.....................................................
Que bom que você entrou Convidado
Quem está conectado
32 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 31 Visitantes :: 2 Motores de busca

Christiano

O recorde de usuários online foi de 2364 em Seg 19 Dez 2011, 5:49 pm
Consulta Bíblica
Ex: fé - Ex: Gn 1:1-10

Como construir uma máquina do tempo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Como construir uma máquina do tempo

Mensagem por Matos em Qui 29 Jan 2009, 6:05 am

Para construir uma máquina do tempo, primeiro precisamos de um buraco negro, que será o coração do equipamento. Para consegui-lo, pegue uma estrela dessas bem velhinhas, a maior que você encontrar. Para tudo dar certo, é necessário que ela tenha uma massa correspondente a no mínimo 3,6 vezes a constante de Chandrasekhar. Pode ser uma supergigante vermelha, já que as azuis são mais raras. Evite as binárias , pois são estrelas muito complicadas de lidar. Além de tudo, com freqüência, têm o péssimo hábito do canibalismo. Escolhida a estrela, comprima-a com muita força para que ela queime de vez o que lhe resta de combustível. Durante essa operação, é aconselhável usar luvas térmicas e protetor solar. Afinal, a pele humana é muito sensível.

Quando pressentir que a estrela está prestes a explodir, se afaste rapidamente a uma distância segura, para não sofrer nenhum tipo de ferimento. É bom avisar os vizinhos para que não se assustem com a explosão. Óculos escuros são bem-vindos também. Após a explosão da supernova, se tudo deu certo, você terá criado um buraco negro. Espere a poeira abaixar e faça então uma inspeção no caroço que sobrou. Você provavelmente terá dificuldades em enxergar o objeto, afinal ele é totalmente negro. Assim, é aconselhável marcar bem a posição em que a estrela se encontrava antes da explosão. Porém, tome cuidado! Não se aproxime demais do objeto, pois se ele for realmente um buraco negro, você poderá ser tragado para sempre. Assim, respeite o horizonte de eventos, cujo raio de Schwarzschild deverá ser previamente calculado.

Para ter certeza que o objeto criado é realmente um buraco negro, pode-se fazer alguns testes. Por ser um buraco negro jovem, ainda não houve tempo suficiente para se formar um disco de acreção. Logo, não há emissão de raios X. Então, uma primeira estimativa pode ser feita, percorrendo o espaço em torno do objeto, sempre pelo horizonte de eventos, levando um filme fotográfico na mão. Se em algum lugar perceber que o filme foi velado, é porque raios X estão sendo emitidos. Isto é um mau sinal e indica que você conseguiu criar apenas um pulsar. Neste caso, deve-se voltar à primeira etapa e escolher uma estrela mais gordinha desta vez, repetindo todo o processo. Caso nenhuma evidência de raios X seja detectada, não fique eufórico. É preciso ainda passar pelo teste final, que consiste em verificar se o objeto está emitindo radiação Hawking. Para isto, apenas percorra o horizonte de eventos, verificando se partículas de matéria e anti-matéria estão sendo criadas. Em se confirmando isto, parabéns! Você conseguiu produzir um buraco negro.

A máquina do tempo está quase pronta. Agora, é necessário verificar se o buraco negro criado está em rotação. Ele pode ter adquirido rotação no momento da explosão, mas pode também estar estático. Como saber? Afinal, você não o enxerga e também não pode se aproximar muito para tocar sua superfície. A solução é improvisar uma corda com uma pedra amarrada na ponta. Parado sobre o horizonte de eventos, solte então a pedra em direção ao buraco negro, que será por este atraído. Vá dando corda, até sentir a pedra tocar a superfície. Neste momento, você sentirá se a pedra tocou uma superfície parada ou em movimento. Caso a superfície esteja em movimento, parabéns! A máquina do tempo está pronta. Em caso negativo, não se desespere. Para tudo se dá um jeito. É necessário botar o buraco negro para girar. Nada que meia dúzia de bombas de hidrogênio, estrategicamente dispostas não resolvam. Mas é claro que você não vai querer contaminar com radiação todo o seu bairro. Assim, temos outra solução. Lembra daquela corda? Pois é, vamos utilizá-la de novo. Só que agora, amarre uma pedra maior na sua ponta e solte-a em direção ao buraco negro. A pedra ficará “colada” junto à superfície pela ação do potente campo gravitacional do buraco negro. Em seguida, circunde o buraco negro pelo horizonte de eventos, arrastando a corda, enrolando umas quatro a cinco voltas. Em seguida, puxe a corda com força para iniciar o giro. É como dar a partida em um motor de barco. Se estiver muito pesado para puxar, chame seus vizinhos para ajudar. E não se preocupe, uma vez iniciado o movimento de rotação, pela grande inércia, o buraco negro continuará rodando para sempre. Se quiser, pode agora chamar seu buraco negro em rotação de buraco de minhoca.

Finalmente está pronta a sua máquina do tempo. Mas, antes de começar a usufruir desta maravilha, há algumas coisas que você precisa saber. Não é possível entrar na sua máquina do tempo sem algumas precauções. Ao penetrar no horizonte de eventos sem nenhuma proteção, você sentirá um puxão gravitacional em seus pés, resultado do efeito de maré. Quanto mais próximo do centro do buraco negro, maior a força de estiramento, de maneira que você sentiria um certo desconforto. E, convenhamos, ninguém gosta de viajar desconfortavelmente. Assim, vamos providenciar uma espécie de gaiola, construída com duas chapas de aço com aproximadamente um metro quadrado cada uma, com espessura de uma polegada e dezesseis cabos de aço de uma polegada de diâmetro e dois metros de comprimento. Os cabos devem unir as duas superfícies pelas bordas, formando uma espécie de jaula, exatamente da sua altura. Mas lembre-se! Os cabos de aço devem ser de boa qualidade. Só compre-os em um lugar de sua confiança, pois sua segurança dependerá deles.

Para atravessar o horizonte de eventos, entre na gaiola, pisando em uma das chapas e segurando a outra com as mãos acima da cabeça. No começo será incômodo e pesado segurar a chapa. Mas é um desconforto momentâneo. Logo em seguida, o efeito de maré se encarrega de esticar os cabos de aço, diminuindo e eliminando o esforço de segurar a chapa.

A sua viagem até o centro do buraco negro pode agora se dar sem problemas. Ao chegar lá, ajuste a data e a hora que deseja sair. Se algumas teorias estiverem corretas, você será vomitado por um buraco branco, sendo atirado no tempo desejado em algum canto do universo. Por isto, é bom levar um mapa estelar para achar o caminho de casa. A má notícia é que para voltar ao tempo presente você deverá construir um outro buraco negro. Mas, para quem já fez um, agora é moleza. E boa viagem.

Texto de um tal de Belmiro Wolski, nem lembro onde li :risadinha:


E digo isto, e testifico no Senhor, para que não andeis mais como andam também os outros gentios, na vaidade da sua mente. Entenebrecidos no entendimento, separados da vida de Deus pela ignorância que há neles, pela dureza do seu coração; Os quais, havendo perdido todo o sentimento, se entregaram à dissolução, para com avidez cometerem toda a impureza.  Ef 17:19

Matos
Safira
Safira

Número de Mensagens : 156
flag : Brasil
Data de inscrição : 06/11/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como construir uma máquina do tempo

Mensagem por Luís em Qui 29 Jan 2009, 9:24 am

.
Ri-me às pencas! Muito bom! Bem se vê que o cara é do ramo, além de ser um ótimo humorista e escritor!


"A razão de eu jamais haver visto teu deus é que ele está na tua imaginação."

Luís
Pollux
Pollux

Número de Mensagens : 4099
flag : Canada
Data de inscrição : 08/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum