.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Últimos assuntos
» Política - tópico oficial
Hoje à(s) 2:43 am por Christiano

» Valdomiro cria uma nova heresia: a camisa ensanguentada dele agora cura
Hoje à(s) 2:22 am por Rodrigão

» O que você está ouvindo agora?
Ontem à(s) 11:32 pm por Cartman

» A Grande Farsa Extraterrestre
Ontem à(s) 9:12 pm por Cartman

» O Sábado Ontem e Hoje
Ontem à(s) 1:32 am por Khwey

» "...Se possível fora, enganariam até os escolhidos."
Qua 18 Jan 2017, 10:13 pm por Khwey

» Ressurreição e Reencarnação
Qua 18 Jan 2017, 8:59 pm por Cartman

» Qual será a religião do anticristo?
Qua 18 Jan 2017, 10:35 am por Rafaelo

» O anti cristo poderá ser um gay?
Qua 18 Jan 2017, 10:34 am por Rafaelo

Quem está conectado
52 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 52 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Você é assim... Deixa do jeito que está?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Você é assim... Deixa do jeito que está?

Mensagem por David de Oliveira em Seg 28 Dez 2009, 5:52 pm

Estamos vivendo em uma época em que as definições não estão sendo levadas a sério, em uma época em que os homens têm aversão pelo raciocínio e odeiam a teologia, a doutrina e o dogma. Estamos vivendo em uma época caracterizada pela apreciação ao lazer e à transigência – “paga-se qualquer preço por uma vida sem conflitos”, conforme alguns dizem. Estamos em uma época de conciliações. Esse termo não é mais tão popular quanto já foi, no terreno da política internacional, mas a mentalidade que nele se deleita continua viva. Vivemos em uma época que não aprecia homens decididos, porquanto, segundo se costuma dizer, eles sempre causam dificuldades. Nossa época tem aversão por indivíduos que sabem no que acreditam, e que realmente acreditam em algo. Mas tais indivíduos são repelidos como pessoas difíceis, com as quais é “impossível a convivência”.
Tem havido épocas, dentro da História da Igreja, quando os homens foram elogiados por defenderem as suas idéias a todo custo. Mas isso já não acontece hoje em dia. Atualmente, homens assim são considerados difíceis, indivíduos que impõem aos outros a própria vontade, que não cooperam com seus companheiros e assim por diante. O tipo de homem que atualmente é elogiado é aquele que poderia ser descrito como “meio termo” ou “eqüidistante”, que jamais se coloca em qualquer extremo de uma posição. Pelo contrário, é um homem agradável a todos, que não cria dificuldades para ninguém, e nem é causador de problemas por causa de seus pontos de vista. Dizem-nos que a vida diária já é suficientemente difícil e complicada sem que precisemos assumir posição firme no tocante a qualquer doutrina em particular. Com certeza essa é a mentalidade de hoje, não constituindo exagero afirmarmos que essa é a mentalidade controladora. Em certo sentido, essa é uma atitude perfeitamente natural, porquanto já experimentamos inúmeras dificuldades, problemas e desastres. Por semelhante modo, é atitude bastante natural que as pessoas evitem os indivíduos dotados de pontos de vista firmes, que sabem o que estão defendendo, porque todos preferem viver de maneira descontraída e pacífica.
Dr. Martyn Lloyd-Jones


 Jucá: “Conversei ontem com alguns ministros do Supremo (Tribunal), os caras dizem: Ooh! Só tem condições sem ela (Dilma), enquanto ela (Dilma) estiver ali, a Imprensa, os caras querem tirar ela, esse negócio não vai parar nunca entendeu estou conversando com os generais, comandantes militares está tudo tranqüilo, os caras dizem que vão garantir...” .

David de Oliveira
‎moderador
‎moderador

Número de Mensagens : 8410
flag : Brasil
Data de inscrição : 28/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum