.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Quem está conectado
46 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 46 Visitantes :: 2 Motores de busca

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Sobre a Septuaginta

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Qua 25 Fev 2009, 4:26 pm

Muitas reivindicações foram feitas para a Septuaguinta. O prefácio da Bíblia NIV, primeira data 1978 e revisada em 1983, afirma:

Os tradutores. . . consultaram as versões mais antigas e importantes - a Septuaguinta; Aquila, Symmachus e Theodotion. ... Leituras destas versões foram ocasionalmente seguidas onde o Texto Masorético parecia duvidoso e onde princípios de crítica textual apontaram para tal... estas testemunhas textuais pareciam prover a leitura correta.
Outros alegam que a Septuaguinta nos "dá vislumbres da vida de comunidades judaicas no Egito nos séculos imediatamente pré-cristãos, e no pensamento dos primeiros cristãos, para quem esta era a primeira Bíblia.
Embora houvesse um pouco de relutância por parte dos tradutores de Bíblia pôr muita ênfase na Septuaguinta, isto está mudando depressa. "Considerando que quase todos reconhecem a corrupção generalizada da LXX e assim normalmente favoressem o hebraico, a maioria acredita agora que eles podem escolher a dedo entre os dois para estabelecer o “texto correto”.2 Mas há a possibilidade de a Septuaguinta ser aproximadamente tão real quanto “Q"? Pode a existência da Septuaguinta ser uma fabricação usada contra a Palavra de Deus e ser outro exemplo da agressão satânica de longa data contra as Escrituras? Este é um assunto importante que merece estudo. Em um documento lido em uma reunião da prestigiosa Deacan Society de Burgon, 10-11 de julho de 1996, Dr. Kirk D. DiVietro focaliza afiadamente o assunto:

Você pode perguntar, "Por que, afinal, você está trilhando por esta estrada? O que ela significa para mim?” Ela significa muito para você. A própria autoridade de sua Bíblia está em jogo. A Septuaguinta não é uma tradução literal. Utiliza freqüentemente a teoria de "equivalência dinâmica" de tradução. Às vezes passa malabarismos fantásticos, não-literais, inexatos do hebraico. Se nós aceitamos a alegação de que a LXX foi aceita por Jesus e os escritores das Sagradas Escrituras como a Palavra autorizada de Deus, então nós temos que dissolver esta sociedade, e nos unir ao clube de semana da Bíblia moderna. . . Se Jesus e os escritores de Escritura aceitaram esta como Escritura autorizada então a inspiração plena, verbal da Escritura é irrelevante. Se Jesus e os escritores de Escritura aceitassem esta como Escritura autorizada então a doutrina de preservação é um vexame. (Kirk DiVielro, Did Jesus and the Aposiles Quote from thd Septuagint (DO()? (Collingswood, NJ: The Bible for Today)

O que é a Septuaguinta ou LXX?

Enns afirma que a “Septuaguinta é uma tradução grega do Velho Testamento hebraico. . . .Ela foi traduzida peça por peça em Alexandria, Egito, entre o anos de 250 e 150 AC. . . . Escritores do Novo Testamento citaram às vezes da Septuaguinta”. ( Paul Enns, The Moody Handbook of Theology (Chicago: Mood Bible Institute, 1989), pp. 173-174.)

Mas que prova temos de tal tradução grega antiga do Velho Testamento que estava disponível a Jesus e aos apóstolos? Não muita, como a seguinte citação indica:
“A tradução foi realizada indubitavelmente durante o 3º e 2º séculos A.C., e é pretendido ter sido acabada já no tempo de Ptolemy II Philadelphus, de acordo com a denominada Carta de Aristeas para Philocrates (c. 130 - 100 A.C.). De acordo com a Carta de Aristeas, o bibliotecário da Alexandria persuadiu Ptolemy II Philadelphus para traduzir a Torá para o grego para uso pelos judeus da Alexandria. A carta menciona que foram selecionados seis tradutores de cada uma das 12 tribos e que eles completaram a tradução em apenas 72 dias. Enquanto os detalhes desta história são indubitavelmente fictícios, o núcleo de fato contido nisto parece ser que o Pentateuco foi traduzido para o grego em algum dia durante a primeira metade do 3º século A.C. Durante os próximos dois séculos o remanescente do VT foi traduzido, como também algum livro apócrifo e não-canônico.” (Charles F. Pfeiffer, Howard F. Vos, and John Rhea. editors. Wycliff Bible Encyclopedia, vol. 2 (Chicago: Moody Press, 1975), "Versions, Ancient And Medieval," by William E. Nix)

Isto é uma admissão espantosa. A única prova de origem da Septuaguinta na era pré-Cristã é a Carta de Aristeas que, de acordo com a citação acima, dá detalhes que são “incontestavelmente fictícios"! Isto é duro de tragar. Nos seminário nós ouvimos muitos pronunciamentos autorizados relativos à grande antigüidade da Septuaguinta. Nossos professores, e os livros de ensino que eles nos fizeram ler, não poderiam estar errados. Seguramente, nós raciocinamos, deve haver alguma evidência definitiva de manuscritos. Bem, há alguma evidência de manuscritos, mas esta não apóia as origens pre-cristãs da Septuaguinta.

Unger escreve: "Os mais velhos e mais importantes manuscritos da Septuaguinta são os seguintes: (a) Códice Vaticanus (b) Códice Alexandrinus. . . (c) Códice Sinaiticus. ".(Merrill F. Unger, Unger's Bible Dictionary (Chicago: Moody Press). Duas coisas golpearão o leitor perspicaz imediatamente. Estes são manuscritos que não são mais antigos do que o quarto século D.C. Além disso, eles são os manuscritos corruptos nos quais o Texto notório de Westcott-Hort é baseado. Se estes são "os mais velhos e mais importante dos manuscritos" da Septuaguinta, nós temos que concluir que os mesmos não são muito velhos e eles não são muito bons. Como professor de seminário, eu tenho ensinado a “linha tradicional" sobre a Septuaguinta. Eu já não farei mais assim.

A afirmação de que o Vaticanus e o Sinaiticus são "os mais velhos e, portanto, os manuscritos mais confiáveis" da Septuaguinta não deve ser ignorado. Jones traz o quadro em aguçado enfoque ao escrever:
Constantemente nos é falado que Vaticanus... e Sinaiticus são os mais velhos manuscritos gregos existentes, conseqüentemente os mais fidedignos e os melhores; que eles são de fato a Bíblia. Ainda o Texto Grego Novo que substituiu o Textus Receptus representa nas mentes da vasta maioria dos estudiosos o empreendimento privado de apenas dois homens, dois muito religiosos embora homens não convertidos, Westcott e Hort. Estes homens fundaram a “Bíblia” deles baseada quase que exclusivamente na quinta coluna do Velho Testamento de Origen e no Novo Testamento editado pelo mesmo. As leituras do Novo Testamento deles é derivado quase que exclusivamente sobre apenas cinco manuscritos, principalmente sobre apenas um só - Vaticanus B. Além disso, deve ser visto que o testemunho destes dois manuscritos corrompidos é (sic) quase que o único responsável para todos os erros introduzidos nas Sagradas Escrituras em ambos os testamentos isto através dos críticos modernos!7

Moorman dá dois exemplos de escritores que discutem sobre que não há nenhuma era pre-cristã da Septuaguinta. Uma pessoa era Paul Kahle. Ele desenvolveu a teoria que a LXX teve sua origem nas muitas traduções orais gregas do Velho Testamento que posteriormente foi escrito para uso nos cultos depois da leitura do original hebraico. Peter Ruckman manteve uma posição semelhante. Enquanto Kahle chama a "Carta de Aristeas" de propaganda, Ruckman taxa ela de uma "mera fabricação" e lembra que ninguém produziu uma cópia grega da Septuaguinta que data de antes D.C. 300. Em vez de Jesus e os apóstolos citarem da Septuaguinta, a Septuaguinta cita deles. (Jones, p. 50.)

A Reivindicação Que Jesus Usou a Septuaguinta

D. A. Waite desafia a contenção que Jesus citou da Septuaguinta. Em Mateus 5:18 Jesus falou sobre a Lei e disse: "Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, de modo nenhum passará da lei um só i ou um só til, até que tudo seja cumprido." Nosso Senhor falou do "i" e do "til", as menores partes das letras hebraicas. Quão pequeno? Bem, o "i" se refere à letra hebraica “yodh” que é do tamanho de uma apóstrofe. Esta é um terço da altura das outras letras hebraicas. O "til" se refere aos chifres, ou extensões minúsculas, de algumas letras hebraicas, como o “daleth”, algo parecido com o golpe vertical do lábio em nosso “m” ou “n". Isto excluiria uma Bíblia grega. Além disso, o Novo Testamento se refere a uma divisão tripartite do Velho Testamento - lei, profetas e salmos (Lucas 24:27, 44). Os manuscritos do Velho Testamento grego são, porém, entremeados com escritos apócrifos, nunca reconhecidas como "escritura". pelos rabinos, ou por Cristo ou pelos apóstolos.

Waite também nos refere para Mateus 23:35 como sendo apropriada à esta discussão: “para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que mataste entre o santuário e o altar".

Ele escreve:

Por esta referência, o Senhor pretendeu responsabilizar os Escribas e os Fariseus por todo o sangue de pessoas inocentes derramado do VT inteiro. Abel se acha em Gênese, mas Zacarias se acha em II Crônicas 24:20-22. Se você olha sua Bíblia hebraica, você achará II. Crônicas no último livro (i.é, o último livro na terceira seção, os escritos). Se, por outro lado, você olha em sua edição da Septuaguinta, tal como publicada pela Sociedade Bíblica Americana, 1949, Terceira Edição, editada por Alfred Rahlfs, você vê que ela termina com Daniel seguida por "Bel e o Dragão"!! Isto é prova clara que Nosso Salvador usava o Velho testamento hebraico e não o grego. (Ibid., pp. 22-23)

Esta é uma observação significante. A frase, "Abel até Zacarias," é apenas outro modo de declarar, " do início ao fim ". Jesus não disse, "de Abel até Bel e o Dragão".


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Convidad em Qua 25 Fev 2009, 6:30 pm

muitíssimo esclarecedor Ed .
sua série sobre Textus receptus tá de parabéns .

O que precisaríamos é uma '''bíblia na linguagem de hoje''' , porém sem adulterações , usando a JFA Fiel e apenas atualizando alguns vocábulos , porque as pessoas estão muito pouco letradas últimamente , estando tendo dificuldade de leitura , mas isto acaba dando margem às heresias destas bíblias 'marketeiras' , infelizmente . Mas Deus é grande , e irá preservar sua palavra .

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Homini em Qua 25 Fev 2009, 7:10 pm

Fico feliz com com sua presença nesta área!

Muito nos honra positivinho

Obrigado pela força!

Conto com você Wink


Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres Joa 8:36    *****    FGBB ***** 3090 dias a serviço do evangelho

Homini
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 698
Localização : Americas
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Homini em Qua 25 Fev 2009, 7:16 pm

Articulador escreveu:O que precisaríamos é uma '''bíblia na linguagem de hoje''' , porém sem adulterações , usando a JFA Fiel e apenas atualizando alguns vocábulos , porque as pessoas estão muito pouco letradas últimamente , estando tendo dificuldade de leitura , mas isto acaba dando margem às heresias destas bíblias 'marketeiras' , infelizmente . Mas Deus é grande , e irá preservar sua palavra .

E esta bíblia já existe...

está em fase final de acabamento via digital (Internet) pelo Pr Fridolin Janzen.

Ele faz um exelente trabalho neste sentido.

http://www.nt.batistas.net/index.htm


Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres Joa 8:36    *****    FGBB ***** 3090 dias a serviço do evangelho

Homini
Esmeralda
Esmeralda

Número de Mensagens : 698
Localização : Americas
flag : Brasil
Data de inscrição : 17/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Well em Dom 01 Mar 2009, 12:33 pm

Ed escreveu:A Reivindicação Que Jesus Usou a Septuaguinta

D. A. Waite desafia a contenção que Jesus citou da Septuaguinta. Em Mateus 5:18 Jesus falou sobre a Lei e disse: "Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, de modo nenhum passará da lei um só i ou um só til, até que tudo seja cumprido." Nosso Senhor falou do "i" e do "til", as menores partes das letras hebraicas. Quão pequeno? Bem, o "i" se refere à letra hebraica “yodh” que é do tamanho de uma apóstrofe. Esta é um terço da altura das outras letras hebraicas. O "til" se refere aos chifres, ou extensões minúsculas, de algumas letras hebraicas, como o “daleth”, algo parecido com o golpe vertical do lábio em nosso “m” ou “n". Isto excluiria uma Bíblia grega. Além disso, o Novo Testamento se refere a uma divisão tripartite do Velho Testamento - lei, profetas e salmos (Lucas 24:27, 44). Os manuscritos do Velho Testamento grego são, porém, entremeados com escritos apócrifos, nunca reconhecidas como "escritura". pelos rabinos, ou por Cristo ou pelos apóstolos.

Waite também nos refere para Mateus 23:35 como sendo apropriada à esta discussão: “para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que mataste entre o santuário e o altar".

Ele escreve:

Por esta referência, o Senhor pretendeu responsabilizar os Escribas e os Fariseus por todo o sangue de pessoas inocentes derramado do VT inteiro. Abel se acha em Gênese, mas Zacarias se acha em II Crônicas 24:20-22. Se você olha sua Bíblia hebraica, você achará II. Crônicas no último livro (i.é, o último livro na terceira seção, os escritos). Se, por outro lado, você olha em sua edição da Septuaguinta, tal como publicada pela Sociedade Bíblica Americana, 1949, Terceira Edição, editada por Alfred Rahlfs, você vê que ela termina com Daniel seguida por "Bel e o Dragão"!! Isto é prova clara que Nosso Salvador usava o Velho testamento hebraico e não o grego. (Ibid., pp. 22-23)

Esta é uma observação significante. A frase, "Abel até Zacarias," é apenas outro modo de declarar, " do início ao fim ". Jesus não disse, "de Abel até Bel e o Dragão".
palminhas palminhas palminhas


http://nemtodoslevamadeus.blogspot.com.br/

Well
Diamante Azul
Diamante Azul

Número de Mensagens : 1870
flag : Brasil
Data de inscrição : 22/04/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Seg 02 Mar 2009, 7:20 pm

Flavius Josephus: Gritante Prova da Inexistência da Septuaginta ou LXX (pelo menos até o Século 1 d.C.)

Aparentemente tem sido esquecida uma das mais fortes evidências contra a existência de uma tradução do (inteiro) Velho Testamento para o Grego (uma fraude chamada Septuaginta ou LXX) antes da escrita do Novo Testamento.

Os seguintes links contêm, todos eles, o mesmo texto, com diferentes estilos de páginas:

http://www.godrules.net/library/flavius/flaviusb10c10.htm (site cristão)
http://www.nalanda.nitc.ac.in/resources/english/etext-project/history/antiqjews/book-10chapter10.html
http://www.earlychristianwritings.com/text/josephus/ant-10.htm (Peter Kirby)
http://www.earlyjewishwritings.com/text/josephus/ant10.html (Peter Kirby)
http://wesley.nnu.edu/biblical_studies/josephus/ant-10.htm
http://www.ccel.org/j/josephus/works/ant-10.htm
http://www.jcsm.org/StudyCenter/josephus/ant-10.htm - (Jason Gastrich)

O texto que todas essas páginas trazem é uma tradução, para o inglês, do Capítulo 10 do Livro 10 de "Antiquities of the Jews", monumental obra do maior e mais fiel e completo historiador judeu e fariseu de todos os tempos, Flavius Josephus, que viveu no século I (ver http://pt.wikipedia.org/wiki/Flávio_Josefo)

Dêem especial atenção a este parágrafo:


But let no one blame me for writing down every thing of this nature, as I find it in our ancient books; for as to that matter, I have plainly assured those that think me defective in any such point, or complain of my management, and have told them in the beginning of this history, that I intended to do no more than translate the Hebrew books into the Greek language, and promised them to explain those facts, without adding any thing to them of my own, or taking any thing away from there.

Tradução:


Mas que ninguém me culpe por escrever (detalhadamente) cada coisa desta natureza, à medida em que a encontro em nossos antigos livros; porque, a esse respeito, tenho claramente assegurado àqueles que pensam que eu sou faltoso em qualquer de tais pontos, ou reclamam de minha administração, e tenho-lhes dito no começo desta história que Eu intenciono não fazer mais do que meramente
traduzir os livros (estes são os livros históricos do Velho Testamento) da linguagem Hebraica para a linguagem Grega, e lhes prometi explanar aqueles fatos, sem adicionar coisa nenhuma a eles que seja mim mesmo, nem tirar coisa nenhuma de lá>>

Obviamente, haveria pouca necessidade de um tal trabalho de tradução em Roma, por Josephus, no ano 70 depois de Cristo, se uma tal tradução já existisse e estivesse circulando. Note que os livros a que Josephus se refere são os livros históricos do Velho Testamento [Josué, Juízes, Rute, 1 e 2Samuel, 1 e 2Reis, 1 e 2Crônicas, Esdras, Neemias e Ester]. O Pentateuco (Gênesis a Deuteronômio) TALVEZ estivesse circulando, e talvez algumas outras passagens o livros, mas CERTAMENTE não os livros históricos, CERTAMENTE não o inteiro Velho Testamento, e não com nenhuma autoridade proveniente de Deus, o Qual encarregou os LEVITAS [somente eles!] para serem os guardiões das Escrituras, não todas as 12 tribos como na suposta Septuaginta.


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Gustavo em Sex 04 Maio 2012, 11:33 am

Por um acaso me deparei com o tópico, então achei interessante contribuir um pouco...

Ed, você está usando o fato de que Flávio Josefo diz ter que traduzir do hebraico daria evidência de que a Septuaginta não existiu... Acho que você deveria reavaliar esta questão melhor, já que temos manuscritos da Septuaginta datados de até 2 séculos antes da era cristã... Além de sabermos que o próprio Josefo citou a Septuaginta...

Gustavo
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 374
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Sex 04 Maio 2012, 11:46 am

Pois então cite as fontes...





::


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Sex 04 Maio 2012, 11:51 am

A Questão da Septuaginta
Autor: Walter Andrade Campelo

A Septuaginta é uma tradução de alguns livros do hebraico para o grego. Foram traduzidos todos os livros canônicos da Bíblia hebraica, entretanto, com grandes diferenças em relação ao texto aceito por judeus e cristãos como canônico. Também estão traduzidos vários outros livros espúrios, ou apócrifos. A tradução da Septuaginta está envolta em lendas, entre as quais a mais famosa é a de que foi escrita por 72 sábios eruditos judeus (?), sendo 6 de cada tribo de Israel (?). Segundo a lenda ela teria sido escrita para compor o rol de livros da biblioteca de Alexandria, um populoso centro urbano, que à época (segundo ou terceiro século antes de Cristo, segundo esta mesma lenda), já era o centro mundial da intelectualidade helenística e pagã. Continua no site: http://www.luz.eti.br/es_septuaginta.html



::


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Sex 04 Maio 2012, 11:55 am

Primeiramente vamos definir o que supostamente é a Septuaginta. Um antigo documento chamado A Carta de Aristeas fala de um plano de se fazer uma tradução oficial da Bíblia hebraica (VT) para o Grego. Essa tradução deveria ser aceita como a Bíblia oficial dos Judeus, a fim de substituir a Bíblia hebraica. Supostamente essa obra de tradução seria executada por 72 eruditos judeus (?) seis dos quais tirados de cada uma das 12 tribos de Israel. A suposta localidade para a realização dessa obra seria Alexandria, Egito. A suposta data da tradução seria aproximadamente 250 a.C, no período (Interbíblico) dos 400 anos de silêncio entre o encerramento do Velho Testamento (397 a.C) e o nascimento de Cristo (4 d.C), já que houve um erro de cálculo no calendário romano.

A obra ficou conhecida com o nome de Septuaginta – LXX - (significando 70 anciãos) e recebeu a numeração em algarismos romanos (?), visto como L = 50. X = 10. X = 10, daí ter a sigla LXX. Só não sabemos porque não foi chamada LXXII, se os eruditos judeus eram 72.

A tal Carta de Aristeas é a única “prova” da existência desse mítico documento. Não existem, de modo algum, quaisquer manuscritos do VT em Grego, de 250 a.C., ou próximo dessa data. Também na história judaica não há registro algum de que tal obra tenha sido programada ou executada.
Restante da leitura segue no site: http://www.cacp.org.br/catolicismo/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=1110&menu=2&submenu=10


::


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Sex 04 Maio 2012, 11:59 am



Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Gustavo em Sex 04 Maio 2012, 12:02 pm

Bem, o próprio Alfred Rahlfs que dedicou sua vida a estudar e elaborar uma versão crítica do texto da Septuaginta catalogou fragmentos de Levítico e Deuteronômio do segundo século antes de Cristo (Rahlfs 801, 819 e 957), ou fragmentos do primeiro século antes de Cristo de Gênesis, Êxodo, Levítico, Números, Deuteronômio e os Profetos Menores (Rahlfs 802, 803, 805, 848, 942 e 943). Buscando por isto você encontrará várias informações, mas o mais resumido pode ser encontrado aqui mesmo:
http://en.wikipedia.org/wiki/Septuagint

Sobre o uso que Josefo e Filo faziam da Septuaginta, poderia citar as palavras de John Wenhan, que diz:

A verdade parece ser que os judeus eram perfeitamente claros quanto aos limites do Cânon apesar do fato de que eles liam e estimavam grandemente vários outros livros. Os escritos apocalípticos tinham particular popularidade em uma Palestina fervendo com a esperança messiânica, e os livros apócrifos que buscaram reconciliar o judaísmo com a filosofia grega tinham particular popularidade no judaísmo helenístico, especialmente em centros culturais como Alexandria. Mas, como Josefo e Filo mostram por suas citações assim como por seus comentários diretos sobre o assunto, conhecimento e uso da tradução da Septuaginta da Lei, Profetas e Hagiógrafos não implicam no reconhecimento da canonicidade dos livros apócrifos que foram incorporados nos códices tardios. - Lee M. McDonald, The Formation of the Christian Biblical Canon (Peabody: Hendrickson, 1995), pág. 149.

Bem, as fontes estão aí...

Gustavo
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 374
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Ed em Sex 04 Maio 2012, 12:23 pm

Agora é só confrontar todos os textos e chegar a alguma conclusão. Eu particularmente não aceito a Septuaginta por ir contra o Texto Receptus...

Para mim pesou mais os sites que indiquei, mas cada um entenda como quer... :chapeu:




::


Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus 2Co 2:17

O Forum Gospel Brasil completa hoje 3090 dias de existência com 226228 mensagens

Ed
Mateus 18:20
Mateus 18:20

Número de Mensagens : 10983
Idade : 64
Localização : BRUSA
flag : BrUSA
Data de inscrição : 13/04/2008

http://gospelbrasil.topicboard.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Gustavo em Sex 04 Maio 2012, 1:24 pm

Bem, lendo os dois textos que você trouxe, acho importante fazer alguns comentários...

Em primeiro lugar, eles assumem a posição simplista de considerar que a Septuaginta sempre foi uma coletânea homogênea, já com os Apócrifos. Aliás, os dois textos foram escritos mais para se atacar a adoção dos Apócrifos do que atacar a Septuaginta propriamente. Mas é errado supor que os Apócrifos sempre fizeram parte da Septuaginta, já que os Apócrifos encontrados em várias versões antigas do texto podiam mudar de manuscrito para manuscrito... Indicando que eram mais como um apêndice aos livros canônicos do que livros considerados canônicos propriamente...

Em segundo lugar, a própria tradução de Áquila feita em 150d.C. pode ser usada para atestar a existência da Septuaginta. Afinal de contas, Áquila teve que fazer esta tradução por que a Septuaginta, que era usada pelos judeus antes, se tornou um texto muito bem aproveitado pelos cristãos...

A sugestão do luz.eti.br de que a Septuaginta aproveitou as citações do Novo Testamento é a mais absurda possível, já que ele ainda teria que explicar de onde os Escritores do Novo Testamento tiraram estas citações, e por que elas divergiam dos textos hebraicos... E ainda teriam que explicar por que os escritores do Novo Testamento teriam usado estes textos esperando alcançar seus ouvintes, o que pressupõe que seus ouvintes já tinham os textos citados...

A Mary Schultz por outro lado faz a seguinte questão:

Seríamos tão ingênuos ao ponto de acreditar que os Judeus, que consideravam os gentios como cães, iriam abandonar de bom grado a sua herança, a língua hebraica, em troca de uma língua gentílica para a qual seria traduzido o seu legado mais santo – a Bíblia? Tal suposição é tão insana quanto absurda.

Ora, já sabemos que eles abandonaram a suposta herança judaica para falar o aramaico... Sem contar que a tradução de Áquila é prova de que o argumento dela não é eficaz...

Gustavo
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 374
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Flavius Josephus: Gritante Prova da Inexistência da Septuaginta ou LXX (pelo menos até o Século 1 d.C.)

Mensagem por Gustavo em Sex 04 Maio 2012, 1:31 pm

Ed escreveu:Agora é só confrontar todos os textos e chegar a alguma conclusão. Eu particularmente não aceito a Septuaginta por ir contra o Texto Receptus...

Para mim pesou mais os sites que indiquei, mas cada um entenda como quer... :chapeu:




::
Ir contra o Textus Receptus em certo ponto de vista... Já que o Novo Testamento cita muito mais vezes a Septuaginta (cerca de 300 vezes) do que o texto Massorético. Assim, de certa forma, o Textus Receptus também cita a Septuaginta...

Gustavo
Pérola
Pérola

Número de Mensagens : 374
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sobre a Septuaginta

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 8:57 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum