu:7 Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado
8 E assim será revelado o iníquo,



quem resiste é o Espirito Santo, mas Ele sobe com a Igreja
e quando Ele e a Igreja subir
vitória
Assim, temos crido... Amém!!!

silvamelo
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4417
Idade : 46
Localização : Rio de Janeiro
flag : Brasil
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 2:34 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum